Duas Vidas Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Duas Vidas desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Duas Vidas e de todas as novelas da Globo.

Sobre a Novela Duas Vidas

◘ Período de exibição: 13/12/1976 – 11/06/1977
◘ Horário: 20h
◘ Nº de capítulos: 154
◘ Autoria: Janete Clair
◘ Direção: Daniel Filho e Gonzaga Blota
◘ Codireção: Marco Aurélio Bagno

Ambientada no Rio de Janeiro, a novela conta a história de pessoas cuja vida é alterada quando a rua em que moram, no bairro do Catete, é desapropriada para a construção de uma linha do metrô.

O alfaiate seu Menelau (Sadi Cabral) é um dos mais antigos moradores do local e tem sua casa desapropriada por causa das obras do metrô, vendo-se obrigado a morar em um apartamento na companhia do filho Tomás (Cecil Thiré), a nora Leda Maria (Betty Faria) e o neto Téo (Carlos Poyart).

Um dia, Tomás rouba o dinheiro de seu Menelau e foge com outra mulher, Gilda (Arlete Salles), deixando a família em situação muito difícil. Abandonada, Leda Maria envolve-se simultaneamente com o Dr. Victor Amadeu (Francisco Cuoco), médico que atende aos moradores da redondeza, e Dino César (Mário Gomes), sua paixão de adolescência. A história se complica quando Dino se aproxima de Cláudia (Susana Vieira), nora da proprietária de uma gravadora.

Enquanto Dino ascende na carreira fonográfica, Leda batalha para se harmonizar com a família do ex-marido, criar o filho, apesar das dificuldades, e esquecer sua antiga paixão. No fim, depois de muitos desencontros, Leda vive um amor maduro com Victor.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Duas Vidas

** Resumo ainda não divulgado

Uma rua no bairro do Catete, no Rio de Janeiro, é desapropriada para a construção de uma linha do metrô. A partir daí, a novela acompanha a história dos moradores, o recomeço de suas vidas alteradas pelo progresso da cidade, suas relações familiares e amorosas.

Em Duas Vidas, Janete Clair pretendia dar continuidade ao realismo social que fez tanto sucesso em sua trama anterior, Pecado Capital (1975). No entanto, a autora viu frustradas suas intenções de fazer uma crítica humanista à chegada do metrô sob a ótica dos moradores do Catete. A novelista quis abordar os transtornos que uma obra de interesse público pode causar ao universo particular das pessoas, mas a censura não gostou e vetou toda a intenção crítica da novela. Até as cenas mais simples, como a reclamação dos personagens sobre a poeira causada pelas obras, foram proibidas. A construção do metrô era obra do governo federal, na época sob o comando do general Ernesto Geisel, e, de acordo com a censura, não podia ser criticada na televisão.

Ao assumir a direção da novela, no capítulo 41, Gonzaga Blota sugeriu várias mudanças na trama para tentar superar, além das imposições da censura, a baixa aceitação do público. Por conta disso, Janete Clair não pôde manter a estrutura inicial da novela, dividida em três partes: a luta dos moradores contra a desapropriação de suas moradias, a dispersão deles com a demolição das casas e o reencontro em outros ambientes e situações. A saída encontrada pela autora foi desviar a atenção para os desencontros amorosos de Leda Maria (Betty Faria), Dino (Mário Gomes) e Victor Amadeu (Francisco Cuoco).

Janete Clair chegou a escrever uma carta à Divisão de Censura e Diversões Públicas do Departamento de Polícia Federal: “Quem lhe escreve é uma escritora perplexa e desorientada em face dos cortes que vêm sendo feitos pela Censura Federal nos últimos capítulos da novela Duas Vidas. Perplexa e desorientada não apenas pela drástica mutilação da obra que venho realizando, como também diante do incompreensível critério que orienta a ação dos censores. De fato não posso entender que conceitos morais ou de qualquer natureza possam determinar a proibição de um romance de amor entre um jovem e uma mulher madura, ambos solteiros. (…) Não posso entender igualmente o porquê da proibição de outra cena em que o dono de uma casa de móveis reclama contra a poeira produzida pelas obras do metrô, que lhe emporcalha os móveis e afugenta a freguesia, quando todos nós sabemos dos transtornos ocasionados por essa obra pública.” O esforço da autora, no entanto, não surtiu efeito.

Janete Clair também sofreu com a crítica televisiva, que foi impiedosa. Ainda assim, a novela conseguiu alcançar sucesso de público e registrou alto índice de audiência em seu último capítulo. A autora creditou o êxito final à fidelidade do público feminino a suas histórias e à personagem Leda Maria.

Janete Clair concluiu a novela em 151 capítulos, mas um afastamento temporário de Francisco Cuoco, por problemas de saúde, obrigou a direção a esticar o roteiro original, que acabou totalizando 154 capítulos.

Estimulado pelo sucesso de seu personagem, Mário Gomes se aventurou como cantor e teve uma música – Chiclete e Cabochard – incluída na trilha da novela. O colar de contas brancas usado por Dino, seu personagem, virou febre entre o público.

A atriz Isabel Ribeiro, conceituada em teatro – mas com esporádicas participações em novelas –, ganhou projeção nacional por conta da personagem Sônia.

Duas Vidas marcou a estreia de Christiane Torloni em novelas.

A novela foi reapresentada pela Rede Globo em janeiro de 1981, num compacto de 20 capítulos.

Sonia e Maurício
Outra trama de destaque em Duas Vidas é a história de Sônia (Isabel Ribeiro) e Maurício (Stepan Nercessian). Ela é solteira, madura e estabilizada financeiramente, mas tem dificuldades em se relacionar com Maurício, em função da diferença de idade. O romance entre uma mulher mais velha e um jovem não agradou aos censores, e a união do casal teve de ser oficializada, o que não estava previsto na sinopse

Elenco
Alegria – Gentil Paulino
Alberto Perez – Raul Barbosa
Alfredo Murphy – Osmano
Ana Ariel – madame Xavier
Antonio Ganzarolli – Jorge
Arlete Salles – Gilda
Augusto Olímpio – Oliveira
Betty Faria – Leda Maria
Carlos Poyart – Téo
Cecil Thiré – Tomás
Christiane Torloni – Juliana
Cleide Blota – Roberta Bernardes
Elza Gomes – Rosa Amadeu
Flávio Migliaccio – Tùlio
Francisco Cuoco – Victor Amadeu
Francisco Moreno – Eugênio Matta
Glória Pires – Letícia
Heloísa Helena – Virgínia
Isabel Ribeiro – Sônia
Isolda Cresta – Vera
Laura Soveral – Leonor
Leda Borba – francisca
Luis Gustavo – Oswaldo
Luís Vasconcelos – José
Mario Gomes – Dino César
Milton Gonçalves
Moacyr Deriquém – Heitor
Myrian Rios – cidinha
Navarro Puppin – Luis Carlos
Neuza Amaral – Sara
Nívea Maria – Hebe
Renata Rayan – Maria
Ruth de Souza – Eliza
Sadi Cabral – Menelau
Samantha Schüller – Sandra
Sérgio Fonta
Sílvio Fróes – Braga
Stepan Nercessian – Maurício
Suzana Vieira – Cláudia
Vera Gimenez – Zuleika
Yaçanã Martins – Shirley
Zezé Motta – Jandira

Elenco / Personagens

MENELAU (Sadi Cabral) Grego, alfaiate, pai de quatro filhos Tomás (Cecil Thiré), Sônia (Isabel Ribeiro), Oswaldo (Luis Gustavo) e Heitor (Moacyr Deriquém). Dono de uma agência de casamentos que quase não gera lucro, complementa sua renda com o aluguel de duas pequenas casas construídas nos fundos de seu jardim. Um dos mais antigos moradores da região, tem sua propriedade destruída por conta das obras do metrô e se vê obrigado a mudar-se para um apartamento com o filho Tomás, a nora Leda Maria (Betty Faria) e o neto Téo (Carlos Poyart).

TOMÁS (Cecil Thiré) Filho mais velho de seu Menelau (Sadi Cabral), trabalha numa fábrica de massas e ajuda o pai como diretor executivo da agência de casamentos. Mora com a mulher, Leda Maria (Betty Faria), e o filho, Téo (Carlos Poyart), na casa de seu Menelau. As dificuldades diárias e o ciúme excessivo que sente da mulher abalam seu relacionamento, e Tomás se envolve com Gilda (Arlete Salles). Logo no início da trama, rouba o dinheiro da indenização do pai e foge, abandonando a família.

LEDA MARIA (Betty Faria) Casada com Tomás (Cecil Thiré), é uma mulher passional de atitudes, muitas vezes, consideradas individualistas e agressivas. O ciúme crescente do marido faz com que dedique um afeto quase sufocante ao filho, Téo (Carlos Poyart). O reencontro com Dino (Mário Gomes), sua antiga paixão de adolescência, abala seu casamento. Após ser abandonada por Tomás, envolve-se também com o médico Victor Amadeu (Francisco Cuoco).

TÉO (Carlos Poyart) Filho de Tomás (Cecil Thiré) e Leda Maria (Betty Faria), é um menino alegre, apaixonado por futebol. Coleciona caixinhas com os mais variados insetos e tem como grande companheiro o avô, seu Menelau (Sadi Cabral).

GILDA (Arlete Salles) Amante de Tomás (Cecil Thiré), é uma mulher vulgar, interesseira e oportunista. É ela quem convence Tomás a fugir com o dinheiro de seu Menelau (Sadi Cabral).

HEITOR (Moacyr Deriquém) Filho de seu Menelau (Sadi Cabral), afastou-se da família para viver em São Paulo, onde enriqueceu. Mantém-se alheio aos problemas do pai. Quando Tomás (Cecil Thiré) foge com o dinheiro da indenização, tenta convencer seu Menelau a fechar a agência de casamentos, que considera um motivo de vergonha e de despesas inúteis.

SÔNIA (Isabel Ribeiro) Filha de seu Menelau (Sadi Cabral), é uma mulher solteira e madura, proprietária de uma agência de viagens, o que ocupa boa parte de seu tempo e garante sua estabilidade financeira. Mora sozinha em um apartamento da Zona Sul, mas sofre com a solidão. Fora noiva duas vezes, mas, na véspera dos casamentos, seus futuros maridos morreram inexplicavelmente. Traumatizada, procura evitar qualquer relacionamento, mas acaba se envolvendo com Maurício (Stepan Nercessian), um homem bem mais jovem do que ela.

OSWALDO (Luis Gustavo) Filho de seu Menelau (Sadi Cabral), é um homem refém de suas fantasias. Divorciado, acredita que a única maneira de manter o amor de sua filha, Letícia (Glória Maria), é através de mentiras. Por isso, intitula-se um rico fazendeiro, contraindo despesas muito além do que consegue arcar com o que ganha no jogo ou em pequenos serviços. Frequentemente recorre ao pai, voltando para casa sem revelar seus verdadeiros motivos.

LETÍCIA (Glória Pires) Filha de Oswaldo (Luis Gustavo), é uma menina mimada. Sabe que o pai é capaz de tudo para satisfazê-la e aproveita-se disso, acreditando que ele seja um milionário. Mora com a mãe.

SHIRLEY (Yaçanã Martins) Secretária da agência de casamentos de seu Menelau (Sadi Cabral), dedica-se a pensar em formas de divulgar o serviço, preocupada em evitar o fechamento do negócio.

VERA (Isolda Cresta) Cliente da agência de casamentos de seu Menelau (Sadi Cabral), deseja casar-se com um homem bonito, com todas as qualidades morais e físicas de um herói romântico. Comparece quase que diariamente ao escritório para recolher a correspondência e reafirmar suas exigências, sem perceber que o primeiro da fila é Túlio (Flávio Migliaccio), gerente da agência e um dos candidatos mais antigos.

GENTIL PAULINO (Alegria) Cliente da agência de casamentos de seu Menelau (Sadi Cabral), é um dos candidatos mais exigentes. Desiste de todas as pretendentes, pois sempre encontra um defeito, por mais insignificante que seja.

MARIA (Renata Rayan) Empregada de Leda Maria (Betty Faria).

JOSÉ (Luís Vasconcelos) Inquilino de seu Menelau (Sadi Cabral), casado com dona Francisca (Leda Borba). Tem a saúde frágil, o que exige cuidados especiais e o obriga a recorrer ao Dr. Victor (Francisco Cuoco) e à Dona Eliza (Ruth de Souza).

FRANCISCA (Leda Borba) Mulher de seu José (Luís Vasconcelos).

ROSA AMADEU (Elza Gomes) Viúva, mãe de Victor (Francisco Cuoco) e Juliana (Christiane Torloni), é uma mulher ativa, sempre pronta a ajudar os filhos e os amigos. Apesar da boa situação financeira, nunca pensou em deixar a casa do Catete, onde mora há anos com a família. Com a desapropriação da rua, assume a responsabilidade de encontrar outro lugar para todos morarem e também um novo consultório para Victor continuar seu programa de consultas grátis.

VICTOR AMADEU (Francisco Cuoco) Bem-sucedido cirurgião, filho de Rosa (Elza Gomes), é um homem sério e exigente, capaz de qualquer gesto para ajudar o próximo. Além de ser diretor de um hospital, mantém um consultório anexo a sua casa, onde iniciou um programa de atendimento gratuito. O excesso de atenção com os problemas alheios e sua mania de perfeição o tornaram um homem solitário. Envolve-se com Leda Maria (Betty Faria), com quem preocupa-se em demasia, pois fora grande amigo de seu pai. Mas as atitudes dela acabam por afastá-lo.

JULIANA (Christiane Torloni) Filha de Rosa (Elza Gomes), estudante de Medicina, trabalha no consultório do irmão, Victor (Francisco Cuoco). Está noiva de Maurício (Stepan Nercessian), mas sempre adia o casamento por achar que ele não compreende seus gostos e atitudes.

RAUL BARBOSA (Alberto Perez) Casado com Virgínia (Heloísa Helena), proprietário do restaurante mais famoso do bairro, outrora frequentado por políticos e intelectuais. O estabelecimento é reconhecido pela boa comida caseira que oferece, sob a responsabilidade da mulher de seu Raul. Seu sonho era que os filhos, Túlio (Flávio Migliaccio) e Dino (Mário Gomes), seguissem a carreira de médico, o que não aconteceu. Sua maior decepção é com o mais novo, Dino, que abandonou a família e a noiva, Leda Maria (Betty Faria), para ser cantor e passou oito anos sem dar notícias. A família de Raul é a mais abalada emocionalmente pela desapropriação da rua.

VIRGÍNIA (Heloísa Helena) Casada com Raul (Alberto Perez), mãe de Túlio (Flávio Migliaccio) e Dino (Mário Gomes), é a responsável pela comida do restaurante. A notícia da desapropriação, no entanto, provoca um grande abalo em sua saúde mental, obrigando-a a afastar-se por um tempo do trabalho e do bairro. Com o retorno de seu filho mais novo, decide voltar para casa, passando a ser atendida pelo Dr. Victor (Francisco Cuoco).

TÚLIO (Flávio Migliaccio) Solteiro, filho mais velho de Raul (Alberto Perez) e Virgínia (Heloísa Helena), é o principal apoio dos pais nos momentos mais difíceis. Além de trabalhar como gerente na agência de casamentos de seu Menelau (Sadi Cabral), ajuda no restaurante da família. Amigo de Tomás (Cecil Thiré), fica em uma posição difícil quando o irmão, Dino (Mário Gomes), reaparece e volta a procurar Leda Maria (Betty Faria).

DINO CÉSAR (Mário Gomes) Filho de Raul (Alberto Perez) e Virgínia (Heloísa Helena), aspirante a cantor, volta para casa depois de oito anos afastado da família, quando os pais recebem a notícia da desapropriação da rua. Ainda é apaixonado por Leda Maria (Betty Faria), seu amor de adolescência. E, mesmo após descobrir que ela está casada e tem um filho, não desiste de procurá-la. Não tem o apoio do pai, que é contra sua carreira e o obriga a trabalhar como garçom no restaurante. E, para provar a todos que tem talento, está disposto a conseguir uma chance como cantor. Para isso conta com a ajuda de Maurício (Stepan Nercessian), seu amigo de infância, que o apresenta à Cláudia (Susana Vieira), que trabalha na gravadora Danúbio.

OLIVEIRA (Augusto Olímpio) Garçom do restaurante de seu Raul (Alberto Perez), sempre ajuda Dino (Mário Gomes) a resolver seus problemas financeiros. Não deixa de anotar num caderno, no entanto, os empréstimos que faz ao rapaz.

SEU SENNA (Hélio Ary) Pai de Maurício (Stepan Nercessian), um dos moradores mais antigos da região, dono da casa de móveis da rua. Sente-se o mais prejudicado pela desapropriação, embora seja exatamente o contrário. Encara o metrô como uma perseguição pessoal. E, apesar de estar em melhor situação financeira do que os vizinhos, vive a se lamentar, achando que não conseguirá refazer seus negócios em outro lugar.

MAURÍCIO (Stepan Nercessian) Único filho de Seu Senna (Hélio Ary), trabalha como técnico de som na gravadora Danúbio. Desligado de problemas maiores, seu principal compromisso é com a noiva Juliana (Christiane Torloni), com quem vive brigando. Com o retorno de Dino (Mário Gomes), passa a se ocupar também com a carreira do amigo. Ao longo da trama, envolve-se com Sônia (Isabel Ribeiro), uma mulher mais velha.

ELIZA (Ruth de Souza) Professora, mantém um colégio numa casa alugada a preço irrisório, onde também mora. É uma das mais prejudicadas pela desapropriação da rua, uma vez que não tem direito à indenização e dificilmente encontrará um lugar com as mesmas condições para instalar sua escola. Mesmo assim, não se deixa abalar pelas dificuldades, mantendo o funcionamento normal das aulas e ocupando-se em ajudar os vizinhos.

LEONOR (Laura Soveral) Proprietária da gravadora Danúbio. Desde a morte de seu único filho, Rômulo, entregou a direção dos negócios à nora, Cláudia (Susana Vieira). Obriga todos a sua volta a uma verdadeira adoração à memória de Rômulo, cultivando morbidamente suas lembranças. Essa obsessão afeta especialmente Cláudia, que é impedida de qualquer manifestação de alegria, mesmo depois de mais de um ano da morte de seu marido.

CLÁUDIA (Susana Vieira) Jovem e bonita, vive vigiada por Leonor (Laura Soveral), mãe de seu falecido marido, Rômulo. Sustenta uma carga emocional muito além de sua resistência, descarregando sua tensão num ritmo de trabalho alucinante. Teoricamente, é a chefe do Departamento de Relações Públicas da Danúbio, de propriedade de sua sogra. Mas, na prática, assumiu quase toda a responsabilidade da gravadora, que passa por uma séria crise. Mantém um namoro discreto com Luís Carlos (Navarro Puppin), amigo de Rômulo. À procura de novos talentos para lançar no mercado fonográfico, conhece Dino (Mário Gomes), com quem acaba se envolvendo.

LUIS CARLOS (Navarro Puppin) Admirador de Cláudia (Susana Vieira), sofre com a perseguição de Leonor (Laura Soveral), que desconfia da relação entre ele e a jovem viúva.

SARA (Neuza Amaral) Trabalha no hospital onde Victor (Francisco Cuoco) é diretor. É apaixonada pelo cirurgião, não compreendendo os motivos que o levam a permanecer solteiro.

Trilha Sonora Nacional e Internacional

Nacional
Menina de Cabelos Longos
Compositores: Agepê / Canário
Intérprete: Agepê

Vá Mas Volte – Tema de Leda Maria e Victor
Compositor: Wando
Intérprete: Ângela Maria

Sorte Tem Quem Acredita Nela
Compositores: Mário Marcos / Zequinha Rodrigues
Intérprete: Fernando Mendes

Paralelas
Compositor: Belchior
Intérprete: Vanusa

Contrastes
Compositor: Ismael Silva
Intérprete: Jards Macalé

Chiclete e Cabochard
Compositor: Mário Gomes
Intérprete: Mário Gomes

Deixa – Tema de abertura
Compositores: Baden Powell / Vinicius De Moraes
Intérprete: Bandits of Love

Olhos nos Olhos
Compositor: Chico Buarque
Intérpretes: Agnaldo Timóteo

Choro Chorão
Compositor: Martinho da Vila
Intérprete: Martinho da Vila

Cuide-se Bem
Compositor: Guilherme Arantes
Intérprete: Guilherme Arantes

Levante Os Olhos
Compositor: Sílvio César
Intérprete: Sílvio César

Duas Vidas – Tema de Leda Maria e Téo
Compositor
Intérprete: Sônia Burnier

As Rosas Não Falam – Tema de Sônia
Compositor: Cartola
Intérprete: Beth Carvalho

Cinco Companheiros
Compositor: Pixinguinha
Intérprete: Paulinho da Viola

Internacional:
I Never Cry
Compositores: Alice Cooper/ Dick Wagner
Intérprete: Alice Cooper

My Dear – Tema de Leda Maria e Dino César
Compositores: Allan Bell/ Alman Bell/ Louis Finch
Intérprete: Manchester

Let’s Be Young Tonight
Compositores: Donald Daniels/ Michael Lovesmith
Intérprete: Jermaine Jackson

Lost Without Your Love
Compositor: David Gates
Intérprete: Bread

Été d’Amour – Tema de Sônia e Maurício
Compositor: Jean-Pierre Posit
Intérprete: Jean-Pierre Posit

Golden Years
Compositor: David Bowie
Intérprete: David Bowie

So Sad The Songs – Tema de Naná
Compositores: Gerry Goffin/ Michael Masser
Intérprete: Gladys Knight & The Pips

Quizás, Quizás, Quizás
Compositores: Joe Davis/ Osvaldo Farrés
Intérprete: Los Indios

You’re So Tender – Tema de Cláudia
Compositores: Clint Walker/ Jan Willen Weeda
Intérprete: Chrystian

Tonight’s the Night
Compositor: Rod Stewart
Intérprete: Rod Stewart

Phoenix
Compositor: Jacques Burvick
Intérprete: Norman Connors

Jamie (My Love)
Compositor: Fernando Arbex
Intérprete: Camilo Sesto

I Need You Now
Compositores: Bob Rose/ M. Sean/ P. Nixon
Intérprete: Dennis Gordon

One Love in My Lifetime
Compositores: Lawrence Brown/ Leonard Perry/ Terri McFaddin
Intérprete: Diana Ross

Nice’n Slow
Compositor: Ken Gibson
Intérprete: John Blackinsell

Rotísse na Máthis
Compositores: Thiopoulas / Voskopoulos
Intérprete: Voskopoulos

0 Comentário para: “Duas Vidas Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *