Razão de Viver (1996) Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Razão de Viver (1996) desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Razão de Viver (1996) e de todas as novelas exibidas no SBT.

Sobre a Novela Razão de Viver (1996)

◘ Período de exibição original: 06/05/1996 – 06/12/1996
◘ Horário: 18h00 / 21h00
◘ Nº de capítulos: 168
◘ Autoria: Analy A. Pinto e Zeno Wilde
◘ Direção: Del Rangel, Antonino Seabra e Bete Coelho
◘ Colaboração: Nara Gomes
◘ Supervisão de texto: Chico de Assis
◘ Direção geral: Nilton Travesso e Henrique Martins
◘ Supervisão geral: Nilton Travesso

Luzia Santos Silva é a dedicada mãe de três filhos, que faz tudo para vê-los felizes. André, o mais velho, é ambicioso e almeja mais que uma vida pobre e humilde. Mário, o mais novo, enlevado por amizades nem um pouco recomendáveis, termina envolvido num assalto e acaba preso. Pedro, o do meio, é mecânico de automóveis mas ainda não se ajustou na vida.

A história apresenta Luzia, a mãe que ajuda os filhos em tudo que pode e sofre ao vê-los sofrendo e apanhando da vida. Yara, a milionária dona da confecção onde Luzia trabalha como costureira, vive um casamento infeliz com Pascoal, a quem trai com seu primo Álvaro, o que revolta sua filha Olga, com quem André, para ascender, se casa por interesse, abandonando seu grande amor, a jovem Zilda.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Razão de Viver (1996)

** Resumo não divulgado

Apesar de ter o mesmo título de uma outra novela do SBT, produzida em 1983, esta Razão de Viver não tinha nada a ver com a novela homônima, e era um remake de outra novela do SBT dos anos 80, Meus Filhos, Minha Vida, levada ao ar em 1984.

Assim como a trama original, Razão de Viver não conseguiu ter bom desempenho no Ibope, capengando entre 7 e 13 pontos.

A novela estreou às 21 horas mas o SBT passou a reapresentar os capítulos também às 18 horas, numa tentiva de chamar a atenção do público para a trama. O curioso é que a exibição às 18 horas era uma reapresentação desde o início do que já havia ido ao ar às 21 horas, com um mês – mais ou menos – de defasagem.

Uma das autoras, Analy Pinto, em entrevista à Folha de São Paulo, desabafou:
“A baixa audiência é resultado de uma série de fatores. Primeiro, o SBT a lançou muito mal. Na época das Olimpíadas, ainda deixou de exibir a novela e, quando exibia, editava tudo e mutilava a história, desrespeitando o gancho de cada capítulo.”

A autora disse que, com tantas mudanças de horário, o público tinha de “perseguir” a novela.
“Assim, não há fidelidade que resista. E o problema é que, em termos de folhetim, não dá para recuperar o público que se desinteressou. (…) Mas, como somos o filho enjeitado da emissora, o patinho feio da casa, o melhor horário vai para uma produção mexicana”, disse.

Um dos autores de Meus Filhos, Minha Vida, Ismael Fernandes, estaria à frente deste remake também. Mas quando a novela já estava em pré-produção, Ismael faleceu e o texto passou para a dupla de autores Zeno Wilde e Analy Pinto.

O ator Lu Martan foi o mordomo Alípio nas duas versões da novela.

O repórter Wagner Montes e o seu programa na época, o Aqui Agora, fizeram uma participação na novela, documentando a prisão dos bandidos da ficção Ruffo (Raul Gazolla) e Miro (Cássio Scapin).

O tema de abertura, Redescobrir, interpretado por Elis Regina, também seria usado na abertura da novela Ciranda de Pedra, apresentada pela Globo em 2008.

Razão de Viver estreou em 06/05/1996, às 21h, juntamente com outras duas novelas no SBT: Colégio Brasil, às 18h30, e Antônio Alves, Taxista, às 20h..

Elenco / Personagens

Irene Ravache – Luzia
Joana Fomm – Yara
Adriana Esteves – Zilda
Marco Ricca – André
Petrônio Gontijo – Pedro
Gabriel Braga Nunes – Mário
Mayara Magri – Olga
Raul Gazolla – Ruffo
Fúlvio Stefanini – Renato
Gianfrancesco Guarnieri – Alcides
Cléo Ventura – Dayse Campos
Lolita Rodrigues – Carmem
Cláudia Mello – Jandira
Eduardo Conde – Álvaro
Vera Zimmermann – Sílvia
Cássio Scapin – Miro
Bel Kutner – Rosa
Ana Paula Arósio – Bruna
Sebastião Campos – Pascoal
Eliana Rocha – Rosaly
Paulo Hesse – Humphrey
Elizabeth Hartmann – Gretel
Ernando Tiago – Rafael
Lu Martan – Alípio
Adão Filho – Zé Carlos
Tânia Seckler – Guiomar
Josmar Martins – Eduardo
Nívio Diegues – Jordão
Patrícia Mayo – Vitória
Luciano Amaral – Rato
Rafael Pardo – Nino
Fernanda Souza – Patrícia (Pata)
Cláudia Liz – Júnia
Guilherme Linhares – Jô
Ju Colombo – Vitória
Henrique Martins – Raul Macedo
André Latorre – Dauri

Trilha Sonora Nacional e Internacional

Redescobrir – Elis Regina (tema de abertura)
Mais simples – Zizi Possi (tema de Zilda)
Ternura do gesto – Ivan Lins

** Fonte: http://www.teledramaturgia.com.br/razao-de-viver-1996/

0 Comentário para: “Razão de Viver (1996) Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *