Sol Amarelo Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Sol Amarelo desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Sol Amarelo e de todas as novelas exibidas na Record.

Sobre a Novela Sol Amarelo

◘ Período de exibição original: 15/12/1971 a 30/04/1972
◘ Horário: 19h30
◘ Nº de capítulos: ND
◘ Autoria: Raimundo Lopes
◘ Direção: Zéluiz Pinho e Waldemar de Moraes
◘ Emissora/Produtora: Rede Record

Januário quer vingar a morte da noiva, barbaramente assassinada na porta da igreja. Sua perseguição visa apanhar o feroz Zé Touro, que amedronta a pequena região de Rosário.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Sol Amarelo

** Resumo não divulgado

Outra obscura e mal sucedida incursão ao estilo bangue-bangue.

Com exceção de Irmãos Coragem (Globo, 1970/1971), nenhuma outra foi ao encontro do público.

No mesmo dia da estreia de Sol Amarelo, às 19 horas, estreava a trama das 20 horas, Quarenta Anos Depois.

Elenco / Personagens

Rogério Márcico …. Zé Touro
Maria Estela …. Zilda
Arnaldo Fernandes
Eduardo Abbas
Fernando Baleroni
Jonas Mello
Laura Cardoso ….Santa
Lia de Aguiar
Lucy Meirelles
Maraci Mello
Marcelino Buru
Maria Cecília
Maria Isabel de Lizandra
Osvaldo Mesquita
Rodolfo Mayer
Rubens Teixeira
Sebastião Campos
Zéluiz Pinho
Ester Augusto Vidal

Trilha Sonora Nacional e Internacional

01. SOL AMARELO (TEMA DE ABERTURA) – Orquestra
02. POR AMOR EU ME PERDI – Marilene
03. LETRA DE OURO – Vithal
04. SOL AMARELO (TEMA DE AMOR) – Orquestra
05. CANTIGA DE SANTA – Marilene
06. CÂNDIDA – Fernando Lona
07. SOL AMARELO (TEMA DRAMÁTICO) – Orquestra
08. NÃO TENHO TEMPO DE AMOR – Vithal
09. SOL AMARELO – Marilene e Fernando Lona
10. VILA ROSÁRIO – Vithal
11. SOL AMARELO (TEMA DE ENCERRAMENTO) – Orquestra

O tema de abertura era uma versão instrumental da música Sol Amarelo, gravada por Marlene e Fernando Lona:

Quem vem lá da montanha
diz meu pai quem vem lá
é um cavaleiro ferido
quem vem lá
quem vem lá
Donde vens cavaleiro
que tristeza no olhar
venho de guerras e mortes
de terras sem mar
de terras sem mar
Vem meu cavaleiro
já podes parar
meu povo consente
que em mim eu te abrigue
e aqui a campina tem jeito de mar
Quanta quanta gente a sorrir
tanta tanta paz eu jamais senti
não será da morte o calor do abrigo
quero despertar e prosseguir
não é meu tempo de sorrir
Cai o sol vem triste o anoitecer
e a morte nunca soube amar
e meu cavaleiro guarda na lembrança
busca na vingança um amor que já morreu
Quem vai lá pra montanha
diz meu pai quem vai lá
é um cavaleiro ferido
quem vai lá
quem vai lá
quem vai lá…

Comentário para: “Sol Amarelo Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Eliane Lucia franco

    Gostaria de ver cenas da novela.