Caminhos do Amor Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Caminhos do Amor desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Caminhos do Amor e de todas as novelas exibidas na BAND (Bandeirantes).

Sobre a Novela Caminhos do Amor

  • Título Original: Morena Clara
  • Período de exibição (Original/Venezuela): 1993/1994
  • Nº de capítulos (Original/Venezuela): 137
  • Autoria: Ligia Lezama e Rubén Geller
  • Direção: José Antonio Ferrara e Arquímedes Rivero
  • País de origem: Venezuela
  • Título no Brasil: Caminhos do Amor
  • Período da 1ª exibição (BAND): 23/11/1998 a 04/06/1999
  • Horário (BAND): 15h00
  • Nº de capítulos (Bandeirantes/Band): 137

Clara Rosa Guzmán é o resultado de uma paixão entre Emiliano Andara, um rico fazendeiro e pecuarista de gado, que vive na pequena cidade de Santa Barbara del Zulia, e de uma suposta camponesa de nome Rosalinda. Porém essa falsa camponesa na verdade é Victoria Vanoni, uma mulher golpista que tenta roubar Emiliano. Victoria tem uma vida dupla e um passado misterioso, e após o nascimento da filha a abandona e é dada como morta depois do seu desaparecimento, ao cair e se afogar nas águas turbulentas de um rio. Emiliano, o pai da criança, nunca aceitou Clara Rosa como sua filha e se recusou a vê-la, pois a considera fruto de um caso com uma mulher sem moral e duvida muito se é realmente o pai da menina.

Os anos passam e Clara Rosa cresceu, e se tornou uma mulher linda, inteligente e com muitas ilusões de uma jovem. Sua tia Vicenta, irmã de sua mãe, foi quem a criou. Vicenta é viúva, sendo uma mulher fria, amarga e triste com a vida. Vive numa grande pobreza com a sobrinha Clara Rosa e com seus dois filhos, em uma perigosa favela de Caracas. A situação financeira da família é muito lastimável e com isso, Clara Rosa tem que ajudar em casa, abandonando os estudos para não passar fome, passando a ganhar a vida como camelô, embora ela esteja cheia de sonhos de uma vida melhor. É muito bondosa e honesta, ajudando a tia e os primos. Sabe quem é o pai mas se sente humilhada por ter sido rejeitada por ele e triste por ter sido abandonada pela mãe com a tia.

Enquanto isso, Emiliano, seu pai, tornou-se uma importante personalidade no cenário político do país. Sua primeira esposa, Montserrat se casou com seu adversário político, Lisandro Prado, que é um homem sem escrúpulos e um inimigo de anos de Emiliano. Lisandro se separou de Montserrat mas mesmo assim o ódio de Emiliano por ele nunca cessou.

Lisandro hoje em dia é casado com Eugênia, uma mulher bondosa que tem cuidado dos filhos do falecido irmão de Emiliano, e mesmo seu marido e Emiliano não se dando bem, ela foi grande amiga do irmão de Emiliano e da esposa dele, por isso criou os meninos, já que Emiliano nunca quis saber de nada, somente dele. Essas crianças foram criadas como se fossem seus próprios filhos e graças a ela se tornaram dois homens de caráter e bem-sucedido: Os belos jovens chamados Valentin e Francisco.

Valentin se tornou um advogado e um político inteligente, com um grande futuro pela frente. Ele conhece Linda Prado, que é a filha de Lisandro, que o criou, e que é o pior inimigo de seu tio que o rejeitou, Emiliano. Mesmo assim Valentin se envolve com Linda, sem saber que essa moça é cruel e só o quer para satisfazer seus interesses pessoais. Ao se envolver com essa rica e bela mulher, um terrível inferno começa em sua vida: Quando fica loucamente apaixonado por ela, que só pensa em arrancar seu dinheiro para se tornar mais rica. Desse namoro, eles acabam concebendo uma criança, um golpe que Linda o faz cair, e essa gravidez inesperada para Valentim os obriga a se casarem e assim Linda se sente totalmente realizada.

Uma violenta revolta política na cidade é o palco para o encontro intenso e inesperado de Clara Rosa e Valentin. A partir desse momento em diante, suas vidas nunca mais serão as mesmas novamente, um amor puro que nasce desse encontro casual, dá lugar a uma série de acontecimentos perturbadores que afetarão profundamente os dois. Ele passa a amar Clara Rosa e lhe dá o apelido de Morena Clara, por ela ser sensual e ter uma cor de pele bonita, estilo índia. Clara Rosa e Valentín vivem um amor como nunca sentiram e ele pensa em se divorciar de Linda para casar com sua Morena Clara. Ela, por sua vez, tem nele seu primeiro amor, o homem de sua vida e está disposta a tudo para viver essa paixão. Eles não sabem ainda que são primos.

O tempo passa e a Valentim comunica a todos sobre sua decisão, o que revolta Linda, que jura uma vingança cruel. Para ajudar a filha, já que só criou Valentim por insistência de Eugênia, pois sempre odiou Emiliano por pura inveja, Lisandro Prado e Linda traçarão um terrível plano e pretendem destruir o amor dos dois, aliado a Francisco, que se apaixona por Clara Rosa, farão de tudo para destruir a vida do casal. Tudo piora quando Lisandro descobre que ela é filha de Emiliano e ai se torna o motivo principal para destruí-la.

Mesmo com todo esse sofrimento e ao descobrirem que são primos, nada poderá separar o grande amor que existe entre os dois. O que sentem é mais forte que toda maldade e inveja. Juntos, enfrentarão obstáculos e destruirão barreiras para poderem viver essa grande paixão.

Morena Clara é uma verdadeira história onde a política, corrupção, influência e dinheiro sujo são os principais contextos.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Caminhos do Amor

* Resumo não disponível

A Band exibiu a telenovela Morena Clara com o nome de Caminhos do Amor, de 23 de novembro de 1998 à 4 de junho de 1999, às 15h00. Esta foi a primeira telenovela de Gabriela Spanic exibida no Brasil.

Em Portugal, esta telenovela passou na estação televisiva TVI em 1994. Onde foi exibida no principal horário de novelas do canal, antes do Novo Jornal, por volta das 18:15, tendo sofrido leigeiras mudanças de horário. Substitui a novela Cara Sucia, exibida na TVI como “Estrela”. Foi substituída por Maria Celeste, também da Venevision, intitulada em Portugal como “O Preço da Paixão”. Foi reposta na TVI pelo menos uma vez. Obteve um relativo sucesso para a época.

Clara Rosa Guzmán é produto de um engano, o resultado de uma paixão entre um rico fazendeiro e criador de gado em Santa Bárbara del Zulia e de uma camponesa chamada Rosalinda, que é dada como morta após seu desaparecimento nas águas turbulentas de um rio. Emiliano Andara, o pai da criança, nunca aceitou Clara Rosa como sua filha e se recusou a vê-la.

Clara Rosa é uma mulher inteligente, cheia de ilusões que vive com Vicenta, sua tia, uma mulher pobre e amarga com dois filhos, nas favelas de Caracas. Clara Rosa ganha a vida como vendedora de rua, embora tenha esperanças de uma vida melhor.

Enquanto isso, Emiliano Andara, seu pai, tornou-se uma personalidade importante no destino político do país. Sua primeira esposa, Montserrat se casa com seu adversário político Lisandro Prado, um homem sem escrúpulos e forte rival de Emiliano que, junto de sua nova esposa Eugênia, criou os filhos de seu falecido irmão, dois bem sucedidos jovens chamados Valentim e Francisco.

Valentim é advogado e um político inteligente, com um grande futuro à sua frente. Ele conhece Linda Prado, que é filha do pior inimigo de seu pai. Os problemas de Valentim começam quando ele se perde em uma paixão egoísta e desonesta com Linda, que concebe uma criança que os obriga a se casar.

Uma revolta violenta na cidade se torna o palco para a união abrupta de Clara Rosa e Valentim, que a partir desse momento em diante, terão suas vidas unidas por uma grande paixão, nascida de um encontro casual, que dá lugar a uma série de eventos perturbadores que afetam profundamente a ambos..

Elenco / Personagens

Astrid Carolina Herrera …. Clara Rosa Guzmán
Gabriela Spanic …. Linda Prado
Luis José Santander …. Valentín Andara
Niurka Acevedo
Miguel Alcántara …. Dr. Vanoni
Julio Alcázar …. Emiliano Andara
Juan Carlos Baena
Hilda Blanco
Mirtha Borges …. Majuana
Luly Bossa …. Magdalena Vallán
Marisela Buitriago …. Laura
Luisa Castro
Carolina Cristancho …. Jennifer Andara
Rita De Gois
María de Lourdes Devonish
Elisa Escámez
Henry Galué …. Lissandro Prado
Virginia García
María Antonieta Gómez
Nancy González …. Eugenia Andara
José Guerrero
Isabel Herrera
Isabel Hungría
Carolina López …. María Luisa Vanoni
Alejandro Martínez …. Andino
Ana Massimo
Lucy Mendoza
Adelina Morales
Yajaira Orta …. Montserrat Prado
Luis Pérez Pons
Simón Pestana … Armando
Dulce María Pilonieta … Marisa Andara
Cristina Reyes …. Victoria Vanoni
Marcelo Rodríguez
Jenny Valdés …. Manolita

Trilha Sonora Nacional e Internacional

TEMA DE ABERTURA
Barco a la deriva

INTÉRPRETE
Guillermo Dávila

Si es como dices qué haces aquí, envenenando este mes de abril,
con ese cuerpo de alambre que no es sombra ni de lo que fue.
Si lo has dejado qué haces aquí, como una rosa rota en la basura,
por qué me miras así, a quien le quieres mentir,
tienes los ojos llenos de agonía.

Te daré, cobijo te daré, calor, por ti mi pajarillo herido,
pintaré de rosa la melancolía, por favor no digas que estás bien.

Barco a la deriva que se hunde un poco cada día.
Barco a la deriva que no quiere ver el faro que elegía.

Si en plena lava bajó el volcán, siguen brotando las más bellas flores,
porqué no quieres cortar los hilos de la espiral
que van metiéndote vidrio en las venas.

No, ya no te voy abandonar, saldrás de aquí mi cervatillo herido,
no podré dormir mientras estás hundida,
por favor no digas que estás bien.

Barco a la deriva que se hunde un poco cada día.
Barco a la deriva que no quiere ver el faro que elegía.

Barco a la deriva que se hunde un poco cada día.
Barco a la deriva que no quiere ver el faro no, no…

Barco a la deriva que se hunde un poco cada día.
Barco a la deriva que no quiere ver el faro no, no, no…

TEMA DE ENCERRAMENTO
Cómo olvidar

INTÉRPRETE
Karina

Cómo romper pieza a pieza un corazón
después de haberse fragmentado en mil pedazos,
luego de probar toda la hiel del desamor,
después de haberse bebido el trago más amargo.

Cómo restaurar la fe en el alma
Cuando ya no hay un destello de pasión en tu mirada.
Cómo retornar por el camino una vez más
cuando las calles de tu amor están cerradas.

Cómo olvidar si estás dentro de mí,
en la fibra más profunda de mi alma.
Te has clavado en mi mente y no sé imaginar
el mañana sin ti que vendrá.

Cómo hallar valor para enfrentar la soledad,
para calmar este dolor que me hace daño.
Cómo soportar el paso de la tempestad
y aún de pie ver tantos sueños devastados.

Cómo revivir en medio de la oscuridad
una ilusión cuando no queda ya esperanzas
como retornar por el camino una vez más,
cuando las calles de tu amor están cerradas.

Cómo hacer para andar
sin tu amor me faltan fuerzas,
yo no sé… dime tú…

0 Comentário para: “Caminhos do Amor Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *