Mariana da Noite Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Mariana da Noite desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Mariana da Noite e de todas as novelas do SBT.

Sobre a Novela Mariana da Noite

  • Título Original: Mariana de la noche
  • Período de exibição (Original/México): 20/10/2003 a 23/04/2004
  • Nº de capítulos (Original/México): 135
  • Autoria: Miguel Córcega
  • Direção: Salvador Mejía Alejandre
  • País de origem: México
  • Título no Brasil: Mariana da Noite
  • Período da 1ª exibição (SBT): 16/01 a 02/06/2006
  • Horário (SBT): 21h20
  • Nº de capítulos (SBT): 117

Em um pequeno povoado de mineradores, corre na boca do povo que Mariana Montenegro (Alejandra Barros) carrega uma maldição e que todos os homens que se apaixonarem por ela sofrerão um acidente fatal. Mariana é jovem, romântica e muito sonhadora. Ela vive com o seu pai, Atílio (César Évora) e é órfã de mãe. Atílio é um homem muito poderoso, dono de uma mina e chega a ser cruel quando alguém se opõe a sua vontade. Seu grande segredo é que Mariana não é sua filha e o que ele sente por ela está muito longe de ser um carinho paterno.

Atílio tem duas irmãs: Isabel (Alma Muriel), a mais velha, é uma mulher boa e carinhosa, foi ela quem criou Mariana e a quer como se fosse sua própria filha; Márcia (Angelica Rivera), a mais nova, é arrogante e muito vaidosa, possui um coração frio, nunca se apaixonou por alguém, até que chega no povoado um rapaz chamado Inácio Lugo Navarro (Jorge Salinas), um jovem muito atraente que usa um nome falso e está em busca de suas raízes.

Quando conhece Mariana, Inácio sabe que nunca poderá amar outra mulher, e Mariana também se entrega de corpo e alma a ele. Mas Márcia se apaixona por Inácio. O ciúmes a consome quando descobre que ele e Mariana se casam em segredo. Marcia fica furiosa e vai correndo contar para seu irmão que Mariana esta casada.

Atílio está decidido a mandar matar Inácio sem saber que está sentenciando a morte de seu próprio filho, produto de um romance que teve com Lucrécia (Maria Rojo), a dona da cantina do povoado. Mas o destino salva a vida de Inácio.

Mariana fica sabendo que Atílio não é seu pai biológico e fica horrorizada ao saber que ele está loucamente apaixonado por ela. Desesperada, acreditando que na realidade ela é amaldiçoada, foge do povoado levando em seu ventre um filho de Inácio. Márcia aproveita a situação para casar-se com um homem que não ama para ter um filho. Mas logo sofrerá um aborto e, com essa situação, fará de tudo para seduzir Inácio e roubar o filho de Mariana.

A historia de Mariana é um relato apaixonante, uma história cheia de intrigas e segredos obscuros. Conta a lenda de uma bela mulher que sempre está vestindo negro porque pesa sobre ela uma terrível maldição: MARIANA DA NOITE.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Mariana da Noite

Resumo da novela Mariana da Noite conforme a primeira exibição no SBT de 16/01 a 02/06/2006 (total de 72 capítulos divulgados). Mariana de la noche Resúmenes – Summaries.

Segunda, 16/01/2006: Tudo começa há 25 anos atrás. Atílio Montenegro manda matar todos os integrantes da família Lugo Navarro. Todos são dizimados exceto o garoto Inácio que consegue fugir das garras de Atílio Montenegro. 25 anos depois…. Mariana comenta com sua tia Isabel que depois da procissão ficou de se encontrar com Xavier e confessa que está se apaixonando por ele. Isabel pede à sobrinha que desista do encontro. Raquel, mãe de Xavier, pede ao filho que se afaste de Mariana pois ela atrai a má sorte pois todos os seus pretendentes acabaram mortos. Xavier não concorda com a mãe e diz que tudo não passou de mera casualidade. Inácio chega ao povoado e no caminho encontra Maria Lola. Ela pergunta seu nome e, quando ele responde Inácio Lugo Navarro provoca uma reação de medo na pobre mulher que, assustada, pede a ele que nunca mais repita seu nome porque lhe trará má sorte. Xavier está indo de carro para o povoado quando perde os freios e cai em um barranco. Inácio socorre o rapaz. Ele diz que os freios falharam e logo depois falece nos braços do forasteiro. Inácio chega ao bar de Lucrécia e pergunta onde pode encontrar um trabalho. Lucrécia o aconselha a procurar Atílio Montenegro. Inácio comenta com Lucrécia que o ódio e a vingança o trouxeram para o povoado. Mariana chega em casa inconsolável por causa da morte de Xavier e sofre um desmaio. Camilo, o médico do povoado a examina e aconselha Atílio a deixá-la descansar. Mais tarde, Mariana reza e pede à Virgem que a alma de Xavier descanse em paz. Mariana e Inácio se encontram.

Terça, 17/01/2006: Inácio e Mariana se encontram no meio da noite. Inácio, fascinado, diz a Mariana que ela é tão bonita que se parece com a Virgem. Mariana, muito abalada, pergunta à tia, Isabel, por que todos os homens que se interessam por ela acabam morrendo e diz que decidiu renunciar para sempre ao amor. Inácio pergunta a Lucrécia por que se preocupa tanto com ele. Lucrécia explica que perdeu um filho recém nascido e nunca se refez do trauma. Mariana comenta com o pai que, para evitar que mais desgraças aconteçam, não permitirá que nenhum homem se aproxime dela. Atílio diz a Mariana pode lhe dar tudo o que precisa, mas ela responde que ele não pode lhe dar o carinho e o amor de um homem. Inácio vai até a mina e pede a Márcio que lhe dê trabalho. Tati reclama com o pai o excesso de cuidado e proteção que dá a Marina enquanto a ela ignora como se não fosse sua filha. Márcia contrata Inácio e compra uma briga com Geraldo, o engenheiro responsável pela mina. Ele diz que não precisam de novos empregados e pede a ela que despeça Inácio. Márcia, furiosa, deixa claro que quem manda na mina é ela e diz que Inácio fica. Inácio e Mariana voltam a se encontrar. Mariana, assustada, pede a Inácio que não a olhe pois todos que se apaixonam por ela acabam morrendo. Inácio a beija.

Quarta, 18/01/2006: Inácio beija Mariana. Ela, assustada, pede que não volte a beijá-la porque todos os homens que se aproximam morrem e isso a assusta muito. Inácio responde que por um beijo seu vale a pena morrer. Geraldo tenta convencer Atílio a expulsar Inácio da mina. Márcia, furiosa, diz ao irmão que Geraldo sempre está contra ela. Atílio decide que o novo empregado deve cumprir o contrato. Inácio procura Isidro e diz que sua avó pediu que o procurasse para que lhe contasse tudo que aconteceu com sua família há vinte e cinco anos. Isidro se nega a falar sobre o assunto e aconselha Inácio a ir embora para bem longe daquele lugar. Inácio responde que não pretende ir embora sem saber de toda a verdade e que foi por isso que fugiu da cadeia. Isabel e Atílio discutem por causa de Maria Lola. Isabel a defende e lembra ao irmão que embora a pobre mulher esteja transtornada e sabe de grandes segredos do passado. Isabel diz ao irmão que também gostaria de ir embora para bem longe mas não deixa a fazenda porque precisa proteger Tati e Mariana. Tati pergunta a Camilo se ele sente alguma coisa por Mariana. Ele confessa que está apaixonado por ela. Márcia, provocante, diz a Inácio que ele lhe interessa como homem.

Quinta, 19/01/2006: Márcia se insinua para Inácio e diz que está disposta a ajudá-lo no que ele precisar. Inácio, incisivo, diz a Márcia que não gosta de privilégios. Geraldo aparece, e irritado ao ver os dois conversando, ordena a Inácio que volte para o trabalho e diz a Márcia que não deve distrair os empregados pois há muito o que fazer na mina. Atílio procura Lucrécia e os dois fazem amor. Depois de fazer amor com Atílio, Lucrécia fala do passado, diz que gostaria de ter se casado e tido filhos com ele e lembra, com tristeza, do filho que tiveram e nasceu morto. Atílio vai embora de mal humor. Camilo visita Mariana. Tati, venenosa, pergunta se ele não tem medo de morrer por causa da maldição que persegue Mariana. Camilo responde que está disposto a morrer por ela. Camilo pede Mariana em casamento. Ela, assustada, o despreza. Atílio percebe o que aconteceu entre os dois e, hipócrita, convida o rapaz para jantar. Cupincha assedia Jandira e insiste para que ela se sente à sua mesa e beba alguma coisa com ele. Camilo sai em defesa da jovem e pede ao capataz que não a incomode. Jandira agradece Camilo por tê-la defendido e o aconselha a ter cuidado com o Cupincha pois ele é muito vingativo. Mariana está voltando para casa tarde da noite e vestida de preto quando vê que Atílio se aproxima. Assustada, ela tenta se esconder.

Sexta, 20/01/2006: Mariana, assustada, se esconde de Atílio. Cupincha está a ponto de apunhalar Camilo pelas costas mas é impedido por Inácio. Geraldo fica furioso quando Márcia comunica a ele que pretende nomear Falcão (Inácio) como novo capataz da mina. Depois de presenciar mais um dos ataques histéricos de Tati, Isabel comenta com Mariana que fizeram muito mal em mimá-la tanto pois ela se transformou numa garota muito egoísta. Atílio comenta com Isabel que Márcia está interessada em Falcão e por isso o nomeou capataz da mina e deixa claro que não permitirá que sua irmã cometa essa estupidez. Eládio se sente mal e é agredido por Cupincha que o agride exigindo que volta ao trabalho. Inácio, furioso, agride o capataz e diz que Eládio está doente. Eládio é levado até o consultório do Dr. Camilo, mas ele sofre um infarto e morre sem que o médico possa fazer nada para salvá-lo. Isabel e Atílio discutem. Ela lembra ao irmão sobre a matança que aconteceu há vinte e cinco anos e diz que Mariana suspeita que há algo obscuro em seu passado. Cupincha informa a Atílio que um empregado da mina acaba de morrer. Mariana, assustada, pergunta quem foi e Atílio, irritado, quer saber quem é o homem que a deixa tão inquieta.

Sábado, 21/01/2006: Intrigado, Atílio pergunta a Mariana quem ela pensou que tinha morrido para ficar tão nervosa. Ela diz que ainda está muito abalada por causa da morte de Xavier e comenta que Maria Lola lhe disse que sua mãe morreu de amor. Atílio diz a Mariana que não deve acreditar em tudo que aquela louca diz. Márcia pede a Atílio que deixe Mariana em paz pois ela é jovem e logo encontrará um homem que se case com ela e a leve para longe daquele lugar. Atílio, visivelmente irritado, diz que nunca permitirá que Mariana se case. Camilo comunica a Atílio que Eládio morreu por causa dos maus tratados do capataz da mina. Camilo diz ainda que ele deve se responsabilizar pelo filho de Eládio e deixa claro que se não for justo vai denunciá-lo à polícia. Atílio diz a Camilo que não deve vê-lo como inimigo e promete que o menino não ficará desamparado. Cupincha prepara uma armadilha para Camilo. O médico é procurado por um homem que pede a ele que o ajude a socorrer as vítimas de um acidente. Quando Camilo chega ao local é empurrado para um barranco. Depois, Cupincha mata o homem que foi a visitar o médico. Atílio está decidido a não permitir que nenhum homem se aproxime de Mariana. Cupincha relembra como matou todos os pretendentes de Mariana. Mariana pensa em Inácio e pede a Deus que o proteja. Atílio observa Inácio com olhar ameaçador.

Segunda, 23/01/2006: Mariana pensa em Inácio e pede a Deus que o proteja. Inácio e João Paulo procuram por Camilo e o encontram inconsciente perto do rio. Atílio, furioso, rasga as cartas que Isabel guarda de seu antigo namorado e diz que não quer que guarde nada que o faça lembrar dos Lugo Navarro. Mariana diz a Isabel que seus destinos são muito parecidos já que também mataram o homem com quem ia se casar. Cupincha, embriagado, tenta forçar Jandira a dançar com ele. Ela se nega e ele, por vingança, corta seu rosto com uma garrafa. Atílio, ao ser informado do que aconteceu no bar, esbofeteia o capataz e o expulsa. Atílio vai até o bar de Lucrécia e ameaça fechar o local se ela denunciar Cupincha pelo que aconteceu. Lucrécia, incrédula, pergunta a Atílio Montenegro como é possível que defenda um sujeito como o Cupincha e deixa claro que não tem medo de suas ameaças. Inácio espera por Mariana. Ela chega assustada e diz que vai embora porque está sendo seguida. Logo depois aparece Atílio e diz a Inácio que viu uma sombra e está tentando descobrir quem é. Inácio diz que não viu nada e vai embora. Inácio entra no escritório de Geraldo e lá encontra Márcia que, insinuante, diz que gostaria que houvesse alguma coisa entre eles.

Terça, 24/01/2006: Márcia diz a Inácio que gosta dele e vai fazer com que se apaixone por ela pois está acostumada a conseguir tudo o que quer. Inácio está tomando banho quando Márcia, nua, entra para provocá-lo. Inácio diz a Márcia que ela é muito atraente mas não está acostumado a ser assediado e deixa claro que não está precisando de mulher. Márcia vai embora furiosa por ter sido rejeitada. Márcia diz a Atílio que está interessada em Inácio e pede a ele que não se intrometa na sua vida. Camilo é levado para a cabana de Isidro. Cupincha, ao ficar sabendo que Camilo não está morto, entra na cabana e tenta asfixiá-lo com uma almofada mas é impedido pelo cão de Isidro. Ele foge do local sem ser visto. O delegado diz a Lucrécia e Inácio que não pode prender Cupincha pelo que fez a Jandira porque ninguém está disposto a depor contra ele. Lucrécia diz que também tem motivos pessoais para não depor contra o capataz dos Montenegro. Tati diz ao pai que está apaixonada por Camilo e que vai fazer de tudo para que o médico se case com ela. Mariana pede a Inácio que fujam juntos por pressente que alguma coisa muito ruim está para acontecer. Ela comenta também que seu pai a mataria se descobrisse que está se encontrando com um homem na calada da noite. Inácio explica que não pode ir embora porque tem um assunto pendente para resolver, mas diz que a ama e pede que confie nele. A mina onde Inácio está trabalhando sofre um desmoronamento.

Quarta, 25/01/2006: Inácio sai ileso do desmoronamento da mina. Márcia pede a Isabel que a ajude a organizar uma festa em comemoração a seu aniversário. Ela comenta com a irmã que nessa noite vai apresentar a todos o homem por quem está apaixonada e diz que por ele está disposta a ser mais feminina. Maria Lola se aproxima de Tati e, carinhosamente, tenta falar com ela. Tati a despreza e a empurra. Maria Lola, por culpa de Tati, deixa cair o bolo que levava para o Dr. Camilo. Tati comenta com Camilo que já disse a seu pai que está apaixonada e pretende se casar com ele. Ela fica furiosa ao ser rejeitada por Camilo que deixa claro que é a Mariana que ele ama. Tati, despeitada, diz ao pai que Mariana anda se insinuando para o médico. Atílio, inconformado, esbofeteia Mariana. Mariana pergunta a Tati por que a trata dessa maneira. Tati diz que a odeia porque ela sempre foi a preferida de todos. Inácio vai até a escola levar um caderno para Gonzalinho e lá encontra Mariana. Ela, desesperada, pede a ele que vá embora antes que seu pai os veja juntos. Inácio diz a Mariana que a ama e precisa saber tudo sobre ela pois não se conforma em vê-la às escondidas e eles se beijam.

Quinta, 26/01/2006: Mariana e Inácio se beijam. Ela, angustiada, pede a ele que vá embora e promete que se encontrarão à noite no mesmo lugar de sempre. Gonzalinho, assustado, avisa a Mariana que seu pai está à caminho da escola. Atílio pede perdão a Mariana pela bofetada que lhe deu e dá uma bronca em Tati pelas mentiras que contou. Mariana pede a Atílio que tenha paciência com Tati, diz que ela está enciumada porque se sente desprezada pelo pai. Mariana também diz ao pai que tem a sensação de que ele não a quer como a uma filha. Atílio fica sem ação, pede a ela que nunca mais volte a dizer isso e vai embora. Inácio agride um bêbado que insiste em dançar com Lucrécia. Ela se sensibiliza com a atitude de Inácio e diz que nunca ninguém a defendeu dessa maneira. Atílio esbofeteia Lucrécia por ela andar comentando que um fantasma anda rondando a casa dos Montenegro e que talvez seja o espírito de Elisa que veio para salvar sua filha. Atílio ordena Cupincha que faça Maria Lola desaparecer. Cupincha tenta atacar Maria Lola e ela tem um ataque de nervos. Em plena crise, Maria Lola diz que viu quando ele abandonou o filho de Lucrécia e Atílio, conta que recolheu a criança e que o bebê estava vivo.

Sexta, 27/01/2006: Maria Lola conta para Cupincha que ela recolheu o filho de Atílio e Lucrécia e garante que a criança estava viva. O capataz, surpreso, não acredita em Maria Lola e ameaça matá-la. João Paulo confidencia ao padre Diego que sempre sonhou em ser padre e ficou muito feliz quando conseguiu entrar para o seminário, mas agora diz estar com muitas dúvidas quanto à sua vocação religiosa. O padre o aconselha a refletir sobre se é isso mesmo que quer para a sua vida e diz que há outras maneiras de servir a Deus. Cupincha ataca Maria Lola e Inácio a defende. Maria Lola diz a Inácio que ele a salvou assim como ela o salvou quando era apenas um bebê. Maria Lola diz que o teve em seus braços e Inácio fica desconcertado com a revelação. Isabel comunica Atílio que proibiu Cupincha de se aproximar de Maria Lola, e pede ao irmão que não a expulse de sua cabana. Atílio permite que Maria Lola continue vivendo na cabana mas a proíbe de se aproximar de suas filhas. Márcia procura Falcão e o convida para sua festa de aniversário. Gozalinho acorda assustado ao ver sua cabana em chamas. Inácio se enrola em um cobertor e entra na cabana para salvar o menino mas, ao tentar sair do local é atingido por uma viga que cai sobre os dois.

Sábado, 28/01/2006: Inácio tenta salvar Gonzalinho do incêndio mas, ao sair da cabana os dois são atingidos por uma viga. Apesar do acidente os dois conseguem escapar ilesos. Tati faz chantagem com Mariana e ameaça contar ao pai que um homem misterioso está lhe enviando cartas de amor. Mariana enfrenta a irmã e diz que se insistir em deixá-la mal perante seu pai então começará a prestar mais atenção em Camilo. Tati diz a Camilo que sua irmã está apaixonada por outro homem e que nunca vai se interessar por ele. Mariana pergunta ao pai por que, se amava tanto a sua mãe, permitiu que sofresse. Atílio responde grosseiramente e diz que não tem obrigação de lhe dar nenhuma explicação. Cupincha procura Maria Lola e exige que ela lhe diga se é verdade que o filho de Atílio e Lucrécia está vivo. Maria Lola conta que recolheu o menino e o entregou à família Lugo Navarro que o batizou com o nome de Inácio Lugo Navarro. Inácio vai até a fazenda da família Montenegro para o aniversário de Márcia e lá é apresentado a Mariana. João Paulo pede a Mariana que aceite o amor de Camilo. Ela diz que não pode porque ama outro homem. Márcia beija Inácio. Geraldo não gosta do que vê e vai pedir explicações a Inácio. Este se defende dizendo que não pode ser responsabilizado pelos atos dela. Cupincha diz a Lucrécia que tem notícias de seu filho e ela o expulsa do bar. Inácio diz a Mariana que pensou que ela fosse apenas uma humilde professora do povoado.

Segunda, 30/01/2006: Inácio, em tom de reprovação, diz a Mariana que nunca imaginou que a mulher que ama fosse filha de Atílio Montenegro e que já não sabe se continuará se encontrando com ela. Mariana pede a Inácio que vá encontrá-la logo mais à noite e promete esclarecer tudo. Geraldo, completamente embriagado, tenta dizer a Márcia que a ama. Ela, irritada, devolve o brilhante que ele lhe deu e o expulsa de sua casa. Falcão diz a Márcia que é visível o interesse de Geraldo por ela e a aconselha a tratá-lo mais gentilmente. Márcia diz a Falcão que só ele lhe interessa. Maria Lola conta ao capataz que o filho de Lucrécia e Atílio está de volta ao povoado e diz que ele veio para se vingar. Isabel aconselha o irmão a permitir que Mariana seja feliz ao lado de alguém que a ame. Atílio, categórico, responde que isso jamais acontecerá. Inácio encontra o engenheiro revistando seus pertences e os dois acabam brigando. Geraldo demite Inácio e comunica ao patrão sua decisão. Márcia, furiosa, diz ao engenheiro que Falcão fica na mina. Depois ela conversa com o irmão, lembra que também é dona da mina e que não podem tomar uma decisão sem consultá-la. Inácio vai se despedir de Mariana. Os dois se beijam mas não percebem que são fotografados por Tati que pensa entregar as fotos para o pai.

Terça, 31/01/2006: Geraldo está pronto para ir embora. Atílio pede a ele que fique, diz que Márcia não é uma Montenegro e que se ele for embora ela terá que ir também. Márcia tenta seduzir Inácio. Inácio a despreza e ela diz que um dia será só dela. Atílio acusa Márcia de estar se comportando com vulgaridade ao se oferecer para um desconhecido. Márcia esbofeteia o irmão e Atílio, furioso, devolve a bofetada e deixa claro que Geraldo continua sendo o encarregado da mina. Márcia se oferece para passar uma noite com Geraldo se em troca ele não despedir Falcão da mina. Geraldo responde que ela deve amar muito o forasteiro para se humilhar dessa maneira. Camilo confidencia a Falcão que está apaixonado por Mariana e diz que seu amor não é correspondido. Falcão diz a Camilo que também está apaixonado por Mariana e que é correspondido por ela e que os dois estão dispostos a enfrentar todos os obstáculos em busca da felicidade. Geraldo diz a Inácio que está constrangido por tudo que aconteceu e pede a ele que volte a trabalhar na mina. Tati , enciumada, dá uma punhalada em Mariana.

Quarta, 01/02/2006: Tati, convencida de que Mariana está interessada em Camilo, dá uma punhalada na irmã. Camilo socorre Mariana, diz a Atílio que a ferida não é grave mas que ela vai precisar de uma transfusão de sangue. Inácio diz a Isidro que precisa saber quem o odeia e quer lhe fazer mal. Inácio diz também que precisa provar sua inocência para limpar seu nome. Atílio diz a Mariana que vai mandar Tati embora de casa. Mariana, taxativa, diz que se Tati for embora ela também irá. Tati, furiosa, pergunta a Atílio se Elisa só era mãe de Mariana. Ele responde que sim. Tati pergunta quem foi sua mãe e se ele a amou já que sempre afirmou que Elisa foi o único amor da sua vida. Tati conclui que, por isso Mariana sempre foi sua protegida. Márcia, completamente nua, se oferece para Falcão mas volta a ser desprezada porque ele afirma que nunca haverá nada entre eles. Márcia, à beira de um ataque de nervos, jura que vai descobrir quem é a mulher que está atravessando seu caminho. Márcia pergunta a Isabel quem é a mãe de Tati. Isabel explica que depois da morte de Elisa, Atílio teve um romance passageiro com Maria Lola e ela é a mãe de Tati .

Quinta, 02/02/2006: Isabel diz a Márcia que Maria Lola é a mãe de Tati. Márcia, incrédula, diz não entender como seu irmão pode se envolver com uma mulher como Maria Lola. Lucrécia aconselha Jandira a não alimentar falsas ilusões à respeito de João Paulo pois ele está prestes a se ordenar padre. Márcia diz a Isabel que ela se converteu numa solteirona porque junto com seu noivo enterrou também suas ilusões, enquanto ela sabe aproveitar a vida e usa os homens como objetos descartáveis. Lucrécia diz a Atílio que nunca deveria ter separado Elisa de Inácio e, ao obrigá-la a ser sua esposa só conseguiu dela sua infidelidade. Atílio responde que se ela tinha que ser dele e de mais ninguém e o mesmo vai acontecer com Mariana pois prefere vê-la morta do que nos braços de outro homem. Atílio fica irritado ao saber que Camilo terá que entrar no quarto de Mariana para fazer a transfusão de sangue. O médico diz a Atílio que se quer que Mariana viva terá que deixá-lo entrar. Atílo fica visivelmente irritado quando ouve Tati dizer a Camilo que Mariana nunca vai amá-lo porque está apaixonada por outro homem. Maria Lola entrega a Inácio uma foto de Elisa e diz ao rapaz que é com ela que ele tem se encontrado todas as noites e não com Mariana.

Sexta, 03/02/2006: Tati diz a Camilo que Mariana lhe roubou tudo e jura que ela vai pagar por isso. Camilo ameaça mandá-la para a cadeia se voltar a fazer mal a Mariana. Atílio diz a Tati que se voltar a acusar Mariana terá que provar o que está dizendo pois, do contrário, vai expulsá-la de casa. Atílio relembra o passado e a forma cruel como matou José Antonio Lugo Navarro quando se dirigia para a igreja onde se casaria com Isabel e sua falsa consternação diante da dor de sua irmã. Meio Mundo pede a Angelina que se case com ele. Tati diz a Mariana que não era sua intenção lhe fazer mal mas foi obrigada pois ela lhe roubou o amor de seu pai e de Camilo. Tatia diz a Mariana que vai mostrar ao pai algumas fotos onde ela e Falcão aparecem se beijando para que ele a castigue. Lupe encontra as fotos de Tati e as esconde. Cupincha as encontra e fica com elas. Atílo pede a Márcia que consiga uma foto de Inácio Lugo Navarro. Mariana pensa em Inácio e ele aparece.

Sábado, 04/02/2006: Mariana pede a Inácio que se encontrem na cabana de Isidro. Cupincha beija Angelina à força e leva uma mordida. Furioso faz ameaças e diz à garota que ela vai se arrepender do que fez. Márcia comenta com Mariana que Tati está histérica e diz que a cada dia está mais parecida com Maria Lola, sua mãe. Inácio discute com Cupincha e faz ameaças caso ele volte a colocar suas mãos em cima dele. O capataz mostra a Inácio uma foto onde ele aparece beijando Mariana e ameaça mostrá-la a Atílio Montenegro. Tati diz a Camilo que só a certeza de que ele a ama poderia salvar Mariana. Camilo explica que gosta dela mas não da maneira como ela deseja, mas deixa claro que se ela desistir de se vingar de Mariana promete que vai olhá-la com outros olhos. Cupincha pede a Atílio que o ajude a convencer Angelina a se casar com ele. Inácio diz a Mariana que um dia terá que escolher entre ele e seu pai. Atílio, embriagado, tenta entrar no quarto de Mariana mas Isabel o impede. Márcia comenta com Falcão que seu irmão, Atílio, pediu que investigasse tudo sobre o paradeiro de um inimigo seu chamado Inácio Lugo Navarro.

Segunda, 06/02/2006: Atílio está a ponto de beijar Mariana mas ela acorda. Atílio pede a Mariana que não o abandone nunca e conta que sua mãe o deixou para ir embora com outro homem. Tati exige que Isabel lhe diga quem é a sua mãe. Atílio, irritado, responde que sua mãe é Maria Lola, a louca do povoado e que se quiser ir morar com ela não a impedirá. Inácio revela para Isabel que seu verdadeiro nome é Inácio Lugo Navarro, o homem que Atílio Montenegro odeia tanto. Isabel promete ajudá-lo para que possa ser feliz ao lado de Mariana. Inácio conta a Lucrécia que é um Lugo Navarro e que voltou para se vingar de Atílio Montenegro. Márcia diz a Tati que encontrou o homem que a levará para longe desse povoado. Tati comenta com a tia que o engenheiro gosta muito dela. Márcia responde que Geraldo não lhe interessa e confessa que está apaixonada pelo Falcão. Tati e Márcia flagram Mariana e Falcão se beijando. Márcia, furiosa, esbofeteia Falcão e o acusa de estar brincando com as duas. Inácio afirma que não está brincando com ninguém e diz que se apaixonou por Mariana desde a primeira vez que a viu. Márcia jura que vai se vingar dele e de Mariana. Marcia, nervosa, diz a Mariana que a odeia, que vai lutar pelo homem que ama e que vai contar o que viu para Atílio. Mariana pede à tia que não conte nada. Camilo diz a Inácio que não acredita que ele seja o homem ideal para Mariana. Inácio comenta que já sabe que seu inimigo é Atílio Montenegro, mas desconhece os motivos.

Terça, 07/02/2006: Atílio dá uma bofetada em Mariana depois que Márcia conta que a viu aos beijos com Falcão. Mariana, chorando, diz ao pai que mesmo que a mate não deixará de amar Falcão. Isabel adverte o irmão de que se machucar Mariana contará a todos que ele não tem nenhum direito sobre ela. Isabel diz a Márcia que Falcão ama Mariana e pede a ela que não interfira no romance dos dois. Márcia, descontrolada, diz à irmã que não permitirá que ninguém lhe roube o homem que ama. Atílio ordena Cupincha que mate Falcão. Atílio ordena ao capataz que provoque um acidente na mina e Falcão deve morrer. Mariana envia uma carta a Falcão onde diz que o ama e se quiser fugirá com ele para bem longe. Falcão comenta com Geraldo que foi flagrado por Márcia e diz temer por Mariana. Ele pede a Geraldo que quando for à casa dos Montenegro diga a Mariana que deixe tudo pronto para que possam fugir. Márcia, com mentiras, tenta convencer a sobrinha a esquecer Falcão. Como Mariana, segura de si, diz que Falcão a ama e nunca vai abandoná-la, Márcia deixa claro que se Falcão não for para ela não será de mais ninguém. Ela jura que vai destruí-lo e mandá-lo para a cadeia. Jandira confessa a João Paulo que está apaixonada por ele. João Paulo diz que nunca falou de seus sentimentos em relação a ela por que se trata de um amor proibido já que pretende dedicar sua vida a Deus, por isso, pede para que não voltem a se encontrar. Cupincha provoca um acidente na mina. Mariana chega ao local do acidente e Márcia expulsa a sobrinha dizendo que ela não tem nada para fazer ali e deixa claro que se Falcão estiver vivo será só dela.

Quarta, 08/02/2006: Mariana, chorando, pede a Márcia que salve Falcão mesmo que perca o amor de sua vida para ela. Jandira comenta com Lucrécia que João Paulo ficou horrorizado quando ela disse que o amava como homem. Lucrécia diz a Jandira que já havia lhe dito que João Paulo estava destinado a servir a Deus. Falcão, no meio dos escombros, recobra a consciência e consegue ajudar Gonzalito e seus companheiros. O menino está com a perna quebrada. Isabel pergunta a Atílio se há sobreviventes no acidente da mina. Ele responde que talvez estejam todos mortos. Isabel, irônica, diz ao irmão que não gostaria de pensar que o acidente foi provocado pois seria muito conveniente para ele se Falcão não sobrevivesse. Inácio pede a Meio Mundo que o ajude a fazer alguma coisa para que possam sair dos escombros, mas ele diz que já não tem forças para lutar. O delegado investiga o motivo que teria provocado o soterramento da mina. Atílio, hipócrita, diz que foi um acidente. Márcia, furiosa, diz a Mariana que já pode começar a chorar porque Falcão está morto. Mariana se desespera e entra na mina. Camilo tenta seguí-la mas é impedido pelos mineiros. Márcia comunica ao irmão que Mariana entrou na mina porque preferiu morrer ao lado de Falcão. Mariana encontra Geraldo e os outros mineiros que estão trabalhando nos escombros e juntos conseguem resgatar Inácio e seus companheiros. Inácio pede que socorram Gonzalinho pois o menino está com muita febre. Atílio fica furioso ao saber que Inácio e está vivo e muito mais ao ver que ele e Mariana saem abraçados da mina. Falcão e Mariana se beijam.

Quinta, 09/02/2006: Márcia chega e o beija à força. Inácio diz que ela não deve continuar se humilhando pois nunca vai amá-la como ama a Mariana. Márcia ameaça denunciá-lo à polícia mas ele não se intimida. Isabel diz a Lucrécia que Falcão é um Lugo Navarro por que a família o adotou ainda bebê e comenta que eles nunca souberam quem eram os verdadeiros pais da criança. Inácio diz a Isabel que ama Mariana. Isabel diz a Inácio que confia nele e o aconselha a ir embora da cidade com Mariana para que possam ser felizes. Maria Lola conta para Lucrécia que quando recolheu seu filho o entregou aos Lugo Navarro e eles o criaram como se fosse legítimo.

Sexta, 10/02/2006: Lucrécia diz a Isabel que o filho que teve com Atílio está vivo e é Inácio Lugo Navarro. Isabel não entende o que está acontecendo e pede a Lucrécia que explique tudo desde o início. Lucrécia conta em detalhes como tudo aconteceu e Isabel compara com a história que Maria Lola contou. Inácio agradece a Camilo por tê-lo ajudado a escapar das garras do capataz, conta que Mariana já conhece sua verdadeira identidade e que os dois pretendem fugir do povoado. Inácio se despede de Lucrécia e diz que Mariana está indo embora com ele. Lucrécia diz a Isabel que não quer que Inácio saiba que Atílio é seu pai. Lupe presenteia Mariana com a imagem da Virgem de Guadalupe. Isabel ajuda Mariana a fugir com Inácio. Isidro realiza o casamento de Inácio e Mariana. Atílio se irrita quando Isabel diz que Mariana não descerá para jantar e decide ir buscá-la pessoalmente. Márcia diz a Mariana que não aceita sua relação com Inácio e que não vai permitir que fique com ele. Maria Lola relata em detalhes para Inácio o que aconteceu na noite em que sua família foi dizimada e revela que foi Atílio Montenegro quem os matou. Maria Lola revela a Inácio que Atílio matou todos os Lugo Navarro e diz que quanto a ele tem outra história para contar. Atílio, furioso ao descobrir que Mariana está com tudo pronto para fugir com Inácio, vê nela a imagem de Elisa e tenta estrangulá-la. Isabel chega à tempo de salvá-la. Mariana procura Inácio e diz que precisam fugir imediatamente porque seu pai já descobriu tudo e está furioso.

Sábado, 11/02/2006: Inácio diz a Mariana que terá que escolher entre ele e seu pai pois Atílio Montenegro é o assassino de seus pais e jura que vai se vingar. Inácio diz a Isidro que não foi embora com Mariana porque precisa se vingar de Atílio Montenegro por ter matado seus pais. Isidro revela que ele não é um Lugo Navarro embora tenha sido criado como um filho legítimo. Ele conta que alguém o encontrou abandonado recém nascido e o entregou aos Lugo Navarro, mas jura que não sabe quem são seus verdadeiros pais. Atílio diz a Isabel que não vai permitir que ninguém lhe roube Mariana e diz que vai matar Falcão. Isabel ameaça entregá-lo para a polícia caso faça algo contra o rapaz.

Segunda, 13/02/2006: Jandira confessa a João Paulo que está apaixonada por ele. João Paulo diz que nunca falou de seus sentimentos em relação a ela porque se trata de um amor proibido já que pretende dedicar sua vida a Deus, por isso, pede para que não voltem a se encontrar. Cupincha provoca um acidente na mina. Mariana chega ao local do acidente e Márcia expulsa a sobrinha dizendo que ela não tem nada para fazer ali e deixa claro que se Falcão estiver vivo será só dela.

Terça, 14/02/2006: Mariana, chorando, pede a Márcia que salve Falcão mesmo que perca o amor de sua vida para ela. Jandira comenta com Lucrécia que João Paulo ficou horrorizado quando ela disse que o amava como homem. Lucrécia diz a Jandira que já havia lhe dito que João Paulo estava destinado a servir a Deus. Falcão, no meio dos escombros, recobra a consciência e consegue ajudar Gonzalito e seus companheiros. O menino está com a perna quebrada. Isabel pergunta a Atílio se há sobreviventes no acidente da mina. Ele responde que talvez estejam todos mortos. Isabel, irônica, diz ao irmão que não gostaria de pensar que o acidente foi provocado pois seria muito conveniente para ele se Falcão não sobrevivesse. Inácio pede a Meio Mundo que o ajude a fazer alguma coisa para que possam sair dos escombros, mas ele diz que já não tem forças para lutar. O delegado investiga o motivo que teria provocado o soterramento da mina. Atílio, hipócrita, diz que foi um acidente. Márcia, furiosa, diz a Mariana que já pode começar a chorar porque Falcão está morto. Mariana se desespera e entra na mina.

Quarta, 15/02/2006: Mariana entra na mina. Camilo tenta seguí-la mas é impedido pelos mineiros. Márcia comunica ao irmão que Mariana entrou na mina porque preferiu morrer ao lado de Falcão. Mariana encontra Geraldo e os outros mineiros que estão trabalhando nos escombros e juntos conseguem resgatar Inácio e seus companheiros. Inácio pede que socorram Gonzalinho pois o menino está com muita febre. Atílio fica furioso ao saber que Inácio está vivo e muito mais ao ver que ele e Mariana saem abraçados da mina. Falcão e Mariana se beijam. Márcia chega e o beija à força. Inácio diz que ela não deve continuar se humilhando pois nunca vai amá-la como ama a Mariana. Márcia ameaça denunciá-lo à polícia mas ele não se intimida. Isabel diz a Lucrécia que Falcão é um Lugo Navarro porque a família o adotou ainda bebê e comenta que eles nunca souberam quem eram os verdadeiros pais da criança. Inácio diz a Isabel que ama Mariana. Isabel diz a Inácio que confia nele e o aconselha a ir embora da cidade com Mariana para que possam ser felizes. Maria Lola conta para Lucrécia que quando recolheu seu filho o entregou aos Lugo Navarro e eles o criaram como se fosse legítimo.

Quinta, 16/02/2006: Mariana flagra Falcão e Márcia juntos e nus. E ela, cínica, diz à sobrinha que não há nada entre eles. Jandira pede desculpas a João Paulo e ele diz que gosta dela como a uma irmã e nunca como mulher. Inácio procura Mariana para explicar que estava tomando banho quando Márcia apareceu, completamente nua, e se jogou em cima dele. Inácio explica que o que Márcia sente por ele é apenas um capricho e jura que é a ela que ama. Inácio revela para Mariana sua verdadeira identidade e diz que é o homem que seu pai está procurando. Inácio pede a Mariana em casamento e ela aceita. Cupincha tenta estrangular Maria Lola quando ela diz que Lucrécia já sabe que Inácio Lugo Navarro é seu filho. Cupincha e Inácio brigam. Camilo diz a Inácio que Cupincha quer matá-lo e alguém está por traz disso. Lucrécia diz a Isabel que Inácio Lugo Navarro é seu filho e que o homem que Atílio tanto persegue é seu filho também.

Sexta, 17/02/2006: Lucrécia diz a Isabel que o filho que teve com Atílio está vivo e é Inácio Lugo Navarro. Isabel não entende o que está acontecendo e pede a Lucrécia que explique tudo desde o início. Lucrécia conta em detalhes como tudo aconteceu e Isabel compara com a história que Maria Lola contou. Inácio agradece a Camilo por tê-lo ajudado a escapar das garras do capataz, conta que Mariana já conhece sua verdadeira identidade e que os dois pretendem fugir do povoado. Inácio se despede de Lucrécia e diz que Mariana está indo embora com ele. Lucrécia diz a Isabel que não quer que Inácio saiba que Atílio é seu pai. Lupe presenteia Mariana com a imagem da Virgem de Guadalupe. Isabel ajuda Mariana a fugir com Inácio. Isidro realiza o casamento de Inácio e Mariana. Atílio se irrita quando Isabel diz que Mariana não descerá para jantar e decide ir buscá-la pessoalmente. Márcia diz a Mariana que não aceita sua relação com Inácio e que não vai permitir que fique com ele. Maria Lola relata em detalhes para Inácio o que aconteceu na noite em que sua família foi dizimada e revela que foi Atílio Montenegro quem os matou.

Sábado, 18/02/2006: Maria Lola revela a Inácio que Atílio matou todos os Lugo Navarro e diz que quanto a ele tem outra história para contar. Atílio, furioso ao descobrir que Mariana está com tudo pronto para fugir com Inácio, vê nela a imagem de Elisa e tenta estrangulá-la. Isabel chega à tempo de salvá-la. Mariana procura Inácio e diz que precisam fugir imediatamente porque seu pai já descobriu tudo e está furioso. Inácio diz a Mariana que terá que escolher entre ele e seu pai pois Atílio Montenegro é o assassino de seus pais e jura que vai se vingar. Inácio diz a Isidro que não foi embora com Mariana porque precisa se vingar de Atílio Montenegro por ter matado seus pais. Isidro revela que ele não é um Lugo Navarro embora tenha sido criado como um filho legítimo. Ele conta que alguém o encontrou abandonado recém?nascido e o entregou aos Lugo Navarro, mas jura que não sabe quem são seus verdadeiros pais. Atílio diz a Isabel que não vai permitir que ninguém lhe roube Mariana e diz que vai matar Falcão. Isabel ameaça entregá-lo para a polícia caso faça algo contra o rapaz.

Segunda, 20/02/2006: Isabel ameaça denunciar Atílio caso ele faça algum mal a Falcão. Márcia dá uma bofetada em Mariana, lembra que prometeu denunciar Falcão à polícia caso não se afastasse dele e diz que agora que descobriu o plano dos dois vai cumprir a ameaça. Isidro tenta convencer Inácio a desistir de sua vingança e ir embora para longe com Mariana por que, caso contrário, ela terá que escolher entre ele e o pai. Inácio, irredutível, diz que não pretende desistir de sua vingança e quanto a Mariana, ela é livre para escolher quem quiser. Inácio procura Atílio, se apresenta como o último dos Lugo Navarro e diz que vai mandá-lo para a cadeia por ter assassinado seus pais. Atílio, debochado, diz que ninguém pode fazer nada contra ele e que terá muito prazer em matá-lo também. Mariana chega para defender Inácio e ele pede para que fujam imediatamente. Ela, chorando, pede a Inácio que vá embora. Inácio vai embora mas promete que voltará para buscá-la. Mariana diz ao pai que já sabe de tudo que ele fez contra os Lugo Navarro. Atílio quer saber o que lhe disseram.

Terça, 21/02/2006: Atílio exige que Mariana conte o que lhe disseram sobre ele. Ela responde que sabe tudo sobre o massacre da família Lugo Navarro. Atílio confessa que o que fez foi por amor a sua mãe e ela o abandonou para viver com José Inácio Lugo Navarro. Márcia ordena a Isidro que prepare uma poção que faça com que Falcão a ame assim como ela o ama. Isidro diz a Márcia que o que ela sente é só paixão e que eles nunca serão felizes juntos. Mariana implora a Inácio que se reconcilie com seu pai e esqueça sua vingança. Inácio responde que não acredita nas boas intenções de Atílio Montenegro e jamais poderá perdoá-lo. Mariana, chorando, diz que então é melhor que terminem o relacionamento pois, caso contrário, vai acabar odiando-a também. Tati exige que Atílio lhe diga por que teve um caso com Maria Lola e, inconformada, pergunta por que essa louca tinha que ser sua mãe. Atílio, furioso, responde que dormiu com ela por que estava bêbado. Mariana conta a Camilo que Isidro fez o casamento dela com Inácio e que, apesar de já ter sido sua, terminaram o relacionamento por que Inácio se recusa a perdoar seu pai. Inácio volta a se enfrentar com Atílio e é preso.

Quarta, 22/02/2006: Inácio diz ao delegado que antes de ser preso quer denunciar Atílio Montenegro por assassinato. O delegado ignora o pedido de Inácio e diz que ele não está em condições de denunciar ninguém. Isidro confessa a Inácio que o denunciou para que não houvesse um confronto entre ele e Atílio e diz que depois ele compreenderá sua atitude. Atílio, em tom triunfante, diz a Mariana que Inácio vai voltar para a prisão de onde fugiu. Lucrécia, chorando, promete a Inácio que vai tirá-lo da cadeia nem que seja a última coisa que faça na vida e diz que vai falar com Atílio Montenegro. Inácio responde que Atílio ainda terá o que merece e diz que se só não se vingou dele por causa de Mariana. Márcia propõe a Inácio que fujam juntos com a condição de que não olhe para nenhuma mulher. Inácio responde responde que ama Mariana e não aceita condições. Lucrécia procura Atílio, diz que o mata se fizer algum mal a Inácio e dispara contra ele. Atílio cai ferido. Mariana visita Inácio e diz que será a última vez que vão se ver por que estão separados pelo ódio que existe entre ele e seu pai.

Quinta, 23/02/2006: Inácio é levado preso para uma ilha. Os mineiros tentam convencê-lo a fugir mas ele não concorda e diz que vai provar sua inocência por que não pretende ser um fugitivo pelo resto de sua vida. Lucrécia, chorando, confidencia a Jandira que Inácio é seu filho e diz que dói muito vê-lo nessas condições. Jandira tenta confortá-la e diz que precisa ser forte para poder ajudar seu filho. Lauro, seguindo ordens de Atílio, espanca Inácio violentamente. Márcia faz Lauro acreditar que terá relações com ele se a levar até onde está Inácio. Márcia passa a noite com Inácio. Ele, semi- consciente, acredita que é Mariana quem está a seu lado. Márcia joga um pacote de dinheiro em cima de Lauro, diz que é o pagamento por deixá-la estar com Inácio e, em tom de deboche, se diz surpresa por ele ter acreditado que manteriam relações pois é muito mulher para ele. Tati, chorando, diz ao pai que vai embora para bem longe do povoado. Atílio, irritado, responde que não se importa com o que ela faça. Mariana toma as dores da irmã e diz ao pai que se Tati for embora ela também irá. Mariana visita Inácio e ele confessa que passou a noite com Márcia acreditando que era ela.

Sexta, 24/02/2006: Inácio explica para Mariana que na noite anterior estava delirando por causa da febre alta e não percebeu que era Márcia quem estava a seu lado. Mariana vai embora chorando. Camilo beija Tati mas logo se arrepende e pede desculpas. Tati dizque está muito feliz com o beijo e corre para contar a Lupe. Márcia diz a Atílio que passou a noite com Falcão e tem certeza que quando contar para Mariana ela vai terminar seu relacionamento com ele. Atílio agradece à irmã e diz que ela lhe fez um grande favor. Inácio, desesperado, pede a Lucrécia que convença Mariana de que a ama e que Márcia se aproveitou que estava semi ? consciente para passar a noite com ele. Lucrécia promete ajudá-lo. Tati pergunta a Isabel se um dia chegar a se casar se seus filhos poderiam herdar a loucura de Maria Lola. Isabel pede à sobrinha que não pense nessa possibilidade e diz estar feliz por vê-la feliz. Mariana chora diante do túmulo da mãe.

Sábado, 25/02/2006: Mariana está chorando diante do túmulo da mãe. Atílio chega e diz que a Mariana que ninguém vai gostar dela como ele gosta. Márcia, em tom de deboche, diz a Mariana que venceu a guerra pois Inácio preferiu ficar com ela e proíbe a sobrinha de voltar a procurá-lo. Mariana diz à tia que não precisa se preocupar pois nunca mais voltarão a saber dela. Inácio volta a ser violentamente espancado por alguns homens que planejam matá-lo fazendo que tudo pareça um acidente. Isidro consegue salvar Inácio. Camilo examina Mariana e diz que tudo indicia que esteja grávida. Camilo a aconselha a contar para Inácio, mas Mariana pede que não comente com ninguém até que ela decida o que vai fazer de sua vida. Camilo e Geraldo ficam furiosos por que são impedidos de ver Inácio e decidem denunciar Atílio Montenegro. O delegado procura Atílio e comunica que há uma denúncia contra ele. De 27/02/2006 a 16/07/2006: devido a mudanças no tempo de arte da novela Mariana da Noite, bem como sua saída aos sábados, o SBT não está enviando os resumos semanais.

Segunda, 17/04/2006: Inácio diz a Mariana que Atílio a ama como mulher e não como filha. Atílio confessa a Mariana que a única mulher que amou é Elisa, sua mãe. Mariana pede a Inácio que se reconcilie com Atílio. Inácio diz a Mariana que Atílio está fingindo para que tenha pena dele. Atílio entra no escritório de Ivan e se surpreende ao ver Libório. Ivan diz que Libório trabalha com ele. Atílio adverte Ivan e ameaça coloca-lo na rua se tentar traí-lo. Padre Pedro pede a Inácio e Márcia que se confessem antes do batizado do filho. Cínica, Márcia pergunta ao padre se ele vai criticá-la por se apoderar de uma criança que não é sua, conta que matou Cândida para que não contasse o que sabia e pergunta se ele pretende romper um segredo de confissão. Ivan diz a Inácio que é um legítimo Lugo Navarro e exige que lhe entregue a fortuna a que tem direito. Mariana chega ao batizado do filho de Inácio. Márcia a expulsa mas Atílio diz que voltou para reassumir o controle da fortuna da família e Mariana fica por que ele está ordenando.

Terça, 18/04/2006: Atílio diz a Ivan que não sabia que havia sido convidado. Ele responde que veio para resolver um assunto particular. Atílio exige que Márcia lhe entregue tudo que diz respeito à fortuna dos Montenegro. Márcia, para humilhá-lo, diz a Atílio que ele mudou sua personalidade com a esperança de que Mariana algum dia o veja como homem, mas ela jamais o verá como tal pois não passa de um farrapo humano. Atílio lhe dá uma bofetada. Márcia diz a Inácio que Atílio está pedindo prestação de contas por que quer Mariana para ele e deseja lhe dar o melhor, e garante que Mariana gosta das atenções de Atílio para com ela. Márcia vai até o quarto de Inácio com a intenção de seduzí-lo e fica furiosa ao não encontrá-lo. O mesmo acontece com Atílio ao não encontrar Mariana em seu quarto. Inácio e Mariana se encontram e fazem amor. Isabel diz a Atílio que não deve desejar Mariana como mulher pois é a esposa de seu filho e pergunta se ele está disposto a brigar com o filho pelo amor da mesma mulher. Atílio diz a Isabel que Inácio não é seu filho. Inácio diz a Mariana que jamais a esqueceu e que escreveu seus poemas com o coração partido por tê-la perdido.

Quarta, 19/04/2006: Mariana diz a Inácio que está feliz por ter se entregado a ele mas confessa que não sabe se cometeu um erro. Inácio responde que não foi um erro e que sempre vai procurá-la por que não aceita ter que ficar longe dela. Isabel diz a Atílio que, mesmo que se negue a aceitar, o bebê de Inácio é seu neto. Atílio, furioso, pergunta a Mariana onde ela esteve. Márcia também não consegue esconder sua ira diz a Inácio que tem certeza de que ele estava com Mariana. Inácio confirma que estava com Mariana e diz a Márcia que nunca a amou nem amará pois Mariana é seu grande amor. Isabel diz a Márcia que Inácio e Mariana se amam, afirma que ele só se casou com ela por causa do bebê e adverte que se continuar a ser tão egoísta terá um final muito triste. Márcia esbofeteia Mariana e Atílio a defende e diz a Márcia que se Inácio a procura é por que a ama. Márcia tenta afogar o bebê para se vingar de Mariana mas Maria Lola o salva. Márcia, ao ver que Lucrécia se aproxima, acusa Maria Lola de tentar matar o bebê. Márcia diz a Inácio e ao delegado que Maria Lola roubou seu filho e tentou afogá-lo.

Quinta, 20/04/2006: Márcia pede ao delegado que prenda Maria Lola pois ela representa um perigo para todos. Maria Lola, assustada, pede a padre Pedro que a proteja, conta que Márcia queria afogar o bebê e ela o salvou e diz que tem medo que Márcia a mate como matou Cândida. Padre Pedro chega no momento em que Márcia tenta asfixiar o bebê, a acusa de ser uma assassina e diz que o bebê não pode pagar por suas amarguras. Márcia, cínica, diz que com certeza Maria Lola já andou fazendo fofocas, mas não se preocupa pois sabe que sua religião o impede de dizer o que sabe. Ivan diz a Mariana que ela precisa ficar a seu lado pois é filho de José Inácio Lugo Navarro e Atílio o matou. Cupincha tenta abusar de Doris mas ela o agride e o expulsa. Mariana pergunta a Atílio se é verdade que ela é uma Lugo Navarro e por que matou seus pais. Atílio se defende, diz que não matou ninguém e nunca soube quem matou seus pais. Mariana diz a Inácio que já sabe quem foram seus pais. Inácio responde que já sabia e afirma que foi Atílio quem os matou. Atílio é operado. Mariana pergunta a um médico sobre o estado de saúde dele e este informa que a operação foi muito arriscada e não pode garantir que ele sobreviva.

Sexta, 21/04/2006: O Dr. Soriano informa a Mariana que o estado de Atílio é muito grave e não sabe se ele sobreviverá. Márcia diz a Ivan que vai assinar uma procuração falsificando a assinatura de Atílio para que possa arruiná-lo e diz que essa é sua vingança por ele a ter maltratado por causa de Mariana. Isidro leva Maria Lola para depor, mas o delegado não acredita em sua declaração e lhe dá voz de prisão. O Dr. Soriano, depois de submeter Atílio a uma bateria de exames diz a ele que não voltará a andar. Atílio, arrasado, diz a Mariana que tinha esperança de que voltaria a andar. Inácio procura Ivan e o critica por querer se apoderar de seus equipamentos. Ivan responde que tudo lhe pertence e os dois se pegam a socos e pontapés. Maria Lola diz a Márcia que enterrou sua barriga de pano. Márcia tenta agredí-la mas Isidro a defende. Ivan mostra um documento a Atílio, diz que é, novamente, o dono do hotel e que essa é sua vingança pois é um Lugo Navarro e não descansará enquanto não arruiná-lo.

Segunda, 24/04/2006: Ivan diz a Atílio que é o caçula dos Lugo Navarro e que vingará a morte de seus irmãos. Atílio responde que eles mereciam morrer por atravessarem seu caminho e lhe aponta uma arma. Narciso chega a tempo de desarmar Atílio e o golpeia na cabeça. Atílio, rastejando, consegue chegar ao quarto de Mariana, diz que Ivan quer matá-lo depois de se apoderar de todos os seus bens e pede a ela que o ajude. Márcia tenta enforcar Maria Lola, mas logo desiste porque Isidro suspeitaria dela, porém ameaça matar Tati se Maria Lola contar a alguém o que aconteceu. Maria Lola encontra Tati e a abraça. Tati conta que Camilo a abandonou e as duas brincam na água. Mariana conta a Jandira que Atílio está vivo, mas o mantém escondido porque Ivan quer matá-lo. Jandira aconselha Mariana a ter muito cuidado porque Ivan é um homem muito perigoso. O delegado comunica Inácio que ele terá que deixar a fazenda. Inácio pede a Márcia que vá com o bebê para a casa de Atílio. Enquanto isso ele e sua mãe viverão no bar. Atílio diz a Mariana que irá embora mas, por enquanto, não pode dizer para onde pois não quer comprometê-la pois morreria se algo lhe acontecesse.

Terça, 25/04/2006: Atílio decide que continuará fingindo que está inválido para que Mariana não o abandone. Cupincha diz a Atílio que Márcia se nega a visitá-lo porque Ivan também roubou Inácio e pergunta se realmente acredita que Falcão poderia ser seu filho. Atílio responde que supõe que seu filho esteja morto assim como o filho de Mariana e Inácio e pergunta se, por acaso, não cumpriu suas ordens. Inácio tenta convencer Mariana de que Atílio a chantageia para que não a abandone. Ivan diz a Atílio que seu fim está próximo. Atílio mata Narciso e Cupincha fere Ivan. Atílio chega à fazenda e diz a Márcia que seu poder chegou ao fim, pois voltou para controlar a fortuna dos Montenegro. Mariana diz a Jandira que está esperando um filho de Inácio, mas não contará nada a ele pois pretende ser pai e mãe da criança. Cupincha tenta agredir Maria Lola. Inácio chega e Maria Lola diz a ele que Cupincha quer cortar sua língua para que não conte que deu a Márcia o bebê que ela diz a todos que é seu filho. Inácio pergunta a Cupincha se isso é verdade. Mariana é presa sob a acusação de ter matado Narciso e de tentar matar Ivan.

Quarta, 26/04/2006: Márcia conta a Ivan que Mariana foi acusada do crime e está presa. Coral diz que Mariana é inocente. Ivan diz que não pretende depor a seu favor, pois assim que Atílio souber correrá para ajudá-la e ele o pegará. Atílio diz a Isabel que se casará com Mariana. Algumas presidiárias agridem Mariana, ela cai e recebe golpes no ventre. Jandira a encontra sangrando, a leva imediatamente para o hospital e consegue evitar que ela sofra um aborto. Por ordem de Ivan, Libório joga ácido nas máquinas de Inácio. Marcelino e Gonzalinho estão brincando no local e se intoxicam. Os dois são levados para o hospital e o estado de Gozalinho é muito grave. Lucrécia diz a Atílio que ele deve ver Mariana como uma filha. Atílio responde que seu amor é puro e não pode lhe fazer mal. Gonzalinho, agonizando, pede a Inácio que procure Mariana e diga que a ama muito e, em seguida, morre.

Quinta, 27/04/2006: Atílio exige que Márcia recupere o documento que Ivan utilizou para se apoderar do hotel. Mariana consegue provar sua inocência e é posta em liberdade. Inácio procura Mariana para dizer que Gonzalinho morreu e que suas últimas palavras foram para ela. Cupincha diz a Atílio que Mariana foi internada com uma ameaça de aborto e que o bebê é filho de Inácio. Inácio diz a Márcia que terminou definitivamente com Mariana e que nunca mais voltará a procurá-la. Márcia comenta com Ivan que Atílio exigiu que ela conseguisse reaver a procuração e diz que se não o fizer ele desconfiará que o traiu. Ele entrega uma cópia e diz que tem em seu poder outras cópias registradas em cartório. Tati diz a Inácio que seu pai é Atílio Montenegro.

Sexta, 28/04/2006: Cupincha se surpreende ao ver Atílio em pé. Ele explica que mentiu para que Mariana não o abandonasse e diz que só vai lhe dizer a verdade quando ela for sua esposa. Mariana avisa Ivan que como uma Lugo Navarro vai cobrar o que lhe pertence e diz que Atílio, apesar de ter cometido muitos erros, está arrependido e não pretende abandoná-lo. Isidro comenta com Lucrécia que Tati disse a Inácio que Atílio Montenegro é seu pai e que, embora ele não tenha acreditado, ficou a dúvida e ela deve estar preparada para as perguntas que ele certamente fará. Isabel critica Ivan por não ter lhe revelado sua verdadeira identidade, diz que Inácio é um legítimo Lugo Navarro e, portanto, também tem direito à herança. Marina conta a Atílio que está esperando um filho de Inácio. Atílio se oferece para reconhecê-lo como se fosse seu. Jandira se despede de Lucrécia e diz que vai procurar sua tribo. João Paulo entrega um contrato rasgado a Ivan e diz a ele que não procure Jandira pois não a encontrará. Em segredo de confissão, Márcia diz a padre Pedro que matará Mariana por estar esperando um filho de Inácio e que Atílio em breve também morrerá pois já começou a envenená-lo.

Segunda, 01/05/2006: Inácio pergunta a Atílio se ele é seu pai. Atílio responde que isso não passa de uma mentira de Lucrécia pois ela foi para a cama com tantos homens que certamente não sabe quem foi seu pai. Inácio comenta com Lucrécia a conversa que teve com Atílio e diz que não voltará a investigar sua origem por respeito a ela. Jandira volta para sua tribo. Camilo intercede a seu favor para que voltem a aceitá-la. Márcia ordena a Cupincha que mate Mariana. Mariana diz a Isabel que Atílio a convidou para voltar a viver na fazenda, mas não poderá aceitar pois está esperando um filho de Inácio e não quer que ele fique sabendo. Mariana também comenta com Isabel que Atílio mudou tanto que até se ofereceu para dar seu sobrenome para o filho que está esperando. Isabel tenta alertá-la, diz que Atílio não mudou em nada e que seu comportamento certamente esconde um motivo pois nunca a viu como filha e a deseja como mulher. Mariana, furiosa, pergunta a Atílio se é verdade que a deseja como mulher.

Terça, 02/05/2006: Atílio explica para Mariana que a grande semelhança que tem com sua mãe fez que às vezes confundisse seus sentimentos, mas para todos, ela e Tati são suas filhas. Mariana deixa claro que jamais poderá vê-lo como homem pois ama Inácio. Márcia aproveita que toda a família está reunida para informar que Inácio pediu para que se casem no religioso. Padre Pedro chega à casa dos Montenegro preocupado com a ameaça feita por Márcia de envenenar Atílio. Logo depois chega Maria Lola trazendo a falsa barriga usada por Márcia. Ela fica muito nervosa ao vê-la e Isabel se surpreende com sua reação. Atílio diz a Márcia que terá que fazer tudo que pedir pois, caso contrário, Inácio ficará sabendo que ela não é a mãe de seu filho. A fortuna dos Lugo Navarro é dividida entre Inácio, Mariana e Ivan. Márcia adverte padre Pedro para que não se meta em assuntos que não lhe dizem respeito, pois isso poderá lhe custar a vida.

Quarta, 03/05/2006: Inácio diz a Márcia que falará com padre Pedro para que prepare tudo para a cerimônia religiosa. Camilo diz a Jandira que o magoou muito e, embora ainda a ame, não pretende se reconciliar pois já não confia nela. ITZEL diz a Jandira que está interessada em Camilo e fará tudo para conquistá-lo. Márcia fica furiosa quando Atílio comunica que Mariana voltará a viver na fazenda. Márcia descobre que Atílio não está inválido e, irônica, diz que precisam continuar sendo cúmplices para guardar seus segredos, pois assim Mariana não ficará sabendo que foi enganada e não o abandonará. Mariana viaja com Isabel para descobrir o que aconteceu com seu filho. Atílio fica sabendo da viagem e ordena a Cupincha que faça o que for preciso para que Mariana se convença de que seu filho morreu. Márcia diz a padre Pedro que mesmo conhecendo todos os seus segredos terá que uni-la a Inácio para sempre. Mariana volta para a fazenda e pergunta a Atílio por que não lhe contou que viveram juntos quando ela estava perdida.

Quinta, 04/05/2006: Atílio diz a Mariana que viveram juntos naquela ocasião, que viu seu filho morrer e que não lhe disse nada para que não sofresse. Maria Lola conta a Isidro que Márcia arrancou a barriga de pano e a jogou no barranco. Isidro aconselha Maria Lola a não provocar Márcia pois ela é capaz de qualquer coisa para alcançar seus objetivos. Cupincha conta a Atílio que fecharam o cassino de Ivan e agora ele é seu vizinho. Mariana diz a Atílio que depois de saber o que fez não poderá continuar vivendo na fazenda. Atílio propõe a Márcia que compre sua parte na mina ou então lhe venda a sua parte, já que pretende convencer Mariana a trabalhar na mina dos Lugo Navarro. Márcia diz a Atílio que está fazendo com a esperança de que Mariana uma dia chegue a amá-lo, mas isso nunca acontecerá, pois ela está esperando um filho de outro homem. Isabel comenta com Lupe que continua achando muito estranho tudo que está relacionado com o filho de Márcia e pretende continuar investigando o assunto sem que ninguém saiba. Padre Pedro diz a Márcia que se não desistir de seu casamento com Inácio, pedirá autorização a seus superiores para denunciá-la pelo que lhe disse em segredo de confissão. Ela agride o religioso deixando-o inconsciente.

Sexta, 05/05/2006: Atílio é preso, acusado do homicídio dos Lugo Navarro. Inácio diz a Atílio que pagará por seus crimes na mesma ilha onde ele, por sua culpa, passou os piores anos de sua vida. Márcia pede a Cupincha que suma com o corpo do padre e diz que foi obrigada a matá-lo porque ele ameaçou denunciá-la. O diretor do presídio diz a Atílio que está ciente que ele subornou o diretor anterior para que prejudicasse Inácio Lugo Navarro, mas agora as coisas serão muito diferentes, portanto não espere ter nenhum privilégio. Lauro acusa Atílio de tê-lo abandonado à própria sorte e promete que vai se vingar. Camilo diz a Jandira que não consegue esquecê-la e, como seu trabalho na comunidade está terminando, é melhor que não voltem a se encontrar nunca mais. Isidro exige que Tati lhe devolva o que pegou em sua cabana quando foi visitar Maria Lola.

Segunda, 08/05/2006: Marina aluga um carro e Cupincha, por ordem de Márcia, danifica os freios. Márcia conta a Cupincha que Atílio está preso mas diz que não fará nada para libertá-lo. Cupincha comenta que se seu patrão ficar sabendo que foi traído matará os dois. Atílio, furioso, lembra ao capataz que não deve obedecer ninguém além dele e pede a ele que lhe consiga o melhor advogado e que leve dinheiro para comprar os carcereiros. Inácio e Lucrécia encontram Marina no meio da estrada com o carro quebrado. Depois de concertá-lo eles vão embora com ela. Durante o trajeto os dois discutem, Lucrécia pede aos dois que sejam prudentes mas Inácio, nervoso, dirige em alta velocidade e eles sofrem um acidente. No hospital, Mariana suplica ao médico que salve seu filho. Vilma informa Márcia, Isabel e Lupe do acidente sofrido por Inácio, Mariana e Lucrécia. Márcia vai até o hospital e fica sabendo que Inácio está em coma, que Lucrécia é a mais grave e que Mariana perdeu o bebê. Márcia, sarcástica, dá os pêsames a Mariana pela morte de seu filho.

Terça, 09/05/2006: Márcia diz a Mariana que ela perdeu o bebê e que esse é seu castigo por ter se envolvido com um homem casado. Mariana, desconsolada, tenta arrancar o soro e diz a Isabel que já não quer viver. Márcia informa João Paulo sobre o acidente sofrido por Inácio e Lucrécia e conta que Mariana perdeu o filho que esperava. O médico diz a Márcia que Inácio pode ficar anos em estado de coma. Camilo se despede de OROPO, diz que embora ame Jandira nunca poderiam ficar juntos e pede a ele que a faça feliz. Padre Pedro recupera a consciência e lembra que Márcia tentou matá-lo. Inácio começa a reagir e chama por Mariana. Márcia, furiosa, tenta fechar o oxigênio mas Camilo chega e a interrompe. Inácio sai do coma e pergunta o que aconteceu. Mariana chega nesse momento e o acusa de ter matado seu filho.

Quarta, 10/05/2006: Mariana acusa Inácio de ter provocado o acidente no qual perdeu seu bebê. Na cadeia, Lauro e Manuel agridem Atílio e avisam que isso é apenas o começo pois ele nem imagina o que o espera. Camilo comunica a Mariana que o médico que a operou lhe disse que ela ficou impossibilitada de ter outros filhos. Dentro da mina, padre Pedro recobra a consciência e, aterrorizado, percebe que não encontra a saída. Tati pede a Camilo que deixe ajudá-lo no consultório, jura que mudou seu modo de ser e que só deseja fazer o bem às pessoas. Mariana visita Atílio na prisão. Lauro a vê e diz a Atílio que da próxima vez que for visitá-lo se divertirá com ela. Eles se agridem e Atílio, furioso, o estrangula e diz ao diretor que agiu em defesa própria. Lucrécia percebe que Márcia não tem carinho pelo filho ao vê-la maltratando o bebê e dizendo a ele que o odeia e só o suporta para manter Inácio a seu lado.

Quinta, 11/05/2006: Lucrécia se dá conta de que Márcia enganou a todos o tempo todo e de que é uma mulher má. Isabel diz a Márcia que cada vez que vê seu filho não pode deixar de pensar que as pessoas dizem que ele é filho de Mariana. Furiosa, Márcia proíbe Isabel de voltar a tecer tal comentário e ameaça impedi-la de ver a criança. Atílio mata Lauro e diz ao diretor do presídio que foi em defesa própria. Ivan assedia Márcia e diz que ela precisa de um homem pois seu marido a abandonou. Inácio diz a Lucrécia que não ama Márcia mas decidiu se casar com ela no religioso por ter lhe dado um filho. Lucrécia se desespera por não poder preveni-lo, devido a seu estado. Padre Pedro consegue sair da mina com a ajuda do cão de Isidro. Chega o dia do casamento de Márcia e Inácio e, ao ver Mariana ele fica em dúvida. João Paulo diz a Inácio que ainda está em tempo de desistir do casamento.

Sexta, 12/05/2006: Inácio olha para o filho e acaba dizendo sim a Márcia. Padre Pedro tenta chegar à igreja para impedir Inácio de se casar com Márcia mas Cupincha o mata. Mariana, chorando, diz a Atílio que Márcia e Inácio se casaram no religioso. Atílio, hipócrita, pede a Mariana que aceite ser sua esposa, diz que só quer protegê-la e jura que não a obrigará a cumprir seus deveres de esposa. Tati diz a Márcia que fica triste ao ver que Inácio continua apaixonado por Mariana. Furiosa, Márcia diz a Tati que não acredita em sua mudança pois continua sendo uma má pessoa e sugere que se preocupe com Camilo pois agora que está livre poderá se interessar por outra mulher. Márcia conta a Lucrécia que Cupincha matou o padre. Cupincha diz a Márcia que já encontraram o cadáver do padre e os dois comemoram. Márcia comenta com ele que Mariana nunca saberá que seu filho está vivo.

Segunda, 15/05/2006: Lucrécia, que está em estado vegetativo, ouve Márcia dizer Cupincha que o filho que faz passar como seu é na realidade de Mariana. Carol diz a Ivan que Atílio está decidido a entrar na justiça contra ele para recuperar o hotel e alerta que se isso acontecer Atílio descobrirá que falsificou sua assinatura. Cupincha visita Atílio na prisão e entrega a ele uma garrafa de vinho envenenado, enviado por Márcia. Cupincha conta a Atílio que padre Pedro apareceu morto. Atílio pergunta a Cupinhca se ele teve algo a ver com a morte do religioso. Ele nega assustado. Ivan visita Atílio na prisão e, por sugestão de Carol, diz a ele que devem se aliar para que o único prejudicado seja Inácio. Ele promete devolver o dinheiro que lhe roubou e o hotel se em troca Atílio retirar o processo. Ivan diz a Carol que vai tirar Atílio da cadeia por lhe convém tê-lo a seu lado. Mariana está na fazenda esperando por Isabel quando Márcia chega e a insulta. Atílio chega nesse momento, diz a Márcia que Mariana não está sozinha e que a pdiu em casamento. Marina confirma e diz a Márcia que está pensando no pedido de casamento que recebeu.

Terça, 16/05/2006: Mariana diz a Márcia que está pensando em aceitar o pedido de casamento de Atílio. Inácio diz a Mariana que não pode se casar com Atílio. Jandira se reencontra com seus pais. Mariana diz a Isabel que Atílio lhe propôs casamento e confessa que só disse a ele que iria pensar no assunto por que ficou irritada com a atitude de Márcia, mas jamais se casaria com ele. Márcia diz a Ivan que a prejudicou muito ao livrar Atílio da cadeia. Ele se justifica e diz que decidiu tirá-lo da cadeia para que ele não fosse a julgamento e descobrisse que falsificou sua asinatura. Atílio se sente mal depois de beber o veneno que Márcia lhe deu. Atílio diz a Márcia que tem um plano para destruir Inácio e ganhar votos com Mariana. Por ordem de Ivan, Libório rouba o bebê de Inácio. Márcia finge sofrimento e, chorosa, diz a Inácio que roubaram seu filho. Mariana pergunta a Inácio se sabe alguma coisa sobre seu filho.

Quarta, 17/05/2006: Mariana abraça Inácio, que chora desesperadamente por não saber nada sobre seu filho. Inácio, furioso, procura Ivan e o acusa de estar envolvido no seqüestro de seu filho. Ivan nega e diz a Mariana que talvez tenha sido ela pois foi o menino que a separou de Inácio. Vilma comenta com Inácio sobre o desaparecimento do filho de Inácio. Vilma fica intrigada com a reação de Libório, decide seguí-lo e constata que ele está com a criança. Libório se descontrola ao ver que foi descoberto e a mata quando Vilma tenta levar a criança. Márcia expulsa Mariana da fazenda. Mariana lhe dá uma bofetada. Márcia entra no quarto de Lucrécia e, cínica, reconhece que mandou matar várias vezes a criança e que não se importa se ele aparecer ou não. Ela confessa também que pediu ao Ivan que o levasse. Márcia critica Ivan por ter prejudicado Inácio ao inundar a sua mina, ameaça contar tudo que sabe e deixa claro que Atílio não poderá ajudá-lo pois está morrendo.

Quinta, 18/05/2006: Camilo diz a Mariana que Atílio está agonizando e quer falar com ela. Ivan conta a Márcia que Atílio nomeou Mariana sua única herdeira. Camilo consola Tati, ela tenta beijá-lo mas Camilo deixa claro que só quer protegê-la mas não deve confundir suas intenções. Jandira chega ao povoado e pede a Camilo que vá até sua aldeia pois pois há uma epidemia e seu povo está correndo perigo de morte. O Dr. Lozano diz a Mariana que o veneno que Atílio ingeriu fez muito mal ao seu organismo mas fará de tudo para salvá-lo. Libório diz a Carol que tem muito medo que descubram que ele tem o menino em seu poder e que matou Vilma. Agonizante, Atílio pede a Mariana que se case com ele e diz que é seu último desejo. Cínica, Márcia conta a Lucrécia que teve um encontro apaixonado com Ivan, diz que é tão bom amante quanto Atílio e confidencia que ele foi seu primeiro homem. Isabel diz a Mariana que não pode se casar com Atílio.

Sexta, 19/05/2006: Mariana diz a Isabel que só aceitou se casar com Atílio por que ele está morrendo. Libório diz a coral que prefere ir embora antes que o prendam, mesmo que sua atitude deixe Ivan irritado. Ivan diz a Coral que vai matar Libório antes que o delate. O Dr. Lozano diz a Mariana que Atílio está agonizando e quer falar com ela. Atílio se recupera e pergunta a Mariana se sonhou ou ela aceitou mesmo se casar com ele. Mariana diz a Atílio que fez a promessa por estava agonizando mas agora que está recuperado precisa liberá-la desse compromisso pois nunca se casará com ele e muito menos à força. Atílio deixa claro para Isabel que não descansará enquanto Mariana não secasar com ele. Tati chega à aldeia onde vive Jandira supostamente para ajudar os doentes. Márcia diz a Mariana que mesmo que se case com Atílio nunca será dona de nada.

Segunda, 22/05/2006: Por ordem de Atílio, Cupincha provoca uma explosão na mina para matar José Ramon, mas ele fica apenas ferido e é resgatado por Tati e os mineiros. Lucrecia conta a Jandira tudo que Márcia foi capaz de fazer para manter Inácio a seu lado. Desesperada com a atitude de Márcia, Isabel conta a Mariana que o pequeno José Inácio é seu filho. Mariana fica feliz e desmaia. Tati, diante dos mineiros e das garotas da cantina, pede perdão a Maria Lola. Meio-Mundo diz a Tati que agora sim acredita que ela mudou. Inácio diz a Márcia que não é feliz a seu lado e jamais o será. Inácio diz a Márcia que o amor que ela diz sentir o sufoca e jamais poderá ser feliz a seu lado. Furiosa, ela diz que prefere vê-lo morto do que ao lado de outra mulher. José Ramon recupera a consciência, agradece a Tati por sua dedicação e diz que desde que a conheceu sentiu que seria uma pessoa importante em sua vida. Márcia entra no quarto de Lucrecia com a intenção de fazer mal ao bebê. Lucrecia defende a criança e diz a Márcia que se afaste de José Antônio pois não é seu filho. Assustada, Márcia força Lucrécia a tomar sedativos para mantê-la desacordada. Lupe e Isabel chegam à fazenda para pegar o bebê e levá-lo para Mariana. Márcia se opõe e Isabel tenta fazer Lucrecia falar, sem saber que ela está sedada. Márcia diz a elas que a sogra continua em estado vegetativo. Isabel discorda e diz que Lucrecia já havia reagido. Tati e José Ramon se beijam. Isabel diz a Márcia que levará José Antônio embora, pois não é seu filho e sim de Mariana. Mariana recobra a consciência e diz a Inácio que José Antonio é o filho que acreditava estar morto.

Terça, 23/05/2006: Mariana volta a si e diz a Inácio que o pequeno José Antônio é filho dela e não de Márcia. Isabel e Márcia discutem. João Paulo diz a Márcia que não precisa continuar se fazendo de vítima porque Lucrécia já contou todos os crimes e maldades que cometeu. Márcia, astutamente, diz ao padre que quer se confessar e quando termina, cinicamente, diz a ele que não dizer nada por que contou tudo em segredo de confissão. Tati, ao saber que o bebê é filho de Mariana, vai até a fazenda, pega o bebê e entrega a Isabel. Tati diz a Isabel que vai distrair Márcia para que ela leve o bebê para Mariana. Márcia fica furiosa com Tati por ter levar o bebê. José Ramon defende Tati e diz a Márcia que não vai permitir que a maltrate. Inácio diz a Mariana que vai abandonar Márcia pois já não há nada que o prenda a ela. Inácio volta para a fazenda, acusa Márcia de ter roubado o filho de Mariana e exige que Márcia vá embora de sua casa. Mariana jura que a mãe da criança e diz que va ise submeter a um teste de DNA para provar o que está dizendo. José Ramon procura Isabel e pede a mão de Tati em casamento. Inácio diz a Márcia que o bebê ficará com Marina até que sai o resultado do exame. Tati pede perdão a Mariana e conta que vai se casar com José Ramon. Mariana fica feliz e diz a Tati que gostaria que, de agora em diante, se vejam com irmãs. Cupincha, induzido por Ivan, conta a Isabel que foi testemunha de como Atílio matou José Antônio Lugo Navarro para evitar que se casasse com ela. Ivan procura Isabel e diz que, agora que conhece a verdade, deve se aliar a ele para fazer Atílio pagar pelos seus crimes.

Quarta, 24/05/2006: Tati confessa a José Ramon que contagiou Itzel com o vírus que a levou à morte. José Ramon diz a Tati que deve se entregar à justiça. Ela segue o conselho e se entrega. Camilo procura o delegado para esclarecer que Itzel já estava contagiada e, portanto, Tati não é a responsável por sua morte. Tati é libertada. Cupincha diz a Márcia que já está cansado de ser maltratado por ela e por Atílio e de agora em diante não vai mais ajudá-los. Inácio e Mariana percebem que o bebê desapareceu. Maria Lola conta que Márcia o levou. Maria Lola conta para Inácio e Mariana que Márcia levou o bebê. Lucrecia recobra a consciência e pede a João Paulo que previna Inácio contra Márcia. Lucrecia diz a Inácio que há tempo começou a se recuperar mas fingiu para que Márcia não percebesse. Ela conta que Márcia odeia o bebê por ser filho de Mariana e que já foi capaz até de matar para que ele ficasse a seu lado e desistisse do grande amor de sua vida. Isidro tenta se transformar em Falcão para encontrar o bebê, mas Maria Lola o impede e diz que não será preciso. Inácio encontra Márcia e implora para que devolva seu filho. Márcia diz a Inácio que jamais voltará a ver seu filho. Mariana diz a Atílio que quer se divorciar e que jamais o perdoará por ter arrancando seu filho dos braços e fazer com que acreditasse que estava morto. Inácio tenta recuperar o bebê e diz a Márcia que vai amar Mariana até a morte. Furiosa, Márcia dá uma punhalada nas costas de Inácio.

Quinta, 25/05/2006: Márcia dá uma punhalada nas costas de Inácio, lembra que o advertiu que preferia vê-lo morto do que feliz com Mariana e depois foge levando o bebê. Tati critica Atílio por seu desamor e diz ao pai que encontrou o amor de um homem bom e vai se casar com ele. Atílio lhe dá uma bofetada. Tati responde que a bofetada não pode doer mais que sua indiferença. Isabel acusa Atílio de ter matado o grande amor de sua vida e diz que jamais poderá perdoá-lo. Atílio pega o bebê que está com Márcia. Tati pede perdão a Camilo e Jandira e viaja para encontrar José Ramon. Atílio entrega o bebê para Mariana e confessa que sempre a amou e desejou como mulher.

Sexta, 26/05/2006: Atílio confessa a Mariana que sempre a amou e insiste para que vivam como marido e mulher já que não existe nenhum parentesco entre eles. Mariana vai embora chorando. Maria Lola vê Mariana com o bebê. Márcia chega e tenta enforcá-la. Mariana pede a Maria Lola que salve o bebê. Atílio defende Mariana de Márcia mas depois a leva para uma gruta e a amarra. Ao saber que Mariana está desaparecida, Inácio procura Atílio e o acusa de ser o responsável. Atílio finge não saber de nada. Lucrecia diz a Atílio que Inácio é seu filho e não continuar lhe fazendo mal. Coral comunica a Ivan que é a nova do hotel e do cassino. Ivan fica furioso e diz que vai se vingar. Cupincha diz a Atílio que não quer mais trabalhar com ele pois está cansado de seus maltratos. Antes de sair, Cupincha diz a Atílio que Inácio sim é seu filho e que não o matou como havia ordenado. Inácio diz a Lucrecia que está disposto a enfrentar Atílio até a morte para que ele diga onde escondeu Mariana. Apavorada com o que possa acontecer, Lucrecia diz a Inácio que Atílio é seu pai.

Segunda, 29/05/2006: Lucrecia confessa a Inácio que Atílio é seu pai, explica que não disse antes para evitar que sofresse e que agora o faz para evitar uma tragédia. Cupincha diz a Atílio que ele esteve o tempo todo odiando seu próprio sangue e perdeu o amor de Mariana para seu próprio filho. Ivan pede a Atílio que o ajude a recuperar tudo que Carol lhe roubou e, em troca, promete devolver o hotel. Inácio diz a Isidro que ele sempre será o pai que nunca teve. Atílio diz a Mariana que embora esteja convencido de que Inácio é realmente seu filho, vai continuar lutando contra ele por ter roubado seu amor e que fará o que for preciso para que o ame por bem ou por mal. Atílio tenta violentar Mariana, Jandira ouve seus gritos e tenta defendê-la mas acaba sendo amarrada. Cupincha, arrependido, confessa a João Paulo todos seus crimes e este o aconselha a se entregar para a polícia. Carol e Atílio se unem para eliminar Ivan.

Terça, 30/05/2006: Inácio diz a Atílio que agora que sabe que é seu pai, não pretende fazer nada contra ele e implora que diga onde está Mariana. Atílio diz a Inácio que não sabe nada de Mariana e deixa claro que o fato de ser seu filho não muda nada entre eles. Isabel diz a mãe Lupe que deixarão a fazenda por que Atílio nunca mudará sua maneira de ser e não quer ser sua cúmplice. Inácio e Lucrecia convidam Isabel e Lupe para que vivam com eles na fazenda. Na gruta, Mariana confessa a Jandira que tem muito medo que Atílio tente violentá-la. Atílio chega à gruta com a intenção de violentá-la mas, diante do desprezo de Mariana ele recua e diz que não quer voltar a matá-la. Jandira diz a Atílio que o que ele pretende é um sacrilégio pois Mariana sempre o viu com um pai e nunca poderá amá-lo como homem. Furioso, Atílio tenta enforcá-la.

Quarta, 31/05/2006: Sem saber que Atílio e Carol se uniram para destruí-lo, Ivan abre o cofre de Atílio, onde há uma arma estratégicamente colocada, e é atingido mortalmente por um tiro à queima roupa. Carol, Libório e Manuel são presos acusados pela morte de Ivan. Completamente embriagado, Cupincha sobe no alto da torre da igreja e grita para todo o povoado todos os crimes que Atílio e Márcia Montenegro cometeram e que ele, para agradá-los, executou. Apesar de se dizer arrependido, Cupincha quase é linchado pelos moradores. Depois todos vão até a fazenda para fazer o mesmo com Atílio. Porém, são recebidos à bala por ele, que depois decide fugir levando Mariana com ele, por bem ou por mal. Maria Lola encontra Mariana e Jandira. Cupincha, arrependido de tudo que fez, tenta tirar a própria vida.

Quinta, 01/06/2006: Mauro denuncia Carol por ter se apropriado indevidamente do hotel e do cassino de Ivan Lugo Navarro e também por ser cúmplice de sua morte. Maria Lola diz a Inácio que encontrou Mariana e Jandira amarradas e escondidas dentro de uma gruta. Atílio chega ao esconderijo e leva Mariana com ele. Inácio chega logo depois e, ao constatar que Mariana não está, decide ir atrás dela. Inácio consegue alcançá-los e Atílio ameaça matar Mariana se insistir em seguí-lo. Inácio e Atílio se agridem fisicamente e Atílio acaba caindo em um pântano. Inácio o salva. Atílio chega ao local onde Elisa está enterrada e encontra Isidro. Isidro diz a Atílio que não é possível que depois de tudo que aconteceu ele ainda não se convenceu que está errado, que o amor que sentiu por Elisa se transformou em ódio ao não ser correspondido e o aconselha a aceitar sua derrota. Atílio, furioso, diz que não está vencido e que voltará para se vingar.

Sexta, 02/06/2006: resumo do último capítulo da novela Mariana da Noite – Márcia está decidida a não permitir que Inácio e Mariana sejam felizes. Um mês depois… Maamãe Lupe parabeniza Isabel pela maneira como tem administrado a mina, oferecendo melhores condições de trabalho para os mineiros. Mariana presenteia Ruth e Doris com o hotel e o cassino que recebeu como herança de seu tio, Ivan. Ângelo se declara para Isabel e propõe casamento. Atílio volta para a fazenda e ameaça matar Inácio por ter lhe roubado Elisa. Inácio tenta fazê-lo entender que Elisa está morta e que ama a Mariana. Atílio atira em Inácio. Márcia entra na frente para protegê-lo e fica gravemente ferida. Agonizando, ela diz a Inácio que o ama mais que a própria vida e depois morre. Atílio volta à fazenda e diz a Isabel que o filho de Elisa tem que pagar por toda traição de sua mãe. Inácio chega e os dois brigam violentamente. Atílio consegue fugir mas é perseguido por Inácio e Mariana. Atílio, à beira do precipício, finalmente aceita que o amor de sua vida é Elisa e ela está morta. Pede perdão a Inácio por não aceitá-lo como filho e a Mariana por sua obsessão. Depois deseja que sejam felizes e se joga do precipício. Inácio e Mariana finalmente conseguem se unir em matrimônio.

Elenco / Personagens

Atílio (César Évora) – Atílio é um homem dominador e possessivo que não tem escrúpulos para ter o que deseja. Amou loucamente a mãe de Mariana. Como Mariana é a viva imagem de sua mãe, também se apaixona por ela. Um amor que mantém em segredo porque Mariana acredita que ele é seu verdadeiro pai. Ele não tolera que outros homens se aproximem da garota e é capaz de matar para evitar que ela tenha algum romance com alguém.

Márcia (Angélica Rivera) – Márcia é a irmã mais nova de Atílio. Uma mulher dura e cruel. Trata muito mal todos os seus empregados e sempre se veste de maneira muito masculina. Nunca se apaixonou por alguém porque se sente superior a todos os homens da região, mas quando conhece Inácio se apaixona. Terá muito ciúmes dele quando descobrir que na verdade ele ama Mariana. Fará de tudo para ter Inácio ao seus pés.

Inácio (Jorge Salinas) – Apesar de sua aparência de ser um homem rude, Inácio é um homem bastante sensível e está sempre em busca da justiça e da verdade, e adora escrever poesias. Se esconde atrás de um nome fictício quando chega ao povoado, pois está em busca de respostas e dos segredos obscuros sobre a sua origem e da morte de toda a sua família. Seu encontro com Mariana se dá no meio da noite e ali surge um grande amor.

Mariana (Alejandra Barros) – Mariana é uma jovem sensível e compreensiva, filha de Atílio Montenegro a quem cuida possessivamente. Mariana conhece Inácio e vai lutar para não perder esse amor. Sonha em se casar e construir uma família, mas todos os seus pretendentes foram mortos. Ela pensa que é amaldiçoada, por isso sempre esta vestindo negro. Está sempre de luto porque nunca poderá encontrar o grande amor de sua vida.

Camilo (René Strickler) – Camilo é um homem bastante atraente. Ele é o medico da região e está interessado em Mariana, mas Tati é quem está apaixonada por ele, e Atílio aprova uma possível relação com ela.

Tati (Adriana Fonseca) – Tati é uma garota mesquinha e caprichosa que foi criada como irmã de Mariana, mas tem inveja da garota. Sempre está competindo com Mariana em tudo. Sabe que Mariana é a favorita de todos e por isso sente um grande rancor sobre ela.

Jandira (Patrícia Navidad) – Uma indígena que em busca de seus sonhos, se perde no caminho da vida. Yadira tem uma excelente voz e canta na cantina do povoado. Sonha em encontrar o amor de sua vida, que a ame, a respeite e que lhe dê uma família.

Lucrécia (Maria Rojo) – Amante ocasional de Atílio, uma mulher que conserva a beleza de sua juventude. Lucrécia é a dona da cantina do povoado. Teve um filho de Atílio, mas acredita que esse filho está morto. Em baixo de seu lindo sorriso, ela esconde essa terrível dor da perda de seu filho.

Maria Lola (Patrícia Reyes) – Uma mulher misteriosa que vive no povoado. Vive só e está sempre vestindo roupas sujas e esfarrapadas. Conhece os segredos dos Montenegro, mas um estranho temor a obriga ficar calada.

Isidro (José Carlos Ruiz) – Isidro é um homem que vive sozinho no monte. Um homem culto e sereno que ama a natureza, se dedica aos estudos e de cuidar dos pássaros. Ele é o único que conhece a verdadeira identidade de Ignácio.

Elenco

Alejandra Barros – Mariana Montenegro / Elisa
Angélica Rivera – Márcia Montenegro
Jorge Salinas – Inácio Lugo Navarro
César Évora – Atílio Montenegro
Alma Muriel – Isabel Montenegro
René Strickler – Camilo
Patricia Navidad – Jandira Guerrero (Yadira)
Adriana Fonseca – Tatiana Montenegro (Chachi)
María Rojo – Lucrécia Vargas
Sérgio Acosta – Cupincha (Cumache)
Patricia Reyes Espíndola – Maria Lola
Juan Carlos Ruiz – Isidro Valtierra
Raúl Ramírez – Padre Diego
Rafael Rojas – Geraldo
Aurora Clavel – Lupe
Ignácio Guadalupe – Meiomundo (Mediomundo)
Arturo Muñoz – Max
Aleida Nuñez – Miguelina
Benjamín Islas – Libório
Agustín Araña- Oropo
Marcelo Buquet – José Ramón Martínez
Marjorie de Sousa – Carol
Roberto Blandon – Iván Lugo Navaro
Osvaldo Benavides – Javier Mendieta
Socorro Bonilla
Sandra Montoya – Itzel
Raul Ramirez – Padre Pedro
Daniel Continente – Juan Pablo
Joustein Roustand – Gonzalito
Ileana Montserrat – Teresita
Roberto Vander – Angel

Trilha Sonora Nacional e Internacional

Tema de abertura:

Yo Te Recuerdo – Juan Gabriel

Sabes amor, nunca te he olvidado,
te recuerdo en cada estrella siempre que aparece.
Sabes amor, siempre te he recordado
y te miro en cada flor,
que al colibrí se ofrece,
Sabes amor, yo siempre te he encontrado
en cada malva que florece
en cada pájaro que canta,
y cuando amanece y anochece.
Yo te Recuerdo

cuando las hojas bailan,
cuando el aire no las mece,
cuando la noche es blanca,
cuando as las siete se oscurece
cuando la lluvia cae,
cuando desaparece,
cuando la luna sale
y cuando el sol se mete,
yo te recuerdo….

0 Comentário para: “Mariana da Noite Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *