Editora Mayo, Bom Dia Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Editora Mayo, Bom Dia desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Editora Mayo, Bom Dia e de todas as novelas exibidas na Record.

Sobre a Novela Editora Mayo, Bom Dia

◘ Período de exibição original: 12/04 a 07/08/1971
◘ Horário: 19h30
◘ Nº de capítulos: ND
◘ Autoria: Walther Negrão
◘ Direção: Carlos Manga
◘ Emissora/Produtora: Rede Record

Na Editora Mayo existem muitos mistérios, principalmente com o copeiro Chicão e sua filha Jô. O suspense aumenta quando Ray também consegue emprego de copeiro, mesmo com sua larga cultura.

O suspense é alastrado quando Ray também consegue emprego de copeiro, apesar de sua larga cultura.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Editora Mayo, Bom Dia

** Resumo não divulgado

Apresentou-se uma nova proposta conduzida alegremente. A Record fazia um investimento tentacular. Trazia Walther Negrão da Globo e reunia a dupla de Beto Rockfeller, Luiz Gustavo e Débora Duarte.

Mas, em 1971 a concorrência às 19 horas era grande demais: Minha Doce Namorada na Globo, e A Fábrica na Tupi. Tanto que a emissora não apresentou uma novela substituta no horário de imediato.

O futuro autor de novelas Silvio de Abreu, que começou a carreira artística como ator, participou do elenco de Editora Mayo, Bom Dia. O seu personagem, o Subdelegado Damasceno, já havia estado na trama anterior de Negrão, A Próxima Atração, na Globo. Era o primeiro caso de um personagem que reaparece numa novela posterior. O próprio Silvio de Abreu usaria desse recurso em suas novelas, anos mais tarde.

A Record fez um grande investimento, trazendo Walter Negrão da Rede Globo e reunindo a dupla que protagonizou Beto Rockfeller – Luís Gustavo e Débora Duarte.

Mas, em 1971, a concorrência entre “novelas das sete” era grande demais, já que também estavam no ar Minha doce namorada (Globo) e A fábrica (TV Tupi).

Sílvio de Abreu, que futuramente seria autor de telenovelas, começou sua carreira como ator, participando do elenco de Editora Mayo, bom dia. Seu personagem, o subdelegado Damasceno, no entanto, já havia aparecido na trama anterior de Walter Negrão, A próxima atração (Globo, 1970/1971). Foi um dos primeiros casos de uma personagem que reapareceu numa telenovela posterior. O próprio Sílvio usaria bastante esse recurso anos mais tarde em suas novelas.

A gravadora Copacabana lançou o compacto com o tema da novela cantado por “O Grupo” em 1971 , no lado A -Editora Mayo Bom Dia (tema da novela), no lado B – Vera Verinha, outra canção que não era da novela.

Elenco / Personagens

Luis Gustavo – Ray
Débora Duarte – Jô
Fernando Baleroni – Chicão
Nathalia Timberg – Maria do Carmo
Rodolfo Mayer – Américo Mayo
Geraldo Del Rey – Rubens
Mauro Mendonça – Mateus
Adriano Stuart – Aranha
Karin Rodrigues – Ítala
Lídia Costa – Carolina
Ademir Rocha – André
Pepita Rodrigues – Bia
Célia Helena – Alice
Miriam Mehler – Cláudia
Flora Geny – Helena
Célia Coutinho – Mimi
Wilma de Aguiar – Marta
Silvio de Abreu – subdelegado Damasceno Righi Salomão
Edmundo Lopes
Heraldo Galvão
Perry Salles
Sebastião Campos
Rubens Moral
Wladimir Nikolaieff

Trilha Sonora Nacional e Internacional

O tema de abertura da telenovela é “Editora Mayo, Bom Dia”,composta por Roberto Carlos e Erasmo Carlos,e cantada por O Grupo.

Letra

Honestidade vai embora daqui
Nós não falamos com você nem a pau
Criamos fatos da imaginação
Onde a verdade não existe em geral

Mas agora roda que eu quero ver
A manchete da capa vai ser pra valer
Se alguém vai sofrer não queremos saber
O que interessa é a mentira que o povo vai ler

Esse é o nosso mundo cão
Festival de opinião

E a tiragem vai aumentando…

A vida amansa com problemas totais
E a conseqüência é a imensa falta do céu
No fim do dia, no balanço geral
Não sobrou nada que não fosse papel

Mas agora roda que eu quero ver
A manchete da capa vai ser pra valer
Se alguém vai sofrer não queremos saber
O que interessa é a mentira que o povo vai ler

Esse é o nosso mundo cão
Festival de opinião

E a tiragem vai aumentando…

Comentário para: “Editora Mayo, Bom Dia Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. cyro reis

    Walter Negrão, era outro autor de novelas de sucesso na época, atualmente ele não faz mais nada que preste, como se sua criatividade tivesse expirado, também ele não é muitobem aproveitado pela atual emissora que ele trabalha, sempre com novelas insossas no horário das 18hs, já fez grandes obras no extinto horário das 20hs e também em outras emissoras, hje extintas.