Duas Caras Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Confira o resumo da novela Duas Caras desde o primeiro capítulo. Além do resumo você terá informações sobre a história, personagens e trilha sonora. Fique por dentro das novidades das novelas, aqui você encontra o resumo completo de Duas Caras e de todas as novelas da Globo.

Sobre a Novela Duas Caras

◘ Período de exibição: 01/10/2007 – 31/05/2008
◘ Horário: 20h
◘ Nº de capítulos: 210
◘ Autoria: Aguinaldo Silva
◘ Colaboração: Gloria Barreto, Izabel de Oliveira, Maria Elisa Berredo, Filipe Miguez, Nelson Nadotti, Sergio Goldenberg
◘ Direção: Claudio Boeckel, Ary Coslov, Gustavo Fernandez, Miguel Rodrigues e Pedro Carvana
◘ Direção-geral: Wolf Maya
◘ Direção de núcleo: Wolf Maya

A trama central de Duas Caras conta a história da vingança da jovem Maria Paula (Marjorie Estiano) contra Marconi Ferraço/Adalberto Rangel (Dalton Vigh), homem misterioso que, após casar-se com ela por interesse, desaparece levando toda a sua fortuna.

A história tem início na infância do menino Juvenaldo (André Luiz Frambach), que mora com a família em uma região pobre de Pernambuco e é vendido pelo pai ao forasteiro Hermógenes (Tarcísio Meira). O menino é rebatizado de Adalberto e aprende toda sorte de trapaças com o inescrupuloso viajante, passando a rodar pelas estradas brasileiras com uma suposta máquina de fazer dinheiro, várias identidades e um grande poder de convencimento. A certa altura, porém, o já homem feito rouba o próprio mestre, mantendo contato apenas com Bárbara Carreira (Carolina Holanda), a prostituta com quem passou sua primeira noite e amiga fiel para toda a vida.

A vida de Adalberto (Dalton Vigh) começa a mudar a partir do dia em que presencia um terrível acidente na estrada, que resulta na morte de Waldemar (Fúlvio Stefanini) e Gabriela (Bia Seidl). Ao vasculhar o carro capotado, ele encontra pacotes de dólares, documentos e uma foto de Maria Paula, a filha única do casal, herdeira de uma grande fortuna. Neste momento, Adalberto percebe que pode dar seu maior golpe. Parte com os policiais para Passaredo, uma fictícia cidade no sul do Brasil, para dar a notícia à menina de 18 anos. A jovem só encontra consolo no depoimento desse forasteiro, que inventa ter ouvido as últimas palavras de sua mãe antes de morrer, pedindo-lhe para cuidar da filha. Ainda que todos à sua volta desconfiem do rapaz, como a empregada Jandira (Totia Meireles) e Claudius (Caco Ciocler), advogado da família e apaixonado por Maria Paula, ela aceita o carinho de Adalberto e, em pouco tempo, os dois se casam em comunhão de bens. Mas Adalberto vai embora roubando todos os bens, deixando a jovem para trás, sem saber que ela espera um filho seu.

Antes de se casar com Maria Paula, Adalberto tinha tomado conhecimento de um grande complexo na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro, cuja construtora falida precisava de um comprador para assumir os custos da obra. Era a oportunidade perfeita para se tornar um respeitável empresário da construção civil. Agora, milionário, ele aciona o engenheiro e ex-gerente geral da firma, Gabriel Duarte (Oscar Magrini), que, ignorando a história de Adalberto, torna-se testa de ferro do negócio. Mas, para fazer parte da sociedade carioca, Adalberto sabe que precisa deixar seu passado para trás; decide, então, mudar de rosto. Ele se submete a diversas cirurgias plásticas, pelas mãos de um famoso médico hondurenho, e assume uma nova identidade: a do empresário Marconi Ferraço (também vivido por Dalton Vigh). A única que sabe de toda a história é a amiga Bárbara (agora interpretada por Betty Faria).

O que Ferraço não sabe é que o empreendimento envolve muitos conflitos. A fictícia GPM Empreendimentos Imobiliários, responsável pela construção, trouxe vários trabalhadores nordestinos para o Rio de Janeiro e, falida, não tem mais como mantê-los na cidade. A intenção dos donos da empresa é mandar os trabalhadores de volta à terra natal, com a vã promessa de pagar seus honorários na volta para casa. Em meio a uma manifestação, porém, o chefe de segurança da obra, Juvenal Antena (Antonio Fagundes), pede demissão e se solidariza com os operários na luta por seus direitos, mobilizando também os outros seguranças. Nos dias que se seguem, Juvenal se junta às famílias que tentam se acomodar em alojamentos improvisados. E, com o apoio de pessoas influentes no grupo de desabrigados, como a mãe de santo Dona Setembrina (Chica Xavier) – a Mãe Bina -, o pastor Lisboa (Ricardo Blat) e Geraldo Peixeiro (Wolf Maya), além da colaboração do político Narciso Tellerman (Marcos Winter), ele põe em prática o sonho de construir a favela da Portelinha, invadindo um terreno baldio próximo à antiga obra.

A novela dá um salto de dez anos e mostra Juvenal como o líder comunitário da favela, que, além das casas dos moradores, conta com estabelecimentos comerciais, um terreiro, uma igreja, uma associação de moradores, uma rádio e uma boate. Apenas violência e drogas não são permitidas na comunidade, que Juvenal Antena comanda com autoridade e segundo seus próprios valores. Para manter a ordem na Portelinha, ele tem um grupo de ajudantes, chamados de “os sete anões”. Todos os dias, atende moradores ansiosos, que enfrentam uma longa fila para ouvir seus conselhos, pedir ajuda e resolver os mais diversos problemas. Juvenal vira um líder admirado, acima do bem e do mal, transformando-se no grande provedor da favela. Muitos são gratos a ele, como a misteriosa Guigui (Marília Gabriela), que chegou à Portelinha só com a roupa do corpo e se tornou seu braço direito; Dália (Leona Cavalli), a quem ele ajuda a salvar das drogas, sendo alçada ao posto de carnavalesca da escola de samba Nascidos na Portelinha; ou mesmo o homossexual Bernardinho (Thiago Mendonça), que se transforma em um elogiado chef de cozinha graças ao apoio de Juvenal, passando a administrar, com sucesso, o restaurante Castelo de São Jorge, onde a principal iguaria é o bacalhau preparado pelo rapaz. Sem falar no compositor Zé da Feira (Eri Johnson), cuja carreira é impulsionada por Juvenal. A Portelinha chama tanto a atenção que vira até ponto turístico, uma ideia lançada por Eva (Letícia Spiller), mulher de Gabriel.

Juvena Antena nunca aceitou tráfico nem violência em sua comunidade. O único confronto violento na Portelinha ocorre quando ela é invadida por Lobato (Paulo César Pereio), chefe de uma quadrilha de traficantes, que cobiçava o lugar de Juvenal na favela. Mas Lobato morre no embate com Juvenal e seus homens. Entre os moradores também há baixas, como a filha do pastor Lisboa, Rebeca (Paola Crosara), e Mãe Bina, cujo coração não resiste à tensão provocada pelos acontecimentos. Após o conflito, descobre-se que Lobato, no passado, era amante de Guigui, ex-socialite que largara o marido e o filho para viver com o bandido e depois fugira dele. Antes de morrer, Lobato revela a Guigui que o filho dela, sequestrado ainda pequeno e que ela pensara estar morto, é Ronildo (Rodrigo Hilbert), um dos integrantes de seu bando. Ronildo morre em confronto com Juvenal após roubar o caixa da associação de moradores e sequestrar Solange (Sheron Menezes), filha do líder da Portelinha.

Um dos maiores protegidos de Juvenal é o jovem Evilásio (Lázaro Ramos), filho do carpinteiro Misael Caó (Ivan de Almeida) e seu afilhado, que cresceu na Portelinha como seu grande admirador. A certa altura, Evilásio passa a discordar dos métodos e atitudes de seu padrinho Juvenal e os dois rompem relações, chegando a disputar a preferência do povo da Portelinha como candidatos à Câmara de Vereadores. Juvenal acaba desistindo de concorrer e Evilásio chega ao fim da novela como vereador.

Marconi Ferraço nunca aprovou a comunidade criada ao lado de seu empreendimento, com receio de que ela inviabilizasse seu projeto de construir um condomínio de luxo na região. E estabeleceu um pacto de guerra com Juvenal, valendo-se do serviço do influente advogado Paulo de Queiroz Barreto (Stênio Garcia), especialista em encontrar brechas para driblar a lei.

Maria Paula, que se mudara com o filho Renato (Gabriel Sequeira) para São Paulo, em busca de uma nova vida, nunca perdeu a esperança de reencontrar Adalberto e executar sua vingança. Após reconhecê-lo em uma reportagem na TV, somente pelo gesto em que foi flagrado – enxugando a lágrima da personagem Sílvia (Alinne Moraes) -, Maria Paula tem certeza de que ele está morando no Rio. O destino, então, trama a seu favor: seu chefe na rede de supermercados em que trabalha é transferido para o Rio e lhe oferece emprego na cidade. Ela se muda com o filho, novamente.

Com a morte do pai, João Pedro (Herson Capri), Sílvia, que estava estudando em Paris, retorna ao Brasil para ficar ao lado da mãe, Branca (Susana Vieira), e conhece aqui o grande amor de sua vida: Marconi Ferraço. Mesmo após descobrir a história pregressa do amado – depois que Maria Paula invade o evento de lançamento de seu empreendimento, acusando-o do crime que cometera -, Sílvia decide ficar a seu lado, e torna-se cúmplice em todos os seus planos. Apaixonada, Sílvia ajuda Ferraço a conquistar o filho dele com Maria Paula, Renato. Pensando na felicidade do filho, Maria Paula não vê outra alternativa a não ser aceitar o amor de Renato pelo pai, embora tente contar como Ferraço a prejudicou, mas o menino não acredita.

Ao longo da novela, Ferraço é conquistado pelo amor do filho Renato e, contra todas as previsões, o vilão começa a se modificar. Sílvia, enciumada, tenta matar o garoto, antes de ser abandonada pelo empresário. Cada vez mais amargurada, ela tenta de todas as formas evitar a reaproximação de Ferraço com Maria Paula, que só pensa em reconquistar a amada e consolidar sua família. Em sua trajetória de regeneração, ele faz uma viagem a Pernambuco junto com o filho, em busca de suas origens, e reencontra a mãe (Laura Cardoso).

Disposta a prosseguir em seus planos de vingança, Maria Paula impõe uma série de condições para aceitar o pedido de casamento, e os dois, novamente, voltam a ser marido e mulher. Mas apenas no papel. Casados em comunhão de bens, chegou a vez de Maria Paula dar o troco: Ferraço vai para a prisão para pagar por seus golpes e falsa identidade; dois anos depois, ao procurar a esposa, descobre que ela sumiu, levando seu dinheiro. Ele fica desnorteado, até que recebe um telefonema de Maria Paula, satisfeita por ter feito com ele o mesmo que ele fizera com ela no passado. O desespero de Ferraço, no entanto, não dura muito: Maria Paula manda que ele vá ao encontro dela e de seu filho, e os dois terminam a novela juntos.

Antes do término da trama, Sílvia, que havia sido internada numa clínica para perturbados mentais após atirar em Ferraço quando tentava matar Maria Paula – ele se colocou à frente da mulher para protegê-la -, foge do local e sequestra Renato, mas não tem tempo de efetivar seu plano. Perseguida pela polícia, ela abandona o menino, é atropelada e socorrida por um rapaz, Rodrigo (Alexandre Piccini). Tempos depois, reaparece em Paris, como namorada de seu salvador e amante secreta de João Batista (Júlio Rocha), ex-motorista de Ferraço e seu cúmplice.

Juvenal Antena, após viver um intenso romance com a cobiçada Alzira (Flávia Alessandra), dançarina de pole dance que chegara a abandonar o marido, Dorgival (Ângelo Antônio), para ficar com o líder da Portelinha, termina a novela sozinho. “Casado com seu povo”, como afirmou o personagem.

Resumo de Todos os Capítulos da Novela Duas Caras

Próximos capítulos: 01/10/2007 a 06/10/2007

1. Segunda-feira, 01/10/2007 Nos braços do golpista. No Paraná, Adalberto conta para Helmut sobre a sua suposta máquina de duplicar dinheiro. Waldemar e Gabriela se despedem de sua filha Maria Paula e viajam. No Rio de Janeiro, tratores derrubam o alojamento dos operários da obra da GPM. Misael diz a Juvenal que os trabalhadores querem receber o que têm direito. Gabriel manda o segurança Juvenal enganar os operários e fazer com que entrem no ônibus para serem mandados de volta para o Nordeste. Juvenal se demite, tira o uniforme e comanda os peões para que ocupem o terreno. Gabriel é demitido. Helmut aluga a máquina de Adalberto. Waldemar e Gabriela sofrem um acidente. Adalberto verifica que os dois estão mortos e remexe na mala de Waldemar, onde encontra uma foto com um bilhete de Maria Paula. Adalberto diz a Maria Paula que o último desejo de Gabriela era que ele cuidasse de sua filha. Narciso conversa com Juvenal. Claudius reage ao ouvir Adalberto garantir que estará ao lado de Maria Paula. Dois peões brigam e são expulsos do acampamento por Juvenal. Claudius diz a Adalberto que é melhor que ele vá embora depois do enterro. Maria Paula o desautoriza e fala que tem muito a conversar com Adalberto

2. Terça-feira, 02/10/2007 Maria Paula foge com Adalberto. Adalberto diz que poderá ficar um mês na cidade de Passaredo e pede que Claudius seja seu amigo. Maria Paula garante que Adalberto é muito bem-vindo. Um fotógrafo registra a saída de Maria Paula, Adalberto e Claudius. Adalberto exige que ele lhe entregue a câmera e tira o filme da máquina. Eva demite Shirley e prepara o café da manhã para Gabriel e os filhos. Juvenal avisa aos operários que a GPM decretou falência e não vai pagar nada até que o processo se encerre, mas garante que ninguém vai passar fome. Claudius diz que Adalberto está manipulando Maria Paula e manda que ele vá embora no dia seguinte. Adalberto lembra-se das lições de Bárbara de como conquistar uma mulher. Maria Paula se despede dos pais. Adalberto segura a sua mão, para espanto de todos, e diz que estará sempre ao seu lado. Juvenal e Branca discutem no trânsito. Juvenal leva Misael em um terreno da empresa e diz que ali eles vão criar a Favela da Portelinha. Eva obriga Petrus a comer macarrão com mortadela. Adalberto se declara para Maria Paula e propõe que os dois fujam juntos. Jandira descobre que Maria Paula foi embora com Adalberto. Os dois se hospedam em um hotel em São Paulo.

3. Quarta-feira, 03/10/2007 Depois da loucura, o retorno. Claudius diz a Jandira e Luciana que não podem impedir o casamento, pois Maria Paula é maior de idade. Jandira recrimina Claudius por nunca ter demonstrado seu interesse por Maria Paula. Adalberto promete que não mandará na casa, nem nos negócios de Maria Paula. Eva diz a Gabriel que foi rebaixada de perua emergente à dona de casa. Adalberto pede informações sobre um terreno à venda na Barra da Tijuca. Gabriel dá informações, mas diz que não trabalha mais na GPM. Maria Paula liga para Luciana, mas não fala nada. Adalberto leva Maria Paula para o Rio de Janeiro. Adalberto pede que Gabriel feche um negócio para ele e compre o empreendimento que antes era da GPM, já que o protagonista ainda não pode aparecer. Juvenal se reúne com Setembrina, Pastor Lisboa e Geraldo Peixeiro para combinar a invasão de um terreno ao lado. Branca, João Pedro, Gioconda e Barretão jantam juntos. Adalberto e Maria Paula se casam e voltam para Passaredo. Maria Paula entra na casa sozinha e se depara com Claudius.

4. Quinta-feira, 04/10/2007 Adalberto desaparece!. Maria Paula conta que se casou com Adalberto. Claudius diz que jamais vai perdoá-la. Adalberto diz que Maria Paula não precisa mais de um advogado, pois agora tem um marido. Jandira e Luciana se surpreendem ao ver o casal. Eva decide vender alguns dos seus vestidos. Branca diz a João Pedro que ele deveria ter contratado Fernando Macieira. João Pedro marca um encontro com Célia Mara. Narciso dá uma bandeira do Brasil para Macieira, que se despede e viaja para a Europa. Maria Paula pede que Adalberto seja seu procurador. Claudius entrega a Adalberto as jóias e todos os dados sobre a fortuna de Maria Paula. A jovem assina os papéis que Adalberto pede. Depois, ela descobre que Adalberto fugiu de carro com as jóias, o dinheiro do cofre e todos os documentos. Uma senhora também chega e diz que comprou a casa de Maria Paula. Adalberto avisa Gabriel que vai mandar o restante do dinheiro da compra do terreno. Juvenal comanda a invasão. Maria Paula se desespera. Adalberto avisa a Bárbara que agora seu nome é Marconi Ferraço e manda que ela o encontre em Minas, pois será operado. Adalberto destrói seu carro para não deixar vestígios.

5. Sexta-feira, 05/10/2007 Juvenal encara a polícia. Dr. Hidalgo recebe Adalberto na Clínica Redenção. Maria Paula descobre que sua conta bancária está zerada. Adalberto diz que quer um novo rosto. Gabriel assina a escritura. O diretor da GPM avisa que o terreno ao lado foi ocupado. A compradora exige que Maria Paula entregue a casa. Claudius oferece ajuda a Maria Paula. Bárbara pede demissão e viaja. Claudius pede seis meses à compradora para Maria Paula permanecer na casa e ela concorda. A jovem garante que vai recuperar seus bens e sua dignidade. A policia chega ao local da invasão. Branca fica presa em um engarrafamento e acaba brigando com um motorista de ônibus. Pastor Lisboa arma uma tenda para sua igreja. Gabriel avisa a Adalberto o que está acontecendo no Rio de Janeiro. Adalberto diz a Bárbara que deu o maior golpe de sua vida e que vai se estabelecer como um homem da sociedade. Gioconda vê João Pedro com Célia Mara. Os soldados entram no terreno. Juvenal toma a frente da situação. Narciso manda o policial recuar. Claudius diz a Maria Paula que toda a documentação de Adalberto é falsa e que ele nunca será encontrado.

6. Sábado, 06/10/2007 Maria Paula: grávida de Adalberto. O policial recua. Juvenal garante que ninguém será expulso. Narciso diz que já entrou em contato com a Justiça. Claudius comenta com Jandira que Maria Paula continua solteira. Adalberto diz a Bárbara que não vê a hora de virar Marconi Ferraço. Bárbara garante que será sua governanta e seu braço direito. Gioconda passa mal no shopping. Maria Paula diz que está esperando um filho e que poderá provar sua história com Adalberto através de um exame de DNA. Claudius diz que ela precisará encontrá-lo antes e conseguir que ele faça o exame. Adalberto é operado. Bárbara se lembra de Hermógenes furioso porque havia sido roubado por Adalberto. Bárbara lê as cartas que Adalberto lhe enviou. Maria Paula diz a Luciana e Claudius que irá embora de Passaredo e trabalhará duro para sustentar seu filho. Claudius pede que ela se case com ele. Maria Paula não aceita e garante que irá se vingar de Adalberto e recuperar sua fortuna. Jandira e Luciana decidem ir para São Paulo com a jovem. João Pedro está com Célia Mara e liga para Branca. Gioconda conta a Barretão que viu João Pedro com outra mulher. Barretão acha que ela estava com febre e delirou. Juvenal descobre Guigui presa na mala de um carro.

Próximos capítulos: 08/10/2007 a 13/10/2007

1. Segunda-feira, 08/10/2007 Gioconda abre o jogo com Branca. Guigui pede para conversar em particular com Juvenal. Bárbara permanece ao lado de Adalberto, que está com o rosto cheio de bandagens. Maria Paula confessa a Luciana que está com medo de sua nova vida, mas irá em frente. Guigui diz que não pode dizer de onde veio e nem voltar para lá. Juvenal concorda que ela fique na Favela da Portelinha. Guigui ajuda na construção da igreja. João Pedro confessa a Célia Mara que gosta dela e de Branca. Gioconda diz a Barretão que não sabe se conseguirá manter segredo de João Pedro. Ele aconselha sua mulher a esquecer tudo. Branca volta de viagem. Morena reclama de Juvenal. Juvenal pergunta a Evilásio se um dia eles vão trabalhar juntos. Narciso tranqüiliza Juvenal que a invasão já é fato consumado. Gioconda deixa escapar para Branca que viu João Pedro com outra mulher. Maria Paula, Jandira e Luciana viajam. Hidalgo começa a tirar as bandagens do rosto de Adalberto.

2. Terça-feira, 09/10/2007 Nasce um novo homem: Marconi Ferraço. Branca exige que Gioconda lhe conte o que viu. João Pedro acaba confessando tudo a Barretão, que promete ajudá-lo como álibi. Gioconda diz o que sabe e Branca fala que ela inventou tudo para destruir o seu casamento. Barretão jura para Branca que estava com João Pedro na hora em que Gioconda diz tê-lo visto no shopping. Branca pede um tempo para pensar. Adalberto, com novo rosto, assume a identidade de Marconi Ferraço. Marconi faz sinal para Bárbara pagar Hidalgo, que garante que o registro de sua passagem pela clínica será apagado. Marconi Ferraço diz para Bárbara voltar para o Nordeste e que a chamará novamente. Maria Paula, Jandira e Luciana se instalam em São Paulo. João Pedro diz a Branca que, se ela não confia nele, pedirá a separação. Gioconda diz que Branca não quer ver a verdade e a expulsa de sua casa. Marconi Ferraço convida Gabriel para ser seu sócio. Nasce Renato, o filho de Maria Paula. Maria Paula começa a trabalhar como empacotadora em um supermercado. Silvano gosta do trabalho dela. Luciana namora Ítalo. Marconi Ferraço se encontra com Juvenal.

3. Quarta-feira, 10/10/2007 Juvenal e Marconi se enfrentam. Nadir comenta que Silvano não tira os olhos de Maria Paula. Juvenal diz saber que Ferraço é o novo empresário da construção civil da cidade. Ferraço fala sobre seu empreendimento que iria ser construído no terreno ao lado da Favela da Portelinha e oferece dinheiro a Juvenal para resolver a situação, irritando-o. Gabriel apresenta Eva a Ferraço. Eva sugere um nome para o novo empreendimento do empresário. Branca não encontra João Pedro na Universidade. João Pedro diz a Célia Mara que precisa ter mais cuidado. Luciana e Ítalo se casam. Maria Paula conta a Claudius que agora é caixa de um supermercado. Ferraço comemora o sucesso de vendas de um de seus empreendimentos. Alguns anos depois, a Favela da Portelinha cresce e fica imensa. Juvenal se dirige a Associação dos Moradores.

4. Quinta-feira, 11/10/2007 Maria Paula vê Marconi na rua. Guigui diz que distribui senhas para as pessoas que querem falar com Juvenal. Setembrina se preocupa com seu filho Zé da Feira. Duda pede que Gabriel o apresente a Juvenal para que possa fazer um documentário sobre ele. Gabriel se recusa. Duda pede que Júlia fale com seu pai, Barretão. Ferraço dá dinheiro a Débora para gastar no shopping. Maria Paula, Luciana, Jandira, Ítalo, Leone e Sofia se preparam para comemorar o aniversário de Renato. Lenir visita Gioconda, para irritação de Barretão. Barretinho tenta beijar Sabrina e ela reage. Barretão se recusa a ajudar Júlia. Juvenal briga com um homem que joga um sofá velho na lagoa. Evilásio leva Zé da Feira para casa. Célia Mara pede para ir ao circo com João Pedro. João Pedro mente para Branca que viajará para São Paulo. A casa de Manoel vai ser desapropriada e ele se recusa a fazer acordo. Júlia assume para Gioconda que se interessa por Duda. Bernardinho encontra Dália. Juvenal conversa com Dália. Maria Paula vê Ferraço na rua de costas e sai desesperada atrás dele.

5. Sexta-feira, 12/10/2007 João Pedro é atingido por uma bala perdida. Maria Paula tenta alcançar Ferraço, mas é atropelada. Ela ainda tenta segui-lo, mas o motorista acha melhor que a jovem vá para o hospital. Bernardinho descobre que trocou as sacolas com Dália. Juvenal inspeciona a casa de Dália. Ronildo não gosta e é agressivo com ela. Maria Paula diz a Luciana que viu Adalberto. Luciana comenta com Ítalo que Maria Paula pode ter se enganado, pois só viu o homem de costas. Juvenal diz a Evilásio que vai ficar de olho em Dália. Amara e Bernardo se irritam porque Bernardinho não preparou o almoço. Bernardinho encontra Dália machucada e conta para Juvenal. Bárbara descobre que Débora está grávida e diz que Ferraço ficará furioso. Júlia decide ir sozinha à Portelinha. Juvenal mostra o retrato de Ronildo para Evilásio e manda Bernardinho voltar para casa. Manoel lacra portas e janelas. Gioconda não gosta de saber que Júlia foi à Portelinha. Barretão liga para Narciso. O pneu de Júlia fura, ela se apavora quando Evilásio se aproxima e se tranca no carro. Evilásio troca o pneu e vai embora, orgulhoso. João Pedro é atingido por uma bala perdida.

6. Sábado, 13/10/2007 Traição na capa do jornal. Célia Mara acaricia João Pedro. Um jovem fotografa a cena. Bernardinho diz que está cansado de ser explorado pela família. Júlia entra na favela atrás de Evilásio. João Pedro morre. O jovem vende as fotos de João Pedro e Célia Mara para um jornal. Renato faz perguntas sobre o pai e Maria Paula conta que ele a abandou antes dele nascer. Ferraço manda Bárbara fingir que não lhe contou nada sobre a gravidez de Débora. Juvenal expulsa Ronildo da Portelinha. Júlia pede desculpas a Evilásio. Barretão suspira aliviado ao encontrar Júlia. Narciso promete que vai interceder por ela. Juvenal se recusa a dar autorização para o filme. Guigui socorre Dália. Célia Mara joga no lixo a carteira de João Pedro. Sai publicada no jornal a foto de João Pedro com Célia Mara, como se ela fosse a viúva do reitor. Um médico reconhece João Pedro e Branca é avisada. Branca fica atônita ao ler o jornal e avisa Sílvia. Barretão e Gioconda consolam Branca. Antônio expulsa Célia Mara de casa. Quando ela sai é cercada por uma multidão.

Próximos capítulos: 15/10/2007 a 20/10/2007

1. Segunda-feira, 15/10/2007 Célia Mara é expulsa de casa. Célia fica acuada pelos vizinhos. Antônio torce para que eles o vinguem. Branca garante que vai descobrir a verdade. Clarissa interfere. A multidão provoca Célia Mara e debocha de Antônio. A imprensa cerca a casa de Gioconda. Barretinho se diverte com Sabrina. Heriberto diz aos outros professores que o escândalo pode acabar com a Universidade Pessoa de Moraes e sugere que o novo reitor seja escolhido imediatamente. Sílvia chora olhando a foto do pai. Branca também se emociona. Maria Paula dá um computador para Renato. Bernardo reclama que o café da manhã não está na mesa e fica sabendo que Bernardinho não dormiu em casa. Juvenal diz que Ronildo foi expulso da comunidade e que Dália também será se não se comportar. Dália promete que vai se reabilitar sozinha. Júlia avisa a Duda que está próxima de se encontrar com Juvenal. Eva diz a Duda que Júlia é um ótimo partido. Petrus reclama por ter que pegar o pão no forno e Eva não gosta. Misael diz a Evilásio que não gostaria de vê-lo trabalhando com Juvenal. Evilásio implica porque Gislaine vai gastar dinheiro no cabeleireiro. Graça tenta entrevistar Júlia, que nada responde. Bárbara não entende quando Ferraço dá mais dinheiro para Débora gastar no shopping. Célia promete a Clarissa que ficarão juntas de novo. Célia chora quando não consegue que o pai abra a porta. Dorgival não deixa que Alzira abrigue Célia. Evilásio se espanta ao abrir a porta e encontrar Júlia.

2. Terça-feira, 16/10/2007 Evilásio e Júlia quase se beijam. Júlia diz que não vai embora até Evilásio perdoá-la. Alzira dá dinheiro para Célia. Geraldo admira Alzira de longe. Heriberto faz declarações aos jornalistas em nome da Universidade. Branca o repreende por falar mal de João Pedro. Juvenal comenta com Guigui que teme que Dália tenha uma recaída. Evilásio manda Júlia ir embora. Branca diz que não se conforma com a traição pública. Lenir fala para Gioconda que vai distribuir agasalhos na Favela da Portelinha. Evilásio diz a Júlia que quem cria a lei na favela é Juvenal. Júlia pede para fazer um filme sobre a comunidade. Evilásio diz que Júlia só pediu desculpas por interesse. Os dois ficam próximos, mas resistem à tentação. Evilásio pede a Juvenal que receba Júlia. Barbara diz estar estranhando por Ferraço não ter tomado atitude alguma contra Débora. Ferraço manda Ezequiel não fazer mais nada para Débora. Waterloo alerta Ferraço que Juvenal vai tentar invadir o seu terreno. Ferraço manda reforçar a vigilância. Lenir, Beatriz e Odete elogiam Juvenal. Alzira pede a Setembrina que socorra Célia. Zé da Feira promete a Amélia que nunca mais vai beber. Bernardinho encontra Dália em uma situação ruim. Ferraço se lembra de sua conversa com Hidalgo combinando uma vasectomia. Todos comemoram o aniversário de Renato. Claudius conta a Maria Paula que está se separando. Setembrina leva Célia para sua casa.

3. Quarta-feira, 17/10/2007 Branca e Célia Mara se encaram. Setembrina diz para Célia não perder a confiança nas pessoas. Lenir acha que conhece Guigui de algum lugar, mas ela garante que é um engano. Juvenal manda as socialites levarem embora o que trouxeram, pois na Portelinha ninguém passa frio nem fome. Juvenal estranha quando Guigui diz a Lenir que se chama Guisepina. Branca, Gioconda, Barretão e Barretinho saem para o enterro de João Pedro e são cercados pela imprensa. Branca manda Graça afastar o gravador e exige que os jornalistas se mantenham longe dela durante o funeral. Antônio reclama com os mecânicos da oficina que virou a piada do bairro. Antônio descobre que Manoel morreu. Luciana comenta que Maria Paula deveria ter se casado com Claudius e insiste que ela deve recomeçar sua vida. Maria Paula diz que não vai se casar nunca mais. Débora se sente mal, mas Ferraço diz que ela vai ter que provar o jantar. Júlia solicita autorização para filmar e pede que Juvenal dê um depoimento para o documentário. Juvenal diz que ela é filha de Barretão e Duda, sobrinho de Eva e por isso não vai permitir. Júlia promete a Evilásio que vai voltar. Clarissa diz a Antônio que não sabe onde a mãe está. Setembrina avisa Célia sobre o enterro de João Pedro. Evilásio reclama por Guigui manter a relação deles em segredo. Branca descobre Célia escondida atrás de uma árvore. As duas se encaram.

4. Quinta-feira, 18/10/2007 As viúvas se despedem de João Pedro. Célia enfrenta Branca e diz que conheceu João Pedro antes dela. Os fotógrafos buscam o melhor ângulo. Branca não se altera. Célia não pára de falar sobre seu romance com João Pedro e Barretão tenta afastá-la, mas ela acompanha o cortejo. Clarissa chora porque a mãe não está no enterro do avô. Gioconda ameaça chamar a polícia para prender Célia, mas ela se despede de João Pedro. Branca, quase num lapso, deixa transparecer emoção. Os fotógrafos registram. Célia encontra Antônio, que diz estar enterrando Manuel. Heriberto faz um discurso elogioso a João Pedro. Branca sai de sua apatia e diz que João Pedro não merece nada. Depois, cruza com Célia e promete vingança. Débora insiste que Ferraço é o amor da sua vida. Silvano avisa Maria Paula que vai ser gerente no Rio de Janeiro e a convida para trabalhar com ele. Ítalo acha que é viável que ele, Luciana e as crianças se mudem também. Eva planeja a festa de um ano da empresa de Ferraço. Bernardo manda João Batista e Benoliel trazerem Bernardinho de volta para casa. Juvenal é avisado que Ronildo voltou para a favela. Antônio diz a Célia que quer metade do valor da casa. Clarissa decide ficar com a mãe. Ronildo volta para casa e ameaça Bernardinho. Juvenal intimida Ronildo.

5. Sexta-feira, 19/10/2007 Branca se declara a nova reitora. Célia explica a Clarissa que sempre amou João Pedro, mas ele era ambicioso e se casou com Branca. Depois, garante que seu pai é Antônio. Célia não vê uma carta que Manuel deixou para ela. Guigui pede que Evilásio vá atrás de Juvenal. Branca vai à Universidade e fica furiosa ao saber que Heriberto convocou uma reunião. Heriberto se apresenta como candidato a reitor. Branca entra e avisa que assumirá a presidência do Conselho e a reitoria. Heriberto conspira com os colegas. Ferraço manda Juvenal e seu povo ficarem bem longe do seu terreno. Juvenal diz que não pode impedir se houver uma invasão. Ferraço manda reforçar a vigilância. Renato faz perguntas sobre o pai e Jandira desconversa. Ferraço manda Eva diminuir o percentual dela no orçamento da festa e a deixa furiosa. Gioconda fica pasma quando Júlia conta que tem amigos na favela. Júlia convence Barretão a conhecer Evilásio. Branca desiste de assumir a presidência do Conselho e a reitoria, mas diz que vai conversar com Sílvia antes de uma nova decisão. Júlia convida Evilásio para jantar em sua casa.

6. Sábado, 20/10/2007 Uma filha para Juvenal. Evilásio diz que não está interessado no convite. Júlia deixa seu cartão e pede que ele reconsidere a decisão. Gislaine diz que Evilásio deveria aceitar o convite. Júlia diz a Misael que quer ser amiga de Evilásio. Heriberto argumenta com Branca que Sílvia é muito jovem para ser reitora, mas Branca permanece firme. Heriberto garante aos colegas que será o novo reitor. Gioconda convida Duda para o jantar. Antônio discute com Célia. Geraldo decide seguir Alzira e vê quando ela entra no hospital. Waterloo paquera Andréia, que não quer conversa, irritando-o. Bernardo vê Bernardinho de mãos dadas com Dália. Amara debocha e Bernardo diz que vai pedir ao filho para jantar na casa com a namorada. Setembrina dá uma bronca em Zé da Feira. Edivânia força novo encontro casual com Ezequiel. Pastor Lisboa aconselha Rebeca a se lançar como cantora gospel. Edivânia pede que alguém socorra o Pastor. Juvenal cuida do Pastor, que pede que suas filhas não saibam de nada. Ferraço diz a Bárbara que vai continuar brincando de gato e rato com Débora. Ferraço vê a foto de Sílvia no jornal e demonstra interesse. Maria Paula diz a Luciana que ainda não decidiu se vai para o Rio de Janeiro, pois acha mais fácil encontrar Adalberto em São Paulo. Guigui encoraja Evilásio a aceitar o convite. Juvenal abre a porta para Solange, que diz ser sua filha.

Próximos capítulos: 22/10/2007 a 27/10/2007

1. Segunda-feira, 22/10/2007 Claudius tenta ficar com Maria Paula. Solange acha que Fátima também é filha de Juvenal, mas a jovem diz que é a namorada e a manda embora. Juvenal interrompe a discussão e Solange conta que sua mãe morreu. Juvenal, sem ar, pede ajuda a Guigui. Bárbara chama a atenção de Heraldo por ele não trabalhar. Juvenal diz a Guigui que Ângela foi embora grávida. Solange mostra a sua certidão de nascimento e a data confere. Célia promete ajudar Clarissa a estudar para o vestibular. Branca sonha com João Pedro e se enfurece. Ferraço se lembra da primeira vez que viu Sílvia e pede a Bárbara que descubra seu endereço em Paris e mande flores. Guigui sugere que Juvenal faça um exame de DNA. Solange desdenha da Portelinha e vai embora. Evilásio a impede de fugir, a mando de Juvenal. Duda manda flores para Júlia, que se irrita com Gioconda por tê-lo convidado para o jantar. Lenir chega, como sempre, para o café da manhã na casa dos Barreto e se convida também para o jantar. A população da Portelinha aplaude Narciso. Heriberto articula com os professores para vetar a indicação de Sílvia como reitora. Rudolf diz a Ignácio que os alunos podem ajudar. Ferraço se irrita ao constatar que estão misturando água do mar no concreto e demite Noronha. Gabriel não se mete. Andréia entrega a Barbara o endereço de Sílvia. Bárbara incentiva Débora a contar sobre a gravidez. Amara convida Juvenal para um jantar em sua casa. Bernardinho chama Dália para o jantar. Juvenal diz que Solange ficará na Portelinha até o resultado do exame sair. Claudius se separa de Leona, se muda para São Paulo e diz que quer ficar com Maria Paula.

2. Terça-feira, 23/10/2007 Débora perde o bebê. Maria Paula responde que não existe lugar na sua vida para um amor e que Claudius será sempre o seu melhor amigo. Solange pergunta se Guigui namora Juvenal, mas ela responde que é apenas secretária dele. Claudius diz que não vai desistir de Maria Paula. Jandira aconselha Maria Paula a não perder Claudius mais uma vez. Maria Paula diz a Luciana que não poderá começar vida nova enquanto não encontrar Adalberto e cobrar tudo o que ele fez. Luciana diz que o que Maria Paula sente por Adalberto é amor e não desejo de vingança. Sílvia recebe flores de Ferraço e se lembra que ele mora na casa em frente à de Branca. Solange chora, com saudades da mãe. Guigui, sensibilizada, faz um carinho nela. Solange diz que jamais vai se acostumar a morar na Portelinha. Pastor Lisboa se deslumbra ao ouvir Rebeca cantando no rádio. Débora diz a Ferraço que está grávida. Ferraço conta que fez uma vasectomia, a expulsa de sua casa e exige que ela conte quem é o pai. Débora aponta para Ezequiel. Ferraço garante que não acredita nela e manda que vá embora no dia seguinte. Evilásio aceita o convite de Júlia. Juvenal diz que é bom Solange se acostumar com seu jeito de viver e com a Portelinha. Débora perde o bebê.

3. Quarta-feira, 24/10/2007 Renato quer chamar Claudius de pai. O médico diz que Débora poderá ter outros filhos, mas ela garante que não quer mais ficar grávida. Barreto estranha que Ferraço não queira herdeiros. Ferraço é atormentado pelas lembranças de sua infância. Renato pergunta a Maria Paula se pode chamar Claudius de pai, mas ela sugere que ele o apresente como seu padrinho. Solange reclama que não tem nada para comer. Juvenal lhe promete um café da manhã caprichado e manda Guigui encomendar uma cesta de guloseimas. Misael estranha que Evilásio não fique muito em casa. Gislaine garante saber onde o irmão está. Guigui dá uma calça e uma camisa para Evilásio usar no jantar. Eva aconselha Duda a vestir um terno. Eva ensina aos filhos os diversos tipos de nós de gravata. O povo da Portelinha aplaude Narciso. Branca se irrita com Heriberto que pergunta se ela desistiu de nomear Sílvia a nova reitora. Lenir organiza com Guido a decoração para o jantar. Bárbara sugere ajudar Débora, que se mostra sem esperança. Maria Paula e Claudius levam Renato à escola. Bernardinho não consegue ajuda dos irmãos para preparar o jantar. Ferraço diz a Barbara que não vai visitar Débora. Bárbara diz a Heraldo e Fernanda que tudo o que tem deve a Ferraço. Ferraço olha a foto de Sílvia. Gioconda abre a porta para Evilásio.

4. Quinta-feira, 25/10/2007 Evilásio e Júlia se beijam. Barreto olha para Evilásio com ar crítico. Juvenal aconselha Geraldo a desistir de Alzira. Antônio diz que vai se vingar de Célia. Célia ajuda Clarissa a estudar. Maria Paula diz a Claudius que existe a possibilidade dela morar no Rio de Janeiro. Claudius garante que se mudará também, se necessário. Júlia elogia a elegância de Evilásio. Barreto recebe Narciso. Lenir estranha quando Evilásio diz que Guigui se chama Margarida e não Giusepina como ela pensava. Júlia apresenta Duda a Evilásio. Geraldo procura por Alzira no hospital, mas não a encontra. Alzira sai pela porta dos fundos do hospital e entra em uma van pilotada por Jojô. Gioconda percebe que Barreto está dificultando tudo para Evilásio. Amara reclama quando Bernardinho cozinha para Dália. Zé da Feira canta e um homem grava tudo sorrateiramente. Barreto pede a opinião de Evilásio sobre o vinho e ele responde corretamente. Depois, Barreto ofende Evilásio e Júlia exige que ele peça desculpas. Narciso pondera que racismo é crime. Evilásio diz que Júlia é igual aos pais, quando ela se desculpa e chora. Mais tarde, os dois se beijam.

5. Sexta-feira, 26/10/2007 Branca encontra Silvia em Paris. Evilásio diz que não é um brinquedo e vai embora. Júlia o segue e fala que ele não pode sair de sua vida assim. Gioconda pede desculpas a Duda. Lenir encoraja Júlia a se envolver com Evilásio. Gioconda diz a Barreto que sua atitude foi imperdoável. Evilásio busca consolo com Guigui, mas diz que não quer falar sobre o jantar. Gioconda conforta Júlia e garante que Barreto está arrependido. Eva dá força para Duda não desistir de Júlia. Branca chega a Paris e abraça a filha, saudosa. Fernando Macieira anda pelas ruas de Paris, cheio de livros. Alzira volta para casa. Geraldo a vigia. Amélia leva Zé da Feira para casa. Divaldo manda Geraldo esquecer Alzira. Guigui diz a Evilásio que Júlia voltará a procurá-lo. Juvenal manda Evilásio cobrar de Jojô suas dívidas. Solange não gosta. Débora pede desculpas a Ezequiel. Ferraço diz que Débora ficará em sua casa até se recuperar, depois lhe dará dinheiro para ela ir embora. Macieira vê Branca entrando num restaurante com a comitiva e um ministro brasileiro. Júlia exige que Barreto peça desculpas pessoalmente a Evilásio.

6. Sábado, 27/10/2007 Barreto ameaça prejudicar Evilásio. Barreto aceita a proposta de Júlia, desde que ela nunca mais procure Evilásio. Barretinho e Sabrina ouvem a conversa. Júlia diz que não vai aceitar, mas Barreto ameaça investigar a vida de Evilásio para atrapalhar o rapaz. Setembrina sugere que Pastor Lisboa procure um médico, mas ele insiste que não tem nada grave. Setembrina agradece a Amélia todos os cuidados que ela tem com seu filho Zé. Branca desiste de almoçar com o ministro. Macieira a convida para almoçar, mas ela prefere encontrá-lo mais tarde. Denise, Vesga, Vitória e Socorro abanam Jojô. Evilásio avisa que só vai embora com o dinheiro e ele acaba pagando. Juvenal atende a população. Jojô ensaia com as dançarinas. Antônio vai até a casa de massagens. Dagmar não tira os olhos de Vesga. Sílvia diz que não quer ser reitora e promete ajudar a mãe na escolha de alguém para o cargo. Branca comenta que ela devia ter jogado fora as flores enviadas por Ferraço. Claudius garante a Maria Paula que não desistirá de tê-la como esposa. Renato fica feliz ao vê-los de mãos dadas. Guigui entrega o resultado do teste de DNA para Juvenal. Júlia liga para Evilásio.

Próximos capítulos: 29/10/2007 a 03/11/2007

1. Segunda-feira, 29/10/2007 Claudius beija Maria Paula. Gioconda ouve Júlia falando com Evilásio sobre o beijo deles e, mesmo perplexa, desconversa e diz que se refere à novela quando Barreto pergunta. Juvenal mostra para Solange o exame que confirma sua paternidade e avisa que ela terá que aceitá-lo. Solange o ofende e se tranca no quarto. Juvenal arromba a porta e ela diz não querer viver na Portelinha. Juvenal garante que a filha está segura e, queira ou não, vai morar com ele. Guigui aconselha Juvenal a ser paciente com Solange. Bárbara dá a Ferraço o telefone de Sílvia. Fernanda garante a Bárbara que tem muito orgulho de ser sua filha. Bárbara cuida de Débora. Sílvia diz a Ferraço que está voltando para o Brasil e ele a convida para a festa de sua empresa. Macieira aconselha Branca a assumir a presidência do conselho. Branca convida Macieira para ser o novo reitor e lhe dá alguns dias para pensar. Clarissa pede que a mãe fique com ela no cursinho no dia do simulado. Célia pede uma bolsa de estudos no cursinho. Juvenal confirma que vai ao jantar na casa de Bernardo e Amara e levará Solange. Amara combina com Carlão uma forma de afastar Bernardinho de Dália. Eva diz a Duda que vai falar com Juvenal, desde que ele não conte nada a Gabriel. Claudius beija Maria Paula.

2. Terça-feira, 30/10/2007 Branca e Macieira se beijam. Claudius pede que Maria Paula aceite o seu amor. Ela, totalmente abalada, olha para ele. Jandira tenta impedir que Renato vá ao quarto da mãe. Maria Paula pede um tempo. Claudius dá uma semana para que ela decida se quer se casar com ele. Eva se arruma toda e sai com Duda, deixando Ramona preocupada. Petrus acha que Ramona deve contar a Gabriel que Eva saiu para a Portelinha. Gabriel vai com Waterloo atrás de Eva. Solange lê uma reportagem sobre Juvenal, que o classifica como bandido e decide ir embora. Evilásio e Feliz a impedem. Bernardinho prepara o bacalhau com apuro. Amara diz que convidou seu irmão Carlão para o jantar. Ronildo olha a entrada da Portelinha. Bárbara observa Débora, que está angustiada se lembrando das palavras duras de Ferraço. Evilásio observa que Solange come muito e ela acaba rindo com ele. Evilásio diz que na Portelinha ele é respeitado. Solange garante que vai se enturmar com as pessoas dos condomínios da Barra e arrumar um marido rico. Branca e Macieira passeiam em Paris. Branca comenta que já é tempo de Macieira voltar para o Brasil. Os dois se beijam. Eva prefere entrar sozinha na Portelinha. Ronildo rouba o anel de brilhantes de Eva. Juvenal garante a Eva que vai recuperar seu anel. Ronildo foge de Juvenal e acaba sendo atropelado por Waterloo. Eva pede a Juvenal que ele autorize o documentário de Duda.

3. Quarta-feira, 31/10/2007 Juvenal ignora pedido de Eva, mas ela não perde a pose. uvenal não permite o documentário. Eva insiste, mas Gabriel a convence a ir embora. Gislaine chama Eva de perua. Eva responde que é bonita, poderosa, autêntica, sem preconceito e acaba aplaudida. Narciso visita Juvenal. Ferraço diz a Waterloo que não quer o seu nome ou o da empresa no boletim de ocorrência de Ronildo. Waterloo conta a Ferraço que Ronildo e Juvenal são inimigos. Ronildo conta para Waterloo que Dália é protegida de Juvenal. Waterloo leva Ronildo ao hospital, mas manda que ele dê um nome falso. Dália se apavora ao saber que Ronildo esteve na Portelinha. Bernardinho garante que nada vai acontecer a Dália. Fernanda paga a passagem de ônibus de Benoliel, que está sem dinheiro, e os dois conversam. Macieira pede que Branca assuma a Universidade e diz que depois ele lhe dará uma resposta. Branca manda Heriberto marcar uma reunião com o Conselho. Heriberto marca uma reunião antes com os professores. Ignácio sugere que Rudolf represente os alunos. Ezequiel perde a paciência quando Edivânia tenta convencê-lo a não visitar a mãe. Ferraço ignora Débora, que chora. Ítalo tem certeza de que Luciana está grávida e comemora. Eva sugere que Duda use câmera escondida e faça o documentário. Júlia promete pensar sobre o assunto. Solange diz a Juvenal que não vai jantar na casa de Bernardinho.

4. Quinta-feira, 01/11/2007 Começa o jantar de Bernardinho. Solange diz temer pegar alguma doença. Juvenal fica pasmo e tenta convencê-la a ir. Evilásio avisa Guigui e ela pede para ele não deixar Juvenal perder a cabeça. Fernanda conta que é optometrista e aconselha Benoliel a fazer um exame de vista. Benoliel mente que está sem emprego, mas estudando muito para fazer concurso. Juvenal ameaça deixar Solange sem comer e ela acaba cedendo, porém revoltada. Waterloo diz que Ferraço pode se aliar a Ronildo para agir contra Juvenal. Ferraço manda que Waterloo leve Ronildo para a sua casa. Débora implora para Ferraço conversar com ela, mas ele nem abre a porta do escritório. Silvano avisa Maria Paula e Nadir que vai se mudar para a filial do Rio. Maria Paula diz a Claudius que vai aceitar a oferta do Rio e que gostaria que ele fosse também. Branca se despede de Macieira. Juvenal se impressiona com a beleza de Solange ao vê-la toda arrumada. Narciso, Guigui e Evilásio comem na birosca. Zé canta e um homem grava tudo sem que ele perceba. Carlão e Dália chegam à casa de Bernardinho. Bernardo quebra os copos sem querer. Solange debocha ao ver que vão servir em copos de plástico. Juvenal apresenta a filha a todos. Barretão sofre por Júlia não falar com ele há dois dias. Gioconda sugere que ele bata na porta do quarto da filha e proponha uma conversa. Solange desdenha de tudo e nem brinda. Barretão pede para conversar com Júlia.

5. Sexta-feira, 02/11/2007 Dália se tranca no banheiro. Júlia diz que não tem nada a falar com o pai, mas Barretão insiste. Dália, totalmente sem graça, tem um acesso de tosse. Geraldo segue Alzira. Evilásio aconselha Gislaine a ficar amiga de Solange. Evilásio fica indeciso, sem saber se deve ligar para Júlia. Barretão concorda em pedir desculpas a Evilásio. Evilásio liga para Júlia e ela passa o telefone para Barretão. Barretão quer saber se a filha vai deixar de se encontrar com Evilásio. Ela responde que só se Evilásio não quiser mais vê-la e ele joga o telefone longe. Júlia diz a Evilásio que Barretão ia pedir desculpas, mas não conseguiu. Eles marcam encontro para o dia seguinte. Gislaine diz que o irmão jamais vai se dar bem com a patricinha. Barretão diz que Júlia e Evilásio continuam em contato. Lenir não esconde a sua surpresa. Gioconda deixa escapar que os dois já se beijaram e Barretão engasga. Célia lembra que a casa será desapropriada e que ela pode pegar a indenização e comprar um imóvel na Portelinha. Narciso faz perguntas a Guigui e ela afirma que nem mesmo Juvenal sabe sobre o seu passado. Carlão elogia Bernardinho. Amara diz que Dália é viciada. Bernardinho manda que ela cale a boca. Dália se tranca no banheiro. Bernardinho e Juvenal arrombam a porta do banheiro e encontram Dália caída.

6. Sábado, 03/11/2007 Plano de Amara dá certo. Juvenal impede que Bernardinho leve Dália para o hospital e garante que vai cuidar dela. Carlão consola Bernardinho. Amara bisbilhota ao ver Carlão levar Bernardinho para o quarto. Débora chora na beira da piscina. Ronildo tenta consolá-la, mas ela foge. Juvenal obriga Dália a ficar na clínica de reabilitação. Dália grita por Bernardinho, mas acaba sendo levada pelos enfermeiros. Geraldo segue Alzira dentro do hospital e vê quando ela sai pelos fundos e entra em uma van. Jojô aconselha que Alzira conte a verdade sobre seu trabalho para a família. Solange fala mal do jantar. Guigui pede desculpas a Bernardo pela falta de educação da moça. Amélia tira Zé do meio do lixo e o leva para casa. Renato pergunta pelo pai e Maria Paula diz que algum dia vão encontrá-lo. Branca manda Heriberto antecipar a reunião do Conselho. Branca diz a Sílvia que Macieira tem razão ao querer fazer uma revolução de qualidade na Universidade. Edivânia quer comentar as fofocas, mas Lisboa corta a conversa. Bárbara avisa Ferraço que Sílvia voltou. Macieira incentiva Branca a assumir o controle da Universidade. Sílvia acha que é cedo para a mãe se envolver com outro homem. Amara faz Bernardo, João Batista e Benoliel flagrarem Carlão e Bernardinho juntos. Ferraço observa de sua janela, deslumbrado, a beleza de Sílvia.

Próximos capítulos: 29/10/2007 a 03/11/2007

1. Segunda-feira, 05/11/2007 Bernardinho sai de casa. Ferraço diz a Bárbara que se prepare, pois quer se casar com Sílvia. Bernardo acusa Carlão. Amara diz que a culpa é de Bernardinho. João Batista e Benoliel confirmam para o pai que muitos falam mal de Bernardinho. Ferraço manda que Débora assine os documentos que Barreto preparou, receba o dinheiro e suma de sua vida. Juvenal ameaça mudar seus métodos de educação, caso Solange não se comporte com os vizinhos. Gabriel teme a reação de Juvenal quando Duda confirma que vai filmar a Portelinha com câmera escondida. Bernardinho diz que conta com o apoio de Carlão, mas ele avisa que tem mulher e filhos e não poderá fazer nada. Amara sugere que Bernardo mantenha Bernardinho em casa. Bernardinho diz que Amara armou uma cilada para ele, em conluio com Carlão e arruma suas malas. Bernardo suplica, mas Bernardinho vai embora. Branca vê Ferraço conversando com Sílvia. Ferraço marca um jantar em sua casa com a jovem. Branca diz a Sílvia que se afaste de Ferraço, pois ele é sinônimo de encrenca. Ítalo e Luciana comunicam que vão ter novo filho em breve. Nadir aconselha Maria Paula a se casar com Claudius. Claudius aceita almoçar com Maria Paula. Benoliel vai à casa de Fernanda e lhe devolve o dinheiro. Lucimar conta a Bernardinho o que aconteceu com Dália. Gioconda pede que Barreto não pressione Júlia. Júlia bate na porta de Evilásio.

2. Terça-feira, 06/11/2007 Manifestantes invadem a universidade. Gislaine implica com Júlia. Ferraço pede que Bárbara coloque Ronildo para fora de sua casa. Ezequiel tem a visão de Adalberto adolescente, mas é Ferraço quem bate no vidro do carro. Benoliel leva Fernanda ao trabalho e promete buscá-la. Júlia diz a Evilásio que eles devem ser mais do que amigos. Evilásio diz temer a reação de todos. Eles se beijam e Gislaine os flagra. Misael interrompe a briga de Evilásio e Gislaine. Célia Mara recebe a indenização pela casa do pai. Misael sugere que Júlia e Evilásio se conheçam melhor antes de uma maior intimidade. Evilásio avisa que a partir daquele dia ele e Júlia são oficialmente namorados. Bárbara diz que Ronildo tem meia hora para deixar a casa e não pode contar a ninguém o que aconteceu entre eles. Narciso, Evilásio e Júlia comem no boteco. Dália não reage. Juvenal abriga Bernardinho na quadra da escola de samba. O cinegrafista filma a Portelinha de dentro de um carro. Bernardo manda Amara fazer o trabalho doméstico. Duda pede para o cinegrafista registrar um beijo de Júlia e Evilásio. Evilásio percebe a câmera e toma satisfações com Duda. Heriberto avisa Branca que os alunos pretendem impedir a entrada dela na sala da reunião, pois querem participar. Os estudantes erguem seus cartazes, fechando caminho. Branca enfrenta os manifestantes.

3. Quarta-feira, 07/11/2007 Maria Paula aceita se casar com Claudius. Heriberto diz que o protesto é legítimo. Branca avança pelo corredor formado pelos estudantes. Rudolf, intimidado, dá passagem. Heriberto, Adelaide e Ignácio se aproximam e Rudolf cobra a solidariedade dos professores. Evilásio pergunta se Júlia sabia da filmagem e ela confirma, embora afirme que sempre foi contra. Branca dá início à reunião. Rudolf avisa aos professores que invadirão a Universidade. Claudius pergunta se Maria Paula aceitou o seu pedido. Maria Paula diz que quer ser sua esposa e os dois se beijam. Jandira, Luciana e Nadir vibram com a novidade. Ferraço diz que mudou de idéia e pede que Waterloo mantenha Ronildo por perto. Juvenal recebe Duda, Júlia e o cinegrafista. Branca avisa que vai assumir a presidência do conselho e nomear o novo reitor. Branca é eleita por unanimidade. Gabriel avisa Ferraço da invasão à universidade. Ferraço liga para Sílvia e se oferece para ficar ao lado dela. Heriberto é atingido por um ovo e reclama. Branca avisa que não vai dialogar. Eva se preocupa com Duda, que não dá notícias. Júlia insiste que Juvenal veja as imagens. Evilásio reclama que Júlia o usou mais uma vez para beneficiar o filme. Júlia garante que o procurou porque estava com saudades, mas ele vai embora aborrecido. Branca manda Barreto chamar a polícia.

4. Quinta-feira, 08/11/2007 Estudantes fazem barricadas! Barreto tenta dissuadir Branca, mas não consegue. Branca fica desolada ao ver livros rasgados. Ignácio reage ao saber que Branca mandou chamar a polícia. Heriberto acha que é o momento de recuar. Amara faz um escândalo por ter estragado as unhas. Ferraço vai com Sílvia para a Universidade. Débora vê os dois juntos. Bárbara confirma que Ferraço está interessado em Sílvia. Gioconda se produz toda e vai com Lenir para a Universidade. Júlia pede que Evilásio reconsidere, mas ele permanece aborrecido. Os estudantes armam barricadas. A polícia manda que a Universidade seja desocupada. Rudolf avisa que vão resistir. Sílvia é impedida de entrar pelos policiais e é vaiada pelos estudantes. Ferraço a abraça, quando ela chora raivosa e impotente. Gioconda e Lenir falam sobre Ferraço. Branca reage ao ver a filha com Ferraço. Juvenal vê o material gravado e permite que Duda grave mais dois dias na Portelinha. Evilásio diz que Júlia já pode ir embora, pois conseguiu o que queria. Júlia diz que ele é um grosso e vai embora furiosa. Benoliel leva Fernanda em casa. Amara pede desculpas a Bernardinho, que exige que ela assuma que armou tudo. Dália se desespera na clínica. Alzira coloca uma máscara para não ser reconhecida por Antônio.

5. Sexta-feira, 09/11/2007 Maria Paula reconhece Adalberto na TV. Ferraço tenta se esconder da imprensa, mas acaba sendo focalizado, sem perceber, pelas câmeras. Maria Paula, Luciana e Jandira vêem o noticiário sem atenção e não percebem Ferraço nas imagens. Branca e Barreto observam pela janela. Célia planeja comprar algo na Portelinha e sonha com um futuro melhor. Ferraço segura Sílvia, que quer entrar na Universidade. Gioconda e Lenir observam a cena. Os policiais e os estudantes se enfrentam. Ezequiel leva Sílvia para o carro. Maria Paula vê o noticiário e um homem, com um lenço no rosto para se proteger da fumaça, lhe chama atenção. Ferraço limpa uma lágrima de Sílvia e Maria Paula reconhece o gesto. Lenir e Gioconda se escondem atrás do carro de Ferraço. Barreto avisa Branca que a polícia está entrando no prédio. Pastor Lisboa manda Edivânia parar de fofocar. Branca ironiza o discurso de Rudolf e manda que ele reconheça a derrota. Sílvia diz a Branca que Ferraço lhe apoiou todo o tempo. Ferraço combina um café da manhã com Sílvia. Barreto explica a Ferraço que não conseguiu levar os papéis para Débora assinar. Evilásio confessa a Guigui que não consegue tirar Júlia de sua cabeça. Guigui o aconselha a ir atrás dela. Maria Paula tem certeza de que o homem que viu na TV é Adalberto.

6. Sábado, 10/11/2007 Maria Paula vai ao Rio. Renato não encontra a mãe em casa pela manhã. Jandira estranha que Maria Paula tenha saído sem avisar. Bernardinho exige que Amara se retrate diante de toda a família. Dorgival reclama quando Alzira pede que ele vá ao supermercado. Antônio diz a Dagmar que Célia vai ter que dividir o dinheiro com ele. Amara confessa tudo e conta que Carlão não é seu irmão. Bernardo pede que Bernardinho volte para casa e ele não aceita, pois não quer trabalhar para Amara. Ela fica furiosa e briga com Bernardinho. Branca não gosta de ver no jornal que ela é a “Dama de Titânio”. Sílvia diz que foi Gioconda que inventou o apelido. Juvenal se lembra da briga que teve com Branca. Juvenal exige que Solange seja educada com Narciso e ela reage. Débora observa Sílvia, quando ela chega à casa de Ferraço para o café da manhã. Solange vê que está sem vigilância e sai pela janela. Depois, combina com Gislaine de ir ao shopping. Célia abre a porta de sua casa, ressabiada, para Antônio. Zé da Feira ouve no rádio o seu samba, como se fosse de João Fuleiro. Zé resolve ir atrás dele e capota com o carro. Antônio pega o cheque da desapropriação e diz que é seu. Célia reage. Maria Paula vai à Universidade e procura por Adalberto Rangel.

Próximos capítulos: 12/11/2007 a 17/11/2007

1. Segunda-feira, 12/11/2007 Branca decide ajudar Maria Paula. Maria Paula diz que viu Adalberto nas imagens da TV e Heloísa não sabe o que responder. Antonio e Célia Mara brigam e Lucimar os interrompe. Antônio devolve o cheque para Célia. Ferraço diz a Débora que Sílvia é sua convidada. Débora ameaça pedir satisfações e Bárbara a retira da sala. Waterloo manda Ronildo não sair do carro, mas ele não obedece. Branca se recusa a conversar com Rudolf. O rapaz alega que ela é racista. Sem notícias de Maria Paula, Jandira e Nadir se afligem. Maria Paula pede que Branca a ajude. Branca pede que Heloísa providencie a relação de funcionários e empregados da Universidade. Amélia é avisada que Zé está hospitalizado. Branca joga uma foto de João Pedro no lixo e a faxineira a leva para casa. Maria Paula chora e Narciso a observa. Guigui adora a omelete que Bernardinho prepara para ela. Ronildo aconselha Débora a não assinar o documento. Bárbara finge nem perceber quando Ronildo passa bem perto dela. Júlia comenta com os pais que não tem mais visto Evilásio. Gioconda comemora. Maria Paula diz a Branca e Narciso que vai encontrar o ex-marido. Depois, chora ao falar no telefone com Renato. Branca insiste em pagar a passagem de avião para Maria Paula voltar para casa. Zé conta para Amélia e Setembrina que roubaram o seu samba. Macieira aceita ser reitor e Branca comunica a sua decisão aos professores. Juvenal descobre que Solange fugiu.

2. Terça-feira, 13/11/2007 Juvenal encontra Solange com Ferraço. Juvenal manda Gavião Sereno dar um aviso na rádio comunitária sobre a fuga de Solange. Narciso leva Maria Paula no aeroporto. Misael avisa Juvenal que Gislaine está com Solange no shopping. As duas se divertem. Maria Paula diz a Nadir que vai se vingar do ex-marido e colocá-lo na cadeia. Ferraço entra em uma loja para comprar um presente para Sílvia. Solange pede para experimentar um vestido na mesma loja e a vendedora desdenha. Ferraço se interessa quando Gislaine diz que Solange é filha de Juvenal. Juvenal vê as duas dentro da loja próximas a Ferraço. Ferraço intercede para que a vendedora trate bem de Solange. Juvenal entra na loja e avisa que Solange não vai comprar nada. Barreto conta que está a caminho da casa de Ferraço para fazer Débora assinar os papéis. Lenir, Gioconda e Júlia comentam o envolvimento de Ferraço com Sílvia. Sílvia garante a Andréia que é apenas uma amiga de Ferraço. Andréia conta que existe uma briga entre Juvenal e Ferraço. Ezequiel ouve a voz de Hermógenes, vê o jovem Adalberto e sai atrás dele. Ferraço se assusta ao ver Ezequiel gritando o nome Adalberto. Ezequiel disfarça e diz que estava chamando um conhecido. Renato diz a Maria Paula que temeu que ela o tivesse abandonado, assim como o pai. Maria Paula prefere não comentar nada com Jandira e Luciana, que ficam desconfiadas. Alzira visita Célia. Juvenal diz que Solange não vai se esquecer do sermão que ele lhe dará.

3. Quarta-feira, 14/11/2007 Débora faz chantagem com Ferraço. Misael obriga Gislaine a ter uma conversa séria com ele. Solange tenta se trancar no quarto, mas Juvenal a impede. Juvenal avisa que Solange vai ter que estudar o dia inteiro e tira a porta do seu quarto, deixando-a furiosa. Misael manda Gislaine procurar um emprego. Duda prepara a filmagem. Evilásio não desgruda os olhos de Júlia. Amélia não se conforma com o roubo do samba. Branca diz a Sílvia que quer fazer da Universidade uma instituição exemplar. Ferraço fica pasmo quando Débora avisa que só vai assinar os papéis se ele lhe der 500 mil reais. Ferraço grita que quer Débora fora de sua casa, ainda naquele dia. Bárbara comenta que Ferraço está interessado em Sílvia. Barreto sugere que Ferraço resolva primeiro com calma a sua pendência com Débora. Alzira comenta com Célia que, se Antônio exigir metade do cheque, ela pode pedir metade da oficina mecânica. Célia pergunta por Dorgival e Alzira garante que só agüenta o marido por causa dos filhos. Geraldo e Divaldo seguem Alzira. Eva recusa convites e diz à Ramona que é a promoter mais disputada do Rio de Janeiro. Lucimar dá um depoimento para as câmeras de Duda. Amara avisa Bernardo que não tem comida e que ele tem que convencer Bernardinho a voltar para casa. Dália chora abraçada com Bernardinho. Evilásio oferece uma carona a Júlia.

4. Quinta-feira, 15/11/2007 Transtornado! Júlia critica a admiração de Evilásio por Juvenal. Evilásio diz que não é pago para criticar Juvenal. Ronildo promete ajudar Débora. Ferraço manda Bárbara oferecer 250 mil reais para Débora e ela aceita, desde que seja em dinheiro. Evilásio insiste que Juvenal protege as pessoas. Júlia o critica. Evilásio acusa Júlia de ser falsa, pois finge gostar de Juvenal, quando está na frente dele. Juvenal diz a Guigui que Solange ainda irá amá-lo. Júlia pede desculpas a Evilásio. Lenir comenta que Júlia deve estar se encontrando com Evilásio, já que está trabalhando na Portelinha. Gioconda diz que decidiu nem pensar sobre este assunto. Ezequiel dá seu depoimento na igreja e conta que vem sendo perseguido por alguém que deve estar morto. Ferraço dá o presente para Sílvia. Setembrina diz a Andréia que ela não pode esquecer suas obrigações. Débora recebe o dinheiro, assina os papéis e vai embora. Ferraço não quer se despedir. Amélia diz a João Fuleiro que ele roubou o samba de seu marido. Evilásio pergunta se Júlia moraria na Portelinha e ela diz que não consegue ficar longe dele. Os dois se beijam. Barreto vê a cena, indignado. Ferraço diz a Bárbara que só haverá uma mulher mais em sua vida: Sílvia. Maria Paula diz a Luciana que vai mesmo se mudar para o Rio. Júlia segue para casa apreensiva quando Lenir conta que Barreto chegou transtornado.

5. Sexta-feira, 16/11/2007 Geraldo vê Alzira dançando!. Mariozinho se apresenta como produtor de João Fuleiro e pergunta a Amélia se o samba foi roubado mesmo. Amélia garante que sim. Andréia diz que seu maior sonho é ser rainha de bateria e virar uma celebridade. Setembrina observa que Andréia é uma iaô e não pode mostrar seu corpo. Andréia diz que ninguém pode obrigá-la a ser o que ela não quer e sai correndo do terreiro. Barreto chora e conta para Gioconda que viu Júlia e Evilásio se beijando. Gioconda diz que eles não podem fazer nada. Júlia pergunta se está tudo bem e Gioconda garante que sim. Luciana diz a Maria Paula que vai continuar morando em São Paulo. Jandira diz que Renato vai sentir falta de sua comida e chora. Maria Paula abraça as duas e garante que jamais vai se distanciar delas. Juvenal diz a Guigui que dará entrevista para o documentário se souber as perguntas antes. Guigui diz que o depoimento pode correr o mundo, quebrar preconceitos e até ajudar na relação de Juvenal com Solange. Solange esbraveja de ódio de Juvenal e garante a si mesma que ele não irá dobrá-la. Geraldo e Divaldo seguem a van de Jojô, que pára na porta de trás da uisqueria. Pastor Lisboa aconselha Ezequiel a procurar um médico. Geraldo resolve desobedecer a ordem de Juvenal e ir à uisqueria. Jojô diz que não tem nenhum conhecido e Alzira pode dançar sem máscara. Edivânia diz a Ezequiel que Deus está convocando-o. Fernanda e Benoliel se beijam. Mariozinho dá um cartão para Amélia e pede que Zé o procure na gravadora. Ronildo leva Débora para o depósito, onde está morando. Branca pede que Sílvia não se envolva com Ferraço sem saber quem ele é. Célia e Clarissa arrumam a mudança. Geraldo, disfarçado, vê Alzira dançando no palco.

6. Sábado, 17/11/2007 Alzira se desespera. Alzira se exibe para Geraldo, que passa mal. Jojô tira os óculos escuros de Geraldo e o reconhece. Alzira fica aflita por ter sido vista por Geraldo, que é levado para o hospital. Juvenal se irrita ao saber que Geraldo esteve na uisqueria. Juvenal e Narciso vão ao hospital. O médico avisa que Geraldo ficará pelo menos 48 horas no CTI. Setembrina conta a Juvenal que Zé também está internado no hospital. Benoliel confessa a Fernanda que está sem dinheiro e mentiu que esqueceu a carteira em casa. Fernanda diz que não tem problema em pagar a conta da pizzaria. Ronildo pega uma parte do dinheiro da mala de Débora e ela reage. Depois, a jovem vai embora, se assustando ao ver a rua deserta e escura. Divaldo conta a Juvenal que Geraldo entrou na uisqueria porque estava seguindo Alzira. Débora é assaltada e fica sem o dinheiro. Débora bate na porta da casa de Bárbara, diz que perdeu tudo e não tem aonde ir. Ferraço manda que Bárbara resolva o problema sozinha. Bárbara deixa que Débora fique uma noite em sua casa. Andréia não gosta de ver Waterloo a observando. Eva diz a Gabriel que vai investir em um novo negócio: turismo na favela. Juvenal concorda que Bernardinho cuide do bar da escola de samba. Solange critica por ele exigir uma comissão sobre o faturamento. Barreto e Gioconda vêem Júlia e Evilásio saindo juntos de moto. Barreto diz a Gioconda que aquele namoro não pode continuar.

Próximos capítulos: 19/11/2007 a 24/11/2007

1. Segunda-feira, 19/11/2007 Barreto vai levantar ficha de Evilásio. Barreto consegue com Lenir o nome completo de Evilásio. Alguns colegas de Clarissa debocham de sua lentidão para ler. Uma vizinha avisa a Célia Mara que ela precisa conversar com Juvenal antes de se mudar. Júlia e Evilásio passeiam de moto. Solange acusa Juvenal e Guigui o aconselha a ter paciência com a filha. Juvenal pede que Guigui converse com Solange. Juvenal sugere que Célia alugue um anexo de sua casa para Duda, enquanto ele prepara o filme. Branca manda a passagem para Macieira. Heriberto mobiliza os professores contra o novo reitor. O diretor do cursinho dá uma bolsa de estudos à Célia Mara. Branca garante a Sílvia que vai revolucionar a universidade. Dália diz que Bernardinho não é seu namorado, mas ele não acredita. Amara fica indignada quando Bernardinho se recusa a voltar para casa. Ferraço reclama por ter que aprovar a decoração da festa, a pedido de Eva. Ezequiel vê Adalberto e se assusta, freando o carro. Ferraço reclama. Bárbara manda Débora ir embora. Benoliel diz a João Batista que está pensando em arrumar emprego para impressionar Fernanda. Solange e Gislaine tomam sol na laje. Jojô comenta com Alzira que Geraldo continua mal. Antônio e Dagmar vão à uisqueria. Barreto pede a folha corrida de Evilásio. Misael dá seu depoimento para o documentário. Claudius volta de viagem. Maria Paula conta que viu o ex-marido.

2. Terça-feira, 20/11/2007 Juvenal descobre quem é a Outra! Claudius reclama da obsessão de Maria Paula, mas ela diz que tem certeza de que viu Adalberto e que foi ao Rio tentar encontrá-lo. Amélia incentiva Zé a procurar Mariozinho. Setembrina consulta os búzios e fica feliz. Claudius acha que tudo o que Maria Paula fez foi absurdo. Guigui diz a Solange que ela precisa tratar Juvenal com o respeito que ele merece. Solange promete pensar sobre tudo que Guigui lhe disse. Juvenal agradece a Guigui. Jojô atende ao chamado de Juvenal. Ferraço aprova o local escolhido por Eva e diz que vai sortear um apartamento na festa. Ferraço pede para incluir Sílvia e Branca na lista de convidados. Antônio se irrita quando Denise garante que ele não tem direito à metade da casa herdada por Célia. Vesga quase cai ao olhar para Dagmar, que também não tira os olhos dela. Alzira abraça os filhos com carinho. Dorgival a observa de um jeito estranho. Jojô conta a Juvenal que Geraldo passou mal depois de ver a Outra dançando. Juvenal confirma que a Outra é Alzira e diz que quer vê-la dançar e sem máscara. A mãe de Débora a expulsa ao saber que ela perdeu todo o dinheiro. Jojô salva Débora quando ela está prestes a fazer uma besteira e a convida para almoçar. Gislaine e Evilásio se emocionam com o depoimento de Misael. Ferraço diz a Barreto que vai fazer negócio com os chineses. Barreto não revela a Barretinho que tipo de negócio Ferraço fará com os chineses, mas garante que provocará turbulência. Claudius é frio com Maria Paula e diz que eles precisam conversar.

3. Quarta-feira, 21/11/2007 Claudius decide apoiar Maria Paula. Maria Paula sugere que eles conversem fora de casa. Claudius diz que sempre a amou. Silvia marca encontro com Ferraço. Branca resmunga que Ferraço é muito insistente. Silvia pede que ela pare de implicar com ele. Claudius insiste em saber o que Maria Paula faria se encontrasse Adalberto. Jojô oferece emprego para Débora como dançarina e atendente na uisqueria. Ela diz que é moça de família, mas ele sugere que ela pelo menos fique uma noite lá para conhecer. Solange se oferece para tirar as botas de Juvenal e diz que chegou à conclusão que é melhor se entender com ele. Juvenal a abraça emocionado. Maria Paula diz a Claudius que se vingaria da humilhação que sofreu, se encontrasse Adalberto. Claudius promete ajudá-la a encontrar o ex-marido, mas diz que será apenas amigo de Maria Paula até ter certeza de que a jovem só quer mesmo se vingar de Adalberto. Maria Paula avisa Renato que eles se mudarão para o Rio em uma semana. Silvia avisa Ferraço que vai jantar na casa de Barreto. Ferraço diz que também irá e força Barreto a convidá-lo. Juvenal recoloca a porta do quarto de Solange e suspende a vigilância. Gioconda surpreende Sabrina e Barretinho. Júlia apresenta Evilásio para Sílvia e Branca. Eva promete ajudar Duda na decoração do seu escritório na Portelinha. Barreto observa, pela janela, Júlia e Evilásio se beijando e decide sair.

4. Quinta-feira, 22/11/2007 Branca é vítima de seqüestro relâmpago. Barreto convida Evilásio para entrar, mas ele não aceita. Depois, Barreto anota a placa da moto de Evilásio. Lenir dispensa que Ferraço a chame de dona, mas Branca não faz o mesmo. Ferraço reage quando Branca comenta que Sílvia vai voltar para Paris. Alzira diz a Dorgival que não vai trabalhar porque sua categoria está em greve. Jojô avisa que Outra não virá e apresenta Débora a todas. Bernardo reclama da comida de Amara. Bernardinho quer que Juvenal entre como sócio em um restaurante e ele aceita. Andréia samba cercada de crianças, até encontrar Setembrina. Silvano avisa Maria Paula que arrumou uma casa para ela morar no Rio. Juvenal quer fazer perguntas sobre o passado de Guigui, mas ela o impede. Branca é vítima de um seqüestro relâmpago. Juvenal manda Oswaldo entrar em seu carro, segue os bandidos e avisa Evilásio. Barreto diz a Gioconda que vai fingir que é politicamente correto. Edivânia comenta com Amara que a mulher de Lisboa morreu no parto. Débora se impressiona ao saber que as mulheres da uisqueria faturam alto. Célia vibra porque vai ficar com Clarissa o dia inteiro. Um assaltante leva Branca para um caixa eletrônico em um posto. Heriberto vê Branca e grita seu nome. Branca acena para ele. Heriberto avisa Sílvia. Ferraço vai com Sílvia ao ponto de gasolina onde Heriberto viu Branca. Juvenal garante a Oswaldo que Branca vai escapar.

5. Sexta-feira, 23/11/2007 Ferraço beija Sílvia. Branca erra a senha, o que deixa o assaltante irritado. Evilásio e seus companheiros chegam ao posto. Juvenal avisa Oswaldo que chegou a hora de agir. Feliz rende os assaltantes no carro. Ferraço e Sílvia avistam Branca. Ezequiel mostra a Ferraço que Juvenal está no posto. Juvenal enfrenta o assaltante que está com Branca. Evilásio tira Branca do posto. Sílvia abraça a mãe. Evilásio aconselha Juvenal a entregar os bandidos para a polícia. Juvenal comenta como ele e Ferraço se encontram sempre. Ferraço diz que tem planos para o terreno do lado da Portelinha. Branca agradece a Juvenal e deixa seu cartão com ele. Barreto insiste que Branca dê queixa e se irrita ao saber que Juvenal a salvou. Benoliel se declara para Fernanda e ela diz que vai se casar com ele. Juvenal dorme no banco traseiro do carro. Guigui o beija. Solange observa a cena. Ferraço beija Sílvia e a pede em casamento na manhã seguinte. Amélia insiste para Zé se encontrar com Mariozinho. Célia e Clarissa se mudam. Barreto se irrita quando Lenir conta que Evilásio está na porta aguardando Júlia de moto. Júlia e Evilásio se beijam e partem. Barreto olha a cena com raiva.

6. Sábado, 24/11/2007 Amarelou! Um policial tira um papel do bolso e confere a placa da moto, quando Júlia e Evilásio passam. Gabriel implora que Eva desista da idéia de levar turistas à Portelinha. Waterloo comenta com Ronildo que Ferraço já tem uma nova mulher. Débora aceita trabalhar na uisqueria. Ferraço admira Sílvia, enquanto ela nada na piscina. Juvenal acorda no carro e vê uma multidão em volta. Solange diz que pensou em acordá-lo, mas Guigui não deixou. Juvenal liga para Branca e garante que nada de mal lhe acontecerá. Amélia deixa Zé na porta da gravadora, mas ele acaba não subindo e vai para um botequim. Claudius comenta com Ítalo que vai ajudar Maria Paula a encontrar Adalberto, porque não quer dividi-la com uma obsessão. Juvenal compra o restaurante e comemora com Bernardinho e Guigui. Lucimar conta para Amara a novidade. Bernardinho manda Dália se recuperar logo para ajudá-lo. Heriberto fofoca com os professores que Branca estava de braço dado com um homem mal encarado na noite anterior. Célia se impõe quando uma aluna comenta que ela é muito velha para estudar. Branca se irrita ao saber do pedido de casamento feito por Ferraço. Sílvia diz que vai pensar. Ferraço insiste com Barreto que seu negócio com os chineses deve ser segredo. Juvenal se recusa a dar entrevista para o documentário. Geraldo sai do coma. Dorgival ouve Alzira dizer a Jojô que seu marido tem um sopro no coração e pode morrer a qualquer momento. Juvenal promete a Jojô que estará na platéia para ver o show da Outra.

Próximos capítulos: 26/11/2007 a 01/12/2007

1. Segunda-feira, 26/11/2007 Dorgival na cola de Alzira. Dorgival liga para o número que Alzira discou. Jojô atende e diz que é da Uisqueria e ele desliga. Jojô obriga Débora a subir no palco e garante que ela vai adorar. Manuela faz um showzinho de funk para Alzira e Dorginho morre de vergonha. Dorgival encontra um tapa-sexo na bolsa de Alzira. Rudolf grita com Branca e ela revida. Heriberto fofoca com os professores. Branca agradece o telefonema da noite passada, que a livrou de um seqüestro. Juvenal diz a Bernardinho que, em breve, Dália terá alta. Jojô avisa Juvenal que ele pode ir à uisqueria naquela noite. Dorgival lembra das palavras de Alzira e fica furioso, prendendo o choro. Jandira se emociona ao ver as caixas da mudança de Maria Paula e Renato. Dália agradece a Juvenal pelo tratamento. Bernardinho avisa que se Dália voltar a ser viciada, se afastará dela. Amara impede que Bernardo dê dinheiro para Benoliel. Bernardinho se encanta com os desenhos de Dália, diz que eles poderiam ser usados na escola de samba e promete mostrar a Juvenal. Fernanda convida Benoliel para jantar em sua casa. Edivânia diz que Ezequiel foi escolhido para ter o dom da profecia. Sílvia sai com Ferraço. Juvenal e amigos visitam Geraldo. Alzira sai.

2. Terça-feira, 27/11/2007 Dorgival vê Alzira dançando! Dorgival segue Alzira, que entra na van de Jojô. Célia e Clarissa arrumam a casa nova. Bárbara reclama por Heraldo chegar tarde. Benoliel fica arrasado quando Bárbara é ríspida com Heraldo, porque ele não trabalha nem estuda. Fernanda sai atrás de Benoliel, que vai embora correndo. Maria Paula, Renato e Claudius embarcam para o Rio de Janeiro. Sílvia diz a Ferraço que aceita a sua proposta de casamento. Ferraço promete manter em segredo até o dia da festa de sua empresa. Zé se irrita ao ouvir seu samba no rádio. Jojô garante a Juvenal que Alzira vai arrasar, mas que ele deverá ver o show pela fresta da porta do escritório. Alzira dança no palco. Juvenal se encanta. Dorgival entra, leva um choque, e se aproxima do palco. Juvenal percebe que ele pode ser perigoso e o tira do estabelecimento. Jojô avisa Alzira que está tudo bem e ela passa mal. Zé adormece com o cigarro aceso em cima de uma pilha de lixo. Bruceli avisa que a lixeira da Portelinha está pegando fogo. Marcha Lenta reconhece Zé caído. Ezequiel livra o irmão da fúria da multidão. Débora dança. Alzira decide que vai voltar para casa. Juvenal dá dinheiro para Dorgival passar uns dias fora. O policial avisa Barreto que a moto de Evilásio está cheia de irregularidades. Juvenal promete a Dorgival que vai cuidar de Alzira.

3. Quarta-feira, 28/11/2007 Juvenal dá em cima de Alzira. Dorgival agride Juvenal por ter impedido que ele fizesse uma besteira. Maria Paula, Renato e Claudius chegam ao Rio. Vitória e Vesga invejam as gorjetas que Débora ganhou. Juvenal manda Evilásio levar Dorgival para Rio das Ostras e deixar um dos homens o vigiando. Manu e Dorginho contam para Alzira que o pai viajou, porque Juvenal arrumou um emprego para ele. Jojô diz a Alzira que Juvenal havia feito questão de vê-la dançar e foi quem a salvou. Branca suspira, preocupada, ao saber que Sílvia de novo não voltou para casa. Bárbara acorda Ferraço carinhosamente. Sílvia estranha a intimidade entre os dois. Ferraço diz que Bárbara o conhece desde pequeno e que é sua amiga. Sílvia deixa claro que as coisas precisam mudar na casa e que jamais será amiga de uma governanta. Bárbara, que ouviu tudo atrás da porta, acha Sílvia arrogante. Alzira diz a Jojô que não vai mais precisar se disfarçar de enfermeira. Júlia diz aos pais que está realmente apaixonada por Evilásio. Claudius se esquiva de um beijo de Maria Paula. Ezequiel dispersa a multidão que quer agredir Zé com um discurso inflamado. Renato não gosta ao saber que Claudius não vai morar com eles. Juvenal se declara para Alzira, mas ela garante que sempre foi fiel ao marido e foge do assédio. Juvenal insiste.

4. Quinta-feira, 29/11/2007 Ferraço vê Maria Paula. Alzira garante que ama o marido e que sua atividade na uisqueria é absolutamente profissional. Lucimar fofoca, depois de ver Juvenal sair da casa de Alzira. Guigui diz a Juvenal que todos estão comentando na favela que ele mandou Dorgival para longe, porque está interessado em Alzira. O carro de Ferraço quase bate em um ônibus. Ferraço vê Maria Paula entrar no ônibus e o segue. Dália sai da clínica de braços dados com Bernardinho. Ferraço segue Maria Paula em um shopping. Benoliel se declara para Fernanda e conta que jamais trabalhou. Fernanda entra na loja, estarrecida com o que ouviu. Ferraço percebe que se enganou. Maria Paula chega ao supermercado e é recebida por Silvano e Nadir. Ezequiel sugere que Amélia interne Zé, mas ela reage. Alzira pede uma licença para Jojô, planejando conseguir o que quer de Juvenal. Alzira se lembra do médico avisando-a que Dorgival precisa fazer uma operação no coração. Jojô diz que Débora vai ficar no lugar de Alzira. Ferraço sofre com dor de cabeça.

5. Sexta-feira, 30/11/2007 Maria Paula ouve Ezequiel chamando por Adalberto. Júlia confessa a sua felicidade por ter encontrado Evilásio. Ele garante que o encontro dos dois estava escrito. Barreto se irrita ao saber que Júlia está na Portelinha. Sabrina diz que Barretinho só encosta nela se pedi-la em casamento. Júlia pergunta a Evilásio se a relação deles é tão séria para ele quanto é para ela. Ele a beija, emocionado, quando ela garante que sua vida será ao lado dele e diz que não vai se separar dela, nem que seja preciso brigar com todo o mundo. Sabrina diz a Gioconda que se Barretinho não parar, vai processá-lo por assédio. Barreto manda o filho ficar longe de Sabrina. Ezequiel cruza com Maria Paula no supermercado e tem nova visão: ela gritando o nome de Adalberto. Ezequiel sai do transe gritando Adalberto e vai embora. Maria Paula fica pasma. Célia convida Duda para jantar. Clarissa se constrange quando a mãe revela que ela é disléxica. Evilásio procura Guigui e explica que está apaixonado por Júlia. Guigui garante que eles continuarão bons amigos. Evilásio se despede de Guigui com um beijo. Duda filma com seu celular. Dália pede que Bernardinho fique com ela em sua casa. Amélia diz a Zé que eles devem se separar. Ferraço chega em casa com dor de cabeça e mal-humorado. Branca fica atônita quando Sílvia diz que vai se casar com Ferraço. Macieira chega ao Brasil, pede para Branca encontrá-lo e ela sai de casa apressada.

6. Sábado, 01/12/2007 Evilásio recrimina Juvenal por abuso de autoridade. Ferraço diz a Bárbara que se lembrou de seu passado. Ela pergunta se por isso ele ficou abalado e Ferraço nega. Gioconda garante a Sabrina que Barretinho vai se comportar e lhe dá um aumento. Narciso recebe Macieira no aeroporto com um forte abraço. Evilásio recrimina Juvenal pelo abuso de autoridade, no caso de Alzira e Dorgival. Juvenal fica furioso, deixando claro que ele não tem direito de opinar. Silvia diz a Ferraço que ele precisa conquistar a simpatia de Branca. Ferraço garante que vai se tornar o maior benemérito da Universidade Pessoa de Moraes. Ezequiel observa Maria Paula. Heriberto garante a Ignácio que está preparando uma grande surpresa para o dia da posse de Macieira. Sílvia se irrita quando Bárbara insiste em servi-la, quando a encontra na cozinha preparando um sanduíche. Sílvia diz que Bárbara não gosta dela. Bárbara retruca que ela não tem opinião sobre as mulheres que passam por aquela casa. Silvia diz que ela é apenas uma governanta e Bárbara lhe pede desculpas. Silvia diz a Ferraço que não vai admitir ser afrontada por Bárbara. Ezequiel vê Adalberto no banco traseiro do carro. Bárbara reage quando Ronildo tenta se aproximar dela. Gioconda diz a Júlia que seus olhos estão brilhando e pergunta se Evilásio é o responsável.

Próximos capítulos: 03/12/2007 a 08/12/2007

1. Segunda-feira, 03/12/2007 Ronildo tenta atacar Bernardinho e Dália. Júlia confirma que está apaixonada por Evilásio. Gioconda pede que a filha se abra com ela, mas Júlia diz que ainda não quer falar muito sobre isso. Gioconda treme e sente-se mal ao sair do quarto da filha. Bárbara descobre que Ezequiel está com febre alta. Juvenal recebe um pacote perfumado e um pedido de entrevista da Condessa Finzi Contini. Ele pede que Guigui descubra quem é a condessa. Gislaine se prepara para ir ao baile funk. Evilásio pergunta se ela esqueceu que no dia seguinte tem exame simulado. Gislaine diz que precisa aproveitar a vida e sai. Eva vê as imagens do beijo de Guigui e Evilásio. Duda garante que vai pensar em um jeito de mostrá-las para Júlia. Socorro e Vitória olham com inveja Débora cercada de homens. Denise incentiva Vesga a falar com Dagmar. Antônio escolhe Débora e Jojô não deixa que ela o recuse. Vesga chora humilhada. Débora fica com nojo ao ver as costas de Antonio com graxa e se recusa a fazer a massagem. Antonio vai embora furioso. Jojô coloca Débora na rua. Ronildo se lembra de Dália. Benoliel observa a casa de Fernanda. Célia incentiva Clarissa que acha que por ser disléxica não pode namorar. Branca diz a Macieira que vai marcar a posse para a próxima semana. Zé avisa Amélia que vai procurar o produtor. Ronildo entra na favela. Bernardo e Amara fazem planos para trabalhar no restaurante de Bernardinho. Ronildo vê Dália com Bernardinho, fica furioso e parte para cima deles. Juvenal entra na casa com estardalhaço e ameaça Ronildo.

2. Terça-feira, 04/12/2007 Pitboys atacam Débora. Ronildo se apavora quando Juvenal manda seus homens saírem com ele. Dália pede que não machuquem Ronildo, o que irrita Juvenal. Bernardinho manda Dália se acalmar e não interferir na decisão de Juvenal. Débora vai até a casa dos pais, mas desiste de bater, ao se lembrar das palavras da mãe. Pastor Lisboa distribui convites para uma quermesse. Juvenal avisa que Ronildo vai ser julgado de novo e não vai fugir como da primeira vez. Setembrina tenta aplacar a febre de Ezequiel, que delira. Nanã diz a Setembrina que vai trabalhar na casa de Claudius. Débora é atacada por uns rapazes. João Batista consegue levá-la embora no carro dos playboys. Sílvia volta para casa de manhã e descobre que Branca não está lá. Andréia avisa que Branca saiu com Macieira. Macieira se instala no seu novo apartamento no Centro da cidade. Rudolf distribui na Universidade exemplares do jornal a Voz do Estudante. Débora agradece João Batista por ter salvado a sua vida. Ronildo é julgado e todos votam pelo seu desaparecimento da Portelinha. Ronildo apela que pode conseguir informações sobre Ferraço através de Bárbara. Juvenal decide escutá-lo. Zé aguarda Mariozinho. Débora diz que não tem para aonde ir e João Batista decide levá-la para a sua casa. Os clientes reclamam e Jojô avisa Alzira que ela tem que voltar para o trabalho. Juvenal libera Ronildo e manda que ele seja seu espião. Maria Paula procura Branca para lhe agradecer. Dália pergunta pelo paradeiro de Ronildo.

3. Quarta-feira, 05/12/2007 Rivais se reencontram. Juvenal manda Dália parar de se preocupar com Ronildo. Bernardinho conta para Juvenal que Dália está trabalhando em um enredo para a escola de samba. Ezequiel delira dizendo o nome Adalberto. Branca incentiva Maria Paula a continuar sua busca pelo ex-marido. Ferraço manda que Bárbara trate Sílvia com respeito e distinção. Dália começa a trabalhar no enredo Grande Circo Brasileiro. Amara implica com Débora. Branca diz que Sílvia está perdendo tempo namorando Ferraço. Sílvia garante que o relacionamento é muito mais sério que um simples namoro. Benoliel diz a Fernanda que é um mentiroso e grita que a ama. Bárbara manda que eles continuem a conversa dentro de casa. Guigui fala com Claudine, a secretária da Condessa. Débora conta tudo o que aconteceu em sua vida. Amara reage quando percebe que Bernardo vai deixar Débora ficar na casa. A Condessa diz a Claudine que vai aguardar o telefonema de Juvenal. Fernanda manda que Benoliel arrume um emprego, pois só assim se reconciliará com ele. Benoliel diz que ela ainda vai se orgulhar dele. Zé derruba um copo, sai correndo e se refugia no cemitério. Célia atravessa a rua sem olhar e quase é atropelada por Branca.

4. Quinta-feira, 06/12/2007 Barraco no meio da rua. Branca e Célia trocam insultos. A multidão acompanha, torcendo por um desentendimento. Branca debocha de Célia por estar estudando. Célia promete que irá passar em primeiro lugar no vestibular. Benoliel chora e garante que vai mudar a sua vida. Setembrina fica curiosa para saber quem é Adalberto. Maria Paula ajuda Bárbara no supermercado. Gabriel acha que Duda não deve mostrar o vídeo para Júlia. Eva pondera que na guerra vale tudo. Gabriel manda que a esposa fique fora dessa confusão. Macieira passeia pelo centro. Zé dorme em cima do túmulo de Afonso Henriques de Lima Barreto. A condessa liga para Juvenal e revela que é o seu amor do passado, a Morena. Ela conta que ficou viúva de um conde italiano riquíssimo, que passou muitos apertos antes do casamento e que decidiu usar seu dinheiro para ajudar outras mulheres. Maria Paula decide ligar para cinco homens com nome Adalberto Rangel que encontra no catálogo. Barretinho sonha com Sabrina. Júlia conhece Fernanda em uma loja. Fernanda conta que sua mãe trabalha com Ferraço, quando Júlia comenta que é filha de Barreto. Ronildo faz charme para Bárbara, que o ignora. Sílvia diz que não quer ficar noiva sem a aprovação de Branca. Branca garante que aprova e torce para que Sílvia seja feliz. Ferraço diz a Gabriel que fará um grande negócio e se reúne com chineses. Guigui pergunta se a Condessa quer voltar com Juvenal e ele brinca que ela está com ciúmes.

5. Sexta-feira, 07/12/2007 Maria Paula reconhece Sílvia. Benoliel tira sua carteira de trabalho. Afonso Henriques de Lima Barreto se apresenta a Zé e diz que é jornalista e escritor. Zé pergunta se está sonhando. Amélia sofre sem notícias do marido. Afonso Henriques diz que era artista e bêbado como ele e que morreu de cirrose e exige que ele cumpra seu compromisso. O homem desaparece e Zé leva um susto ao ver o nome no túmulo onde estava deitado. Ronildo pede desculpas e diz que nunca mais vai incomodar Bárbara, que fica intrigada. Ferraço assina contratos, paga aos chineses e comemora o grande negócio. Gabriel fica curioso, mas Ferraço diz que não pode revelar ainda o negócio. Barreto confirma para Gioconda que o negócio renderá muito dinheiro e irá atrapalhar a vida dos moradores da Portelinha. Gioconda insiste em saber, mas Barreto mantém segredo. Waterloo abre as portas do terreno vizinho à Portelinha para enormes máquinas. Débora promete ajudar Benoliel a fazer seu currículo. Macieira e Branca se encontram. Juvenal fica intrigado com a obra e pede para Ronildo descobrir detalhes. Lenir passa nota para uma coluna sobre o noivado de Sílvia e Ferraço. Zé propõe cantar para Mariozinho na quadra da Nascidos na Portelinha. Barreto se irrita ao saber o que Lenir fez. Sílvia vê a notícia do noivado online. Ferraço garante que gostou. Ezequiel volta ao trabalho. Barreto observa Júlia e Evilásio na janela e deixa cair um vaso, sem querer, bem perto dele. Ele comenta que quase matou alguém com o vaso, mas se recusa a dar detalhes. Maria Paula vê a foto de Sílvia na coluna online e a reconhece como a mulher que estava com seu ex-marido na invasão da Universidade.

6. Sábado, 08/12/2007 Barreto e a condessa presos no elevador. Gioconda se choca quando Lenir comenta que um vaso quase caiu na cabeça de Evilásio. Barreto garante que não havia visto o casal. Maria Paula fica sob forte emoção quando se lembra do passado. Barreto alerta Ferraço de que o projeto com os chineses pode causar muita polêmica. Ferraço pede que o assunto permaneça sigiloso. O engenheiro pergunta a Gabriel o que irão construir, pois Ferraço mandou fazer estruturas muito sólidas. Gabriel responde que não sabe de nada. Ronildo tira a roupa e mergulha na piscina, ao perceber que Bárbara está olhando. Bárbara lhe dá uma bronca. Barretinho entra no elevador junto com a Condessa e a admira. Branca conta a Macieira que Juvenal salvou a sua vida e que pensa em convidá-lo para a posse. Evilásio convida Julia para a festa na escola de samba de Zé. Juvenal exige que Solange troque de roupa para sair. Maria Paula descobre que Sílvia é filha de Branca. Ezequiel pensa em bater na porta da casa de Maria Paula. Maria Paula consegue o endereço de Sílvia. Ferraço telefona para Ezequiel e manda vir buscá-lo imediatamente. Claudius avisa que vai viajar para assinar o divórcio e Maria Paula não lhe conta nada. Branca diz a Macieira que eles precisam ser discretos até a posse. Barreto fica preso no elevador junto com a Condessa e tem uma crise de claustrofobia.

Próximos capítulos: 10/12/2007 a 15/12/2007

1. Segunda-feira, 10/12/2007 Maria Paula entrega flores para Sílvia. Geraldo vê a placa dizendo que a uisqueria está fechada e quer entrar, mas é impedido por Divaldo. Gioconda descobre que Barreto está preso no elevador com uma condessa italiana. Gioconda pede emprestado um helicóptero, para socorrer Barreto. Renato comenta com Claudius que Maria Paula está esquisita. Claudius pergunta o que está acontecendo quando Maria Paula quer sair. Maria Paula mente que esqueceu um documento no supermercado, deixando-o desconfiado. Ferraço ameaça Ezequiel de demissão caso ele desapareça mais uma vez. Narciso ajuda Macieira a arrumar o apartamento. Gavião Sereno anuncia o show de Zé da Feira na escola de samba. Zé ensaia e Amélia oferece suco para os músicos. Condessa ampara Barreto, que ameaça desfalecer. Gioconda fica boquiaberta ao ver Barreto desfeito e deitado no colo da Condessa. Barreto fica pasmo ao constatar que a Condessa é negra. Solange avisa Guigui que Juvenal corre perigo. Gioconda diz que Barreto deve convidar Evilásio e Condessa para jantar em sua casa. Guigui avisa Evilásio que o marido de Alzira está voltando disposto a tudo. Maria Paula entrega flores para Sílvia e pede para lhe fazer uma pergunta. Sílvia vê Ferraço.

2. Terça-feira, 11/12/2007 Dorgival prende Alzira em casa. Maria Paula vai embora correndo. Ferraço não a vê. Escondida, Maria Paula observa os dois se beijando. Renato diz a Claudius que, quando crescer, vai procurar o pai. Ezequiel vê Maria Paula, mas acaba não falando com ela. Claudine dá todos os detalhes sobre Barreto para Condessa, que se lembra que o advogado e Juvenal trabalharam na mesma empresa. Gioconda insiste que Barreto tem que convidar Evilásio e a Condessa para jantar. Barreto fica lívido ao saber que Júlia e Evilásio já são íntimos. Júlia não gosta da idéia do jantar, mas Barreto insiste e garante que vai fazer o convite pessoalmente a Evilásio. Júlia abraça o pai, que fica comovido e chora. Sabrina conta a Barretinho que ficou noiva. Barretinho tem uma crise de choro e promete a si mesmo que Sabrina será sua. Guigui avisa que Juvenal corre perigo. Claudius pressiona Maria Paula, que se recusa a responder às perguntas. Juvenal decide proteger a casa de Alzira, para irritação de Guigui. Ronildo lê documentos de Ferraço, mas é interrompido por Bárbara. Dorgival tranca a porta e diz a Alzira que os dois estão presos na casa. Claudius exige que Maria Paula conte a verdade.

3. Quarta-feira, 12/12/2007 Dorgival ameaça acabar com a própria vida. Ronildo garante que estava só arrumando os papéis e pede que Bárbara não revele nada a Ferraço. Alzira pede que Dorgival não faça uma besteira. Alzira diz que tem um motivo para dançar na uisqueria. Dorgival diz que sabe que o motivo é ele e pergunta se é verdade que ela dança para salvá-lo de sua doença. Juvenal ouve os gritos de Dorgival, que ameaça acabar com a própria vida. Manoela e Dorginho batem na porta. Juvenal entra para contê-lo. Alzira acalma os filhos. Maria Paula diz que confundiu um homem com Adalberto e que Claudius pode viajar tranqüilo. Ezequiel vigia a casa de Maria Paula e é denunciado por uma vizinha. Ronildo joga charme para Bárbara. Bernardo leva Débora para a praia como sua assistente. Amara garante a Edivânia que Débora ajuda nos negócios e não tem ciúmes dela. Gislaine convida Solange para ir à praia. Barreto acha melhor desistir do jantar, mas Gioconda insiste. Lenir acha que não vai dar certo. Condessa se prepara para encontrar Juvenal. Célia Mara olha melancólica a casa de seu pai ser derrubada. Débora faz o maior sucesso na praia e Bernardo vende muita bebida. Ezequiel se aproxima da casa de Maria Paula, mas é parado pela polícia. Dorgival insiste em conversar a sós com Alzira. Juvenal avisa que vai ficar vigiando do lado de fora.

4. Quinta-feira, 13/12/2007 Maria Paula traça plano contra Ferraço. A polícia pergunta a Maria Paula se ela conhece Ezequiel. Ele murmura o nome Adalberto. Maria Paula o defende, mas a polícia decide levá-lo para a delegacia. Nanã diz a Setembrina que gostou muito de Maria Paula, com quem vai trabalhar. Setembrina pede ajuda a Guigui ao saber que Ezequiel foi preso. Narciso promete ajudá-la. Alzira explica a Dorgival que ele precisa fazer uma cirurgia no coração e diz que vai conseguir o dinheiro se trabalhar mais na uisqueria. Dorgival diz que dispensa o sacrifício dela e que vai viver a vida, sair de casa e cair no mundo. Alzira insiste que os filhos precisam do pai. Dorgival pede que ela lhe compre um par de sapatos brancos e um terno de linho. Alzira explica aos filhos que Dorgival vai embora por uns tempos. Dorgival solta seus passarinhos e sai. Maria Paula diz a Nadir que encontrou seu ex-marido. Narciso liberta Ezequiel e o apresenta a Macieira. Gislaine e Solange olham o sucesso de Débora na praia com ar crítico. Dorgival abre uma conta na uisqueria. Macieira mostra interesse em conhecer Juvenal e Narciso promete promover um encontro. Bernardo e Amara vibram com o dinheiro que conseguiram. Débora lembra que parte é dela, mas Bernardo diz que ficará guardada com ele. Maria Paula vê no jornal uma nota sobre a festa de Ferraço e diz a Nadir que vai desmascará-lo na ocasião.

5. Sexta-feira, 14/12/2007 Célia Mara é presa! Juvenal pede que Guigui o ajude a se arrumar para o encontro com a Condessa. Na demolição da casa de Manoel, é encontrada uma cave com vinhos raríssimos e um baú cheio de moedas de ouro. Célia passa mal. O delegado Raposo apreende tudo e diz que todos devem prestar depoimento na delegacia. Ezequiel pergunta a Maria Paula se ela conhece um menino chamado Adalberto. Silvano interrompe a conversa. Maria Paula marca encontro mais tarde com Ezequiel. Juvenal vê Solange e Gislaine descendo de um carro com vários rapazes e não gosta. Misael ameaça Gislaine. Evilásio o acalma. Solange garante a Juvenal que não aconteceu nada e que o grupo ficou na praia perto da barraca de Bernardo. Juvenal diz que ela só vai agora à praia quando ele autorizar e com um segurança. Solange pergunta se Juvenal tem raiva dela e ele garante que a ama muito. Os dois se abraçam. Misael pede desculpas à filha. Gislaine garante que está arrependida e pede perdão ao pai. Heriberto garante que a posse será inesquecível. Sílvia aguarda Ferraço e humilha Bárbara. As meninas da uisqueria adoram Dorgival e insistem com Jojô para que ele seja o queridinho delas. O delegado diz que Célia precisa comprovar a propriedade das moedas e que a Prefeitura é a dona do imóvel. Célia diz que está sendo roubada e acaba presa. Clarissa pede ajuda de Antônio, que reluta, mas acaba pagando a fiança.

6. Sábado, 15/12/2007 Ezequiel é comparsa de Ferraço? Célia pede desculpas ao delegado, se impressiona com a quantidade de moedas que foram contadas e garante que vai lutar por elas. Bernardinho elogia a proposta de enredo feita por Dália, que diz que não seria capaz sem ele. Barreto manda Gioconda marcar o jantar. Barretinho fica arrasado quando Sabrina confirma o noivado. Débora acha pouco o que Bernardo lhe dá. Evilásio estranha o convite para jantar, mas Júlia garante que o pai quer se redimir. Juvenal é recebido por Claudine e confessa não saber o verdadeiro nome da Condessa. Condessa diz que se chama Faustina, mas que para ele será sempre Morena. Condessa pede que Juvenal a ajude a criar uma ONG. Barreto convida Condessa para o jantar. Condessa diz a Juvenal que ele será seu acompanhante. Barreto garante a Gioconda que jamais se interessaria pela Condessa. Sabrina ouve tudo. Ezequiel diz que tem tido visões, inclusive com Maria Paula gritando o nome de Adalberto. Ferraço faz segredo do negócio com os chineses até para Sílvia. Sílvia reclama da comida, se defronta com Bárbara e garante a Ferraço que tudo vai mudar naquela casa. Ezequiel conta que trabalha para Ferraço, e Maria Paula o acusa de estar a serviço do patrão para vigiá-la e sai correndo. Nanã abre a porta para Ezequiel e Maria Paula se preocupa ainda mais. Nanã e Ezequiel a convencem de que não existe uma conspiração. Maria Paula decide conversar com Ezequiel. Dorgival veste o terno branco. Evilásio concorda em ir à casa de Barreto. Juvenal diz que vai ao jantar com a Condessa e os dois brindam.

Próximos capítulos: 17/12/2007 a 22/12/2007

1. Segunda-feira, 17/12/2007 Juvenal beija Alzira. Maria Paula pede que Ezequiel não se aproxime mais dela, pois ele coloca em risco a sua família. Ezequiel jura que ninguém vai saber que eles se conhecem. Manoela e Dorginho estranham ao ver o pai vestido com o terno e penteado. Clarissa comenta com Célia que o avô devia ter deixado por escrito alguma coisa sobre a fortuna. Célia garante que não vai desistir do tesouro. Condessa conta que foi para a Europa para ser bailarina e passou por más experiências e por isso quer criar uma ONG para ajudar jovens com o mesmo destino. Juvenal concorda que a ONG tenha sua sede na Portelinha. Branca vai à casa de Macieira. Maria Eva garante a Gabriel e aos filhos que a festa de Marconi será o acontecimento do ano. Ferraço diz a Sílvia que faltam poucos dias para a festa e para o anúncio do noivado dos dois. Maria Paula olha a foto e a reportagem sobre Ferraço e garante que ele vai pagar tudo o que lhe roubou. Juvenal vai à quadra da escola. Andréia se apresenta à frente da bateria e Juvenal adora. Solange diz ao pai que não sabe sambar. Duda faz o making of da festa. Eva se desespera porque a cortina desaba. Macieira diz a Branca que não vai preparar discurso de posse. Gioconda chora, preocupada com Júlia. Evilásio diz a Júlia que seu sonho é ser o sucessor de Juvenal. Júlia sugere que ele conheça o mundo fora da Portelinha antes. Alzira abre a porta e dá de cara com Juvenal, que a beija. Divaldo vê tudo.

2. Terça-feira, 18/12/2007 Maria Paula persegue Ferraço. Alzira não consegue resistir a Juvenal. Divaldo não sabe como contar a Geraldo o que aconteceu. Setembrina joga os búzios e prevê que Andréia não será rainha da bateria. Amara acusa Bernardo de espiar Débora dormindo. Eva mostra a Gabriel o salão todo arrumado. Barretinho vai à quitanda do pai de Sabrina. Celestino o apresenta ao noivo de Sabrina. Barretinho mente que queria comprar aipim. Geraldo acusa Juvenal de ser falso e garante que viu o beijo que ele deu em Alzira. Juvenal diz que não esteve na casa de Alzira. Geraldo deixa escapar que foi Divaldo quem lhe contou. Juvenal continua negando. Sílvia resolve conferir o trabalho de Eva e aprova. Branca cuida dos preparativos da posse. Rudolf tenta falar com Branca, mas ela avisa que não tem tempo. Guigui recrimina Juvenal por não ter sido sincero com Geraldo. Ele não gosta. Heriberto, Ignácio e Rudolf conspiram. Benoliel vai a uma entrevista de emprego. Ferraço se diverte com o clima de hostilidade entre Sílvia e Bárbara. Evilásio reluta, mas acaba concordando em ir à posse com Júlia. Benoliel consegue o emprego e procura Fernanda. Ela garante que vai esperá-lo. Celestino conta para Sabrina que Barretinho esteve na favela. Ezequiel vigia Zé no dia da festa. Sabrina pergunta pelo aipim e Barretinho a fuzila com o olhar. Débora e Bernardo vendem muito. Maria Paula vai à posse e vê, de longe, Sílvia e Ferraço se beijando.

3. Quarta-feira, 19/12/2007 Posse de Macieira é cheia de surpresas. Evilásio estranha ao ver Barreto beijar a mão da condessa. Duda filma a posse. Gislaine se irrita com a presença de Débora na praia. João Batista e Amara observam Bernardo e Débora. Os alunos escondem com o corpo um pedestal com um busto, ainda coberto. Rudolf garante que fará um protesto durante a posse. Bernardinho e Dália entregam a Juvenal a proposta de enredo. Vesga e Denise cercam Dorgival. Manoela faz comentário sobre a lerdeza de Clarissa e é reprimida por Alzira. Alzira pensa em Juvenal. Geraldo leva Divaldo para fazer exame de vista. Juvenal comenta com Guigui que Dália tem talento. Dália vibra ao saber que vai ser a carnavalesca da Unidos da Portelinha. Barreto fica fascinado pela condessa. Macieira, Branca e Narciso posam para fotos. Barreto fica pasmo quando Gioconda comenta que Branca e Macieira tem um caso. Heriberto faz uma homenagem a João Pedro e inaugura o busto do antigo reitor. Branca passa a palavra para Sílvia, que se emociona. Maria Paula vê quando Ferraço enxuga a lágrima de Sílvia, com seu gesto típico. Solange e Gislaine pegam carona com dois rapazes. Branca passa a palavra para Macieira. Rudolf interrompe e tenta ler o manifesto dos estudantes. Macieira faz questão de ouvir as reivindicações dos estudantes. Gislaine e Solange combinam de ir à praia com Márcio e Felipe. Gioconda desmaia e encerra o discurso inflamado de Rudolf. Macieira garante que os estudantes poderão interferir na escolha do reitor em um ano. Lenir vibra com o discurso de Macieira. Maria Paula caminha em direção a Ferraço, que abre a porta do carro para Sílvia.

4. Quinta-feira, 20/12/2007 Explosão destrói uisqueria! Branca se aproxima de Maria Paula para agradecer a sua presença. Maria Paula vê Ferraço e Silvia irem embora. Narciso se aproxima e oferece carona para Maria Paula. Solange pede a Feliz que não conte a Juvenal que ela saiu sem segurança. Divaldo diz que viu realmente Juvenal. Geraldo decide procurar Alzira para descobrir a verdade. Débora e Bernardo comemoram o faturamento. Amara se irrita com o olhar de Bernardo, mas João Batista impede que ela faça confusão. Juvenal se aborrece porque Evilásio não pediu autorização para ir à

posse. Guigui contemporiza. O carro de Narciso emparelha com o de Ferraço. Maria Paula vê um beijo entre Ferraço e Sílvia e quase toma uma atitude. Jojô conta para Alzira sobre Dorgival. Amara arma um escândalo e faz uma guerra de areia com Débora. Um rapaz rouba o dinheiro de Bernardo. Ezequiel vigia o sono de Zé. Jojô exige que Alzira volte a dançar. Célia decide procurar Barreto. Geraldo pergunta se Alzira tem um caso com Juvenal e ela nega. Denise e Vesga elogiam Dorgival, que exige dinheiro delas. Solange sonha que briga com Júlia por causa de Evilásio. Geraldo briga com Divaldo, que insiste que viu o beijo. Setembrina e Amélia incentivam Zé. Andréia se arruma para a apresentação com a bateria.

5. Sexta-feira, 21/12/2007 Geraldo vai lutar por Alzira. Geraldo pede a Guigui que marque um encontro com Juvenal, para que ele possa se desculpar. Guigui sugere que Geraldo peça para Juvenal prometer que não vai se envolver com Alzira. Misael entrega a Zé uns colares de ouro que Juvenal mandou lhe emprestar. Zé ameaça não ir, mas é empurrado para fora de casa pela família. Narciso marca encontro com Maria Paula na hora de sua saída do trabalho. Macieira diz a Heriberto que a universidade vai sofrer mudanças e quem não estiver interessado em colaborar, deve pedir demissão. Os professores se sentem ameaçados e falam mal de Macieira. Gilmar pondera que todos devem esperar para ver que mudanças serão feitas. Eva se anima ao saber da festa na quadra da Portelinha. Gabriel tenta dissuadi-la. Débora acha que Bernardo e Amara querem enrolá-la quando dizem que foram roubados. Bernardo passa mal quando elas ameaçam brigar de novo. Amara e Débora se reconciliam. Juvenal recebe Geraldo com entusiasmo. Alzira confirma para Jojô que vai voltar, mas manterá o disfarce de enfermeira para sair de casa. Geraldo pede desculpas a Juvenal, porém os dois se estranham quando Geraldo pede que Juvenal não se envolva com Alzira. Geraldo avisa Guigui que vai lutar por Alzira. Débora garante a Amara que vai conseguir dinheiro para Bernardo trabalhar. Débora se oferece para fazer uma massagem em Antônio. Gioconda reprova Barreto por ter marcado uma reunião com Célia. Solange se interessa ao ver Juvenal saindo com a Condessa. Juvenal chega e as luzes da quadra são acesas. Depois de um estrondo, a luz se apaga na quadra e no bairro.

6. Sábado, 22/12/2007 Inimigo à espreita. Shirley ajuda Célia e Clarissa a chegarem à quadra. Solange decide não ficar sozinha em casa. Ferraço tranqüiliza Sílvia, pois tem gerador em casa. Branca e Macieira se divertem juntos. Débora pede que Antônio tome um banho para tirar o cheiro de graxa. Débora vasculha a casa e encontra uma caixa cheia de dinheiro e alguns dobrões de ouro. Narciso leva Maria Paula em casa e pede para conhecer Renato. Maria Paula encontra Claudius com Renato no quarto. Maria Paula apresenta Claudius a Narciso. Narciso, constrangido, resolve ir embora. Alzira olha Dorgival, que finge não se importar com ela. Jojô torce para a luz voltar. Maria Paula se justifica por ter chegado em casa com Narciso. Claudius garante que não cobrou nada. Ela pede que eles voltem a ficar juntos, mas Claudius exige que ela resolva antes seu problema com o ex-marido. Barretinho diz a Sabrina que a ama, mas ela responde que ele vai acabar mesmo é com uma patricinha. Ele diz que pode ficar com as duas e ela revida. Amélia avisa Juvenal que Zé fugiu. Juvenal encontra Zé em seu camarote e o impede de beber. Solange torce o pé e é socorrida por Lisboa. Célia chama Duda e Clarissa morre de vergonha, quando a mãe sugere que os dois dêem uma volta. Débora garante que Antonio será cliente preferencial e pede uma gorjeta. Depois, entrega dinheiro a Bernardo para ele renovar o estoque. Waterloo mostra para Lobato a passagem para a Portelinha. A luz volta à quadra. A bateria da escola toca para os bambas do samba que chegam.

Próximos capítulos: 24/12/2007 a 29/12/2007

1. Segunda-feira, 24/12/2007 Zé da Feira arrasa no palco. Zé e os sambistas sobem ao palco. Maria Paula pergunta a Claudius o que ela deve fazer se ficar cara a cara com o ex-marido. Claudius acha que o problema deve ser resolvido na Justiça. Maria Paula explode e diz que quer que ele seja humilhado publicamente. Claudius diz que ela deve se concentrar em recuperar os seus bens. Renato ouve a conversa sobre vingança. Todos aplaudem o espetáculo dos sambistas. Mariozinho diz a Zé que irá contratá-lo. Todos sambam animadamente. Narciso dá um convite da festa da empresa de Ferraço para Maria Paula. Ferraço tem um pesadelo com Maria Paula. Dorgival chora e sente dor no peito. Misael flerta com Claudine, que adora. A condessa garante a Juvenal que se divertiu como nunca. Amélia avisa que Zé precisará largar a bebida de vez. Gavião Sereno dá os votos de Feliz Natal para a comunidade. Setembrina e Lisboa são internados com dengue. Macieira avisa que os professores trabalharão na última semana do ano e que os aumentos serão baseados no mérito de cada um. Gioconda recebe Branca, Macieira, Sílvia e Ferraço para o jantar de Natal. Maria Eva distribui os presentes para os filhos. Bernardinho prepara uma ceia para o pai e os irmãos. Fernanda dá uma camisa de presente para Benoliel. Débora vai passar o Natal na casa de Antônio. Juvenal, Guigui e Solange fazem a ceia. Júlia e Evilásio comemoram com muito carinho o Natal.

2. Terça-feira, 25/12/2007 Maria Paula fica cara a cara com Ferraço. A condessa liga para desejar um Feliz Natal para Juvenal. Barreto propõe um brinde. Branca percebe que Júlia saiu. Gioconda diz que ela tinha um compromisso. Branca diz que entende o sofrimento de Gioconda, por causa do namoro de Júlia, pois sente o mesmo com relação a Sílvia. Juvenal pensa em Alzira. Célia e Alzira aconselham Clarissa a visitar o pai. Ferraço conta para Sílvia que fez uma vasectomia, pois jamais quis filhos e nunca amou mulher alguma. Sílvia garante que deseja continuar a seu lado e, se for o caso, mais tarde adotarão uma criança. Clarissa não gosta de ver Débora na casa de Antônio e vai embora. Bernardo se preocupa ao não encontrar Débora de manhã. Antonio mostra a oficina para Débora e conta que recebeu uma proposta de uma empresa americana. Débora pede para ler a proposta. Amara e Bernardo se entreolham pasmos quando Benoliel avisa que vai trabalhar. Débora diz a Antônio que conversou com os americanos, que ele vai ganhar muito dinheiro e que ela será sua sócia. Antônio manda que ela prossiga com as negociações. Solange e Gislaine saem com Márcio e Felipe. Ferraço dá instruções a Ronildo, Waterloo e Heraldo sobre a segurança na festa. Bárbara recebe Gioconda, Barreto e Lenir na porta da casa de eventos. Branca pede que Barreto apresente Macieira aos empresários. Maria Paula observa tudo e depois entra na festa. Ferraço faz discurso, anuncia seu noivado com Sílvia e a fábrica de cimento que vai inaugurar ao lado da Portelinha. Maria Paula grita que Ferraço roubou tudo o que era dela e que é um mentiroso.

3. Quarta-feira, 26/12/2007 Maria Paula é levada para lugar ermo. Maria Paula diz que é chegada a hora do acerto de contas. Ferraço acusa Maria Paula de ser louca. Bárbara manda os seguranças levarem Maria Paula para os fundos. Narciso exige que ela seja solta. Maria Paula diz a Branca que Ferraço é o homem que a enganou. Sílvia pergunta se ela quer dinheiro, pois não pode provar nenhuma das acusações. Maria Paula se solta e entra de novo correndo no salão, seguida por Bárbara, Narciso e os seguranças. Maria Paula garante que vai colocar Ferraço na cadeia. Ezequiel se assusta ao ver Maria Paula sendo levada pelos seguranças e pega a bolsa dela, que fica caída no chão. Bárbara se tranca em uma sala com Maria Paula. Narciso avisa que ficará na porta. Bárbara dá ordens a Waterloo e Ronildo sobre o que fazer com Maria Paula. Ezequiel tem visões e descobre que Adalberto é o seu patrão. Bárbara diz que ela se acalmou e foi embora por outra porta, quando Narciso questiona. Ferraço diz que Eva foi incompetente. Gabriel consola Eva, que chora. Ezequiel atende o celular de Maria Paula e conta a Claudius o que aconteceu. Débora avisa que vai se mudar. Ferraço fica furioso porque Bárbara mandou somente que Waterloo e Ronildo largassem Maria Paula em um local ermo. Bárbara diz que ele seria suspeito se algo acontecesse com Maria Paula. Sílvia ouve atrás da porta e se assusta. Juvenal diz que não vai deixar a fábrica se instalar.

4. Quinta-feira, 27/12/2007 Maria Paula está salva! Juvenal comunica a Evilásio, Guigui, Misael, Lisboa, Setembrina e Geraldo Peixeiro que vai invadir o terreno de Ferraço. Ferraço manda Waterloo terminar o serviço. João Batista ajuda Débora em sua mudança para um pequeno apartamento. Geraldo argumenta que a fábrica pode ser uma boa opção. Juvenal e Geraldo trocam insultos. Claudius dribla a segurança e entra na festa. Ferraço se assusta ao vê-lo. Os seguranças imobilizam Claudius. Ferraço tenta esconder o rosto, mas é reconhecido por Claudius. Sílvia ouve quando Claudius diz que Ferraço destruiu a vida de Maria Paula. Ezequiel também o acusa. Ferraço manda expulsarem os dois. Geraldo sugere que a comunidade seja consultada e Juvenal concorda com um plebiscito. Renato diz a Narciso que sua mãe não voltou para casa. Waterloo se prepara para atacar, mas Ronildo avista uma patrulha. Ferraço garante que é um complô contra a sua empresa, mas Sílvia não acredita. Ferraço encontra a bolsa de Maria Paula em seu carro e descobre seu endereço. Juvenal alerta Guigui que vai haver guerra pelo poder. Ferraço conta para Barreto o golpe que deu em Maria Paula. Barreto manda que ele procure outro advogado. Sílvia diz a Branca que Ferraço se assustou ao ver Claudius. Ferraço promete afastar Júlia de Evilásio se Barreto pegar o seu caso. Branca diz a Sílvia que acredita em Maria Paula. Lucimar encontra Maria Paula. Juvenal leva Maria Paula para a associação. Ela balbucia o nome de Ferraço. Sílvia pergunta a Ferraço se Maria Paula disse a verdade.

5. Sexta-feira, 28/12/2007 Maria Paula ainda ama Ferraço? Ferraço hesita, mas acaba confirmando que as acusações são verdadeiras. Sílvia elogia a inteligência do noivo e diz que ele é o homem de sua vida. Os dois se beijam com paixão. Barretinho pede uma chance a Sabrina. Sílvia sugere que Ferraço devolva o dinheiro de Maria Paula. Ferraço mente que nada revelou para Barreto. Débora dá dinheiro para João Batista comprar uma camiseta nova. Juvenal pergunta por que Maria Paula disse o nome de Ferraço. Maria Paula acha que todos são cúmplices de Ferraço, mas Narciso a tranqüiliza. Juvenal garante que vai ajudá-la. Maria Paula conta o que aconteceu e se preocupa por estar sem sua bolsa. Renato fala com a mãe e se tranqüiliza. Barreto pede 30% dos dobrões de ouro e aceita o caso de Célia. Claudius agradece a Narciso e Juvenal. Maria Paula se recusa a dar queixa. Condessa convida Claudius para ser o advogado da ONG. Eva mistura os DVDs da festa e o que mostra o beijo de Guigui e Evilásio. Ferraço quer ver a filmagem da festa. Juvenal ameaça Ronildo e manda que ele avise Ferraço que está protegendo Maria Paula. Macieira expõe seus planos para os professores e avisa que eles darão cursos de verão. Clarissa e Duda conversam e ela adora. Evilásio conta para Júlia que foi a favor do plebiscito e teme a reação de Juvenal. Ronildo procura Lobato e sugere que ele enfrente Juvenal e tome a área. Juvenal confessa a Guigui que está apaixonado por Alzira. Narciso conta a Branca o que aconteceu com Maria Paula. Claudius diz que vai abrir o processo contra Ferraço. Maria Paula insiste que não quer entrar na Justiça. Claudius diz que ela ainda ama Ferraço.

6. Sábado, 29/12/2007 Evilásio e Júlia são presos. Maria Paula jura que tem um trunfo contra Ferraço e por isso não quer entrar na Justiça. Claudius termina sua relação com Maria Paula. Maria Paula implora que ele não vá embora, mas ele sai batendo a porta. Evilásio diz a Misael que não concorda com muitas decisões de Juvenal, mas que jamais vai brigar com ele. Ferraço vê o DVD com o beijo de Guigui e Evilásio. Juvenal manda Ezequiel proteger Maria Paula. Juvenal não gosta quando Evilásio sugere que o voto seja secreto, mas se controla. Ezequiel diz a Maria Paula que cruzou seu caminho para protegê-la. Branca procura Ferraço e diz que acredita em Maria Paula e está disposta a defendê-la e proteger Sílvia. Ferraço garante que Sílvia o ama muito. Ferraço diz a Bárbara que Maria Paula não tem como provar nada. Os Barreto recebem condessa, Juvenal, Claudine e Evilásio. Lenir se lembra que Guigui é uma paulista chamada Margarida Mackenzie. Gioconda engasga quando a condessa fala de seu passado. Barreto liga para alguém, assim que Júlia e Evilásio saem de moto. Um policial pára Evilásio e ele acaba preso por desacato à autoridade. Júlia exige ir junto. Barreto passa mal ao saber que Júlia também está presa.

Próximos capítulos: 31/12/2007 a 05/01/2008

1. Segunda-feira, 31/12/2007 Guerra de microfones. Júlia diz a Barreto que sem Evilásio não sairá da delegacia. Barreto nega que tenha sido uma armação. Evilásio insiste que Barreto usou a polícia para separá-lo de Júlia e que ela vai acabar descobrindo. Alzira e Juvenal se beijam. Geraldo briga com Juvenal. Júlia e Evilásio são libertados. Ronildo conta para Bárbara que tem uma ligação forte com Lobato. Lobato planeja invadir a Portelinha. Petrus vai com Duda à Portelinha. Eva insiste que Gabriel deixe de ser sócio de Ferraço. Sílvia diz a Branca que vai mesmo se casar com Ferraço. Juvenal ameaça deixar Solange de novo em casa, se ela insistir em sair sem Feliz. Juvenal se prepara para fazer um comício na Portelinha. Ferraço mostra o vídeo para Barreto do beijo de Guigui e Evilásio. Barreto promete tirar Maria Paula do caminho de Ferraço. Bernardo pede que Bernardinho contrate Amara para trabalhar no restaurante. Amara se recusa a trabalhar. Clarissa dá um beijinho sem querer em Duda e fica sem graça. Narciso e Macieira vão à Portelinha. Macieira explica a Juvenal que vai oferecer bolsas de estudos para a comunidade. Juvenal o convida para subir no palanque com ele. A multidão aplaude Juvenal. Geraldo, não. Juvenal conclama todos a votarem contra a fábrica. Um trio elétrico ecoa na favela. Barreto vai à casa de Maria Paula. Ferraço discursa do trio elétrico. Barreto oferece dinheiro à Maria Paula que avisa que só negocia com Ferraço.

2. Terça-feira, 01/01/2008 Ferraço descobre que tem um filho. Ferraço oferece o microfone a quem quiser defender a fábrica e Geraldo sobe no trio elétrico. Macieira defende Juvenal no palanque. Célia se interessa quando Macieira diz que vão fazer um provão para dar bolsas para a universidade. Juvenal sobe no trio elétrico. Maria Paula garante a Barreto que tem um trunfo contra Ferraço. Juvenal diz que Ferraço tentou comprá-lo uma vez. Ferraço garante que veio em paz, mas os dois brigam. Evilásio alerta que muitas pessoas da comunidade podem votar no sim. Juvenal diz que Evilásio está se bandeando para o lado de Ferraço. Célia incentiva Clarissa a fazer o provão com ela. Ferraço se recusa a conversar com Maria Paula. Barreto diz a Ferraço que não está mais interessado no DVD, pois teme magoar Júlia. Sílvia diz que ela vai mostrar a fita a Júlia. Barreto pede que Júlia vá à casa de Ferraço. Júlia chora ao ver a fita e depois mostra o DVD a Evilásio. Evilásio se explica, mas Júlia não aceita e ele vai embora, terminando o relacionamento. Júlia diz a Gioconda que foi traída. Ferraço fala para Ronildo que a invasão está prevista para o dia da eleição e que devem acabar com Juvenal. Ronildo mostra o mapa da Portelinha para Lobato. Lobato exige que Ronildo participe do movimento. João Batista vai à casa de Débora. Barreto marca um encontro entre Ferraço e Maria Paula. Ezequiel fica esperando Maria Paula na porta da igreja. Ferraço oferece dinheiro a Maria Paula. Maria Paula diz que ele vai ter que pagar pelo que fez, perder tudo e pedir perdão de joelhos. Ferraço diz que vai acabar com ela. Maria Paula pergunta se vai acabar também com o filho dele.

3. Quarta-feira, 02/01/2008 Maria Paula ameaça fazer o teste de DNA. Ferraço baqueia quando Maria Paula conta que teve um filho dele. Ferraço exige ver o filho. Maria Paula avisa que não tente nada contra ela ou o filho, pois estão sob a proteção de Juvenal. Maria Paula diz que ele tem um mês para confessar todos os crimes, senão ela entrará com uma ação de reconhecimento de paternidade. Ferraço quebra tudo, quando ela sai. Sílvia reclama por Ferraço não contar o que aconteceu. Ele garante que Maria Paula não irá perturbá-los. Sílvia manda Branca começar a fazer a lista de casamento. Ferraço vasculha as fotos na bolsa de Maria Paula para ver se descobre quem é seu filho. Os professores combinam boicotar os cursos de verão. Gilmar é contra, mas é voto vencido. Célia diz a Clarissa que Branca não a impedirá de cursar a universidade, se ela passar na prova. Uma vizinha observa Ferraço parar na porta de Maria Paula e ir embora ao ver Ezequiel. Barreto diz a Ferraço que se ele se recusar a fazer o exame de DNA assumirá a culpa e será declarado pai da criança. Bernardinho quer uma celebridade na inauguração do restaurante. Duda pede desculpas a Evilásio. Juvenal permite que o plebiscito seja filmado. Guigui se chateia por ter sido a causadora do término do namoro de Evilásio. Gioconda consola a filha. Lobato diz a Ronildo que chegou o dia da invasão. Juvenal faz campanha pelo não. Ezequiel conta a Claudius que Maria Paula se encontrou com Ferraço. Evilásio se choca quando Juvenal diz que se o sim ganhar ele pode mudar o resultado, porque sabe o que é bom para a Portelinha. Gioconda avisa Sabrina que vai à Portelinha. Começa a votação. Lobato e seus contratados se preparam para entrar na Portelinha pelo terreno de Ferraço.

4. Quinta-feira, 03/01/2008 Portelinha é invadida! Sílvia abre champanhe para comemorar o acordo que Ferraço fez com Maria Paula, mas ele permanece disperso. Os homens de Lobato avançam pela Portelinha. Gioconda encontra Narciso e Juvenal e diz que gostaria de conversar com Evilásio. Juvenal é pego de surpresa, mas manda todos se protegerem. Gioconda fica no meio da confusão e foge descontrolada. Edivânia é acalmada por Lisboa. Geraldo explode ao ver a preocupação de Alzira com Juvenal. Lobato grita o nome de Juvenal. Guigui reconhece sua voz. Andréia se refugia no terreiro de Setembrina. Lenir avisa Barreto e Barretinho que Gioconda está na favela. Evilásio vai à casa de Júlia, Barreto avisa sobre a invasão e pede ajuda para resgatar Gioconda. A polícia impede a entrada de Evilásio e de Barreto na Portelinha. Ronildo debocha de Dália e briga com Bernardinho. Começa a chover. Narciso e Guigui comentam que ninguém sabe onde está Juvenal. Juvenal aparece de surpresa. Guigui comenta que Lobato é o chefe da invasão. Lobato chega à porta da associação. Juvenal grita que vai sair.

5. Sexta-feira, 04/01/2008 Juvenal está morto? Evilásio fica escondido sem ser notado. Rebeca sai da igreja e começa a cantar. Ronildo avisa Lobato que seus homens estão debandando. Guigui disfarça quando Juvenal pergunta de onde ela conhece Lobato. Lobato atinge Rebeca, Lisboa grita desesperado e Juvenal sai do seu esconderijo. Lobato dispara e Juvenal é atingido. Gioconda se ajoelha ao lado de Rebeca. Rebeca morre. Setembrina tem um enfarte. Guigui avisa Juvenal que os rivais pegaram Solange. Lobato manda que Juvenal troque de lugar com ela. Setembrina coloca uma guia no pescoço de Andréia, pede que ela tome conta do terreiro e morre. Solange escapa. Juvenal e Lobato ficam cara a cara. Guigui dispara contra Lobato. Lobato diz a ela que Ronildo é seu filho. Ronildo diz que foi mandado por Ferraço. Guigui pede a Juvenal por seu filho. Ronildo foge. Barreto abraça Gioconda. Guigui abre o casaco de Juvenal e descobre que ele está ferido. Solange chora e a comunidade reza. Ferraço e Sílvia brindam. Alzira se desespera com a notícia e entra na casa de Juvenal.

6. Sábado, 05/01/2008 Morte e ressurreição de Juvenal. Alzira grita que ama Juvenal. Guigui chora de emoção e ciúmes. Macieira comunica à comunidade a morte de seu líder. Alzira diz a Guigui que Juvenal a chama. A mão de Juvenal treme lentamente. Juvenal desperta e se assusta ao ver o clima de velório. Ele se levanta, derruba velas e flores, e se encaminha meio cambaleante para a porta. Juvenal grita para a comunidade que não morreu. Acontece uma explosão de alegria. Os anões carregam Juvenal. Guigui e Alzira se abraçam, comovidas. Alzira volta para casa ao receber um telefonema dos filhos. Ferraço fica furioso ao ver o noticiário. Solange se joga nos braços do pai e diz que o ama. Juvenal vai para o hospital e manda Evilásio cuidar da Portelinha. No terreiro, acontece a cerimônia em torno de Setembrina. Zé e Ezequiel choram abraçados. Maria Paula abraça Ezequiel. Andréia diz a Amélia que não quer assumir o terreiro. Misael explica para Maria Paula que o terreiro ficará fechado por um ano. Lisboa abandona a Portelinha e pede que Edivânia entregue a chave do templo a Ezequiel. Evilásio discursa para animar a comunidade e é aplaudido. Barreto diz a Ferraço que tem a solução para seu problema com Maria Paula.

Próximos capítulos: 07/01/2008 a 12/01/2008

1. Segunda-feira, 07/01/2008 Branca encontra Macieira com Célia Mara. Barreto sugere que Ferraço faça um acordo com Maria Paula. Ferraço acha que ela não vai aceitar. Barreto o aconselha a procurar o filho. Guigui garante a Juvenal que a Portelinha está em boas mãos. Evilásio comanda a reconstrução da favela e sugere que seja feito novo plebiscito. Misael promete restaurar a urna. Juvenal se aflige porque Alzira não apareceu no hospital. Jojô comanda a reforma da uisqueria e comenta que Alzira virou professora de dança. Misael incentiva Evilásio a se sentar na cadeira de Juvenal e a atender os moradores. Júlia não acredita que aconteceu tanta coisa enquanto ela dormia. Gioconda, Branca e Lenir dizem que Evilásio foi um herói e que Júlia deveria ir à Portelinha. Alzira liga e Guigui diz que ela não precisa aparecer. Heriberto flagra Branca e Macieira se beijando e espalha entre os professores, afirmando ser um caso de nepotismo. Macieira aplaude quando Adelaide faz um discurso a favor da moralidade e diz que os professores devem parar de fofocar e começar a preparar os cursos. Débora muda o visual de Antônio. Guigui se lembra do rosto de Ronildo e tem quase certeza que ele é realmente seu filho. Tia Zefa revela que Ronildo pertencia a uma família muito rica e foi seqüestrado por Lobato, que queria se vingar de sua mãe. Célia procura Macieira e relata os problemas de Clarissa. Ferraço fica de tocaia na casa de Maria Paula e é vigiado pela vizinha. Macieira concorda que Clarissa faça o provão oralmente. Waterloo entra em um quarto do hospital. Branca abre a porta e encontra Macieira e Célia.

2. Terça-feira, 08/01/2008 Alzira visita Juvenal. Branca deixa claro que Macieira é seu namorado. Macieira pede que ela se acalme. Branca conta sobre Célia e João Pedro. Waterloo descobre que o homem no quarto não é Juvenal. Guigui cruza com Waterloo no corredor, que sai correndo. Macieira garante que cumprirá o que prometeu. Célia jura a Macieira que vai se comportar quando encontrar Branca. Branca tenta arrumar confusão, mas Célia não responde à provocação. Juvenal agradece Guigui por tê-lo trocado de quarto. Ezequiel segura Ferraço. A polícia se aproxima e a vizinha indica que Ferraço é o suspeito. Ferraço diz que estava procurando por Ezequiel, para acertar as contas. Renato insiste em saber quem estava na porta de sua casa. Maria Paula desconversa e Renato promete que vai descobrir tudo sobre Adalberto. Claudius insiste que Maria Paula ainda é apaixonada por Ferraço, embora ela negue. Narciso chega deixando os dois constrangidos. Claudius se aborrece ao saber que Maria Paula marcou de sair com Narciso e vai embora. Evilásio bate na casa de Júlia. Júlia diz a Evilásio que não aceita as suas explicações. Gioconda se despede de Evilásio com um beijo e diz que sente muito. Apolo segue Débora, ela percebe e o engana. João Batista aguarda Débora. Guigui conta a Juvenal que se refugiou na Portelinha por causa de Lobato e que Ronildo deve ser seu filho. Tia Zefa conta a Ronildo que Lobato mentiu para sua mãe que ele tinha morrido e que o sobrenome do seu pai era Salles Prado. Solange fica furiosa porque Juvenal murmura dormindo o nome de Alzira. Solange e Gislaine vão ao apartamento de Márcio e Felipe. Guigui faz cara feia quando Alzira chega. Juvenal fica maravilhado.

3. Quarta-feira, 09/01/2008 O pesadelo de Solange e Gislaine. Alzira pede desculpas por vir com a roupa de enfermeira. Guigui chora por amar Juvenal há tantos anos sem ser notada. Juvenal diz que não se sente o mesmo e Alzira promete tratar dele. Os dois se beijam. Solange estranha o comportamento de Felipe e Márcio. Gislaine permanece animada. Narciso se oferece para advogar contra Ferraço, mas Maria Paula diz que não quer fazer nada sem Claudius. Gislaine dança com Felipe. Solange tenta se desvencilhar de Márcio. Misael consola o filho, que sofre por amor. A escola de samba se movimenta com o ensaio geral. Josiane diz a Andréia que ela devia estar cumprindo suas obrigações no terreiro. Andréia diz que não vai desistir de ser rainha da bateria. Narciso rouba um beijo de Maria Paula. Solange e Gislaine sentem medo de Márcio e Felipe. Andréia vê Setembrina. Gislaine foge. Solange tenta escapar, mas não consegue. Gislaine liga para Evilásio. Evilásio e a turma invadem o apartamento e levam Solange embora. Gislaine garante a Misael que aprendeu a lição. Jojô se lembra do incêndio e garante que vai descobrir o culpado. O sufocador observa Socorro. Evilásio garante que não vai contar para Juvenal e que vai tomar conta de Solange. Solange o beija. Waterloo fotografa Renato entrando na escola.

4. Quinta-feira, 10/01/2008 Ferraço vê Renato. Sílvia acorda e não encontra Ferraço. Bárbara avisa que o celular do patrão está desligado e Sílvia se irrita. Ferraço chega mal-humorado na empresa. Gabriel pede para sair da sociedade, mas Ferraço não aceita. Maria Paula comenta com Nadir que Claudius não quer ser seu advogado. Ferraço olha a foto de Renato. Maria Paula garante a Nadir que não ama seu ex-marido. Duda mostra para Clarissa o que filmou na invasão à Portelinha. Solange pensa em Evilásio. Misael diz que Gislaine precisa dar um rumo a sua vida. Bernardinho convida, em segredo, uma celebridade para a inauguração do seu restaurante. Misael diz a Solange que não pode esconder de Juvenal o que aconteceu. Solange fica feliz ao saber que Evilásio e Júlia terminaram. Solange e Gislaine combinam de fazer o provão na universidade. Juvenal pressente que algo aconteceu com Solange. Evilásio garante que está tudo bem, mas Juvenal desconfia. Guigui se ressente quando Juvenal reclama que não teve visitas e que ela não conta, porque é o seu sargento. Dengoso recebe ordem de Guigui para não deixar ninguém entrar no quarto. Jojô decide que a nova casa se chamará Texas Bar. Juvenal sonha com Alzira e chama seu nome. Ronildo diz a Bárbara que seu pai é um bacana paulista e que vai procurar Guigui. Evilásio diz a Duda que somente Juvenal poderá autorizar o uso das imagens da invasão. Duda pede ajuda à Júlia. Branca garante que vai colocar uma placa de agradecimento a Ferraço, após a doação. Macieira promete fazer o discurso. Ferraço vê Renato consolando uma menina, fazendo o mesmo gesto seu de enxugar uma lágrima, e murmura que é seu filho.

5. Sexta-feira, 11/01/2008 Branca rasga cheque de Ferraço. Ferraço pára em um penhasco à beira-mar. Duda insiste que Júlia fale com Evilásio. Lenir se surpreende quando Gioconda garante que vai descobrir sua função na vida. Célia e Barreto descobrem na delegacia que os dobrões de ouro desapareceram. Antônio pega uma caixa escondida cheia dos dobrões. Júlia tenta conversar com Juvenal, mas Guigui manda que ela fale com Evilásio. Guigui garante que nunca houve compromisso entre ela e Evilásio. Eva diz a Gabriel que eles se distanciarão de Ferraço. Heraldo pega dinheiro da bolsa de Bárbara, é flagrado e expulso de casa. Maria Paula diz que Ferraço não poderá derrotá-la. Branca garante que está do seu lado. Sílvia fica histérica ao encontrar Ferraço, com a roupa molhada da noite anterior, sentado na cama. Bernardinho emprega Heraldo. Júlia conversa com Evilásio sobre os filmes e os dois acabam discutindo. Condessa vai à Portelinha com Claudius visitar a sede da ONG. Gilmar se recusa a participar de uma reunião para atrapalhar os planos do novo reitor. Heriberto, Ignácio e Adelaide resolvem procurar os alunos descontentes. Heloísa avisa Macieira que muita gente já se inscreveu para os cursos de verão. Rudolf se inscreve no curso de Macieira. Ferraço dá o cheque da doação em cerimônia na universidade. Branca faz um discurso e não aceita o dinheiro de Ferraço, rasgando o cheque em pedacinhos. Sílvia diz a Branca que ela está se vingando porque sempre ficou ao lado do pai. Ferraço não reage. Barretinho observa Sabrina e o noivo. Ferraço conta para Sílvia que tem um filho e que Maria Paula pode colocá-lo na cadeia.

6. Sábado, 12/01/2008 Solange beija Evilásio. Sílvia chora de raiva. Ferraço limpa a lágrima de Sílvia e diz que Renato fez o mesmo gesto. Sílvia insiste que ele faça o exame de DNA. Ferraço confessa que enfraqueceu ao perceber que Maria Paula falara a verdade. Bárbara fica estarrecida ao escutar Ferraço dizer que chegou ao fim. Sílvia esbraveja que jamais vai poder dar um filho para ele. Bárbara incentiva Ferraço a lutar por tudo o que conquistou. Sabrina abraça o noivo e, por sobre o ombro dele, encara Barretinho. Antônio sente-se deslocado no restaurante de luxo. Narciso garante a Maria Paula que não quer ser só seu amigo. Clarissa vê Antônio e Débora juntos na porta da oficina. Célia não gosta de saber. Renato diz à mãe que quer saber sobre o seu pai. Branca fala para Sílvia que só queria protegê-la. Sílvia explode e diz que Branca agora é sua inimiga. Depois, vai para a casa de Ferraço. Lenir desconfia quando Júlia comenta que está enjoada e com sono. Macieira convida a comunidade da Portelinha a fazer o provão. Amara estranha as roupas novas de João Batista. Evilásio discursa chamando todos para o plebiscito. Petrus vai à Portelinha atrás de Andréia. Andréia conta a Josiane que viu Setembrina. Dorgival conversa com Jojô pelo telefone, mas não revela onde está. Bárbara leva um bilhete de Ronildo para Guigui. Guigui conta para Juvenal que Ronildo quer se encontrar com ela. Juvenal a proíbe de comparecer. Solange beija Evilásio. Lenir diz a Gioconda que Júlia está grávida. Ferraço garante que vai virar o jogo e pede ajuda de Sílvia para se encontrar com o filho.

Próximos capítulos: 14/01/2008 a 19/01/2008

1. Segunda-feira, 14/01/2008 Tony Ramos na Portelinha. Ferraço convence Sílvia a ajudá-lo a se aproximar de Renato para evitar que Maria Paula o denuncie à polícia. Ronildo diz a Bárbara que tem certeza de que Guigui entrará em contato. Guigui rasga o bilhete de Ronildo. Ferraço explica a Sílvia que ela será seu elo com Renato. Alzira revela a Geraldo que não sente nada por ele além de amizade. Alzira pede a Geraldo que faça as pazes com Juvenal. Juvenal tenta sair do hospital antes de receber alta e acaba desmaiando. O médico pede a Juvenal que tenha disciplina. Célia diz a Clarissa que decidiu fazer o curso de verão de Macieira e decide se inscrever no provão também. Ignácio, Heriberto e Adelaide debocham dos cursos de verão. Macieira avisa Célia que Clarissa poderá fazer uma prova oral. Os alunos ficam empolgados com a aula de Macieira. Rudolf protesta contra o curso de verão. Adelaide e Heriberto descobrem que Célia está freqüentando as aulas de Macieira. Bernardinho distribui os últimos panfletos para a inauguração do restaurante. Evilásio proíbe o consumo de bebidas alcoólicas no dia do plebiscito. Geraldo faz as pazes com Juvenal. Renato pressiona Maria Paula a falar mais sobre Adalberto. Maria Paula vai à inauguração do restaurante com Narciso. Ferraço mostra a Sílvia onde fica a casa de Renato e sua escola. Bernardinho fica nervoso com a demora do artista na inauguração. Os clientes começam a vaiar. Bernardinho é perseguido pelas ruas da favela, mas, antes da confusão se alastrar, é surpreendido pela chegada do artista no restaurante. Todos aplaudem e a festa começa. Juvenal aparece de surpresa.

2. Terça-feira, 15/01/2008 Sílvia ataca! Todos correm para abraçar Juvenal. Bernardinho comemora o sucesso da inauguração do restaurante. Narciso tenta beijar Maria Paula, mas ela se esquiva. Denise e Vesga se assustam com um barulho a caminho do terreiro e saem correndo. Bernardo chega cedo em casa e fecha a porta desconfiado. Jojô descobre que a testa de Vesga foi carimbada com a palavra sufocador. Juvenal agradece Evilásio por ter tomado conta da favela em sua ausência. Ferraço lembra Barreto que ele está em dívida com suas promessas. Andréia avisa Branca que Sílvia mandou buscar todas as suas coisas. Branca pede a Célia que não se aproxime mais de Macieira. Sílvia vai à escola de Renato com a desculpa de querer conhecer as instalações para o filho de uma amiga. Sílvia dá um jeito de se aproximar de Renato e pagar um lanche para ele e para Joana. Ferraço aconselha Sílvia a esperar mais dois dias para voltar à escola. Macieira faz a chamada e percebe que Rudolf não compareceu a nenhuma aula. Macieira faz uma brincadeira e pergunta aos alunos se Rudolf é uma espécie de zumbi. Célia encontra uma carta de Seu Manoel e se emociona. Célia não se conforma pelos dobrões terem desaparecido dentro da delegacia. Antônio vende os dobrões e entrega o dinheiro que recebeu para Débora. Débora compra um terno para João Batista conseguir um emprego na casa da Ferraço. Juvenal teme que seu reinado na Portelinha esteja acabando. Alzira se oferece para cuidar de Juvenal. Waterloo intercepta Ezequiel na hora de ele buscar Renato na escola. Sílvia se oferece para dar uma carona a Renato.

3. Quarta-feira, 16/01/2008 Juvenal perde o plebiscito. Sílvia tenta convencer Renato a aceitar a carona. Renato teme que Ezequiel não apareça para buscá-lo. Waterloo pede a Ezequiel para levá-lo à igreja. Ezequiel fica desconfiado e pede licença para poder pegar Renato na escola. Sílvia pergunta a Renato sobre seu pai e o deixa sensibilizado. Ferraço avisa Sílvia que Waterloo não conseguiu enrolar Ezequiel. Sílvia dá uma desculpa a Renato e vai embora antes que seja vista. Juvenal se declara para Alzira. Renato diz a Ezequiel que não acredita que Maria Paula esteja se esforçando para encontrar seu pai. Evilásio avisa Juvenal sobre o começo da votação para o plebiscito. Solange se insinua para Evilásio. Júlia sente tonteiras e Duda a aconselha ir para casa. Júlia confirma a Gioconda que não tem como estar grávida. Barretinho diz a Sabrina que um dia ela ainda ficará com ele. Amara fica desconfiada ao ver João Batista chegar em casa com um terno novo. Condessa explica a Juvenal que Claudius irá cuidar do departamento jurídico da ONG e representá-la em reuniões. Claudius revela a Juvenal que não tem mais falado com Maria Paula. Ronildo avisa Waterloo que precisa resolver uns problemas na Portelinha. Evilásio teme que Juvenal queira mudar o resultado do plebiscito. Dália flagra Ronildo entrando na Portelinha. Jojô fica histérico com a inauguração da casa de shows. Amélia quer saber onde Zé da Feira estava na hora em que o sufocador atacou. Dagmar ouve a conversa e fica desconfiado. Evilásio inicia a apuração. Jojô chama um artista para inaugurar o palco. Evilásio decide mostrar o resultado para Juvenal primeiro. Evilásio pede a Guigui para esperar do lado de fora. Ronildo se prepara para atacar. Evilásio revela a Juvenal que o povo votou a favor da fábrica.

4. Quinta-feira, 17/01/2008 Júlia descobre que está grávida. Juvenal diz a Evilásio que como líder ele deveria saber sujar as mãos para o bem do povo. Evilásio discorda. Ronildo ameaça Guigui. Evilásio explica a Juvenal que cuidou da Portelinha da melhor forma e até salvou uma pessoa muito importante para ele. Juvenal quer saber quem é, mas ele disfarça. Ronildo pressiona Guigui a confessar quem é seu pai. Evilásio comunica a todos o resultado do plebiscito. Ferraço comemora. Dália alerta Evilásio sobre a presença de Ronildo na favela. Ronildo troca de celular com Guigui para que ele possa encontrá-la. Ronildo foge. Guigui diz a Juvenal que precisa descobrir se Ronildo é seu filho. Jojô comemora o sucesso da casa de shows. Ferraço pede a Barreto que proponha a Evilásio uma festa de agradecimento. Amara segue João Batista. Rudolf vai à aula de Macieira para ouvir pessoalmente o apelido que recebeu em sua ausência. Macieira repete que o chamou de zumbi e ele grava. Branca desconfia que Rudolf esteja aprontando. Débora instrui João Batista para conseguir o emprego como motorista de Ferraço e os dois têm sucesso. João Batista descobre que Bárbara é mãe de Fernanda. Eles ficam felizes com a coincidência. Amara flagra Débora pegando dinheiro com Antônio e depois entregando a João Batista. Rudolf denuncia Macieira por racismo. Benoliel recebe seu primeiro salário e convida Fernanda para jantar. Ferraço distribui cestas básicas na Portelinha. Júlia passa mal durante as filmagens. Waterloo quase provoca um acidente na van em que Ezequiel estava. Gioconda revela a Júlia que ela está grávida. Ezequiel avisa Maria Paula que não poderá pegar Renato na escola. Sílvia encontra Renato na porta da escola e diz que foi a mando de Adalberto. Renato corre em direção ao carro de Ferraço.

5. Sexta-feira, 18/01/2008 Renato se encanta com Ferraço. Renato fica encantado por ter encontrado Ferraço. Ferraço diz a Renato que Maria Paula o impediu de conhecê-lo a vida inteira e pede que o menino não conte sobre o encontro. Renato promete segredo. Júlia não se conforma com a gravidez. Gioconda tenta acalmá-la. Ferraço teme que João Batista tenha ouvido sua conversa com Renato, mas ele nega. Maria Paula pega Renato na escola e estranha seu comportamento. Célia avisa Barreto sobre a carta que encontrou de seu pai sobre os dobrões. Ferraço conta a Barreto que seus planos para se aproximar de Renato estão funcionando. Gioconda aconselha Julia a falar com Evilásio antes. Branca revela a Macieira que está com ciúmes de Célia. Macieira dá um bônus a Gilmar por seu desempenho no curso de verão. Macieira recebe uma intimação para ir à delegacia. Branca o aconselha a ir com um advogado, mas ele prefere ir sozinho. Rudolf chama a imprensa para ir à delegacia. Amara chantageia Débora para não revelar a Antonio o que ela está fazendo com seu dinheiro. Duda e Clarissa combinam de assistir um DVD. A aula de Alzira na academia é um sucesso. Evilásio se recusa a receber dinheiro por fora para a associação. Juvenal se irrita. Ronildo liga para Gugui para marcar um encontro. Misael fica preocupado com o valor do orçamento do desfile. Evilásio autoriza Dália a iniciar os preparativos para o desfile. Renato ignora Maria Paula e ela desconfia que algo esteja acontecendo. Júlia revela a Evilásio que está grávida. Barreto fica atordoado ao saber da gravidez da filha. Macieira é abordado por vários repórteres na porta delegacia querendo saber sobre a acusação de racismo.

6. Sábado, 19/01/2008 Barreto passa mal ao saber que Júlia está grávida. Macieira se desvencilha dos repórteres e entra na delegacia. Barreto passa mal. Macieira ouve a gravação em que chamou Rudolf de zumbi e explica ao delegado que desconhecia que ele era negro. Evilásio sugere que ele e Júlia fiquem juntos. Júlia pede um tempo para pensar. Ferraço diz a Sílvia que o próximo passo para conquistar Renato é marcar um encontro com ele. Renato acusa Maria Paula de ter muitos segredos. Maria Paula diz a Narciso que Renato nunca havia a desrespeitado tanto. Branca se irrita ao saber da armação de Rudolf. Barretinho fica desnorteado por causa de Sabrina e bate o carro. Narciso se oferece para defender Macieira. Antônio parabeniza João Batista sem saber que ele tem um caso com Débora. Débora alerta João Batista que Amara descobriu tudo sobre eles. Josiane tenta convencer Andréia a desistir de ser madrinha da bateria. Juvenal fica ansioso para encontrar Alzira. Alzira se declara para Juvenal. Petrus marca uma entrevista com Andréia para o documentário na sorveteria. Clarissa se arruma toda para assistir o DVD com Duda. Solange flagra Alzira e Juvenal e quebra o clima de romance entre os dois. Duda e Clarissa se beijam. Ignácio, Heriberto e Adelaide pensam em uma forma de alimentar o escândalo de Macieira. Célia decide ajudar Macieira. Heriberto dá o endereço de Macieira a Célia sem a permissão de Heloísa. Barreto chama Júlia para conversar. Célia vai à casa de Macieira. Branca a repreende.

Próximos capítulos: 21/01/2008 a 26/01/2008

1. Segunda-feira, 21/01/2008 Júlia se muda para a Portelinha. Célia explica que só foi à casa de Macieira para tentar ajudá-lo. Branca descobre que Heriberto deu o endereço a Célia. Juvenal e Alzira fazem juras de amor. Júlia pensa na possibilidade de viver com Evilásio. Evilásio conta a Misael que vai ser pai. Misael flerta com Claudine. Edivânia teme estar sendo seguida pelo sufocador, mas se acalma ao ver que é Ezequiel. Edivânia se declara para Ezequiel. Ezequiel a dispensa. Barreto ameaça expulsar Júlia de casa. Guigui conversa com Ronildo sobre sua infância. Guigui se emociona com as lembranças de Ronildo e tem certeza de que ele é seu filho. Ronildo a trata com frieza. Guigui revela o nome de Fernando Pereira a Ronildo. Sílvia pressiona Ferraço a marcar a data do casamento. Renato fica ansioso para ir à escola na esperança de encontrar Ferraço. Renato se decepciona por não vê-lo novamente na entrada da escola. Rudolf pede a Aurora que testemunhe a seu favor. Ramona debocha de Rudolf por ter acusado Macieira. Branca convoca os professores para uma reunião. Guigui se espanta ao perceber que Juvenal não voltou para casa. Heriberto propõe o afastamento de Macieira. Júlia decide voltar a namorar Evilásio e se muda para a Portelinha. Juvenal revela a Guigui que estava com Alzira e que já pode liderar a comunidade novamente.

2. Terça-feira, 22/01/2008 Cenas piratas da invasão à Portelinha. Juvenal avisa Guigui que não quer vê-la com Ronildo. Macieira decide se afastar até provar sua inocência. Branca pede a Gilmar que assuma a reitoria interinamente. Benoliel pede a Fernanda que marque um jantar com Bárbara para que ele possa pedir sua mão em casamento. Gioconda não se conforma com a partida de Júlia. Solange se interessa por Claudius. A condessa os apresenta. Débora decide não ceder às chantagens de Amara. Amara vai falar com Antônio, mas Débora a interrompe antes que ela diga qualquer coisa. Débora inventa para Antonio que ficou devendo a Amara. Antonio empresta dinheiro para Débora quitar sua dívida. Barreto diz a Célia que a carta de seu pai é uma prova de que ela é herdeira dos dobrões. Ferraço desfaz a sociedade com Gabriel e avisa que Sílvia será sua nova sócia. Juvenal se irrita ao ver a fila de pessoas para conseguir emprego na fábrica. Evilásio convida Juvenal para ser padrinho de seu filho. Juvenal promete pensar. Lucimar encontra o DVD “A batalha da Portelinha”. Duda e Mosquito nem desconfiam que as imagens da invasão tenham vazado. Bárbara dá dinheiro a Ronildo para que ele vá a São Paulo atrás de Fernando. Amara chega em casa cheia de compras. Bernardo estranha. Bárbara se surpreende com a chegada de Heraldo ao jantar. Lucimar comenta com Geraldo e Divaldo sobre o DVD. Juvenal quer saber sobre qual DVD eles estão falando.

3. Quarta-feira, 23/01/2008 O criminoso é outro. Lucimar conta sobre o DVD. Evilásio diz que não sabe de nada. Fernanda conta para Bárbara que convidou Heraldo para o jantar. Duda descobre que o original do filme sumiu e se explica para Juvenal. Mosquito diz que fez uma cópia de segurança. Benoliel pede Fernanda em casamento. Júlia estranha a comida da casa de Misael. Bárbara e Heraldo discutem. Juvenal propõe ver o filme com toda a comunidade. Maria Paula não consegue entender por que o filho está tão amuado. Narciso comenta com Maria Paula que o tempo que ela deu para Ferraço está se esgotando. Eva diz a Gabriel que todos economizarão e ela voltará a cozinhar para a família. Bernardinho comenta com Dália que Heraldo está arrasado. Dália vai consolá-lo. Júlia pede que Evilásio fique em casa em seu primeiro dia na Portelinha, mas ele avisa que precisa ir ver o filme com o padrinho e a comunidade. Ferraço manda Waterloo arrumar uma cópia do filme. Júlia decide ir à sessão do filme e Evilásio adora. Amara aparece no filme com Carlão. Juvenal exige ver o replay da hora em que foi atingido, pois descobre que não foi Lobato quem disparou contra ele, mas alguém escondido em uma das casas.

4. Quinta-feira, 24/01/2008 Juvenal expulsa Evilásio da associação. Evilásio, Juvenal e seus homens revistam a casa e encontram a arma do crime. Juvenal garante que vai investigar os suspeitos que aparecem no filme. Juvenal libera o filme de Duda para ser comercializado, desde que ele pague um percentual para a Associação. Bárbara diz a Fernanda que banca a durona com Heraldo para ver se ele melhora. Júlia aconselha Evilásio a se afastar de Juvenal. Amara jura a Bernardo que quem apareceu no vídeo foi sua irmã Amora. Júlia tem desejo de comer empada de queijo e faz Evilásio sair duas vezes à noite. Ronildo chega a São Paulo. Renato aguarda Ferraço. Bernardinho flagra Dália e Heraldo juntos. Heraldo resolve se explicar e Bernardinho finge que está tudo bem, mas fica magoado. Débora dá dinheiro a Amara. Gilmar diz aos professores que os cursos de verão continuarão. Rudolf dá entrevista e Heriberto confirma que ele foi discriminado. Macieira divulga o provão na Portelinha. Sabrina entrega seu convite de casamento para Gioconda. Juvenal não aceita o convite para ser padrinho da criança e reclama por Evilásio não ter cobrado a comissão dos comerciantes. Depois, manda que Evilásio saia da Associação. Júlia lava roupa e joga coisas em um homem que a observa com o binóculo. Gioconda chega neste momento.

5. Sexta-feira, 25/01/2008 Juvenal pede Alzira em casamento. Gioconda diz a Júlia que não tem sentido ela morar na favela. Evilásio conta para Júlia que Juvenal o mandou embora da Associação. Condessa convida Gioconda para conhecer a sua ONG e ela promete ajudá-la. Priscila conversa com um homem interessante e depois convida Gislaine para ir a um baile com ela. Júlia tenta consolar Evilásio. Juvenal se chateia com um homem que pediu emprego na fábrica e faz Amara contar o que viu na noite da invasão. Ela diz que viu Geraldo, Evilásio e outras pessoas na rua. Renato sofre por não encontrar mais o pai e se recusa a responder às perguntas da mãe. Célia assina os papéis do divórcio que Antônio lhe entrega. Gabriel é rejeitado em uma entrevista de emprego. Célia reclama de Débora e Antônio garante que está muito feliz com ela. Depois, Antônio descobre que as moedas sumiram e conta para Débora. Dagmar ri. Benoliel, Clarissa, Alzira, Célia, Ramona, Victória, Denise, Vesga, Bruceli, Zidane, Apolo, Marcha Lenta, Solange e Gislaine fazem o provão. Rudolf se interessa por Ramona. Macieira e César aplicam a prova em Clarissa. Branca deseja que Célia tire zero. Clarissa fica muito nervosa e abandona a prova. Macieira a convence a superar o obstáculo. Ronildo consegue descobrir o endereço do pai. Barretinho garante que Sabrina não vai se casar. Juvenal pede Alzira em casamento, que aceita. Andréia rejeita o convite de Petrus. Jojô recebe notícias de Dorgival. Juvenal anuncia na quadra o seu casamento. Jojô avisa Alzira que Dorgival está no hospital e irá morrer se não for operado em dois dias.

6. Sábado, 26/01/2008 Clarissa é filha de João Pedro. Clarissa e Duda ficam juntos. Vesga, Socorro, Victória e Dagmar encontram Denise. Ela não se lembra de nada. Juvenal diz a Guigui que pediu Alzira em casamento e que ela sumiu. Bernardo segue Amara e vê Antônio dando dinheiro para ela. Antônio conta a Débora que pegou os dobrões de ouro da delegacia e que eles pertenciam a Célia. Júlia não gosta quando Gislaine insiste em usar uma roupa dela. Juvenal pensa ter visto um brilho no pulso do homem que o atingiu, olha o relógio de Geraldo e fica mais desconfiado. Guigui diz a Evilásio que Juvenal ficou com ciúmes do jeito que ele tratou o povo. Guigui intercede por Evilásio, mas Juvenal permanece inflexível. Ronildo encontra Fernando em um asilo. Os funcionários dizem que Fernando perdeu toda a fortuna. Dagmar é o único da oficina que passa no provão. Bruceli comemora com Edivânia. As meninas da boate são aprovadas. Solange se irrita ao ver que Gislaine ficou bem colocada. Clarissa vibra por ter passado. Macieira avisa Célia que ela está na universidade. Todos comemoram com uma festa. Célia tira o primeiro lugar e sobe ao palco. Branca e Célia brigam. Alzira avisa Juvenal que está no hospital. Célia grita que Clarissa é filha de João Pedro.

Próximos capítulos: 28/01/2008 a 02/02/2008

1. Segunda-feira, 28/01/2008 R$ 50 mil para salvar Dorgival? Célia jura para Clarissa que é verdade que Joca é seu pai. Branca insiste que é uma calúnia. Célia garante que vai pedir o exame de DNA e exigir a parte da filha na herança. Alzira diz a Juvenal que o caso é grave. Branca diz a Barreto que está disposta a uma longa batalha judicial. Alzira pede que Juvenal vá à sua casa avisar tudo às crianças. Célia pede desculpas à filha. Clarissa chora muito, hesita, mas acaba abraçando a mãe. Bernardinho não deixa Dália dormir no restaurante. Bernardo pega o dinheiro na bolsa de Amara e exige explicações, mas ela se esquiva. Denise pede para Jojô guardar uma caixinha no cofre. Branca mostra a reportagem do jornal para Sílvia. Antônio lê o jornal e passa mal. Branca pede que Sílvia se recuse a fazer o exame de DNA. Gioconda garante à Sabrina que todos da família irão ao casamento. Ronildo conta para Bárbara que seu pai está num asilo pago por Guigui. Guigui vê no filme mais um suspeito, um homem todo de branco, e comenta com Juvenal. Ele acha que é Dorgival. Condessa convida Solange para acompanhar Claudius em um congresso. Priscila e Gislaine conversam com Heitor e se animam para viajar ao exterior. Misael entrega para Gislaine o dinheiro que a madrinha lhe mandou. Antônio briga com Célia. Alzira conta para Célia que precisa de 50 mil reais para a operação de Dorgival. Sílvia pega Renato na porta da escola.

2. Terça-feira, 29/01/2008 Barretinho estraga o casamento de Sabrina. Sílvia diz que o pai está esperando por Renato em casa. Alzira conta para Célia que trabalhava na uisqueria e juntou metade do que precisa. Ferraço diz a Renato que preparou um quarto, pois sempre esperou pelo menino e que brigou com Maria Paula porque ela namorava Claudius. Renato promete que não vai falar nada para a mãe. Gislaine conta seus planos para Solange, que desconfia. Macieira pede que Branca não faça outro escândalo. Macieira recebe uma intimação para uma acareação com Rudolf. Ramona recrimina Rudolf. Sílvia confirma para Renato que Maria Paula mentiu para ele. João Batista percebe o golpe. Gioconda, Barreto e Lenir vão ao casamento de Sabrina. Júlia passa mal. Sabrina entra na igreja e Barretinho chega suado, desmazelado e sujo de lama, gritando para que ela não se case. Barreto arrasta o filho para fora da igreja. Sabrina hesita na hora de dizer o sim e o noivo acaba com o casamento. Gioconda impede que Barretinho volte. Ronildo pede dinheiro a Waterloo, mas ele nega. Ronildo liga para Guigui e diz que ela tem obrigação de sustentá-lo. Ela o encoraja a trabalhar e ele avisa que vai continuar roubando. Sílvia alerta Ferraço para não deixar Bárbara se aproximar de Renato. Juvenal pede que Alzira lhe conte as novidades. Sílvia e Ferraço procuram Célia e prometem ajudá-la na briga contra Branca. Gioconda se assusta ao saber que Júlia está no hospital. Alzira pede dinheiro a Juvenal para salvar Dorgival.

3. Quarta-feira, 30/01/2008 Júlia vai parar num hospital público. Alzira garante que é só um empréstimo. Gioconda não se conforma por Júlia estar em um hospital público. Barreto diz que foi uma opção dela. Sílvia marca encontro em uma clínica para que ela e Clarissa façam o exame de DNA. Clarissa desconfia. Evilásio de desespera por Júlia não ser atendida. Juvenal diz a Alzira que desconfia de Dorgival. Barreto permanece distanciado. Gioconda sofre e Evilásio garante que Júlia não perderá a criança. Claudius aparece para visitar Renato e é frio com Maria Paula. Bernardinho se ressente da falta de clientes no restaurante. Gioconda diz que Júlia deve ir para um hospital privado. Ela argumenta que não pode ir contra a vontade do marido. Barreto fica furioso. Juvenal resolve dar todo o dinheiro para Alzira. Gioconda enfrenta Evilásio, que concorda em transferir Júlia para um hospital privado. Uma atriz famosa vai ao restaurante de Bernardinho e adora a comida. Andréia vê Mãe Bina no meio do ensaio da escola. Alzira fica com Juvenal. Dr. Arnaldo avisa que Júlia está fora de perigo, mas alerta que ela terá uma gravidez de risco. Gioconda pede que Júlia volte para casa. Juvenal pergunta se Alzira veio se despedir dele.

4. Quinta-feira, 31/01/2008 Dália se declara para Bernardinho. Evilásio e Barreto discutem. Júlia volta para a casa dos pais, mas exige que Evilásio fique lá com ela. Alzira vai para o hospital, jurando que ama Juvenal. Barreto diz que não pode ser obrigado a aceitar Evilásio. Evilásio garante que não quer ficar. Dália se declara para Bernardinho, que diz que ela está confundindo os sentimentos e que não pode lhe dar o que deseja. Guigui aconselha Dália a esquecer seu amor por Bernardinho. Dália garante que vai conquistá-lo. João Batista não gosta quando Débora conta que pretende se casar com Antônio. Evilásio não aceita ficar na casa de Barreto. Gioconda diz que ele precisa mudar de vida, senão vai perder a mulher e o filho. Ronildo rouba Fernanda, que registra a cicatriz que ele tem na sobrancelha. Sílvia e Clarissa fazem o exame. Bárbara desconfia quando Fernanda descreve o bandido. Juvenal ameaça Claudius para que ele respeite Solange, que o fulmina com o olhar. Renato diz que Maria Paula é muito egoísta. Ferraço e Sílvia levam Renato ao parque de diversões. Gislaine e Priscila tiram passaporte. Condessa, Gioconda e Claudine se mobilizam para encontrar Vanessa, uma jovem que foi aliciada. Guigui alerta que Juvenal está destratando as pessoas. Sabrina acusa Barretinho de ter acabado com a sua vida. Ramona e Gislaine defendem Macieira na delegacia. Gioconda emprega Sabrina na casa de Ferraço. Dorgival é levado às pressas para a cirurgia. Alzira avisa Juvenal.

5. Sexta-feira, 01/02/2008 Juvenal coloca Alzira contra a parede. Alzira acende velas e reza. Macieira conta que a acareação foi interrompida e adiada. Célia vai fazer a matrícula e é destratada por Branca. Célia diz que em breve terá a prova do exame de DNA. Gislaine e Priscila pagam Heitor. Solange dá um depoimento no congresso e Claudius se impressiona. Juvenal exige que Solange ande com um segurança. Lucimar diz a Evilásio que a comunidade adorou quando ele esteve à frente da associação. Barreto pergunta a Júlia e Evilásio como eles vão viver. Gislaine comenta com Solange que Juvenal dispensou Evilásio. Evilásio garante a Barreto que vai sustentar Júlia e seu filho. Solange exige que Evilásio seja o seu segurança e conta que ele a salvou no incidente com os rapazes do condomínio. Juvenal acusa Evilásio de ter escondido dele o problema e avisa que, se ele não arrumar emprego, terá que sair da Portelinha. Eva pede permissão a Juvenal para levar grupos de turistas à Portelinha e ele concorda. Gabriel recebe uma proposta de emprego em Portugal. Bernardo acusa Antônio de ser amante de Amara. João Batista vê a briga e pensa que Amara abriu o jogo para Antônio. Antônio não entende nada e exige explicação. Bernardo passa mal, acabando a confusão. Bárbara briga com Ronildo. Maria Paula e Narciso encontram Claudius e Solange no restaurante de Bernardinho. Duda apresenta Bijouzinho, a irmã de Andréia, para Petrus e ele se encanta. Solange e Claudius quase se beijam. Narciso dá um beijo apaixonado em Maria Paula. Alzira diz que Dorgival está em observação. Juvenal pergunta se ela vai se separar de Dorgival.

6. Sábado, 02/02/2008 Criança em desespero. Juvenal fica aliviado quando Alzira garante que, quando Dorgival estiver bom, vai se separar. Maria Paula diz a Narciso que não quer se envolver. Renato exige que a mãe fale sobre o pai, mas ela desconversa. Andréia passa mal ao ver Mãe Bina de novo e garante que não quer ser mãe de santo e sim rainha da bateria. Amara conta a Bernardo que estava chantageando Débora, porque descobriu que ela estava de caso com João Batista. Débora encerra a sua sociedade com Antônio. Bárbara diz a Ferraço que Renato é inteligente, se parece com ele e sempre será seu único filho. Sílvia fica furiosa e as duas batem boca. Sabrina começa a trabalhar na casa de Ferraço. Gislaine e Priscila prestam atenção quando Claudius conta sobre Vanessa, que foi aliciada na Portelinha, mas acham que Heitor é de confiança. Renato marca encontro com o pai, mas Maria Paula não o deixa sair de casa, pois está com febre. Ele foge, quando Ezequiel cochila. Fabiana diz a Maria Paula que Renato não veio para o passeio e que tem faltado muito à colônia de férias. Ferraço insiste que Renato volte para casa. Renato diz para a mãe que ficou passeando pelo bairro. Juvenal chama Evilásio de traidor. Júlia se revolta ao saber da ameaça de expulsão feita por Juvenal. Narciso convida Evilásio para trabalhar com ele. Juvenal discursa na quadra um pouco antes da Portelinha ir para o desfile.

Próximos capítulos: 04/02/2008 a 09/02/2008

1. Segunda-feira, 04/02/2008 Gislaine é a nova madrinha da bateria. Duda filma os componentes prontos para ir ao desfile. Juvenal faz um discurso incentivando a todos. Eva acompanha um grupo de turistas. Célia vai levar Clarissa na quadra e acaba cruzando com Branca. Macieira impede que elas briguem. Mariozinho Pedreira apóia Zé para que ele deixe seu vício. Andréia se sente insegura, vai ao terreiro, mas decide desfilar. Ferraço diz a Silvia que já conquistou Renato e se Maria Paula tentar fazer algo contra ele, sentirá o ódio do filho. Andréia vê Mãe Bina com expressão de pena, passa mal, corre e leva um grande tombo. O médico constata que Andréia sofreu uma fratura e ela é hospitalizada. Andréia diz que tudo aconteceu porque não aceitou o seu destino. Solange é convidada para substituir Andréia, mas indica Gislaine, que dá um show na frente da bateria. Misael chora emocionado. Bernardo decide não desfilar e proíbe Amara de ir também. Alzira liga para Juvenal desejando boa sorte. Ele pergunta se Alzira falou com Dorgival e ela nega. Evilásio sofre por não desfilar. Juvenal chora de emoção na avenida à frente da Portelinha.

2. Terça-feira, 05/02/2008 O pior pesadelo de Maria Paula. Juvenal acena para o povo. Sílvia insiste que Ferraço mande Bárbara embora, mas ele fala que prefere tê-la a seu lado. Maria Paula diz a Narciso que precisa descobrir onde Renato estava indo quando faltou a colônia. Juvenal desfila pela Portela. Alzira vê na TV Juvenal desfilando e manda um beijo para ele. Amélia beija Zé. Misael diz a Gislaine que ficou muito orgulhoso. Bernardinho dá parabéns pelo sucesso de Dália, que garante que deve tudo a ele. Mais tarde, Dália beija Bernardinho, que vai se deixando levar. Maria Paula descobre que Renato está marcando encontro com alguém pela Internet. Todos se preparam para a apuração. Denise mexe nos dobrões de ouro. Amara garante a Bernardo que não está escondendo nada. Débora devolve a documentação para Antônio e diz que não pode ser sua sócia. Branca não acredita quando Macieira pondera que Sílvia deve ter ajudado Célia. Misael encontra o passaporte de Priscila nas coisas de Gislaine e faz perguntas. Ela disfarça. Denise vende alguns dobrões. Bernardinho diz a Dália que está muito confuso. Ela insiste que o ama. A Portelinha ganha e sobe para o primeiro grupo. Todos comemoram na quadra. Alzira diz a Juvenal que Dorgival vai voltar para a sua casa. Ezequiel vigia Renato e vê quando ele entra no carro com Sílvia. Maria Paula e Narciso perseguem o carro em que está Sílvia, que entra no condomínio de Ferraço. Maria Paula reage horrorizada ao ver Renato abraçado com Ferraço.

3. Quarta-feira, 06/02/2008 Vítima de lavagem cerebral. Ferraço diz a Maria Paula que sabia que ela estava a caminho e garante que o filho veio visitá-lo. Renato diz que a mãe tentou afastá-lo do pai. Maria Paula comenta com Narciso que Ferraço e Sílvia armaram tudo. Maria Paula diz a Renato que Ferraço está mentindo. Renato se recusa a ir embora com ela. Ezequiel ouve os gritos de Maria Paula e intervém. Ela promete se acalmar quando Ferraço insiste em conversar em particular. Juvenal confessa a Guigui que está acabado por causa de Alzira. Maria Paula insiste que Ferraço confesse, senão ela o denuncia. Ferraço oferece devolver o que tirou dela com juros e correção monetária. Maria Paula não aceita e diz que vai provocar a ruína de Ferraço. Narciso pondera que Renato vai ficar contra Maria Paula se ela denunciar o pai. Maria Paula insiste em conversar com o filho e conta toda a verdade. Renato diz que ela está mentindo e garante que ficará com Ferraço, caso os dois briguem. Maria Paula diz a Ferraço que vai ceder, a pedido de Renato. Renato insiste em dormir na casa do pai. Claudius e Solange se beijam. Juvenal concorda que os dois namorem. Evilásio avisa Juvenal que vai trabalhar com Narciso, mas teme que a complicação que teve na polícia atrapalhe o seu emprego. Claudius atende ao chamado de Maria Paula. Ela diz que Claudius tinha razão e pede ajuda para reconquistar o filho.

4. Quinta-feira, 07/02/2008 O DNA dá positivo. Claudius diz que Maria Paula trouxe Ferraço de volta para a sua vida e que ele não pode se envolver mais com essa confusão. Ferraço promete a Renato que ninguém vai separá-los. Maria Paula dispensa Ezequiel. Ronildo pega dinheiro e jóias de uma mulher. Dorgival entra em casa amparado por Alzira. Manuela e Dorginho vibram. Alzira diz a Dorgival que não tem nada com Juvenal. Narciso propõe a Maria Paula que fiquem juntos e ela aceita. Heitor apresenta Gislaine e Priscila à agente de viagem, Telma. Gislaine faz pé firme, quando Telma insiste que ela tem que pagar mais uma taxa. Petrus e Bijouzinha visitam Andréia. Dália diz que ama Bernardinho e propõe que eles morem juntos. Evilásio e Júlia trocam juras de amor. Ferraço se mostra um pouco impaciente quando Renato reluta em dormir. Gislaine dá as informações para Claudius. Solange se invoca ao ver os dois juntos. Claudius conta para Solange que Gislaine está servindo de isca para que eles peguem o aliciador. Bernardinho se muda para a casa de Dália. Heriberto e Rudolf propõem um acordo a Macieira, na véspera da acareação. Heraldo diz que seu quartinho no restaurante está inundado e dorme na casa de Dália também. Macieira não aceita se demitir. Victória é atacada pelo sufocador. Jojô e Denise a socorrem. Célia pede o exame e confirma que Clarissa é filha de Joca.

5. Sexta-feira, 08/02/2008 Clarissa agora é dona da universidade. Clarissa abraça a mãe emocionada e as duas se reconciliam. Alzira aguarda uma resposta de Juvenal. Juvenal se atormenta sem saber o que decidir. Dália concorda com a sugestão de Bernardinho de Heraldo permanecer em sua casa até a conclusão da obra em seu quartinho. Renato diz a Maria Paula que ela devia pedir desculpas a Ferraço. Bárbara ouve a conversa e conta para Ferraço, que fica exultante. Macieira insiste que não ofendeu Rudolf. Gislaine pede para ser ouvida pelo delegado. O delegado conclui que não houve crime de racismo. Gioconda convida Barreto para ir à Europa. Lenir diz que ela quer investigar o desaparecimento de Vanessa. Barreto deixa claro que esse não é um trabalho para amador. Gislaine, Claudius, condessa e Gioconda combinam a estratégia para o flagrante. Priscila avisa Gislaine que o embarque foi antecipado para aquele dia. Gislaine conta que Priscila está quase embarcando. Telma sai correndo ao ver Gislaine com a polícia. Gioconda a enfrenta e ela é presa. Priscila e outras mulheres não embarcam. Claudius persegue e imobiliza Heitor. Evilásio pede que Barreto interfira, pois foi ele que armou a confusão com o policial. Júlia fica furiosa ao saber disso. Barreto promete ver o que pode fazer. Sílvia assina um documento passando 25% da universidade para Clarissa e dando poderes para ela administrar os seus 25%. Evilásio vê Ronildo tentando roubar Gioconda. Branca fica muda de espanto e ódio quando Célia mostra todos os documentos que provam que Clarissa agora também é dona da universidade.

6. Sábado, 09/02/2008 Sílvia está louca! Ronildo foge com a bolsa de Gioconda e Evilásio o persegue. Branca diz que não vai dividir o poder na universidade com Clarissa. Macieira separa a briga entre Branca e Célia. Clarissa leva a mãe embora e garante que Branca vai se arrepender. Clarissa passa seus poderes para Célia, para que ela enfrente Branca e a faça engolir os insultos. Ronildo é preso. Vanessa é encontrada e todos festejam na ONG. Sílvia diz que planejou tudo para acabar com a arrogância da mãe. Branca se impressiona com o ódio da filha. Barreto convence o policial a interceder para que a acusação contra Evilásio seja retirada. Ramona discute com Rudolf, que a deixa furiosa. Barretinho confessa para Gioconda que é apaixonado por Sabrina e que vai lutar para que ela seja sua mulher. Barreto leva a proposta de Ferraço para Maria Paula assinar e ela pede um tempo para pensar. Mariozinho garante que Zé vai fazer sucesso. Benoliel dá uma aliança e um cordão de ouro para Fernanda. Clarissa diz que Antônio sempre será seu pai e ele a abraça emocionado. Bernardo exige que Amara lhe dê o dinheiro que ganha com a chantagem. Macieira é reempossado. Célia aparece na cerimônia e diz que também é dona da Universidade. Juvenal exige que Alzira escute o que ele tem para falar.

Próximos capítulos: 11/02/2008 a 16/02/2008

1. Segunda-feira, 11/02/2008 Júlia sente as contrações Alzira diz que ama Juvenal, mas Dorgival é o pai de seus filhos. Juvenal termina tudo com Alzira. Branca fica furiosa ao ver as procurações de Sílvia e Clarissa dando poderes a Célia. Sílvia diz a mãe que está dando o troco da humilhação sofrida por Ferraço. Branca diz que ela vai cair muito fundo e, quando ficar sozinha, vai pedir a sua ajuda. Guigui paga a fiança de Ronildo, que pega dinheiro com ela e vai embora sem conversar. Juvenal fica arrasado. Guigui confessa o seu amor por Juvenal e ele diz que não pode ter nada com ela por amar Alzira. Amara exige mais dinheiro de Débora. Antônio pede Débora em casamento. Geraldo avisa Juvenal que Guigui não abriu a associação. Juvenal descobre que Guigui foi embora e chora. Edivânia faz planos de conquistar Ezequiel. Dália, Bernardinho e Heraldo combinam que vão ficar morando juntos. Denise descobre que os dobrões de ouro foram roubados. Maria Paula não assina a proposta de Ferraço, mas permite que ele veja o filho duas vezes por semana. Narciso diz a Evilásio que sua ficha está limpa e o convida a ir a Brasília. Sete meses se passam. Evilásio constrói sua casa. Zé grava seu CD. Débora e Antônio se casam. Juvenal sonha com Alzira. Heraldo e Bernardinho cuidam de Dália, que está grávida. Célia dá entrevista a Graça. Renato insiste que Maria Paula fique de bem com Ferraço. Júlia sente as contrações e teme porque o bebê nascerá prematuro.

2. Terça-feira, 12/02/2008 Barreto doa sangue e salva o neto. Maria Paula diz a Renato que jamais vai se entender com Ferraço. Heriberto elogia Célia, o que irrita Branca. Evilásio dá força a Júlia, que vai fazer uma cesariana. Alzira encontra Juvenal na rua e diz que não o esqueceu. Juvenal diz que enquanto ela permanecer casada não pode haver nada entre eles. Victória conta para Dorgival que Juvenal não está bem e que todos os dias caminha sozinho na Brejolândia. Dorgival registra a informação. Célia se oferece para apresentar Graça a Macieira. Branca se irrita ao encontrá-las na porta do reitor. Macieira recebe Célia e Graça. Branca decide derrubar o principal projeto de Célia no Conselho. Júlia passa mal. Evilásio chora abraçado com ela. Nasce a criança e Evilásio é retirado da sala. Barreto doa sangue para salvar o recém-nascido. Gioconda e Evilásio se abraçam emocionados, aguardando notícias de Júlia, que foi para a UTI. Heraldo e Bernardinho dão bronca em Dália porque ela foi ao médico sozinha. Débora leva dinheiro para Amara. Narciso aconselha que Maria Paula se aproxime mais de Renato. Maria Paula prepara um bolo para Renato e o convida para ver um DVD. Maria Paula engole a raiva quando Renato pede a Ferraço que o leve a um jogo de futebol dos amigos. Bárbara diz a Ferraço que Renato é a única coisa verdadeira que ele tem na vida. Rudolf panfleta sua chapa do diretório. Gislaine e Ramona combinam dar uma lição em Rudolf. Ferraço é avisado que a obra da fábrica foi embargada.

3. Quarta-feira, 13/02/2008 Narciso pede Maria Paula em casamento. O médico tranqüiliza Evilásio e toda a família e diz que Júlia e a criança passam bem. Evilásio beija Júlia e seu filho, muito emocionado. Gislaine propõe a Ramona montar uma chapa. Gioconda conta para Júlia que Barreto doou sangue para salvar a vida do neto. Célia comenta com Clarissa seu projeto de tornar a universidade inteiramente capacitada para atender deficientes físicos e pessoas com transtornos, como a dislexia. Rudolf beija Ramona mais uma vez à força e ela o rejeita. Bernardinho e Heraldo não deixam Dália fazer nada. Lucimar comenta sobre quem é o pai da criança. Victória dá comida na boca de Dorgival. Dorgival diz aos filhos que ela é a sua enfermeira. Dagmar e Zidane comentam que Antônio se transformou por causa de Débora. Débora se encontra com João Batista. Alzira se refugia no Texas Bar, quando é seguida pelo sufocador. Alzira dá uma bronca em Dorgival quando as crianças comentam sobre Victória. Ele finge sentir dor. Todos comemoram na Barraca da Preguiça o novo CD de Zé. Amélia fica orgulhosa quando Zé joga fora um copo de pinga, que quase toma enganado. Todos vão à estréia da cantora Diva no Texas Bar. Jojô diz a Eunice que ela não pode contar que é sua esposa e avisa que seu nome agora é Diva. Narciso tira foto abraçado com Maria Paula. Todos aplaudem Diva. Narciso pede Maria Paula em casamento.

4. Quinta-feira, 14/02/2008 Zé da Feira volta a beber. Maria Paula diz que não é o momento para assumir um compromisso. Narciso garante que não vai insistir. Maria Paula encontra Renato com febre. Elvis quase flagra um beijo entre Jojô e Eunice. Júlia agradece a Barreto, que se desaponta quando ela diz que o filho vai se chamar Misael. Heraldo e Bernardinho se encantam quando o neném mexe. Edivânia se escandaliza ao ver Heraldo e Bernardinho falando sobre a criança. João Batista admira Sílvia. Amélia sofre ao saber que Zé passou pela barraca e bebeu. Zé bebe em um boteco enquanto aguarda uma loja de discos abrir. Dorgival insiste com Alzira em passear na Brejolândia. Os dois cruzam com Juvenal e Dorgival diz que não está bem e que depende do carinho de Alzira. Juvenal se controla. Evilásio faz um discurso e todos aplaudem. Juvenal olha de longe. Claudius comenta com Evilásio que Juvenal expulsou mais um da Portelinha. Evilásio leva reivindicações da comunidade que Narciso pode conseguir. Juvenal aprova quase todas. Evilásio faz questão de comunicar à comunidade com Juvenal. Zé é expulso do bar e olha o movimento na loja de discos, onde o seu CD vende bem. Branca rasga os recados que são para Célia. Ferraço desmarca com Renato. Maria Paula leva o filho ao futebol. Sabrina recebe flores de Barretinho e joga no lixo. Rudolf pede uma trégua para Ramona. Zé se deita e fuma na lixeira. Renato decide sair com o pai no final de semana. A lixeira onde Zé está pega fogo. Célia defende a sua idéia e Branca se coloca frontalmente contra.

5. Sexta-feira, 15/02/2008 Bolas de fogo caem sobre a Portelinha! Zé dorme. O fogo aumenta. Maria Paula concorda que Renato viaje com Ferraço. As chamas arrefecem. Branca alega que o projeto de Célia é muito caro. Macieira sugere que o Conselho vote. Juvenal organiza a fila dos que querem falar com ele e reclama por não contar mais com Guigui e Evilásio. Macieira vota a favor do projeto, mas ele é derrubado. Sílvia detesta quando sabe que Renato vai viajar com ela e Ferraço. Ferraço nega que esteja gostando de ser pai. Branca e Célia discutem. Célia joga um copo de água em Branca, que revida. As duas se desentendem. Macieira consola Célia, que lhe dá um abraço. Clarissa flagra os dois e Célia fica sem graça. Rudolf e Ramona discutem na reunião do diretório. Débora desmarca com João Batista, pois vai sair para jantar com Antônio. Zé continua a dormir na lixeira. As chamas começam a crescer. Antônio agradece a Débora e ela se sente culpada. Uma fagulha faz o barracão da fábrica em construção explodir. Bolas de fogo começam a cair em plena favela, como bombas incendiárias. Amélia e Ezequiel constatam que o CD de Zé é um sucesso. Juvenal mobiliza a comunidade para combater o incêndio. Evilásio avisa que a casa de Andréia está em chamas. Bernardinho e Heraldo se preocupam em salvar Dália. Claudius socorre Gislaine e Solange. Evilásio entra em uma casa e salva uma criança. O incêndio é controlado e os desabrigados são levados para a quadra. Evilásio e Juvenal são ovacionados. A população reclama com Zé. Ferraço é avisado que a obra pegou fogo. Ezequiel e Amélia intercedem por Zé, mas Juvenal decide que ele vai ser expulso da Portelinha. Evilásio diz que Juvenal não tem este direito.

6. Sábado, 16/02/2008 Sílvia coloca Ferraço contra a parede. Evilásio diz que Juvenal não é dono da favela e o enfurece. Juvenal diz que Evilásio quer seu lugar. Evilásio garante ter descoberto que não é igual a Juvenal. Juvenal suborna Evilásio e ele recusa dizendo que só quer justiça. Mariozinho avisa Zé que a primeira edição do seu CD esgotou e que ele é um sucesso. Evilásio sugere que Zé doe o dinheiro para a reconstrução das casas. Ele concorda. Juvenal acrescenta que ele tem que procurar um grupo de ajuda e deixa que ele fique na Portelinha. Bárbara se tranqüiliza quando Benoliel conta que está tudo bem com Heraldo. Fernanda tenta convencer Bárbara a jantar um dia no Castelo de São Jorge, para que ela reveja Heraldo. Clarissa acusa a mãe de estar dando em cima de Macieira. Sílvia reclama que Ferraço só pensa nos negócios e no filho. Branca dá um aumento a Andréia para ajudá-la. Dagmar observa Denise, Vesga e Victória. Ezequiel lê para os fiéis uma carta enviada por Lisboa e avisa que vai reabrir a igreja. Zé conta a sua história no grupo em ritmo de samba. Ramona descobre que Rudolf usa o dinheiro do diretório. Célia e Branca discutem sobre a concessão da cantina. Heriberto se insinua para Célia, o que deixa Adelaide enciumada. Macieira conversa com Branca e com Célia, tentando diminuir a tensão entre elas. Ignácio olha interessado para Vesga. Macieira percebe. Gabriel corre na praia, a mando de Eva. Alzira encontra Juvenal, que é frio com ela. Ferraço manda Barreto descobrir quem foi o ecologista que conseguiu embargar a sua obra. Sílvia pergunta a Ferraço quem é mais importante em sua vida: ela ou Maria Paula.

Próximos capítulos: 18/02/2008 a 23/02/2008

1. Segunda-feira, 18/02/2008 Reconciliação? Ferraço garante a Sílvia que Maria Paula não é importante para ele. Sílvia exige que Renato não viaje com eles no final de semana e Ferraço concorda. Renato fica inconsolável. Ferraço muda de idéia e liga para Maria Paula. Misael avisa Juvenal que há uma fila enorme na porta da Associação. Juvenal reclama a falta que Guigui faz. Gioconda insiste que Barreto pare de dizer que o neto é moreninho, afirmando que ele é negro. Júlia garante a Lenir que vai ser dura com os preconceituosos. Renato fica feliz por viajar com o pai. Sílvia fica furiosa. Ferraço diz que o menino está desconfiando dela, que Sílvia irá estragar seu plano e exige que ela viaje também. Barretinho vigia Sabrina. Ramona diz a Rudolf que vai se candidatar e vencê-lo. Gislaine arruma adeptos para a nova chapa. Evilásio promete a Júlia que vai cuidar dela e do filho por toda a vida. Condessa dá um gravador para Juvenal registrar as audiências. Misael avisa aos desabrigados que Juvenal encontrou uma moradia provisória para todos. Dália conta a Solange que Bernardinho e Heraldo irão criar sua filha. Juvenal encontra em uma gaveta a correspondência acumulada dos moradores. Zé entrega dinheiro da venda do seu CD para Juvenal, que manda organizar o mutirão. Clarissa e Macieira impedem que Branca e Célia discutam. Sílvia se irrita ao ver Renato e Ferraço se abraçando. João Batista fica enciumado quando Débora comenta que Antonio é ótima companhia. Alzira chora quando Dorgival a ofende. Juvenal observa Alzira sair de casa e ir até sua porta. Ele a beija.

2. Terça-feira, 19/02/2008 Antônio quer um filho. Alzira confessa que não consegue viver sem Juvenal. Os dois se beijam. Alzira vai embora, quando os dois entram em casa e encontram Gislaine e Solange. Barretinho faz bronzeamento artificial, para ver se agrada Sabrina. Bárbara aconselha Sabrina a abrir seu coração. Sílvia se mostra mal-humorada. Renato pergunta ao pai se ela está aborrecida, mas ele nega. Ronildo planeja se vingar de Guigui. Juvenal conversa com Narciso sobre o paradeiro de Guigui. Claudius e Solange se encontram com Narciso, que elogia o trabalho da ONG. Claudius confessa que não gosta de Narciso. Evilásio diz a Júlia que sabe que, em breve, irá brigar com Juvenal. Antônio dá um anel de brilhantes para Débora, que se emociona. Maria Paula aceita que Narciso durma em sua casa. Débora fica aflita quando Antônio sugere que tenham um filho. Andréia interrompe quando Petrus e Bijouzinha estão quase se beijando. Eva se recusa a contar seus projetos para Gabriel, mas insiste que ele continue correndo na praia. Dália, Bernardinho e Heraldo riem felizes por formarem uma família. Branca chora e diz que sente falta de Sílvia. Diva remexe os dobrões de ouro. O sufocador ataca Diva. Jojô e Socorro a socorrem. Jojô avisa Juvenal, por temer que o sufocador ataque Alzira. Ferraço insiste que Silvia passeie no lago com Renato. Antônio leva café na cama para Débora. João Batista liga e Débora disfarça. Ezequiel visita Maria Paula. O funcionário avisa que o lago é fundo. Sílvia recusa ajuda e promete levar Renato ao outro lado do rio.

3. Quarta-feira, 20/02/2008 Bernardo é preso! Ezequiel pergunta por que Maria Paula não coloca Ferraço na cadeia. Ela garante que Renato jamais a perdoaria. Renato sacode o barco e irrita Sílvia. Ela registra quando Renato diz que não sabe nadar. Solange reclama que não tem comida e Juvenal comenta que Guigui está fazendo falta. Evilásio diz a Juvenal que não tem noção do paradeiro de Guigui. Priscila procura Claudius na ONG. Nadir vê Amara pegando uma peça de lingerie. Quando Nadir e a polícia se aproximam, Amara coloca a peça na mochila de Bernardo e a polícia descobre. Bernardo reage e acaba preso. Gritando inocência, ele briga com o delegado e é preso por desacato. Heriberto e Ignácio ficam indignados por Adelaide ganhar um bônus. Gilmar apóia a decisão de Macieira. Célia e Branca brigam para entrar na sala de Macieira. Ele diz a Branca que não há motivos para ela sentir ciúmes. Renato insiste em jantar com Ferraço e Sílvia e ameaça ligar para a mãe, caso eles não deixem. Sílvia se irrita e é contida por Ferraço. Branca fica furiosa quando Macieira elogia a foto de Célia em uma reportagem e vai embora. Sílvia diz que Renato a está provocando. Ferraço argumenta que ele só quer ficar ao lado do pai. Renato reclama da comida e Sílvia se retira do restaurante. Ferraço acusa Sílvia de ser infantil. Renato pede para deixar a porta de comunicação aberta, mas Sílvia a fecha. Maria Paula diz a Narciso que faria tudo pelo filho. Narciso pergunta se ela reataria com Ferraço.

4. Quinta-feira, 21/02/2008 Prova do crime. Maria Paula diz que jamais pensou na possibilidade de reatar com Ferraço. Claudius agradece por Solange ser tão verdadeira e lhe transmitir tanta paz. Branca apaga a foto de Célia no seu computador. Bernardo é provocado pelos outros presos. Edivânia faz o sinal da cruz quando ouve as risadas de Dália, Bernardinho e Heraldo, que assistem desenho animado na cama. Macieira vai à casa de Branca e diz que vai ficar com ela. Renato pede que Ferraço não acorde Sílvia e que saiam para tomar café. Bernardinho se preocupa com Bernardo, que não apareceu para trabalhar. Amara mente dizendo que Bernardo já saiu para o trabalho, mas Bernardinho não acredita. Fernanda convence Bárbara a ir ao restaurante onde Heraldo trabalha. Amara pede ajuda a Carlão. Macieira tenta convencer Branca a se entender com Célia, mas desiste. Ferraço garante a Renato que gostaria de se entender com Maria Paula. Renato vibra e diz que eles podem voltar a viver juntos. Sílvia fica furiosa ao saber que Ferraço e Renato já desceram para tomar café. O neto suja a gravata de Barreto. Misael vê o fotógrafo fazendo vários cliques de Gislaine. Barretinho diz que quer se casar com Sabrina, mas ela não aceita. Misael vai com Zangado à casa do fotógrafo e descobre inúmeras fotografias em seu computador. Juvenal vê as fotos do dia da invasão. Sílvia briga com Ferraço e sai com João Batista. Juvenal pergunta a Alzira se é Dorgival na foto, saindo da casa de onde partiu o tiro contra ele.

5. Sexta-feira, 22/02/2008 Célia Mara só pensa em Macieira. Ferraço vai atrás de Sílvia e descobre que ela saiu. Alzira acha que não é Dorgival nas fotos e Juvenal a acusa de defender o ex-marido. Ela jura que está sendo justa. Juvenal diz que tem certeza de que Dorgival tentou matá-lo. Juvenal manda Alzira embora e leva o computador com as fotos para a associação. Dorgival garante a Alzira que jamais quis se vingar de algum homem que esteve no caminho dela. Ferraço e Sílvia voltam a se entender. Renato interrompe a conversa dos dois. Renato pede ao pai para fazer a festa de aniversário na sua casa. Sílvia suspira impaciente. Branca leva café na cama para Macieira, como pedido de desculpas. Célia não consegue parar de pensar em Macieira. Duda diz a Eva que gosta muito de Clarissa. Juvenal fica furioso com seus capangas que não conseguem se organizar ou gravar as audiências. Renato dá cotoveladas em Sílvia e finge que foram sem querer. Uma loura se aproxima de Gabriel, que deixa claro que é fiel a Eva. Petrus filma Bijouzinha, o que deixa Andréia aborrecida. Nadir vai à delegacia e conta a Bernardo que foi Amara quem roubou a lingerie. Amara diz a Nadir que não passa perto de delegacias. Narciso incentiva Evilásio a se candidatar a vereador. Carlão descobre que Bernardinho é dono de restaurante e resolve procurá-lo. Dália finge desmaiar e Heraldo joga água no chão, fingindo que a bolsa arrebentou, tudo para Bernardinho se afastar de Carlão. Júlia acha que Evilásio não deve se candidatar. Evilásio decide voltar a estudar. Misael e Juvenal encontram em uma gaveta de Guigui recibos de uma clínica. Sílvia diz a Ferraço que quer trabalhar nas suas empresas e marcar a data do casamento para daqui a um mês.

6. Sábado, 23/02/2008 A polêmica da festa de Renato. Ferraço concorda em marcar a data do casamento com Sílvia. Renato diz a Maria Paula que Ferraço ficou com ele o tempo todo. Juvenal tenta informações sobre Guigui na clínica e descobre que Fernando morreu. Guigui coloca uma flor no caixão de Fernando. Juvenal admite para Misael que sente muitas saudades de Guigui. Ronildo rouba uma senhora. João Batista pensa em Sílvia e se irrita porque Débora não fala direito com ele pelo celular. Nadir convence Silvano a retirar a queixa. Amara vai à igreja e acaba brigando com Edivânia. Juvenal pede a Duda para ver o DVD da invasão da Portelinha. Duda vibra quando Juvenal lhe dá dinheiro para finalizar o filme e lançá-lo. Zé faz um samba para o grupo de ajuda que freqüenta. Heriberto, Adelaide, Gilmar e Ignácio vão ver o show do Texas Bar. Ignácio nega que esteja interessado em Vesga, quando os colegas caçoam. Diva faz seu show e é um sucesso. Nadir vai à delegacia retirar a queixa. Amara hesita na porta da delegacia. Bernardo é liberado. Waterloo dá comida para Ronildo, mas o manda embora logo. Ferraço cobra de Barreto o nome de quem conseguiu embargar a sua obra. Juvenal pergunta a Claudius se Ferraço ainda não descobriu que ele é o responsável pelo embargo. Claudius garante que Barreto não vai descobrir. Alzira sofre pensando em Juvenal. Bernardo agradece a Nadir. Amara dá um berro de alegria ao ver Bernardo, mas ele a manda para casa e diz que vai acompanhar Nadir. Renato diz a Maria Paula que ela vai organizar a sua festa de aniversário na casa do pai. Bárbara, Benoliel e Fernanda entram no restaurante e ouvem Heraldo falar do “nosso bebê”. Sílvia fica furiosa ao saber que Maria Paula vai organizar a festa de Renato.

Próximos capítulos: 25/02/2008 a 01/03/2008

1. Segunda-feira, 25/02/2008 Só daqui a dois dias! Heraldo diz a Bárbara que o filho é de Dália. Bernardo reclama que Amara não fez nada para livrá-lo da cadeia e que faz questão de acompanhar Nadir. Ferraço perde a paciência com Sílvia, quando ela quebra uma peça de decoração. Sílvia diz que vai embora para sempre. Barreto conta a Ferraço que a denúncia contra a fábrica partiu do computador da ONG da condessa. Evilásio e Júlia comemoram a alta de Misael Neto. Gioconda se decepciona quando Evilásio conta que os três irão para a casa nova na Portelinha. Dagmar convida Vesga para jantar. Sílvia vai à casa de Branca e diz que a odeia. Barretinho chega em casa muito vermelho. Nadir e Bernardo comem uma pizza juntos e marcam novo encontro. Claudius leva para Maria Paula o papel da anulação de seu casamento com Adalberto. Bernardinho demite Amara. Claudius diz que Maria Paula está convivendo com Ferraço porque ainda gosta dele. Narciso diz a Maria Paula que ela está se deixando levar novamente por Ferraço. Carlão confessa a Amara que vai conquistar Bernardinho. Dália diz a Bárbara que Bernardinho é o pai de seu filho, mas ela continua suspeitando do Heraldo. Carlão dá uma pílula para Amara dormir e adiar a conversa com Bernardo. Amara é levada para o hospital. Bárbara pede que Heraldo passe em sua casa na manhã seguinte. Juvenal diz a Misael que vai voltar a ser o rei da Portelinha. Maria Paula diz a Renato que não vai fazer sua festa na casa do pai e reclama de Ferraço.

2. Terça-feira, 26/02/2008 Acerto de contas. Renato exige que a mãe não fale mal de seu pai. Sílvia diz a Ferraço que concorda com a festa de Renato, pois quem sabe depois disso Maria Paula aceite o acordo e ele possa se afastar para sempre dos dois. Ferraço abraça Sílvia, mas mantém um olhar inquieto. Bernardinho, Heraldo e Dália mandam Carlão embora, ao encontrá-lo na porta do restaurante. Dorgival convida Socorro para ir à sua casa. Bernardo espera Amara acordar. Ramona vaia Rudolf, que enfrenta Branca. Narciso comenta com Macieira que sente que seu amor por Maria Paula não é correspondido. Branca e Célia se desentendem quando se encontram na sala de Macieira. Ele se irrita e elas se acalmam. Rudolf fica com raiva quando Ramona diz que Bruceli será seu vice na chapa. Diva vende algumas moedas. Ignácio convida Vesga para ir à sua casa, mas ela não aceita. Ramona desconfia quando Rudolf garante que mora numa comunidade carente e que seus pais trabalham muito para pagar a universidade. Feliz conta para Juvenal que viu Dorgival agarrando Socorro. Barretinho diz a Celestino que quer pedir perdão e a mão de Sabrina. Jojô manda Alzira parar de ter pena de Dorgival. Juvenal briga com Dorgival e manda Socorro embora. Dorgival jura que não é ele nas fotos no dia da invasão. Alzira chega e surpreende os dois. Ferraço vai à casa de Maria Paula pedir uma trégua.

3. Quarta-feira, 27/02/2008 Sem alternativa. Alzira segura Juvenal, tentando fazê-lo soltar Dorgival. Maria Paula se irrita com Ferraço e tenta bater a porta em sua cara. Ferraço a impede ao ver que Renato se aproxima. Renato afirma que a mãe não pode impedir o pai de vê-lo e ameaça ir morar com Ferraço. Dorgival cai no chão com falta de ar e é levado para o hospital. O médico diz a Juvenal e Alzira que o estado dele é grave. Sílvia implica porque Bárbara vai sair no meio do dia. Ferraço dá carta branca para Maria Paula organizar a festa. Ela pede um tempo para pensar na proposta. Renato se joga nos braços de Ferraço. Alzira diz a Juvenal que não pode abandonar Dorgival. Juvenal vai embora furioso. Alzira acusa Dorgival, porque o reconheceu na foto. Manuela e Dorginho pedem notícias do pai. Narciso incentiva Evilásio a lançar a sua candidatura. Júlia reclama por não ter saído ainda do hospital. Célia Mara procura Macieira, sugere idéias e um almoço, mas ele desconversa. Benoliel conta a Fernanda que todos comentam sobre o pai da criança de Dália. Bernardo diz a Nadir que ele precisa ficar no hospital com Amara, mas garante que não se esquecerá dela. Sílvia e Branca se encontram no quarto de Júlia.

4. Quinta-feira, 28/02/2008 Guigui volta para a Portelinha. Júlia se apavora quando Sílvia diz que odeia a mãe. Branca pede que elas saiam, em respeito a Júlia. Gioconda, horrorizada com a grosseria de Sílvia com Branca, a expulsa do quarto. Bárbara pergunta a Heraldo quem é o pai do bebê. Feliz comenta com Zangado que há um bolão de apostas sobre o pai do filho de Dália. Os dois temem a reação de Juvenal. Heraldo diz não saber se é o pai. Bárbara promete apoiá-lo e garante que a criança será sua neta. Narciso aconselha Maria Paula a pensar bem antes de decidir. Bárbara diz que está muito orgulhosa do trabalho de Heraldo e os dois se abraçam, comovidos. Sabrina ri ao ver Barretinho vermelho. Ele a beija. Guigui volta para a Portelinha. Juvenal a abraça, a levanta do chão e diz que sem ela não é nada. Guigui diz a Evilásio que não sairá mais do lado de Juvenal. Alzira garante aos filhos que Dorgival ficará bom. Alzira briga com Socorro e avisa que ela terá de ser enfermeira de Dorgival. Guigui comenta com Juvenal que Ronildo não tem chances de recuperação. Ronildo briga e perambula pela rua. Narciso apresenta Evilásio aos colegas de partido. Ramona, Gislaine e Bruceli seguem Rudolf e vêem quando ele entra em um carro conversível. Eva veste Gabriel como um aventureiro e avisa que ele é seu novo sócio na empresa. Solange fica enciumada ao ver Priscila com Claudius. Juvenal reconhece para Guigui que andou tratando mal o povo da Portelinha. Narciso garante a Evilásio que ele será o vereador mais votado.

5. Sexta-feira, 29/02/2008 Presságio sinistro! Juvenal diz a Guigui que jamais irá se reconciliar com seu afilhado. Evilásio fala para Júlia que vai precisar conversar com Juvenal. O líder da Portelinha diz a Guigui que não tem idéia de quem denunciou a obra de Ferraço. Barreto fala para Ferraço que somente se Claudius confessar, poderão colocar a culpa em Juvenal. Dália, Bernardinho e Heraldo fazem compras para o bebê. Juvenal promete que Dorgival vai pagar o que fez. Sílvia vê o DVD da festa em que Maria Paula ameaça Ferraço e garante que vai se livrar dela. Vesga diz a Denise que sabe controlar Ignácio. Petrus aguarda Bijouzinha, para irritação de Andréia. Celestino diz que Barretinho prometeu vir todos os dias pedir a mão de Sabrina e ela diz não estar interessada, mas se lembra do beijo. Eva dança para Gabriel. Ferraço conta para Sílvia a sua conversa com Maria Paula. Célia garante a Clarissa que vai mandar também na universidade. Gislaine aconselha Priscila a não jogar charme para Claudius. Solange não gosta quando Maria Paula bate na casa de Claudius. Maria Paula diz que precisa de um conselho. Ferraço faz uma enorme declaração de amor a Sílvia. Claudius diz que Maria Paula vai ceder, porque quer brincar de família com Ferraço. Bernardo garante a Benoliel que Amara terá que se explicar. Ezequiel lê um trecho da Bíblia no templo e todos se emocionam. Ezequiel tem uma visão de Renato dizendo que não sabe nadar. Maria Paula jura a si mesma que não será enganada mais uma vez por Ferraço.

6. Sábado, 01/03/2008 Ferraço tenta seduzir Maria Paula. Ferraço vibra quando Maria Paula concorda em organizar a festa. Ronildo toma banho em um chafariz com vários mendigos. Turistas ameaçam fotografá-lo e ele quase toma a câmera de uma delas. Gioconda insiste que Júlia vá para a sua casa, mas Evilásio deixa claro que eles irão morar na Portelinha. Ferraço coloca uma foto de Renato em sua mesa, quando Maria Paula chega para uma reunião. Ferraço é gentil e sedutor. Maria Paula luta para não ser enfeitiçada por ele. Sílvia se aflige em casa. Maria Paula insiste em dividir os gastos e que Sílvia não participe da organização. Bárbara insinua que Sílvia vai perder a sua posição e ela se enfurece. Ferraço propõe um brinde, mas Maria Paula recusa. Antônio atende um telefonema para Débora, mas desligam. Zé arranca aplausos com seu discurso no grupo de ajuda. Amara finge estar desmemoriada. Ferraço diz a Sílvia que vai conseguir que Maria Paula aceite o acordo. Bernardo leva Amara para casa. Solange segue Claudius e vê quando ele entra na casa de Maria Paula. Claudius pede que Maria Paula não o envolva mais na sua confusão com Ferraço. Misael convida Claudine para ver a lua na laje. Gislaine interrompe quando os dois estavam quase se beijando. Alzira bate na casa de Juvenal e se surpreende ao ver Guigui. Guigui diz a Juvenal que não é mais apaixonada por ele. Ronildo tem febre alta e liga para Guigui. Ela conta que voltou para a Portelinha. Sílvia abre a porta e vê Renato e Maria Paula.

Próximos capítulos: 03/03/2008 a 08/03/2008

1. Segunda-feira, 03/03/2008 Ronildo à beira da morte. Sílvia tenta impedir que Maria Paula entre na casa. Maria Paula não gosta do jeito que Sílvia fala com seu filho. Ferraço interfere e manda que Bárbara mostre toda a casa para Maria Paula. Sílvia quer se trancar no quarto e Ferraço insiste que ela está estragando tudo. Guigui e Feliz procuram Ronildo na rua. Juvenal estranha não encontrar Guigui. Guigui leva Ronildo, que está delirante, para o hospital. Bernardo não acredita que Amara tenha perdido a memória, especialmente quando ela o chama de Bebê. Bárbara insiste que está somente querendo ser gentil e Maria Paula recorda a noite em que foi deixada em um matagal. Sílvia se lembra que Renato não sabe nadar. Ferraço concorda quando Sílvia insiste que eles voltem ao hotel em que estiveram para ela fazer as pazes com Renato. Bárbara liga para Heraldo preocupada com o bebê e se oferece para comprar o berço. Edivânia reage horrorizada ao ouvir Dália comentando sobre os dois pais de sua filha e conta toda a história para Juvenal. Ezequiel recrimina a atitude de Edivânia. Júlia e o filho saem do hospital. Gislaine conta para Claudius que Solange o viu entrando na casa de Maria Paula. Renato insiste que a mãe conheça o quarto do pai. Claudius procura Solange. O médico diz que o estado de Ronildo é grave. Sílvia ouve atrás da porta quando Renato diz à mãe que ela devia fazer as pazes com Ferraço e morar na casa.

2. Terça-feira, 04/03/2008 Sílvia pede desculpas a Maria Paula. Sílvia quase entra no quarto, mas a chegada de Sabrina a impede. Maria Paula garante a Renato que jamais se reconciliará com Ferraço. Guigui se preocupa por Ronildo estar com dengue hemorrágica. Claudius e Solange se reconciliam. Ele garante que Maria Paula faz parte do seu passado. Claudius pede permissão a Juvenal para levar Solange na casa de Ferraço para a festa de Renato. Misael segura o neto. Evilásio entra na casa nova com Júlia no colo. Ferraço pede que Maria Paula prepare uma lista de tudo o que necessita para a festa. Sílvia pede desculpas a Maria Paula. Heriberto pede ajuda a Célia para acabar com a burocracia na compra de papel para a impressora. Júlia se enrola para trocar a fralda e adora quando Gioconda chega para ajudá-la. Evilásio e Juvenal conversam e se emocionam com as recordações do passado, mas Evilásio não conta que vai se candidatar a vereador. Benoliel fica arrasado ao negar empréstimo a um cliente endividado. Fernanda tenta fazer com que ele se esqueça do episódio. Barretinho pede novamente a mão de Sabrina a Celestino. Ele avisa que somente a filha pode decidir. Eva, Ramona e Bruceli seguem Rudolf. Bernardo diz a Nadir que eles precisam adiar o encontro. Juvenal faz perguntas a Bernardinho, que explica a situação. Carlão tenta conversar com Bernardinho. Alzira pede que Juvenal não faça nada contra Dorgival. Renato ouve Sílvia dizer que enganou Maria Paula. Juvenal pede que Alzira venha morar com ele.

3. Quarta-feira, 05/03/2008 Dorgival se recusa a dar o divórcio. Bernardinho diz que não quer nada com Carlão. Edivânia vê os dois juntos, interpreta mal a situação e espalha boatos pela Portelinha. Alzira aceita a proposta de Juvenal. Guigui reage quando Juvenal avisa que não vai dar mais audiência para ficar a sós com Alzira. Amara pede, em vão, socorro a Carlão. Dália e Heraldo desconfiam de Bernardinho. Eva, Bruceli e Ramona vêem Rudolf entrar em uma mansão e decidem bater na porta. Rudolf é surpreendido pela entrada dos três, tenta mentir que é filho do motorista, mas acaba assumindo que é rico. Ramona diz que vai desmascará-lo. Rudolf ameaça processá-los. Gislaine se encanta com o sobrinho, que Gioconda coloca em seu colo. Renato se despede de Sílvia friamente, porque o pai o obriga. Sílvia se enraivece e diz a Ferraço que Renato a odeia. Débora não atende ao telefonema de João Batista. Macieira agradece ao presente que Branca lhe mandou, mas se preocupa quando ela diz que comprou com o cartão de crédito da universidade. Sabrina diz a Celestino que não quer nada com Barretinho. Alzira fala para Juvenal que vai ao hospital pedir o divórcio a Dorgival. Juvenal ouve Guigui dizer que ama alguém pelo celular, mas disfarça. Dorgival se recusa a dar o divórcio. Alzira sugere que ele fique com Socorro.

4. Quinta-feira, 06/03/2008 Juvenal salva Alzira do Sufocador. Maria Paula pede a Ezequiel que ele vá à festa de Renato. Ezequiel tem medo de ser barrado, mas Maria Paula garante que ninguém fará isto com um convidado dela. Rudolf pede que Ramona não revele nada até conversar com ele. Dorgival suplica, de joelhos, para Alzira não abandoná-lo. Quando ela sai, ele se olha no espelho e acredita que sua opção é desaparecer. Rudolf marca encontro com Ramona em sua casa. Duda e Clarissa visitam Júlia. Gabriel se entusiasma com a Indiana Safári & Tours. Júlia se anima para trabalhar na finalização do filme e Evilásio concorda. Edivânia briga com Carlão, corre e se refugia na casa de Amara, que se finge de desmemoriada. Nadir combina de passar na praia para ver Bernardo. Bernardinho leva bolinhos de bacalhau para Bernardo e se irrita com o fingimento de Amara. João Batista fica chateado quando Débora diz que não pode se encontrar com ele e ameaça arrumar outra namorada. Alzira diz aos filhos que vai se separar. Guigui conforta Ronildo, que delira. Renato diz à mãe que, se ele pedir ao pai, os dois podem voltar a ser um casal. Maria Paula fica abalada com a conversa. O Sufocador persegue Alzira e Juvenal a salva.

5. Sexta-feira, 07/03/2008 Dorgival vai embora. Juvenal garante que vai descobrir a identidade do sufocador e leva Alzira para sua casa no colo. Solange reage surpresa ao ver Alzira. Juvenal avisa que, em breve, Alzira e os filhos irão morar lá. Solange diz a Gislaine que vai pedir um carro de presente de aniversário para o pai. Gislaine quer aprender a dirigir e Feliz sugere que ela converse com Zidane. Lucimar ouve Narciso e Evilásio conversando sobre a candidatura e conta para Juvenal. Juvenal fica furioso e manda Lucimar desmentir a notícia na Portelinha. Juvenal ouve Guigui marcando um encontro e decide descobrir com quem. Antônio diz a Débora que gostaria de ter um filho com ela. Geraldo convida Denise para jantar. Barreto e Gioconda percebem que Barretinho só pensa em Sabrina. Sabrina se desaponta porque pensa que é Barretinho quem interfona e não um entregador. Gislaine pede que Zidane lhe dê aulas. Dagmar percebe que Ignácio não pára de olhar Vesga. Alzira lê, pasma, o bilhete de despedida de Dorgival que Socorro lhe entrega. Jojô dá dinheiro para Dorgival ir embora. Juvenal vai à casa de Júlia e Evilásio. Branca compra mais um presente para Macieira com o cartão da universidade. Maria Paula convida Branca para a festa de Renato. Juvenal pergunta a Evilásio se ele vai mesmo se candidatar, sem ao menos consultá-lo antes.

6. Sábado, 08/03/2008 Sem opinião, por enquanto! Evilásio confirma a sua candidatura e diz que ia contar no dia em que os dois se encontraram, mas temia uma briga. Juvenal diz que veio visitar Netinho e não dará opinião ainda sobre a candidatura. Branca diz que não pode ir à festa, pois está brigada com Sílvia, mas a ajudará na organização. Rudolf se explica com Ramona. Branca pede ajuda a Gioconda que se prontifica a fazer uma lista de providências para Maria Paula tomar sobre a festa. Rudolf diz que sua mãe era faxineira, mas seu pai é muito rico e, embora os dois não tenham se casado, ele os sustenta. Ramona pergunta por que ele finge ser pobre e o jovem garante que isso ajuda a divulgar as suas idéias, que são sinceras. Ramona diz que ele é uma farsa. Juvenal não acredita que Dorgival vá sumir para sempre. Rudolf beija Ramona, que garante que o odeia. Ramona decide não desmascarar Rudolf e ganhar a eleição no palanque, por causa de suas idéias. Ferraço se irrita ao ver Sílvia encomendando o bolo do aniversário. Sílvia fica possessa e intrigada ao ver Branca e Maria Paula juntas. Bernardo passa no supermercado para ver Nadir. Sílvia faz perguntas a Andréia, que conta que Branca vai ajudar Maria Paula a organizar a festa. Zidane se estressa dando aulas para Gislaine. Heloisa recebe um caminhão com papel e Célia confirma que fez o pedido. Barretinho pede que Sabrina se case com ele. Branca se enfurece com a compra de papel. Dorgival pede que Socorro vá encontrá-lo na rodoviária. Dorgival tira suas coisas de um armário e coloca em uma valise.

Próximos capítulos: 10/03/2008 a 15/03/2008

1. Segunda-feira, 10/03/2008 Juvenal decide se candidatar a vereador. Socorro se assusta com os planos de Dorgival para Alzira e Juvenal e com o convite para ajudá-lo. Dorgival dá uma semana para ela pensar. Bárbara aconselha Sabrina a aceitar Barretinho. Branca e Célia se desentendem por causa da compra do papel. Macieira não se conforma. Juvenal pede que Geraldo faça contatos com alguns políticos, que o sondaram no passado para ser vereador. Júlia acha que Juvenal vai apoiar Evilásio. Zidane e Gislaine se estranham nas aulas de direção. Antônio aconselha Zidane a pedir desculpas. Débora diz a João Batista que se apaixonou por Antônio e ele acha graça. Ramona pede que Bruceli guarde segredo sobre a situação financeira de Rudolf. Edivânia segue os entregadores de um enorme colchão. Dália, Bernardinho e Heraldo comemoram a chegada do colchão. Ronildo insulta Guigui em seu delírio. Juvenal entrega a chave da caixinha da associação para Guigui. Manoela e Dorginho reagem à idéia da mudança para a casa de Juvenal. Edivânia e Lucimar espalham pela Portelinha a chegada do colchão. Bárbara vai procurar Benoliel, pois está com problemas com um empréstimo e fica furiosa quando ele nada resolve. Benoliel volta atrás e a apresenta ao gerente. Macieira avisa Célia que Branca vai pedir ao conselho para puni-la pela compra do papel. Branca diz que vai propor uma moção que impedirá Célia de fazer algo sem a sua permissão. Juvenal e Geraldo se reúnem com os representantes do partido no Castelo de São Jorge. Evilásio se preocupa com o apoio de Juvenal. Juvenal decide se candidatar a vereador.

2. Terça-feira, 11/03/2008 Renato diz que Ferraço deve mandar Sílvia embora. Juvenal assina a ficha de filiação. Célia se queixa da atitude de Branca para Macieira. O gerente resolve o problema de Bárbara, mas suspende Benoliel. Juvenal vê Eva e Gabriel chegarem com vários turistas na Portelinha. Juvenal e Gabriel apertam as mãos. Heriberto se prontifica a ajudar Célia em sua vingança contra Branca. Heloísa comenta com Adelaide as despesas que Branca fez no cartão. Os professores reagem ao saber que ela gastou muito em presentes para Macieira. Juvenal passa na casa de Alzira e se dá bem com as crianças. Barreto fica estarrecido quando Barretinho diz que pediu Sabrina em casamento. Gioconda apóia o filho. Sabrina diz a Bárbara que vai recusar o pedido e marca encontro com Barretinho na quitanda do pai. Silvia se irrita quando Ferraço conta que Maria Paula irá passar na casa dele. Bernardo conta para Bernardinho que Edivânia está insuflando a população. Clarissa visita Antônio. Célia manda Heloísa fazer o levantamento dos gastos de Branca. Juvenal faz Alzira prometer que vai se mudar naquele mesmo dia. João Batista acha que Débora está com outro rapaz. Ferraço e Sílvia reclamam da lista de convidados. Renato diz que o pai devia mandar Sílvia embora. Sílvia briga com Renato e Maria Paula se irrita.

3. Quarta-feira, 12/03/2008 O povo contra o trio. Sílvia e Maria Paula se desentendem e Ferraço as contém. Heloísa diz que Branca avisou que Célia não manda mais em nada. Ferraço fala para Sílvia parar de gritar e ameaça deixá-la. Sílvia chora e pede perdão ao noivo. João Batista diz que Antônio não é para Débora, mas a jovem retruca que ele é o único homem que gostou dela de verdade. João Batista ameaça Débora, se ela deixá-lo. Débora jura para Antônio que o ama e pede que ele jamais se esqueça disso. Os alunos estranham quando Rudolf não enfrenta Ramona. Branca vê Célia acariciando a estátua de João Pedro. Ferraço diz a Maria Paula que não fará restrições à sua lista de convidados. Renato vibra ao ver os dois de acordo. Ezequiel decide avisar Bernardinho sobre Edivânia. Júlia combina com Duda sua volta ao trabalho. Evilásio diz que sua candidatura está confirmada. Juvenal combina um trabalho com Duda, mas pede sigilo. Carlão se recusa a ajudar Amara. Solange tenta conversar com Juvenal, mas ele tem pressa. Uma pedra quebra a vidraça da casa de Dália. Bernardinho, Heraldo e Dália enfrentam a multidão. Edivânia agride Dália, que se esconde dentro de casa e depois foge. Juvenal tenta conter todos.

4. Quinta-feira, 13/03/2008 Nasce a filha de Dália. Edivânia garante que está defendendo a moral e os bons costumes. Juvenal avisa que não tolerará confusões e manda a multidão se dispersar. Dália se embrenha pelo mato e sente dores. Bernardo e Heraldo olham, desolados, a casa destruída. Ezequiel enfrenta Edivânia. As mãos de Ferraço e Maria Paula se esbarram. Ela reage como se tivesse levado um choque. Célia garante a Clarissa que vai denunciar Branca. Guigui pede que Juvenal dê um emprego para Ronildo na associação. Bernardinho, Heraldo e os homens de Juvenal procuram Dália. Heloísa entrega o levantamento para Célia. Heriberto se surpreende quando Célia diz que Branca gastou em um ano muito dinheiro. Adelaide termina com Heriberto ao vê-lo marcar de ir à casa de Célia. Mariozinho entrega um cheque para Zé e avisa que está marcando shows. Denise descobre que Diva está vendendo dobrões de ouro. Renato diz a Ferraço que ele devia se casar de novo com Maria Paula, o que a constrange. Dália ouve a voz de Bernardinho e Heraldo ao longe. Maria Paula conta para Branca sobre a briga com Sílvia. Dália sente muita dor e ora para que sua filha seja salva. Bernardinho e Heraldo encontram Dália. Nasce a filha de Dália.

5. Sexta-feira, 14/03/2008 Ferraço pensa em Maria Paula. Dália decide que a filha vai se chamar Ana Rosa Maria. Lucimar se prontifica a cortar o cordão umbilical e pede desculpas por ter seguido Edivânia. Dália e o bebê vão para o hospital. Guigui conta para Juvenal que estão planejando um boicote ao Castelo de São Jorge. Juvenal manda Gavião avisar à população que todos devem ir ao restaurante. Branca se impressiona com o relato da agressividade da filha. Bernardinho e Heraldo decidem arrumar a casa e encontram Carlão ferido. Dália concorda que Carlão fique na casa, enquanto ela estiver no hospital. Denise acusa Diva de roubo. Manuela e Dorginho chegam com malas e Solange indica os seus quartos. Juvenal beija Alzira. Clarissa não gosta de ver Heriberto em sua casa. Célia e Heriberto analisam o relatório. Antônio convida Débora para jantar no Castelo de São Jorge. Ferraço pensa em Maria Paula. Edivânia chora quando Bernardinho e Heraldo dizem que sua vida é mesquinha e solitária. Ezequiel a consola. Bernardo leva Nadir para jantar no restaurante. Amara vigia de longe. João Batista fica furioso ao ver Débora e Antônio. Maria Paula e Narciso, Evilásio e Júlia, Zé e Amélia Geraldo e um grande astro jantam no Castelo de São Jorge. Duda retoca uma foto de Juvenal, mas não mostra para Clarissa. Juvenal chega ao restaurante e anuncia que Alzira é sua mulher e Manuela e Dorginho, seus filhos.

6. Sábado, 15/03/2008 Alzira e Juvenal correm perigo. Bárbara abraça Heraldo e diz que está muito feliz com a neta. Andréia fica com ciúmes e reclama ao ver Petrus e Bijouzinha se beijando. Bernardo encontra um bilhete de Amara dizendo que foi embora. Fernanda comenta com Bárbara que Benoliel pode perder o emprego. Antônio fica extasiado quando Débora reafirma que o ama. Misael sugere que Júlia coloque o filho na creche da ONG. Juvenal gosta do trabalho realizado por Duda. Juvenal leva Manuela e Dorginho para a escola. Diva pega a caixa com os dobrões, mas acaba a esquecendo na van de Divaldo. Célia diz que Branca terá que devolver tudo o que gastou. Clarissa teme a confusão. Rudolf espia Ramona e é surpreendido por Eva. Denise encontra a caixa na van. Eunice reage ao saber que Denise pegou a van. Jojô interfere quando as duas se desentendem. Rudolf beija Ramona. Jojô se irrita com Socorro, que fala mal de Alzira. Socorro promete ajudar Dorgival se ele der uma lição em Alzira também. Dorgival diz que quer pegar os dois. Juvenal promete a Guigui dar uma chance a Ronildo. Sílvia jura a Ferraço que não vai se descontrolar mais. Sílvia implica com Bárbara, que a chama de louca. Sabrina encontra Barretinho na porta da quitanda. Maria Paula convida Juvenal para a festa de Renato e avisa que será na casa de Ferraço.

Próximos capítulos: 17/03/2008 a 22/03/2008

1. Segunda-feira, 17/03/2008 Barretinho sofre acidente. Maria Paula diz a Juvenal que quer ficar cercada de amigos na casa de Ferraço e ele aceita o convite. Alzira, Dorginho e Manu são apresentados a Maria Paula. Sabrina diz a Barretinho que não aceita seu pedido de casamento. Gioconda intui que o filho vai se meter em confusão. Guigui fala ao telefone, carinhosamente, e disfarça quando Juvenal se aproxima. Ronildo delira de febre e acusa a mãe. Barretinho garante que é sincero e insiste com a proposta, mas Sabrina permanece firme. Sílvia tenta fechar a porta na cara de Maria Paula e Renato, que a impede com o pé. Maria Paula enfrenta Sílvia. Barretinho vai embora chorando. Celestino exige que Sabrina peça desculpas a Barretinho por ter sido preconceituosa. Barretinho sofre um acidente. Sabrina grita. Barreto diz a Gioconda que o estado de Barretinho é grave. Sabrina segue ao lado de Barretinho na ambulância. João Batista observa Sílvia, que nada na piscina. Gioconda e Sabrina rezam juntas. Benoliel é demitido. Júlia chega ao hospital e chora, amparada por Evilásio. Antônio reage quando Débora sugere fazer um calendário com os mecânicos da oficina, mas acaba convencido. Bárbara diz a Benoliel e Fernanda que eles devem manter os planos de casamento e, se necessário, morarem em sua casa. Bernardo corteja Nadir e conta que não é realmente casado com Amara. Os mecânicos concordam. João Batista vai até a casa de Débora. Renato pede que Maria Paula se case novamente com Ferraço.

2. Terça-feira, 18/03/2008 Juvenal começa sua campanha. Maria Paula diz que é impossível, porque foi roubada e abandonada por Ferraço. Renato exige que a mãe não fale mal do pai. Maria Paula deixa claro que jamais se casará novamente com Ferraço. Débora manda João Batista embora e garante que ama o marido. João Batista fica furioso quando Débora garante não sentir a menor falta dele. Antônio encontra João Batista na rua e o jovem diz que tem uma mulher na vizinhança. Denise vende um dobrão. Dagmar a observa e faz perguntas ao dono da loja. Dagmar exige que Denise lhe devolva os dobrões. Barretinho permanece na UTI. Sabrina reza o tempo todo. Feliz paquera Denise, que não retribui. Geraldo manda Feliz parar de assediar Denise. Heraldo e Bernardinho brigam para saber quem vai empurrar o carrinho de neném. Dália sugere par ou ímpar. Edivânia vê os três e reage indignada. Ezequiel manda que ela os deixe em paz. Lucimar pergunta quem vai ser o pai na certidão. Bárbara pede a Ferraço um emprego para Benoliel. Bernardinho manda Carlão lavar pratos, mas ele pede para ser segurança. Juvenal aprova o cartaz que foi feito por Duda. Alzira diz a Juvenal que quer continuar a trabalhar na academia. Dorgival diz a Socorro que Alzira desgraçou a sua vida. Denise flagra Jojô e Diva se beijando. Jojô nega. Vesga sugere que as colegas arrumem alguém para Jojô. Narciso avisa a Maria Paula que não poderá ir à festa de Renato. Os homens de Juvenal enchem a Portelinha de cartazes. Célia se admira ao ver a foto de Juvenal com a legenda: “nosso futuro vereador”.

3. Quarta-feira, 19/03/2008 Ferraço elogia a beleza de Maria Paula. Juvenal garante a Geraldo que vai ser vereador com votação maciça da comunidade. Evilásio sai de casa e é aclamado pelos moradores. Misael mostra o cartaz para Evilásio, que fica surpreso. Célia diz a Clarissa que vai acusar Branca de improbidade administrativa. Duda dá uma aliança a Clarissa e a pede em casamento. Os dois se beijam. Maria Paula teme entrar na casa de Ferraço, por causa de Sílvia. Bárbara tenta tranqüilizá-la. Renato vibra com a casa sendo arrumada para a festa. Ferraço diz a Maria Paula que jamais imaginou comemorar juntos o aniversário do filho. Maria Paula responde que os dois não estão juntos em nada, somente convivendo no mesmo espaço. Sílvia interrompe a conversa e Ferraço se mostra irritado com os ciúmes dela. Ramona diz a Bruceli que não fará oposição à direção. Rudolf se irrita ao saber que Ramona pediu uma audiência a Macieira. Branca teme que Célia apronte alguma na reunião. Heriberto tenta beijar Célia, que o expulsa de sua sala. Adelaide tripudia ao vê-lo sair cabisbaixo. Juvenal discursa para o povo da Portelinha, que vibra. Guigui reclama de Juvenal não ter lhe contado nada. Ele diz que ela também tem seus segredos. Evilásio avisa Narciso, que teme porque Juvenal vai dividir o mesmo eleitorado. Juvenal diz a Alzira que Evilásio o traiu. Maria Paula se apronta para a festa. Bárbara garante a Renato que ele está lindo e com a roupa perfeita para um aniversariante. Ferraço sai de seu quarto e dá de cara com Maria Paula, que se surpreende quando ele diz que ela está linda.

4. Quinta-feira, 20/03/2008 Branca vai à festa de Renato. Renato corta o clima, quando pede para tirar uma foto com os pais. Sílvia aparece e diz que está pronta para receber os convidados. Renato deixa claro que ela não é a anfitriã e desce com os pais. Bárbara tripudia e Sílvia a ameaça. Renato abre a porta para Joana e sua mãe, que elogia a casa. Maria Paula diz que a casa é de Ferraço. Ferraço complementa com um “por enquanto”, o que perturba Maria Paula. Ramona propõe a Macieira que trabalhem juntos e mostra as propostas de sua chapa. Narciso diz que Evilásio e Juvenal vão ter que conversar. Júlia se coloca contra esta conversa. Macieira recebe Rudolf que se mostra contra o diálogo. Gilmar apóia a chapa de Ramona e briga com Heriberto. Bruceli acusa Rudolf de ser riquinho metido a pobre, mas Ramona salva a situação. Edivânia se candidata, mas Ezequiel diz que não pode levá-la à festa. Sabrina diz a Barreto que é culpada pelo atropelamento de Barretinho. Barreto diz que está torcendo para que o filho fique bom e possa ser feliz ao lado dela. Benoliel procura emprego, mas nada consegue. Sílvia implica por Bárbara estar conversando com Fernanda. João Batista liga para Antônio. Débora aconselha Antônio a não atender telefonemas de números sem identificação. Débora briga com João Batista por ter ligado para seu marido. João Batista garante que acaba com o casamento dela a hora que quiser e exige que fiquem juntos. Zé tem um ataque de pânico no avião. Branca adia a reunião do conselho. Sílvia reage ao ver Branca chegar à festa e se aproxima dela abrindo um sorriso e a abraçando.

5. Sexta-feira, 21/03/2008 Sílvia decide acabar com a festa. Sílvia e Branca permanecem abraçadas, sob os olhares pasmos de Ferraço e Maria Paula. Juvenal pede a Manu que tire a maquiagem e troque de roupa. Zidane pergunta se Gislaine quer ter uma aula e ela aceita. Ronildo acusa Guigui de ter destruído a sua vida. Sabrina diz a Júlia que não sai do lado de Barretinho. Sílvia fala mal de Maria Paula para uma convidada e Branca interfere. Juvenal e Ferraço se encaram. Ferraço pede para conversar com Juvenal. Edivânia insiste e Ezequiel a leva à festa. Renato gosta de ver Claudius em sua festa. Solange constata que Claudius fica desapontado quando Renato diz que Maria Paula nega, mas está pensando em se entender com o pai. Claudius jura a Solange que Maria Paula é coisa do passado. Juvenal conta que foi ele quem denunciou a fábrica e propõe desembargar a obra se Ferraço urbanizar a Brejolândia. Sílvia interrompe quando os dois estão prestes a brigar e Ferraço segue seus conselhos, aceitando a proposta de Juvenal. Juvenal apresenta Alzira a Branca. Alzira fica intrigada com a amizade dos dois. Manu assume o lugar do DJ com o maior sucesso. Denise esquece a caixa com dobrões na van de Divaldo. Dagmar encontra a caixa. Ferraço diz a Maria Paula que ela pode propor o acordo que quiser que ele assina, pelo bem de Renato. Renato dá o primeiro pedaço do bolo para Ferraço, que o passa para Maria Paula. Branca se aproxima de Sílvia. Sílvia decide acabar com a festa.

6. Sábado, 22/03/2008 Ferraço fica com medo de Sílvia. Branca diz que Sílvia fez tudo de propósito. Ferraço se indigna. Branca diz que Ferraço é o responsável pela filha ter enlouquecido. Sílvia começa a voltar a si e é levada em uma ambulância. Juvenal leva Branca ao hospital. Guigui se lembra das palavras de Juvenal, que afirmou que não daria certo a volta de Ronildo para a Portelinha. Bárbara garante a Maria Paula que Sílvia fez tudo por ciúmes. O médico avisa Ferraço que Sílvia precisará ficar em observação. Antônio clica os mecânicos com o celular para mandar para a fotógrafa do calendário. Ronildo recebe alta e Guigui diz que ele vai com ela para a Portelinha. Sílvia se recusa a ficar no hospital, se levanta, dá alguns passos e cai. Branca insiste em ficar ao lado da filha e Ferraço garante que Sílvia não vai gostar. Célia diz a Macieira que Branca não pode adiar para sempre a reunião. Macieira responde que ela deve falar isso para a própria Branca. Clarissa diz que a mãe deve arrumar um namorado que não seja Macieira. Heriberto se oferece para consolar Célia e ela o expulsa de sua sala. Dolores adora as fotos dos mecânicos. Gislaine e Zidane implicam um com o outro, mas acabam se beijando. Gislaine diz que não vai nunca mais ter aulas com ele. Guigui diz a Ronildo que ele vai trabalhar com ela na Associação. Ferraço pede desculpas a Maria Paula e garante que no ano seguinte a festa de Renato será impecável. Maria Paula garante que a festa será na sua casa. Ferraço se assusta quando Sílvia diz que ele é a única coisa que tem na vida.

Próximos capítulos: 24/03/2008 a 29/03/2008

1. Segunda-feira, 24/03/2008 Sílvia foge do hospital. Renato insiste, mas Maria Paula não permite que ele durma na casa do pai. Ferraço diz a Branca que Sílvia balbuciou algumas palavras sem nexo e voltou a dormir. Bárbara observa Maria Paula na suíte de Ferraço. Maria Paula olha a foto de Ferraço e Renato. Maria Paula percebe que o carinho de Bárbara por Renato é verdadeiro e comenta. Bárbara deixa escapar que conhece Ferraço desde menino, mas nada conta a Maria Paula. Branca comenta com Gioconda que Sílvia tem uma paixão doentia por Ferraço, mas que Maria Paula é agora a peça do jogo. Barreto, Gioconda e Lenir rezam por Barretinho. Macieira consola Branca que chora por causa de Sílvia. Dagmar esquece a caixa na oficina. Débora marca encontro com João Batista e faz com que ele prometa que não vai mais perturbá-la. Antônio acha a caixa com os dobrões e a deixa na porta da casa de Célia. Ferraço vai à casa de Maria Paula, com a desculpa de conversar com Renato. Maria Paula diz que Renato está dormindo. Narciso tem certeza de que Ferraço veio por causa de Maria Paula. Misael e Claudine se beijam na laje, em noite de lua cheia. Ronildo remexe a associação, para ver se encontra dinheiro. Guigui chega, interrompendo a sua procura. Guigui diz a Juvenal que a gaveta do dinheiro está trancada e a chave, em seu pescoço. Célia vibra com as moedas de ouro e pensa em comprar a parte de Branca na universidade. Sílvia se disfarça de enfermeira e sai do hospital. Branca é avisada que Sílvia desapareceu. Ferraço se assusta ao ver Sílvia, vestida de enfermeira, em seu quarto.

2. Terça-feira, 25/03/2008 Amara se reencontra com os filhos. Sílvia diz que só consegue ficar bem em sua própria cama, deita-se e dorme. Ferraço avisa Branca. Alzira leva café na cama para Juvenal. Nadir vai à praia encontrar Bernardo e o ajuda a vender cerveja. Amara se reencontra com os filhos. Ronildo finge humildade quando Juvenal o manda se comportar. Evilásio propõe a Juvenal que disputem os votos da Portelinha sem armação e ele aceita. Evilásio é aclamado pelo povo que espera na associação. Juvenal avisa que aquele território é dele. Dolores aceita fotografar o calendário. Os mecânicos protestam quando Débora avisa que eles precisam se depilar e passar óleo no corpo para fazer as fotos. Débora pede que Antônio jamais duvide de seu amor. Célia e Clarissa comemoram os dobrões. Diva, Denise e Dagmar se lamentam pelos dobrões perdidos. Amara se despede dos filhos chorosa. Branca se assusta ao chegar à casa de Ferraço e ver uma ambulância na porta. Ferraço diz que chamou uma equipe médica, mas que está tudo bem com Sílvia. Célia se irrita quando Macieira avisa que Branca adiou mais uma vez a reunião. Barreto fica perplexo quando Ferraço diz que o filho estar em coma não é motivo para ele tirar férias. Ferraço conta que fez um acordo com Juvenal. Barretinho começa a respirar com dificuldade e Sabrina grita por socorro. Gioconda se desespera. Barreto se culpa por ter feito tanto mal. Barretinho sai da crise. Bernardo e Nadir se beijam. João Batista promete a Débora que será a última vez. Gabriel corre atrás de um bandido que rouba a bolsa de uma turista. Sílvia acorda e expulsa Branca.

3. Quarta-feira, 26/03/2008 Jojô é desmascarado. Ferraço comenta que Branca começou a guerra. Branca responde que ele ganhou, mas talvez esteja arrependido. Gabriel, depois de uma perseguição espetacular, encurrala o ladrão, que é entregue aos capangas de Juvenal. Juvenal dá dinheiro ao falso ladrão, garantindo que quer dar mais emoção aos turistas. Sílvia nega que tenha caído de propósito. Nadir conta do beijo para Maria Paula e garante que Bernardo não quer mais nada com Amara. Feliz e Zangado comentam, aborrecidos, sobre os privilégios de Ronildo. Débora diz a João Batista que não consegue trair Antônio. João Batista promete se vingar. Evilásio e Júlia observam uma foto do filho. João Batista vai à oficina e procura Antônio, assustando Débora. João Batista diz que o carro está com um problema na correia e que só Antônio pode resolver. Na saída, se despede de Débora. Eunice vê Carlão entrando no escritório de Jojô e estranha. Carlão encurrala Jojô que grita por socorro. Diva bate em Carlão. Vesga escuta quando Diva conta que Jojô é casado e a notícia se espalha na Portelinha. Vesga confirma que ele é casado com Diva, que se chama Eunice, e que os dois têm quatro filhos. Jojô desmente em um comunicado, para irritação de Eunice. Maria Paula atende a um telefonema e nada falam. Ferraço, do outro lado da linha, hesita. Sílvia o observa.

4. Quinta-feira, 27/03/2008 João Batista conta tudo para Antônio. Ferraço pede que Maria Paula não desligue. Sílvia reage ao ouvir o nome da rival. Ferraço mente que queria saber notícias de Renato. Maria Paula pede que ele não ligue mais tão tarde. Sílvia sai da sala, sem que Ferraço perceba e finge dormir. Carlão volta para casa e diz que está quebrado. Bernardinho manda que ele se deite no chão. Amara marca um encontro com Carlão. Andréia observa Petrus e Bijouzinha. Andréia diz a Petrus que ele só quer fazer ciúmes para ela. Petrus garante estar gostando de Bijouzinha e Andréia o beija. Waterloo os observa. Petrus reafirma seu amor por Bijouzinha. Débora chora quando Antônio é carinhoso com ela. Barreto leva o projeto de reurbanização da Brejolândia para Juvenal, que promete cumprir com a sua palavra. Geraldo e Guigui temem que a população descubra que Ferraço está por trás do projeto. Júlia deixa o filho na creche e começa a trabalhar com Duda. Juvenal sugere e Maria Eva oferece emprego a Benoliel, que promete pensar. Juvenal proíbe Evilásio de distribuir panfleto na porta da associação. Evilásio enfrenta Juvenal. Narciso acalma os ânimos. Juvenal acusa Narciso de tê-lo traído e o proíbe de entrar na Portelinha. João Batista conta para Antônio sobre a traição de Débora. Os mecânicos seguram Antônio. Célia acusa Branca de ter roubado a universidade e mostra os extratos do cartão corporativo. Débora tenta se explicar, mas Antônio a manda embora. Rudolf faz discurso contra Branca. Clarissa procura Sílvia e diz que Branca está sendo acusada e que isso pode fechar a universidade.

5. Sexta-feira, 28/03/2008 Branca é afastada da universidade. Sílvia diz que quer distância de Célia, de Clarissa e da universidade. E garante torcer contra Branca, enquanto expulsa Clarissa. Clarissa volta e enfrenta a irmã. João Batista impede que Sílvia jogue uma pedra em Clarissa. Sílvia se debate, mas João Batista a segura força. Os dois se sentem atraídos, mas logo Sílvia se desvencilha. Ronildo presta atenção quando Guigui mexe na gaveta de dinheiro. Branca lê o relatório e garante que não teve intenção. Célia pede o seu afastamento e Branca reage. Macieira diz que o relatório está correto e que se sente também culpado por aceitar os presentes comprados com o cartão corporativo. Branca diz que se afastará da universidade até a auditoria estar completa e sua dívida paga. Macieira entrega a caneta comprada com o cartão e renuncia ao cargo de reitor. Rudolf e outros alunos erguem faixas contra Branca. Macieira apóia Branca, que expulsa os estudantes da administração. Branca insiste e Macieira decide continuar no cargo. Célia é eleita a presidente do Conselho. Barreto chora quando Gioconda fala da possibilidade de Barretinho não acordar mais. Sabrina reza. As pálpebras de Barretinho se mexem, quase que imperceptivelmente. Alzira dá sua aula e os homens a observam pelo vidro. Alzira se assusta ao ver Dorgival entre eles, vai atrás dele, mas não o encontra. Débora pede perdão a Antônio na frente de todos na oficina. Ele a manda embora e depois chora. Barretão pega Ferraço pelo colarinho, quando ele fala sobre a condição de Barretinho. Bárbara aconselha Ferraço a se livrar de Sílvia. Sílvia pede a Ferraço que eles tenham um novo começo e sugere uma viagem a Teresópolis com Renato.

6. Sábado, 29/03/2008 Sílvia planeja viagem insólita. Ferraço concorda com a viagem. Sílvia se lembra do passeio de barco com Renato e do fato de ele não sabe nadar. Ferraço avisa Maria Paula que irá passar na casa dela. Sílvia observa João Batista. Branca diz a Macieira que achava que seu pró-labore cobria as despesas do cartão. Ramona diz a Branca que tem certeza de que ela não agiu de má-fé. Célia olha Branca partir com olhar debochado. Macieira ameaça Rudolf, que se prepara para ofender Branca. Claudius se decepciona quando Juvenal fala em suspender o embargo da fábrica de cimento e não concorda com um acordo com Ferraço. Ferraço manda Queiroz baixar os custos do projeto da Brejolândia. Waterloo não acredita quando Ronildo conta que está trabalhando para Juvenal. Alzira pede notícias de Dorgival para Socorro e elas se desentendem. Jojô interfere. Dorgival pede que Socorro não revele seu paradeiro. Dagmar consola Antônio. João Batista liga para Débora, que desliga e chora desconsolada. Zé volta de viagem. Amélia o recebe com carinho. Sabrina diz a Celestino que só sai do hospital quando Barretinho sair do coma, pois sente remorso, mas ele afirma que a filha o ama. Macieira avisa Célia que o maior benemérito da universidade suspendeu suas doações. Os professores são avisados que perderão o bônus. Clarissa diz a Célia que ela fez a coisa certa da maneira errada e teme a reação de Branca. Branca abre a porta e encontra Sílvia.

Próximos capítulos: 31/03/2008 a 05/04/2008

1. Segunda-feira, 31/03/2008 Barretinho acorda! Sílvia acusa Branca de ser estelionatária e garante estar muito feliz em vê-la na lama. As duas brigam. Andréia percebe que está sendo observada e encontra Edivânia escondida. Ela diz que estava espionando Ezequiel. Sílvia volta para casa descontrolada e briga com Bárbara. Débora chora arrasada, olhando para suas malas. Antônio, desolado, não vai embora da oficina. Gioconda e Barreto conversam sobre a infância do filho e choram, preocupados. Narciso mostra o resultado de uma pesquisa secreta que fizeram na Portelinha. Juvenal também recebe uma cópia e ironiza por nada ser feito na sua favela sem o seu conhecimento. Evilásio e Juvenal se surpreendem ao ver que estão empatados nas intenções de voto e decidem traçar uma estratégia para conquistar os indecisos. Juvenal manda Geraldo organizar um showmício. Júlia não se conforma por Evilásio ter que pedir autorização à associação de moradores para fazer um comício. Juvenal elogia Ronildo, o que desperta os ciúmes dos anões. Eva manda Benoliel correr e aprender a usar sua fantasia para trabalhar na Indiana Tours. Bernardo convida Nadir para jantar. Renato percebe que Maria Paula está ansiosa com a visita de Ferraço. Bárbara, Benoliel e Fernanda brindam ao novo emprego. Barretinho recobra a consciência e diz que não morreu porque Sabrina ficou ao seu lado. Heraldo e Dália vêem Bernardinho e Carlão. Maria Paula abre a porta para Ferraço.

2. Terça-feira, 01/04/2008 Sabrina aceita casar com Barretinho. Ferraço pede para levar Renato para Teresópolis. Renato ouve escondido a conversa e é descoberto pela mãe. Dália e Heraldo insistem que Carlão tem que ir embora. Bernardinho diz que Carlão fica e, se fizer alguma besteira, será mandado embora. Barreto, Gioconda e Lenir comemoram com Barretinho. Sabrina se sente excluída e sai sem ser notada. Barretinho quer se levantar para ir atrás dela, mas é impedido. Ferraço diz que a viagem pode ajudar Silvia a se equilibrar. Renato fala para a mãe que quer voltar a Teresópolis e Maria Paula concorda. Antônio encontra um bilhete de Débora e todas as jóias que lhe deu e chora desconsolado. Amara observa a porta do restaurante. Bernardo se declara para Nadir e os dois se beijam. Amara faz um escândalo e briga com Nadir. Os fregueses saem correndo. Amara joga bacalhau em Bernardo. Ele tenta se explicar, mas Amara faz as malas e vai embora. Claudius fica envaidecido com os ciúmes de Solange. Célia diz a Clarissa que não se conforma de Branca estar com Macieira e ela, sozinha. Clarissa manda que ela esqueça a sua obsessão por Branca. Edivânia não consegue tirar os olhos de Apolo. Barretinho pede a Barreto que procure Sabrina e a peça em casamento em seu nome. Juvenal fica maravilhado ao ver a maquete do projeto, que Ferraço lhe mostra. Sabrina aceita o pedido de casamento. Barretinho olha, maravilhado, Sabrina entrar na igreja trazida pelo pai.

3. Quarta-feira, 02/04/2008 Juvenal manda derrubar o palanque de Evilásio. Débora treme ao pegar a caneta para assinar o fim de seu casamento. Todos admiram a beleza da noiva Sabrina. O padre começa a cerimônia. Débora hesita, mas acaba assinando. Antônio fica indeciso, e também assina. Lenir pede que Barreto disfarce a cara de mau humor. João Batista aguarda Débora e ela o repudia furiosa. Antonio diz a João Batista que ela deve ter achado outro mais rico. Débora esbarra em Jojô que a convida para almoçar. Débora sente náuseas e ele comenta que só falta ser uma gravidez. Barretinho e Sabrina saem da igreja sob uma chuva de arroz. Ferraço diz que providenciou a entrega da maquete. Juvenal garante que pediu o desembargo da obra. Eles se despedem sem apertar as mãos, inimigos como antes. Ferraço busca Renato para viajar. Maria Paula diz a Narciso que é refém de Ferraço, mas ele argumenta que ela pode processá-lo. Todos comentam sobre as casas populares que Juvenal vai construir. Evilásio se revolta. Branca acusa Célia. Macieira diz que ela é a culpada e precisa encontrar um meio de descobrir uma saída para esta confusão. Juvenal fala para Narciso e Evilásio que amigos vão bancar a obra. Narciso incentiva Evilásio a fazer seu comício antes de Juvenal. Barretinho aceita convite para trabalhar na Nigéria e diz a Sabrina que vai pedir a cidadania africana. Juvenal manda derrubarem o palanque erguido por Misael para o comício de Evilásio.

4. Quinta-feira, 03/04/2008 Renato pede socorro. Misael olha, desolado, o palanque ser destruído. Evilásio fica indignado. Narciso adverte que ele não deve brigar com Juvenal. O líder da Portelinha se prontifica a reerguer o palanque, desde que ele faça seu comício antes. Narciso e Evilásio são obrigados a concordar. Gioconda pergunta por que Barreto não fala da avó e não há fotos dela no álbum de família. Débora diz a Jojô que seu filho não tem pai. João Batista insiste, mas Débora não conversa com ele. Barretinho usa uma bata africana para viajar com Sabrina para a Nigéria. Dolores chega à oficina para as fotos. Antônio incentiva os mecânicos. Dolores diz que sem Débora não fará o calendário. Ferraço, Sílvia e Renato embarcam para Teresópolis. Bárbara tem um mau presságio. Heraldo e Bernardinho não sabem quem registra Ana. Alzira recebe uma proposta de trabalho. Petrus diz a mãe que está apaixonado por Bijouzinha. Rudolf fala para Ramona que está com saudade de beijá-la. Célia se recusa a suspender a ação contra Branca. Macieira argumenta que ela está agindo por vingança. Sílvia e Renato saem para um passeio de barco. Maria Paula liga para Ferraço que garante que está tudo bem. Renato mergulha no lago e Sílvia se afasta com o barco, fingindo estar preocupada.

5. Sexta-feira, 04/04/2008 Ferraço salva Renato e chora. Ezequiel reza e vê de novo a imagem de Renato se afogando. Maria Paula se assusta quando Ezequiel liga. Ferraço se joga na água. Maria Paula liga para Ferraço e uma funcionária do hotel atende. Ela se desespera e decide ir para Teresópolis. Ferraço salva Renato e chora feito um menino. Jojô diz a Débora que ela tem que procurar o pai da criança. Antônio avisa Débora que Dolores só faz as fotos se ela estiver presente. Narciso e Maria Paula vão de helicóptero para Teresópolis. Sílvia gela ao ver o olhar de Ferraço. Júlia se prepara para uma reunião, quando Lucimar lembra que é o dia dela cuidar das crianças na creche. Gislaine concorda, depois de relutar muito, em ficar na creche. Macieira sugere a Célia que Branca reembolse a universidade e tudo volte ao normal. Célia se recusa e exige que ela se retrate e admita o erro. Gioconda e Lenir decidem investigar sobre a avó de Barreto. Branca diz não saber nada sobre a avó, mas promete ajudá-las. Gioconda aconselha Branca a se retratar. Amélia pede para ver os sambas novos de Zé, mas ele guarda segredo. Quando a esposa sai, ele folheia um caderno em branco. Misael procura Juvenal e diz que não aceita ser destratado. Ferraço diz a Sílvia que sabe o que ela fez.

6. Sábado, 05/04/2008 Célia Mara é roubada. Ferraço garante a Maria Paula que Renato está bem. Sílvia, dissimulada, pede perdão a Renato. Maria Paula a manda ficar longe de seu filho. Misael diz a Juvenal que nada justifica sua atitude autoritária e truculenta. Juvenal reconhece que não tinha direito de afrontar Misael e pede desculpas. Dorgival planeja atacar Juvenal no dia do comício. Célia vende os dobrões por dois milhões de euros, mas é roubada na saída da loja de antiguidades. Clarissa se espanta quando a mãe diz que não quer mais falar dos dobrões e do dinheiro roubado. Júlia e Duda se reúnem com Bernstein, um produtor americano, que adora o filme e promete distribuí-lo pelo mundo. Juvenal comemora a notícia. Juvenal percebe o interesse de Ronildo pela chave da gaveta de dinheiro. Débora leva o cenógrafo Astolfo para arrumar a oficina para as fotos. Jojô se tranca com Eunice e as meninas desconfiam. Macieira diz a Gilmar que vai se afastar de Branca. Macieira liga para Branca e manda que ela jamais duvide que ele a ama. Bernardo chama Nadir para um lanche e só fala de Amara. Bernardinho, Heraldo e Dália vão ao cartório registrar Ana. Narciso volta para o Rio. Maria Paula fica no hotel.

Próximos capítulos: 07/04/2008 a 12/04/2008

1. Segunda-feira, 07/04/2008 Ferraço beija Maria Paula. Ferraço garante estar muito feliz por Maria Paula permanecer no hotel. Ela se mostra abalada. Carlão briga com Bernardinho e Heraldo para registrar Ana. Graça se interessa pela história. O escrivão expulsa Bernardinho e Heraldo, que insistem que os dois devem registrar a criança. Graça conversa com Carlão e com o escrivão. Débora passa mal e Antônio a ampara. Dolores termina o trabalho. Solange comenta que Gislaine gosta de Zidane, mas ela nega. Claudius se preocupa ao saber o que aconteceu com Renato e Solange fica enciumada. Bernardo se preocupa com Amara e confessa isto a Benoliel. Ferraço é grosseiro com João Batista, que o olha com ódio. Bárbara visita a neta. Ronildo se encontra com Bárbara. Guigui percebe a intimidade entre eles. Alzira grita por causa do sufocador. Feliz surpreende o sufocador, que escapa. Juvenal carrega Alzira nos braços. Todos comentam sobre o ataque. Graça pede para conversar com Bernardinho, Heraldo e Dália. Ferraço observa Maria Paula dormir. Ela acorda e se assusta ao vê-lo em seu quarto. Ferraço beija Maria Paula.

2. Terça-feira, 08/04/2008 Ferraço diz que Sílvia é sua ex-noiva. Maria Paula empurra Ferraço. Sílvia chama pelo noivo, cortando o clima entre os dois. Sílvia surpreende Ferraço velando o sono do filho. Bernardinho e Dália acham bom dar a entrevista e Heraldo é voto vencido. A loja de Madame Amora abre na Portelinha prometendo trazer a pessoa amada em dois dias. Ezequiel fala para Edivânia parar de se importar com a vida alheia. Graça faz sua entrevista. Carlão pede dinheiro a Bernardinho para comprar uma Kombi. Dália e Heraldo brigam com Bernardinho por causa de Carlão. João Batista observa Sílvia nadar. Ferraço ameaça demiti-lo se espionar sua noiva novamente. Sílvia se irrita porque Maria Paula vai voltar no carro. Renato se lembra do incidente no lago e olha para Sílvia de maneira penetrante. Macieira é seco com Célia. Todos comentam a possível identidade do Sufocador. Ronildo observa Guigui mexer na gaveta de dinheiro. Claudine se muda para a casa de Misael. Gislaine diz a Priscila que Zidane é dela e o beija. Sílvia discute com Ferraço. Ele diz que é ex-noivo de Sílvia, que se choca.

3. Quarta-feira, 09/04/2008 Ferraço pede Maria Paula em casamento. Ferraço avisa que termina o noivado, se ela insistir em perturbá-lo. Sílvia reclama que ele a traiu. Ferraço a acusa e relembra o afogamento de Renato. Sílvia nega. Ferraço manda que ela recobre o juízo, senão irá perdê-lo. Narciso se mostra enciumado quando Maria Paula conta sobre o beijo. Amara insiste que é Amora. Uma fila se forma em sua porta para ser atendida e ela dispensa Bernardo. Ferraço diz a Bárbara que o passado sempre volta. Sílvia provoca João Batista, que a olha nadar na piscina. Zé testa o som no palanque. Socorro tenta dissuadir Dorgival, mas promete ajudá-lo. Todos comentam na Portelinha a reportagem sobre Bernardinho, Dália e Heraldo. Bernardinho marca nova entrevista. Claudius conta para Solange que foi indicado para ser vice-presidente da ONG. Condessa procura Juvenal e diz que a ONG vai fazer uma séria campanha contra a violência doméstica. Juvenal avisa ao povo na porta da Associação sobre seu showmício. Bijouzinha almoça na casa de Eva. Júlia dá o telefone de Barreto para Bernardinho. Eva se encanta ao saber que Bijouzinha é bordadeira. Ferraço manda Queiroz tocar a obra na Brejolândia. Maria Paula procura Ferraço para dizer que não gostou dele tê-la beijado. Ferraço propõe que eles se casem.

4. Quinta-feira, 10/04/2008 Célia Mara beija Macieira. Ferraço diz que sente que Maria Paula ainda o ama. Maria Paula reage e vai embora, aos prantos. Ferraço conta para Barreto a proposta que fez a Maria Paula e garante que Sílvia é um estorvo em sua vida. Ferraço vibra ao saber que o embargo foi suspenso. Gioconda conta a Branca que Ferraço deve romper com Sílvia. Branca diz a Macieira que vai apoiar a filha e recebê-la de volta. Célia surpreende Macieira e Branca abraçados e reclama. Macieira é duro com Célia e pede que ela não interfira em sua privacidade. Célia desconta em Heriberto. Juvenal aceita participar de um debate na universidade. Antônio chora ao encontrar uma roupa de Débora. Clarissa consola Antônio. Clarissa discute com Célia e diz que seu pai será sempre Antônio, a quem ela traiu. Juvenal adora participar do debate, mesmo quando provocado. Barreto sugere que Branca dê uma entrevista coletiva, reconheça que errou e doe parte do seu patrimônio para repor o prejuízo. Juvenal e Macieira se abraçam ao fim do debate. Célia diz a Macieira que está interessada nele e o beija. Branca os surpreende.

5. Sexta-feira, 11/04/2008 Célia acusa Macieira de assédio. Macieira jura que não é o que ela está pensando. Branca vai embora indignada. Macieira vai atrás de Branca. Heriberto encontra Célia chorando na sala de Macieira e pergunta se ele fez algo contra ela. Célia confirma. Clarissa reage pasma ao ouvir Heriberto dizer aos outros professores que Macieira assediou Célia. Clarissa insiste para que a mãe desminta a acusação. Macieira se choca quando Heriberto fala que Célia o denunciou. Branca sai da universidade chorando e é consolada por Juvenal. Macieira exige que Célia desminta tudo. Clarissa diz que pode testemunhar a favor de Macieira. Célia desmente a acusação. Barreto se recusa a pegar a causa de Bernardinho, Dália e Heraldo. Gioconda diz que pode ser a causa do século e ele volta atrás. Amélia vai se consultar com Madame Amora. Mariozinho reclama porque Zé não apareceu na reunião para mostrar os sambas novos. Amora diz a Amélia que seu marido não vai compor mais e a trairá. Amélia rasga as cartas. Zé garante que é fiel. Ezequiel diz a Maria Paula que Ferraço quer se apoderar de sua alma. Sílvia faz promessas a João Batista e manda que ele vigie Ferraço. Rudolf e Ramona fazem campanha. Macieira não encontra Branca. Juvenal promete cuidar de Branca.

6. Sábado, 12/04/2008 Alzira vê Branca e Juvenal abraçados. Jojô briga com Socorro por continuar com Dorgival. Dorgival observa Alzira dando aula. Maria Paula pensa na proposta de Ferraço. Ferraço disfarça a falta de empolgação quando Sílvia liga dizendo que está com saudades. Macieira aguarda Branca em sua casa e se preocupa por não ter notícias. Célia e Clarissa discutem. Alzira se preocupa com a demora de Juvenal. Waterloo faz propostas para Andréia, que briga com ele. Depois, Waterloo promete se vingar dela e de Petrus. João Batista avisa Sílvia que Ferraço entrou no supermercado onde trabalha Maria Paula. Maria Paula reclama por Ferraço tê-la procurado em seu trabalho. Ele jura que está somente fazendo compras. João Batista observa os dois discutindo. Sílvia se descontrola e quase agride Bárbara. Maria Paula se desespera e garante a Nadir que vai tirar Ferraço de sua vida. Geraldo e Denise ficam juntos. Ronildo se aproxima de Dália, mas Heraldo interfere. Juvenal leva Branca até a associação. Edivânia os segue e dá um telefonema anônimo para Alzira. Branca desabafa com Juvenal, que pega seu rosto e diz que ela tem amigos e que não irá abandoná-la. Alzira ouve as palavras de Juvenal e vê os dois abraçados.

Próximos capítulos: 14/04/2008 a 19/04/2008

1. Segunda-feira, 14/04/2008 Sílvia fica com João Batista. Alzira chora ao ver Juvenal e Branca abraçados e vai embora, sem que eles a vejam. Edivânia espiona. Ferraço se irrita ao ver Bárbara catando cacos de vidro e diz que Sílvia está louca. Sílvia se insinua para Ferraço, que recusa a sua companhia. Depois, liga para João Batista. Alzira avisa aos filhos que eles voltarão para a antiga casa. Branca agradece a amizade de Juvenal. Macieira tenta se explicar, mas Branca se recusa a aceitar suas ponderações. Priscila convida Zidane para ir ao baile, mas ele não aceita. Solange avisa Juvenal que Alzira voltou para casa e pediu que ele não a procurasse. Dorginho e Manu dizem a Juvenal que Alzira saiu. Gioconda consola Branca. Ronildo faz um molde da chave da gaveta do dinheiro. Jojô pondera com Alzira que Juvenal e Branca podem ser só amigos. Bernardinho dá alguns cheques para Carlão. Socorro ouve a conversa dos dois. Dorgival gosta de saber da separação, mas continua obcecado pela vingança. Alzira assina o contrato com Henrique, que promete que ela será uma estrela. Ferraço sorri ao ver uma marca no pescoço de Sílvia, que dorme. Narciso diz que Maria Paula ficou balançada, quando ela conta a proposta de casamento de Ferraço. Renato consola a mãe, quando Narciso vai embora para sempre. Alzira abre a porta e encontra Juvenal.

2. Terça-feira, 15/04/2008 Alzira termina com Juvenal. Renato sugere que Maria Paula ligue para o pai, agora que ela terminou com Narciso. Maria Paula diz que não vai se casar de novo com Ferraço. Alzira diz que seu relacionamento com Juvenal acabou. Juvenal acredita que Dorgival esteja envolvido nisto, e apesar dela negar, dá adeus e garante que tem muita coisa importante para fazer. Guigui estranha ao saber que Ronildo saiu cedo. Ronildo manda fazer a chave. Duda e Clarissa comemoram porque o produtor norte-americano quer marcar um encontro. Carlão chega de moto no restaurante. Bernardinho fica furioso e os dois discutem. Carlão vai embora. Bernardinho chora e se recusa a dar explicações para Dália e Heraldo. Gioconda leva o café da manhã na cama para Branca. Aurora reclama por Rudolf estar paparicando Ramona. Macieira avisa aos professores que haverá cortes de despesas e possíveis demissões. Clarissa procura Débora. Débora conta que se aproximou de Antônio por interesse, mas se apaixonou. Clarissa desconfia que ela esteja grávida. Jojô enche a geladeira da casa de Débora. Débora se recusa a contar o nome do pai da criança. Juvenal garante a Guigui que Alzira é assunto encerrado. Macieira pergunta como Célia vai resolver os problemas que arrumou. Bárbara conversa com Ferraço sobre a traição de Sílvia e pergunta o que ele irá fazer.

3. Quarta-feira, 16/04/2008 Surpresa para Maria Paula. Ferraço diz que isso é problema dele. Macieira avisa que a luz da universidade pode ser cortada. Célia garante que vai propor um plano emergencial. Adelaide reclama porque foram desligados os telefones da sala dos professores. Sílvia coloca uma gargantilha no pescoço para disfarçar. Bárbara tripudia. Evilásio mostra à Júlia o cartaz de sua campanha. Lucimar reage entusiasmada quando Evilásio lhe entrega um panfleto. Juvenal chama Lucimar e a recorda sobre a cesta básica que envia todo mês para a sua casa. Lucimar concorda que seu candidato é Juvenal. Ele exige que ela esteja em seu palanque. Branca garante a Gioconda que ela e Juvenal são apenas amigos. Branca pede que Macieira marque uma entrevista coletiva, em que ela assumirá sua culpa e dará um cheque para a universidade com o triplo do que gastou. Macieira diz que está orgulhoso da atitude dela. Dorgival combina de entrar na Portelinha como namorado de Socorro. Juvenal faz Lucimar usar camisetas de sua campanha até a eleição. Alzira diz a Jojô que Juvenal não esboçou reação alguma à separação, o que prova que ele quer ficar com Branca. Ronildo testa a chave e abre a gaveta do dinheiro. Renato conta para Ferraço que Maria Paula e Narciso brigaram. Maria Paula chega em casa e encontra Ferraço.

4. Quinta-feira, 17/04/2008 Humberto é o misterioso namorado de Guigui. Maria Paula acusa Ferraço de estar usando o filho. Ferraço diz que sentiu saudades e insiste que eles devem se casar. Maria Paula abre a porta para Ferraço sair, irritadíssima, mas perturbada. Rudolf fica enciumado quando um rapaz convida Ramona para ir ao cinema. Priscila paquera Zidane. Gislaine vê os dois. Priscila e Gislaine brigam. Misael separa as duas. Gislaine nega que tenha brigado por causa de Zidane. Zidane vai atrás de Gislaine, pergunta se ela gosta dele e a beija. Juvenal manda cobrar de Bernardinho o dinheiro do mês e ele pede um prazo. Bernardo busca Nadir e só fala de Amara. Amora tem uma visão de Carlão sofrendo um acidente de moto em uma estrada. Zé arranca o caderno da mão de Amélia, que quer ver seu novo samba. Dolores mostra as fotos dos mecânicos para Débora. Gislaine vai à oficina, dá um beijo em Zidane e marca encontro em sua casa. Guigui apresenta Humberto para Juvenal e conta que ele era um dos donos da clínica onde seu ex-marido ficou internado. Bernardinho recebe Guigui e Humberto. Humberto pede Guigui em casamento. Guigui aceita se isso não interferir em seu trabalho. Humberto propõe abrir um posto médico na Portelinha. Juvenal adora a idéia. Antônio sugere que Zidane leve flores para Gislaine, que adora. Claudine serve uma moqueca especial para Zidane, Gislaine, Solange, Claudius e Misael. Ferraço pressiona Sílvia para que ela tire a gargantilha.

5. Sexta-feira, 18/04/2008 Branca se redime. Sílvia emburra. Ferraço abre seu sorriso malvado e fica olhando para Sílvia, ressonando, adorando o joguinho de gato e rato. Alzira se refugia em casa, quando acha que está sendo seguida. Um bicho, ganindo, se afasta. Solange diz a Juvenal que sente saudades de Alzira e das crianças. Juvenal garante que ela não vai voltar. Zidane e Gislaine se declaram um para o outro. Sílvia reclama com João Batista pelo telefone. Ferraço ouve atrás da porta e descobre com quem Sílvia o traiu. Ferraço encara João Batista, que gela. Depois, manda que ele abra a porta do carro e não dê uma palavra até o escritório. Guigui confere o dinheiro e garante que nada falta. Carlão sofre um acidente de moto em uma estrada. Amora tem de novo a visão. Os bombeiros avisam sobre o acidente. Amora sai gritando que é vidente de verdade. Dolores decide dar um toque especial ao calendário e pede para Antônio posar. Branca dá de cara com Célia e é gentil. Astolfo pressiona e Antônio aceita o convite, a contragosto. Dolores avisa Débora para ela estar presente na sessão de fotos. Branca confirma para a imprensa todas as acusações que lhe foram feitas, mas se irrita com as provocações de Graça. Macieira bate com o sapato na mesa para restabelecer a ordem. Branca faz uma doação muito alta. Célia fica surpresa e não esconde o desagrado.

6. Sábado, 19/04/2008 Sílvia rasga a gargantilha. Os professores puxam uma salva de palmas para Branca. Macieira garante a Branca que a coletiva foi um sucesso e propõe que eles esqueçam o que aconteceu. Branca vai embora, sem fazer as pazes com Macieira. Gioconda dá uma lição de moral em Célia. Juvenal pede que Humberto abra o ambulatório antes da eleição. Narciso garante que Evilásio tem chances. Evilásio chora e garante a Júlia que não queria ter brigado com Juvenal. Claudius diz a Juvenal que não poderá subir no palanque, porque a ONG é apartidária. Ferraço manda Silvia jantar fora e diz que se recusa a sentar à mesa com ela, se a jovem persistir em ficar com a gargantilha. Sílvia acusa Bárbara de ter contado a Ferraço sobre a marca, e ela nega. Sílvia rasga a gargantilha e quebra coisas. Ferraço se aproxima, ela coloca a mão no pescoço e sai correndo. Célia reclama com Clarissa que todos a odeiam na universidade, porque ela veio de um meio humilde. Clarissa se coloca contra a mãe. Ramona deixa escapar que Rudolf não é pobre. Aurora se espanta e Ramona conserta. Rudolf diz a Ramona que não conta a verdade por medo de ser desmoralizado pelos colegas. Ramona diz que ele a decepciona cada vez mais. Todos reclamam das medidas de economia e culpam Célia. Condessa se assusta quando Marcello liga e manda que ela não a procure mais. Bernardinho vai visitar Carlão. Socorro avisa Dorgival que desistiu de ajudá-lo.

Próximos capítulos: 21/04/2008 a 26/04/2008

1. Segunda-feira, 21/04/2008 Juvenal volta à vida. Dorgival morre! Edivânia defende Alzira e se coloca em sua frente, quando Dorgival a ameaça. Dorgival foge. Waterloo coloca Petrus em um barraco. Heriberto telefona para Célia, que o trata mal. Dorgival vê Juvenal, que diz que voltou para buscá-lo. Dorgival sente uma dor forte e morre. Geraldo avisa ao povo que Juvenal foi salvo. Juvenal avisa Socorro que Dorgival está morto e a chama de traidora. Depois, Juvenal volta para o palanque, aclamado pelo povo da Portelinha. Narciso, Evilásio, Branca, Macieira e Barreto comentam o atentado. Um raio corta o céu ao final do discurso de Juvenal. O povo, em delírio, carrega seu líder. Geraldo comenta com Divaldo que até milagre Juvenal faz. Pastor Lisboa olha tudo, um pouco cético. Ronildo abre a gaveta e começa a pegar o dinheiro, mas é interrompido. O jovem consegue tirar a chave, que emperra, mas deixa a gaveta destrancada. Guigui dá uma bronca em Ronildo por encontrá-lo no escritório de Juvenal. Alzira conta a Dorginho e Manu que Dorgival morreu. Bernardo confessa para João Batista que se sente atraído por Amora. João Batista nem ouve, envolvido com seus próprios problemas. Célia se irrita ao ver a manchete do jornal dizendo que Branca deu a volta por cima e garante que não vai ceder. Feliz solta Socorro, que estava presa em um esconderijo. Claudius reafirma que quer se casar com Solange. Pastor Lisboa diz que foi o colete à prova de bala que salvou Juvenal e promete contar para todos. Ferraço obriga Sílvia a encará-lo.

3. Quarta-feira, 23/04/2008 Ferraço expulsa Sílvia de casa. Juvenal diz a Pastor Lisboa que ele vai desmoralizá-lo, se contar a verdade. Pastor Lisboa responde que não será digno se compactuar com a mentira. Ferraço acusa Sílvia. Ela garante que tudo o que fez foi por amor. Ferraço a manda embora, assim que a chuva passar. Juvenal avisa Guigui que vai fazer uma doação para o Pastor Lisboa. Guigui encontra a gaveta destrancada e estranha, mas fica aliviada ao contar o dinheiro e ver que nada desapareceu. Pastor Lisboa devolve a doação, reza por Juvenal e vai embora. Edivânia chora na partida. Evilásio manifesta a sua solidariedade a Juvenal. Ronildo observa Guigui e Humberto se beijando. Macieira perde a paciência quando Célia insiste em ir à sua casa. Amora adormece e não vê a imagem de Bernardinho em sua bola de cristal. Sílvia ataca Ferraço, mas ele se defende e a coloca para fora de sua casa. Sílvia, aos berros, pede para entrar, mas o empresário permanece inflexível. Bárbara conversa com Fernanda sobre sua preocupação com Ferraço. Fernanda sugere que ela poderia trabalhar para outra pessoa, mas a mãe garante que sempre será fiel ao empresário. Sílvia caminha, desolada, debaixo da chuva.

4. Quinta-feira, 24/04/2008 Ronildo seqüestra Solange. Andréia vê Sílvia andando na chuva, tremendo de frio, e vai atrás dela. Sílvia é rude e segue sua caminhada sem rumo. Andréia avisa Branca. Ronildo finge dormir, quando Guigui sai. Carlão faz promessas a Bernardinho, que parece se sensibilizar. Bernardinho aperta a perna de Carlão, que grita. Branca sai atrás da filha. Sílvia diz para Branca que foi expulsa da casa de Ferraço e não tem onde ficar. Branca a leva para sua casa, onde a jovem dorme imediatamente. Ferraço tranqüiliza Bárbara e diz que Sílvia não entra mais na casa dele. Ferraço fala para Maria Paula que Sílvia não é mais um impedimento e que eles podem se casar. Maria Paula responde que nunca vai se casar com ele. Célia reclama por Clarissa não ter avisado que ia dormir fora. As duas discutem. Clarissa diz que Célia desejaria ser Branca. Júlia, Narciso e Evilásio se indignam quando lêem no jornal que Juvenal sofreu um atentado político. Ronildo tira o dinheiro da gaveta e coloca em sua mochila. Barreto diz a Gioconda que Evilásio pode se tornar suspeito do atentado. Evilásio garante que vai procurar as pessoas da Portelinha para dizer que não tem nada a ver com o que aconteceu a Juvenal. Guigui constata o roubo e avisa Juvenal, que manda fechar a saída da Portelinha. Ronildo faz Solange de refém e consegue sair. Zangado avisa Juvenal que Solange saiu escoltada por Ronildo. Juvenal sabe que a filha está nas mãos de Ronildo. Petrus avisa à mãe o que aconteceu com ele. Guigui vai com Juvenal no encalço de Ronildo.

5. Sexta-feira, 25/04/2008 Juvenal vira refém de Ronildo. Lucimar avisa Juvenal que Ronildo e Solange pegaram um ônibus. Juvenal vai atrás. Gabriel tenta acalmar Eva. Ferraço demite João Batista. Bárbara diz a João Batista que Ferraço descobriu sobre ele e Sílvia. Branca faz carinho nos cabelos da filha adormecida. Guigui chora e pede para conversar com Ronildo, antes que Juvenal faça alguma coisa. Juvenal diz que já deu chances demais a Ronildo. O ônibus pára em uma blitz. Quando a polícia ameaça entrar, Ronildo mostra que Solange é sua refém. A polícia pede reforços. Ronildo ameaça todos os passageiros. Juvenal vê Ronildo com Solange. Jojô se preocupa com o paradeiro de Socorro. Célia garante que fará companhia a Alzira no velório de Dorgival. Ronildo, fora de si, impede que o motorista saia. Juvenal pede que Ronildo liberte Solange, mas ele se recusa. Juvenal tenta entrar no ônibus, mas Solange pede que ele se afaste. Evilásio conversa com os moradores da Portelinha, acompanhado por Júlia e Misael. Todos dizem que ele não devia concorrer contra Juvenal, a quem traiu. Júlia incentiva Evilásio a continuar na disputa. Evilásio e Narciso encontram um cartaz de Evilásio pichado com a palavra assassino. Juvenal se oferece como refém. Antônio se recusa a posar vestido de Nero. Clarissa registra quando Débora passa mal. Waterloo avisa Gabriel para não chamar a polícia. Juvenal entra no ônibus e Solange é liberada. Ronildo e Juvenal saem de carro. A polícia os persegue.

6. Sábado, 26/04/2008 Ronildo morre. Solange teme pela vida do pai. Guigui se sente culpada. As duas se amparam. Ronildo manda Juvenal acelerar para escapar da perseguição policial. Juvenal dá uma freada e se atraca com Ronildo. Os policiais, protegidos atrás de carros, árvores e obstáculos, vigiam. Um helicóptero começa a sobrevoar a área. Guigui e Solange ficam abraçadas, atrás do carro da polícia. Ouve-se um barulho. Juvenal avisa que Ronildo se atingiu durante a briga. Ronildo tomba nos braços de Guigui. Solange se abraça ao pai. Humberto ampara Guigui. Bijouzinha estranha a demora de Petrus. Ramona empalidece ao saber sobre o irmão. Antônio avisa à Débora que não vai posar. Alzira vê o noticiário sobre Juvenal e Ronildo. Manu e Dorginho reclamam quando a mãe sai para trabalhar. Júlia pressiona o pai para aceitar o caso de Bernardinho, Dália e Heraldo. Barreto marca encontro com os três no restaurante. Evilásio aguarda o resultado da pesquisa. Juvenal tem certeza que vai liderar a pesquisa. Eva reza pelo filho. Rudolf chama Célia de trapalhona. Ela exige respeito e é vaiada. Célia vai se queixar com Macieira, que não lhe dá atenção. Bijouzinha exige saber onde está Petrus. Maria Eva, Ramona e Gabriel contam. Branca pega no sono e quando acorda se assusta por não encontrar Sílvia.

Próximos capítulos: 28/04/2008 a 03/05/2008

1. Segunda-feira, 28/04/2008 A vingança da Maria Louca. Ezequiel tem uma premonição. Maria Paula não atende ao telefonema de Ezequiel. Branca avisa Ferraço que Sílvia desapareceu. Heloísa entrega uma papelada para Célia e diz que são problemas a serem resolvidos com urgência. Sílvia vai buscar Renato no colégio, mas ele saiu mais cedo. Petrus tenta se salvar. Juvenal perdoa Socorro. Jojô a aceita de volta. Feliz pergunta se pode visitar Socorro e ela concorda. Ezequiel descobre no colégio que Sílvia esteve lá. Narciso avisa Evilásio que Juvenal ganhou na pesquisa e tem seis vezes mais votos do que ele. Juvenal comemora. Renato abre a porta de sua casa e encontra Sílvia, que diz que veio conversar com Maria Paula. Amora dorme e não vê Carlão em sua bola de cristal. Bernardinho diz a Heraldo e Dália que não vai esquecer Carlão. Heraldo e Dália decidem separar os dois pelo bem de todos. Sílvia se prepara para atacar Renato, mas a campainha toca e ela se assusta. Depois, Ezequiel a expulsa e Sílvia volta para a casa da mãe dizendo que foi à praia. Branca avisa Ferraço. Ezequiel conta o que aconteceu à Maria Paula e ela pergunta a Ferraço sobre o paradeiro de Sílvia. Amora adivinha que Lucimar teve três maridos, o que impressiona Bernardo. Maria Paula briga com Sílvia.

2. Terça-feira, 29/04/2008 “Tá doendo!” Sílvia ameaça processar Maria Paula. Branca decide não interferir na briga. Silvia reclama por Branca não tê-la defendido e garante que todos irão pagar. Dália, Heraldo e Bernardo se surpreendem ao saber que Bernardinho não pagou a um dos fornecedores. Branca diz a Maria Paula que o que Sílvia fez é caso de polícia. Ferraço manda Waterloo voltar para o terreno. Andréia pergunta a Waterloo o que ele fez com Petrus. Maria Paula procura Ferraço. Waterloo garante que ia soltar mesmo o rapaz. Sílvia diz a Branca que não desistiu. Branca tem certeza que a filha está completamente louca. Macieira sugere que ela seja internada. Ferraço se indigna e decide ir atrás de Sílvia, mas Maria Paula o impede. Ferraço insiste que jantem juntos, mas Maria Paula diz que não quer proximidade com ele. Waterloo diz a Andréia que tudo que está acontecendo com Petrus é por causa dela e confessa que sente ciúmes. Bernardinho não acredita quando Carlão diz gostar dele. Dália, Heraldo e Bernardo descobrem que o restaurante está no vermelho. Andréia manda Waterloo soltar Petrus e garante que depois dirá se o rapaz tem alguma chance com ela. Zidane foge do assédio de Priscila e diz que está com Gislaine. Depois, Zidane pede Gislaine em casamento. Juvenal consola Guigui pela perda do filho. Waterloo amedronta Petrus, mas o liberta. Gabriel e Eva comemoram. Bijouzinha estranha porque Petrus é frio com ela. Alzira abre a porta e encontra Juvenal.

3. Quarta-feira, 30/04/2008 Traidora! Débora leva o calendário para Antônio e os mecânicos verem. Antônio fica furioso quando Débora diz que já sabia que João Batista tinha sido demitido e os dois discutem. Débora passa mal. Alzira diz para Juvenal que vai ser uma estrela e ele vai embora contrariado. Dagmar pede para Lucimar socorrer Débora. Lucimar diz a Antônio que Débora está grávida. Maria Paula fala para Renato que Sílvia não vai se aproximar mais dele. Lenir, Gioconda e Barreto se encontram com Evilásio e Júlia no Castelo de São Jorge para jantar. Dália e Heraldo são secos com Bernardinho. Barreto diz a Dália, Heraldo e Bernardinho que há uma chance deles ganharem o caso. Gioconda se delicia com o bacalhau. Evilásio sugere que Barreto traga seus amigos do clube para comer no Castelo de São Jorge. Claudius fica aborrecido quando Solange fala para Juvenal que os dois só se casarão quando o namorado esquecer Maria Paula. Juvenal sugere que Solange vá atrás de Claudius e peça desculpas. Os dois fazem as pazes. Dália e Heraldo pressionam Bernardinho sobre as contas atrasadas. Bernardinho reconhece que errou. Dália promete que eles vão trabalhar em dobro para recuperar o prejuízo, mas Bernardinho tem que se afastar de Carlão. Guigui diz a Humberto que sua vida foi cheia de erros e ele promete que a partir daquele momento só existirão acertos. Sílvia ri na porta de uma delegacia. Bárbara tem um pressentimento. Sílvia denuncia Ferraço.

4. Quinta-feira, 01/05/2008 Deixe Claudius em paz! Sílvia diz que Ferraço enganou Maria Paula e mostra documentos para o delegado, mas ele alega que faltam provas. Depois, Sílvia marca um encontro com João Batista. Narciso avisa que o comício de Evilásio será no final de semana. Juvenal concorda com a data. Feliz lembra a Juvenal que sábado é dia de baile funk e Juvenal se diverte porque o povo não vai ouvir o comício do adversário. O delegado liga para Maria Paula e pergunta se ela conhece Adalberto Rangel. Bárbara chora ao saber da morte de Ronildo. Petrus se lembra das palavras de Waterloo mandando que fique longe de Andréia e de Bijouzinha e pede para dizerem que ele não está quando Bijouzinha aparece. Bijouzinha percebe que ele não quer falar com ela e vai embora chorando. Sílvia diz que João Batista vai depor contra Ferraço. Antônio acha que o filho é de João Batista. O delegado insiste que Maria Paula colabore com as investigações. Adelaide diz aos professores que eles precisam tomar uma atitude contra Célia. Macieira sugere que Branca seja trazida de volta. Clarissa diz que a mãe precisa pensar na universidade. Amélia pressiona Zé para cantar seus sambas, mas ele dá desculpas. Condessa diz a Claudine que Marcelo só quer o seu dinheiro. Claudius se recusa a aconselhar Maria Paula. Solange manda que Maria Paula deixe Claudius em paz. Antônio procura João Batista e diz que Débora está grávida. Juvenal sugere que Maria Paula aceite a proposta de casamento de Ferraço para agradar o filho e recuperar a sua fortuna.

5. Sexta-feira, 02/05/2008 Ferraço quase perde a cabeça. Maria Paula reage. Juvenal garante que ela pode impor as suas condições para se casar. Geraldo mostra uma foto de Alzira no jornal. Antônio diz que João Batista é o pai e deve cuidar de Débora. Juvenal rasga o jornal, enfurecido. Guigui vê os pedaços do jornal e entende a razão da fúria de Juvenal. Claudius comenta com Solange que Maria Paula gosta de Ferraço. Narciso fala a mesma coisa para Macieira. Sílvia espera Bárbara sair e entra na casa de Ferraço. Nelly tenta impedir, mas não consegue. Ferraço fica furioso quando Nelly o avisa. Ferraço pede que Branca vá à sua casa. Sílvia quer abrir o cofre e Branca tenta impedi-la. Bárbara ouve Sílvia dizer que denunciou Ferraço. O empresário chega e Branca conta sobre a denúncia. Sílvia nega e se joga nos pés de Ferraço, dizendo que o ama. Ele perde a cabeça, mas é acalmado por Bárbara. Branca avisa Andréia para trancar a porta e não deixar Sílvia entrar. Ferraço coloca Waterloo vigiando a sua casa. O delegado procura Maria Paula que diz estar trabalhando. Edivânia vibra quando Ezequiel avisa que será pastor. Ferraço avisa Barreto do acontecido. Bernardinho sai com uma quentinha, para irritação de Dália e Heraldo. Carlão adora a comida que Bernardinho leva. Renato insiste que a mãe se case com Ferraço.

6. Sábado, 03/05/2008 Maria Paula cede. Maria Paula promete que vai pensar. Gioconda e Lenir visitam Branca, que conta que Sílvia a ameaçou. Barreto procura o delegado e pergunta se Sílvia esteve na delegacia. Sílvia entra na casa de Branca, como se nada tivesse acontecido e se senta com as três para conversar. Gioconda pede a Macieira que faça companhia a Branca. Célia ouve Macieira combinar de ir para a casa de Branca e fica furiosa. Heriberto a convida para jantar e ela recusa aos berros. Maria Paula se lembra das palavras do filho e de Juvenal e toma uma decisão. Barreto confirma que Sílvia denunciou Ferraço e que o delegado já procurou Maria Paula. Andréia se encontra com Waterloo. Gabriel e Eva se preocupam com Petrus, que permanece ensimesmado. Petrus manda Ramona dizer a Bijouzinha que ligará quando tiver vontade de falar com ela. Andréia diz que não vai ficar com Waterloo e vai embora. Ezequiel reabre a igreja e fala no púlpito. Juvenal manda todos ficarem alertas. Bernardinho promete a Feliz que vai pagar Juvenal no dia seguinte. Dália e Heraldo ponderam que o dinheiro devia ser para pagar os fornecedores. Juvenal diz a Guigui que ficará com a parte de Bernardinho no restaurante, se ele não o pagar. Amora diz que vê Denise no destino de Geraldo. Maria Paula fala para Ferraço que aceita se casar com ele.

Próximos capítulos: 05/05/2008 a 10/05/2008

1. Segunda-feira, 05/05/2008 Sílvia descobre que Ferraço vai casar com Maria Paula. Sílvia vigia a casa de Ferraço. Ferraço se surpreende quando Maria Paula diz que aceita se casar com ele. Ela justifica que está fazendo isto pelo bem de Renato, que não agüentaria um escândalo envolvendo o pai. Ferraço fala que Maria Paula fez dele um homem realizado. Maria Paula avisa que vai querer um contrato nupcial. Ferraço garante que aceitará todas as suas condições e a beija, sem dar tempo para ela reagir. Renato comemora a decisão da mãe. Maria Paula avisa a Juvenal que Ferraço será surpreendido pelas suas condições. Juvenal pede que ela o mantenha informado. Alzira sorri, feliz, ao ver o cartaz com sua foto. Zidane vibra quando descobre que Gislaine aceitou sua proposta. Narciso conta a Júlia que se afastou de Maria Paula porque ela é obcecada por Ferraço. Claudius diz a Solange que se libertou de Maria Paula por causa dela. Andréia vai ao terreiro e diz a Nanã e Josiane que a idéia de assumir o seu destino a assusta menos. Macieira dorme no quarto de hóspedes da casa de Branca. Célia liga para casa de Macieira e ninguém responde. Depois ela tenta o celular, também sem sucesso. Heriberto liga para Célia, que o trata mal. Macieira e Branca se reconciliam. Débora confirma para João Batista que está grávida de Antônio, mas não quer que ele saiba. João Batista finalmente acredita que ela ama Antônio. Bárbara encontra a porta da casa aberta. Ferraço se assusta ao ver Silvia em seu quarto. Sílvia pede perdão. Ferraço avisa que vai se casar com Maria Paula.

2. Terça-feira, 06/05/2008 Maria Paula pede que Claudius faça seu contrato pré-nupcial. Sílvia vai embora depois que o empresário garante que já lhe deu muitas chances e que ela não tem maturidade. Ferraço diz a Bárbara que está bem e que vai se casar com Maria Paula. Sílvia marca encontro com João Batista. Ferraço diz a Bárbara que vai aceitar todas as condições de Maria Paula. O delegado Raposo Neto procura Ferraço, que diz que Sílvia tem problemas psicológicos e que vai se casar com Maria Paula em comunhão de bens, o que deve anular a denúncia. Maria Paula confirma que vai se casar com Ferraço. Claudius reage mal quando Maria Paula liga para marcar um encontro com ele. Claudine conta para Solange sobre o telefonema. Solange diz a Gislaine que vai flagrar Claudius com Maria Paula. Ferraço pede que Barreto tire Sílvia da sociedade de sua empresa e coloque Maria Paula, a quem quer dar poder decisório. João Batista não aceita se unir a Silvia contra Ferraço. Maria Paula pede que Claudius faça seu contrato pré-nupcial e pede que ele leia suas anotações antes de dar uma resposta. Claudius ri ao ler as anotações e concorda em ajudá-la. Depois, Claudius diz a Solange que Maria Paula vai se vingar de Ferraço. Juvenal promete que não vai deixar Marcello perturbar a Condessa. Guigui teme que Juvenal tente impedir o comício de Evilásio. Duda e Júlia são convidados para ir a Los Angeles. Evilásio se aborrece por Júlia decidir viajar sem consultá-lo e pergunta se ela está feliz com sua vida na Portelinha.

3. Quarta-feira, 07/05/2008 Júlia e Evilásio brigam…Júlia garante que era a mulher mais feliz do mundo até Evilásio tomar esta atitude e diz a Gioconda que não vai desistir de sua carreira. Narciso defende Júlia, mas Evilásio pergunta quem ficará com o filho durante a viagem dela. Narciso garante que reorganiza a agenda para que ele cuide de Netinho, com a ajuda de Gislaine e Misael. Feliz pede autorização a Juvenal para namorar Socorro, com sucesso. Alzira dá entrevista para Graça. Gioconda diz a Barreto que fará um discurso no comício de Evilásio. Animado, Humberto mostra para Guigui as obras do ambulatório. Petrus se irrita quando Eva diz que ele devia ao menos conversar com Bijouzinha. Macieira tranca a porta quando Célia começa a falar sobre Branca. Célia grita que ele trabalha para ela. Macieira avisa Célia que o último benemérito se retirou da universidade e que ela deve resolver logo a sindicância. Sílvia vai à universidade e pede que Célia prepare um relatório de sua administração. Bernardinho promete a Dália e a Heraldo que vai conversar com Juvenal. Evilásio pede desculpas a Júlia. Ela garante que adora a sua vida na Portelinha, mas não vai abrir mão de viajar. Depois, sugere que Gioconda tome conta de Netinho. Evilásio concorda desde que Gioconda fique na casa deles na Portelinha. Os dois fazem as pazes.

4. Quinta-feira, 08/05/2008 Ninguém aparece no comício de Evilásio. Júlia diz que chegou o grande dia do comício. Evilásio fica inseguro e ela o incentiva. Bernardinho conta a verdade a Juvenal, que lhe dá uma semana para pagar a sua parte, senão terá que passar o restaurante para o seu nome. Graça faz reportagem com os mecânicos do calendário. Jojô aconselha Débora a procurar Antônio, mas ela diz que não quer ser acusada de ter engravidado só para conseguir dinheiro. Juvenal teme que Evilásio seja eleito. Os professores temem que a universidade seja fechada e Célia se recusa a conversar com eles. Ferraço pede à Maria Paula para Renato dormir em sua casa e sugere que ela vá com ele. Maria Paula diz que prefere ficar em casa. Clarissa se surpreende ao ver Sílvia na universidade. Sílvia é grosseira e diz que é melhor ela fingir que nem a viu. Célia entrega o relatório a Sílvia. Mulheres aguardam os mecânicos para pedir autógrafo. Vesga diz que Dagmar já tem dona e o beija. Todos se preparam para o comício. Andréia pede que Waterloo a esqueça. João Batista diz a Antônio que Débora o ama e que o filho que está esperando é dele. Ninguém aparece no comício de Evilásio e ele decide falar mesmo que para poucas pessoas. Júlia chora comovida. Claudius acaba a minuta do acordo pré-nupcial.

5. Sexta-feira, 09/05/2008 Sufocador persegue Andréia Bijou. Renato incentiva a mãe a ir com ele para a casa de Ferraço, mas leva uma bronca por ter ouvido a conversa. Maria Paula realmente recusa o convite de Ferraço. Solange impede que Claudius vá à casa de Maria Paula de noite e promete acompanhá-lo na manhã seguinte. Juvenal diz a Guigui que o comício de Evilásio está vazio porque o povo é fiel a ele. Guigui desconfia que Juvenal fez algo, mas ele não confirma. Feliz vigia a favela. Evilásio fica decepcionado. Narciso e Júlia tentam animá-lo. Gioconda sobe ao palanque e inicia o seu discurso. Nanã exige que Andréia vá ao terreiro ao menos dizer que não quer assumi-lo. Edivânia a observa. Gioconda sai do palanque ovacionada. Evilásio também é muito aplaudido. Juvenal se preocupa porque o comício esquentou. Solange garante que ele será o vencedor. Andréia se lembra das palavras de Mãe Bina e dança à luz da lua. O Sufocador a segue. Aurora percebe que Rudolf está apaixonado por Ramona e fica enciumada. Sílvia ouve Branca e Macieira conversando e descobre que Maria Paula morava em Passaredo. Sílvia pesquisa, descobre no jornal a notícia do golpe e decide que Renato deve saber a verdade sobre o pai. Ferraço garante a Maria Paula que não é mais o mesmo e pede uma chance. Andréia é perseguida. Feliz, Zangado e os outros anões conseguem pegar o Sufocador. Juvenal começa a tirar a máscara do Sufocador.

6. Sábado, 10/05/2008 Gioconda clama por justiça! Waterloo garante que não é o Sufocador. Dália, Heraldo e Bernardinho trabalham duro. Uma revista mostra interesse em fotografar Alzira e procura Henrique. Evilásio faz discurso emocionado e a platéia vibra. Júlia comenta que Narciso ficou animado com o discurso de Gioconda. Gioconda diz que vai pensar no convite que ele lhe fez para entrar na política. Evilásio diz que ficou desanimado, mas Júlia o incentiva a lutar até o final. Waterloo jura para Juvenal que fingiu ser o Sufocador para dar um susto em Andréia. Juvenal liga para Ferraço, que manda que ele entregue Waterloo para a polícia. Benoliel comenta com Bárbara que, se Waterloo é o Sufocador, ele deve ter colocado fogo na uisqueria. Todos na favela comentam sobre Waterloo. Amora descobre em sua bola de cristal que Waterloo não é o Sufocador. Andréia pede a proteção de Mãe Bina e se despede do terreiro. Manu e Dorginho reclamam porque não vêem mais a mãe. Ela garante que, assim que o show estrear, a vida vai voltar ao normal. Alzira pensa na proposta da revista, sem saber o que responder. Carlão jura que mudou e diz que vai trabalhar no restaurante quando sair do hospital. Antônio pergunta a Débora se o filho que ela espera é seu. Gioconda e Lenir passeiam pela orla à noite. Dois rapazes atacam Lenir. Gioconda revida. Depois, ela pega o microfone do carro que vende pamonha, faz um discurso e grita: “Chega!”. Seu grito ecoa pela cidade. Sílvia prepara uma pasta com todas as matérias sobre Ferraço e o golpe e planeja entregá-la a Renato.

Próximos capítulos: 12/05/2008 a 17/05/2008

1. Segunda-feira, 12/05/2008 Ferraço se assusta com condições de Maria Paula. Débora diz a Antônio que o filho é dela e garante que nunca mais vai depender de homem algum. Graça entrevista Gioconda, que diz estar cansada de tanta hipocrisia e disposta a protestar. Branca e Macieira decidem apoiar Gioconda. Macieira diz que vai chamá-la para uma palestra na universidade. Sílvia entra na casa de Ferraço, nada em sua piscina e vai embora, deixando-o estarrecido. Ferraço ameaça demitir Nely, se ela deixar Sílvia entrar outra vez. Claudius e Solange vão à casa de Maria Paula entregar a minuta do acordo pré-nupcial. Evilásio diz à Júlia que não vai conseguir vencer Juvenal. Carlão avisa Bernardinho que vai ter alta. Bernardinho, sem graça diante de Dália e Heraldo, diz que não pode buscá-lo. É dia da eleição do diretório da universidade. Petrus diz a Bijouzinha que eles pertencem a mundos diferentes e termina o namoro. Os professores discutem sobre os candidatos. Macieira é frio com Célia. Ignácio fica arrasado ao ver Vesga e Dagmar juntos. Maria Paula fica satisfeita com a proposta feita por Claudius. Ele comenta que Ferraço não vai gostar nada. Juvenal lê no jornal a entrevista de Gioconda. Lenir sai do hospital e vai para a casa de Barreto. Júlia diz à mãe que está muito orgulhosa. Narciso insiste que Gioconda entre para a política. Juvenal recebe o carinho do povo e fica felicíssimo. Sílvia manda entregar o envelope para Renato na escola. Ferraço diz que o que Maria Paula pede é absurdo. Ela exige que ele se case com o nome verdadeiro.

2. Terça-feira, 13/05/2008 Renato descobre que Ferraço é golpista. Ferraço diz que não faz o menor sentido vasculhar o próprio passado. Renato lê o “Dossiê Passaredo”. Ferraço reage também a se casar em comunhão de bens e com separação de corpos. Maria Paula garante que só se casará se ele aceitar todas as cláusulas do acordo e lhe dá um prazo de dois dias. Renato chora após ler tudo sobre o golpe do pai. Sílvia vibra. A nova pesquisa indica 84% de intenção de votos para Juvenal, 6% para Evilásio e 10% de indecisos. Júlia pergunta a Evilásio se ele quer desistir. Guigui diz a Juvenal que ele jogou sujo contra Evilásio. Carlão chega no restaurante e garante que vai trabalhar duro. Heloísa mantém Branca informada sobre o andamento das eleições. Renato dribla o porteiro e vai embora da escola. Maria Paula é avisada. Ferraço diz a Maria Paula que não mandou nada para Renato e desconfia que Sílvia tenha aprontado algo. Gioconda recebe as antigas amigas de colégio interessadas no movimento “Chega”. Os mecânicos vêem o calendário. Sílvia segue Renato, mas desiste quando ele vira em uma rua que ela não pode entrar. Maria Paula e Ferraço procuram por Renato. Barreto avisa Ferraço que encontrou uma brecha no acordo. Os votos são apurados. Alzira pede mais um tempo para decidir se assina o contrato com a revista. Juvenal não se conforma com a possibilidade de Alzira aparecer na revista. Marcello exige falar com a Condessa. Ferraço e Maria Paula batem na casa de Branca. Sílvia diz que não fez nada. Bárbara avisa que Renato está na casa de Ferraço. Renato acusa o pai de ter enganado a mãe e mostra o dossiê.

3. Quarta-feira, 14/05/2008 Renato despreza Ferraço, que chora. Renato diz que Ferraço somente se aproximou dele para que Maria Paula não fosse à polícia. Ferraço jura para o filho que mudou desde o acidente em Teresópolis. Maria Paula ouve atrás da porta. Renato afirma que tem vergonha de ser filho de Ferraço e que não quer vê-lo nunca mais. Depois, diz a Maria Paula que, se ela se casar com Ferraço, ele foge. Branca se impressiona com a frieza de Sílvia, quando ela conta que entregou o dossiê a Renato. Renato pede desculpas a Maria Paula e chora abraçado à mãe. Barreto aceita ser o advogado do Movimento Chega. Guigui diz a Juvenal que ele entrou para a política de pirraça, que sua vida vai mudar quando ele for vereador e que ainda dá tempo de desistir. Rudolf ganha a eleição, com uma diferença de oito votos. Ramona diz que Rudolf precisa agora dizer a verdade, senão ela irá desmascará-lo. Célia ouve Adelaide falando mal dela e chora na frente do busto de Joca. Jojô limpa a marca do Sufocador na parede. Waterloo garante ao delegado que não é o Sufocador. Geraldo diz a Juvenal que ele vai ter problemas com a vida de parlamentar. Bárbara aconselha Ferraço a descobrir quem ele realmente é e lhe entrega os pertences de Hermógenes. Ferraço encontra a sua certidão de nascimento com seu verdadeiro nome: Juvenaldo Ferreira.

4. Quinta-feira, 15/05/2008 Sílvia é presa. Ferraço vê o nome dos pais na certidão: Gilvan Ferreira e Alice de Sousa. Depois, lê as cartas que Hermógenes escreveu para Bárbara falando dele. Branca tenta conversar com a filha. Sílvia garante que Maria Paula não vai ficar com Ferraço. Eunice diz a Jojô que não suporta mais vê-lo bancar o que não é. Jojô explica que é isso que lhe dá dinheiro para sustentar seus quatro filhos. Narciso tenta animar Evilásio, que pensa em desistir. Solange também acha que Juvenal não vai se dar bem com a vida de vereador. Juvenal visita Alzira, que confirma sua intenção de posar para a revista, conseguir sua independência financeira e morar bem longe da Portelinha. Zidane fica revoltado quando Gislaine propõe que eles morem juntos, mas não se casem de papel passado. Clarissa acorda Célia, que dorme em cima de alguns papéis. O gelo entre elas se quebra um pouco. Sílvia convence o porteiro a não interfonar e bate na casa de Maria Paula. Maria Paula se assusta ao ver Sílvia. Renato acorda com a discussão das duas e chama a polícia. Sílvia é presa. Marcello pede dinheiro e a Condessa promete ajudá-lo, marcando um encontro para o dia seguinte. Ferraço diz à Maria Paula que vai fazer tudo para Renato perdoá-lo. Sílvia é libertada e nem agradece a Barreto. O calendário é um sucesso. Juvenal diz que quer falar com Evilásio. Ferraço vai à casa de Maria Paula. Renato fala para a mãe expulsá-lo de lá.

5. Sexta-feira, 16/05/2008 Juvenal decide renunciar e apoiar Evilásio. Ferraço conta para Renato que descobriu seu nome verdadeiro, que foi vendido pelo pai e pede que o filho o acompanhe em uma viagem à sua cidade natal, em Pernambuco. Os dois riem juntos do nome Juvenaldo. Ferraço diz que aceita todas as exigências de Maria Paula e pede que ela permita que ele faça a viagem com o filho. Rudolf discursa. Ramona exige que ele diga quem verdadeiramente é. Heloisa avisa Macieira que vão cortar a luz da universidade. Rudolf confessa que é rico, renuncia e vai embora humilhado. Evilásio não gosta quando Juvenal o chama de moleque. Juvenal obriga Evilásio a ouvi-lo. Sílvia anda pela Portelinha e vai até a casa de João Batista. Evilásio diz a Juvenal que jamais o traiu, simplesmente discordou dele. Juvenal propõe renunciar e apoiar Evilásio. Os dois se abraçam emocionados. Juvenal pede que todos votem em Evilásio e o povo aplaude. Todos comemoram na quadra da escola. Sílvia propõe que João Batista faça tudo o que ela mandar. Ramona chora e é consolada por Eva. Antônio avisa a Débora que uma revista quer fotografá-los juntos. Débora passa mal. Clarissa reclama do egoísmo da mãe. Jojô e Antônio se encontram na porta da casa de Débora. Célia bate na porta de Branca. Ferraço é grosseiro com Janete e Maria Paula faz com que ele peça desculpas. Maria Paula consente que Renato viaje com o pai.

6. Sábado, 17/05/2008 Sílvia tenta impedir doação de Ferraço! Ferraço vibra e tenta abraçar Maria Paula, que se esquiva. Ele garante que ela é a mulher de sua vida, mas Maria Paula diz que é tarde demais. Ferraço sugere que ela largue o supermercado e venha trabalhar em sua empresa. Maria Paula diz que, quando ele assinar o acordo, ela pensará nisso. Débora é levada para o hospital. Célia titubeia e Branca pergunta se ela veio pedir ajuda. Célia diz que não vai se humilhar. Branca a acusa de viver sempre com as suas migalhas e as duas se desentendem. Bárbara e Andréia interferem. Célia atira uma pedra em uma vidraça da casa de Branca. Antônio teme que Débora perca a criança. Narciso diz a Juvenal que está muito feliz por ele ter se entendido com Evilásio. Zidane tem uma crise de ciúmes, mas Gislaine avisa que não vai mudar o seu jeito de ser. Clarissa vai ao hospital apoiar Antônio. Eva garante a Ramona que Rudolf está apaixonado por ela. Ramona vai à casa de Rudolf. Branca vai à casa de Ferraço e pede que ele faça uma doação para a universidade. Ferraço pondera que ela rasgou o seu cheque e o humilhou publicamente. Branca diz que teve que engolir o seu orgulho para lhe pedir isso. Ferraço promete pensar. Maria Paula o aconselha a doar. Ramona diz a Rudolf que não tinha o direito de ter feito o que fez. Rudolf fala que ela tinha razão e pede para namorá-la. Ferraço aceita fazer a doação.

Próximos capítulos: 19/05/2008 a 24/05/2008

1. Segunda-feira, 19/05/2008 Ferraço faz doação a Branca Ferraço diz a Sílvia que pouco se importa com ela e assina o cheque. Solange acha estranha a vingança de Maria Paula e comenta com Claudius que ela pode ter outros planos. Barreto teme que Maria Paula prejudique Ferraço. Ferraço diz a Branca que vai pagar tudo o que deve a Maria Paula, mesmo que precise ir para a cadeia. Juvenal liga para Alzira e Manu conta que ela está fotografando para uma revista. Condessa diz a Marcello que não vai lhe dar dinheiro. Marcello a ameaça. Apolo defende a Condessa. Condessa confessa a Juvenal que ficou interessada em Apolo. Juvenal recebe convite para a estréia de Alzira. Ramona conta para Eva que está namorando Rudolf. Alzira se preocupa com o sufocador. Denise tem certeza de que o Sufocador vai atacar de novo. Ezequiel flagra Edivânia saindo de um beco e resolve acompanhá-la até em casa. Jojô teme que Eunice o desmascare. Fernanda conta a Benoliel que está grávida. Bernardo pressiona João Batista para arrumar emprego. Ferraço e Renato viajam. Sílvia ameaça Bárbara para saber para onde Ferraço viajou, mas ela não cede. O médico avisa a Antônio que Débora e o bebê estão bem. Antônio se emociona e faz carinho no rosto de Débora, que permanece dormindo. Branca exige que Célia convoque uma reunião do conselho e anuncie que ela conseguiu a doação para a universidade.

2. Terça-feira, 20/05/2008 Ferraço encontra sua mãe em Pernambuco Célia e Branca se desentendem e os professores interferem. Clarissa pressiona Célia a aceitar a proposta de Branca. Ferraço e Renato chegam a Igarassu. Ferraço descobre que seu pai morreu. Célia cede. O conselho aplaude Branca. Célia entra na sala de Macieira e o vê com Branca. Macieira a expulsa da sala. Bernardinho consegue dinheiro para quitar a dívida com Juvenal, mas não com os outros cobradores. Heraldo e Dália culpam Carlão. Sílvia tenta tirar dinheiro do cartão que ganhou de Ferraço e se irrita quando não consegue. Professores e alunos aclamam Branca. Célia acusa Branca de ter acabado com o casamento de Juvenal e Alzira. Branca pede que Macieira não acredite em Célia e diz que vai procurar Alzira para desfazer o mal entendido. Juvenal e Evilásio dão entrevista no posto médico e acabam discutindo na frente dos jornalistas. Os dois se reconciliam rapidamente quando Narciso conta que Evilásio tem 90% das intenções de voto na região. Juvenal manda Bernardinho acertar com os fornecedores em 10 dias. Antônio tranqüiliza Débora, quando ela se assusta por estar em um hospital. Branca vai ao ensaio de Alzira, que se surpreende ao vê-la. Sílvia exige que Célia lhe dê dinheiro. Ferraço encontra sua mãe, Alice.

3. Quarta-feira, 21/05/2008 Lágrimas sofridas. Ferraço diz que é Juvenaldo e chora emocionado. Alice também chora abraçada ao filho. Renato, com lágrimas nos olhos, pega a mão do pai. Célia se recusa a dar dinheiro a Sílvia. Branca diz a Alzira que gostaria de desfazer um mal-entendido e que a espera terminar o ensaio. Antônio fala para Débora que não suporta mais viver sem ela. Débora diz que não deseja piedade, mas Antônio implora que a jovem volte para ele. Débora pede um tempo para pensar. Evilásio sugere a Juvenal mudar o projeto da Brejolândia. Juvenal procura Ferraço. Maria Paula conta que ele viajou para Pernambuco, em busca de suas origens. Juvenal pensa em fazer o mesmo. Alice mostra o retrato do marido para Ferraço, conta que teve 19 filhos e que alguns morreram e outros foram vendidos. Ferraço pergunta pelos irmãos e Alice diz que ele é o único que voltou. Ferraço garante que a mãe não vai mais passar necessidade. Alice abraça Renato com carinho. Rudolf dá um beijo em Ramona quando chega à faculdade. Seus antigos companheiros o rejeitam. Célia diz a Clarissa que estranha Sílvia ter desistido tão rapidamente. Branca fala para Alzira que Juvenal apenas a consolou e que ela não deve jogar a felicidade fora. Sílvia diz para Célia que Clarissa não é sua irmã e que o exame de DNA foi forjado. Depois, sai da sala.

4. Quinta-feira, 22/05/2008 Ferraço pergunta se Maria Paula o ama Célia vai atrás de Sílvia. Alzira marca um encontro com Juvenal. Célia grita com Sílvia no meio do campus. Clarissa interfere. Sílvia diz a Clarissa que elas não são irmãs. Dagmar pergunta a Antônio o que ele fará se o filho não for dele. Antônio diz que não interessa se o filho é dele ou não e que quer Débora de volta. Jojô aconselha Débora a se acertar com Antônio. Branca e Macieira se aproximam da confusão. Célia enfrenta Sílvia, quando ela menospreza Clarissa. Sílvia diz a Branca que falsificou o exame somente para prejudicá-la. Célia pondera que Sílvia está mentindo. Clarissa diz que vai fazer o exame de DNA. Sílvia fala para Branca que mandou anular a procuração que havia dado a Célia. Branca pergunta a Célia se valeu a pena provocar tanto escândalo e confusão, em especial na vida da filha. Célia chora. Sílvia diz que vai fazer novo exame e assumir seus 50% na universidade. Branca deixa claro que ela vai precisar provar que está bem psicologicamente e a filha a ameaça. Clarissa diz a Antônio que o exame foi falsificado e que ele é seu pai. Antônio se emociona. Ferraço garante a Maria Paula que está se tornando um novo homem. Maria Paula não responde quando Ferraço pergunta se ela o ama. Condessa e Apolo se encontram. Juvenal, Evilásio e Humberto coordenam uma campanha de vacinação infantil na Portelinha. Juvenal abre a porta para Alzira.

5. Sexta-feira, 23/05/2008 Nunca deixei de te amar! Débora diz que volta com Antônio se ele não insistir em saber de quem é o filho. Antônio promete cuidar dela, sem perguntas. Macieira alerta os professores que, mesmo com a doação, a situação da universidade é grave. Amora joga charme para Bernardo, em vão. Alzira fala para Juvenal que tudo foi um mal-entendido. Juvenal pergunta por que ela não conversou com ele e pede que a jovem volte para casa. Alzira diz que nunca deixou de amá-lo. Célia pede desculpas a Clarissa por ter ferido os seus sentimentos, mas diz que não gosta do jeito que ela a trata. Clarissa diz que é por pouco tempo, pois decidiu viver com Duda. Júlia termina de fazer a sua mala. Evilásio diz que vai morrer de saudades. Gioconda propõe a Evilásio que a casa vire a sede provisória do seu movimento, enquanto ela ficar na Portelinha cuidando do neto. Gioconda pergunta para Barreto sobre a foto da avó dele que falta no álbum. Juvenal diz a Alzira que ela deve desistir do show e voltar a morar com ele. Alzira fica reticente. Duda e Júlia viajam. Ferraço e Renato se despedem de Alice. Bernardinho avisa Dália e Heraldo que não conseguiu o dinheiro para pagar aos fornecedores. Ferraço assina o acordo pré-nupcial e diz que só falta marcar o casamento. Maria Paula fala que pensou em Juvenal para padrinho. Ferraço reluta, mas cede. Juvenal se prepara para o casamento. O juiz inicia a cerimônia. Maria Paula hesita na hora de assinar o livro.

6. Sábado, 24/05/2008 Maria Paula se casa com Ferraço Maria Paula diz que não sabe se é certo. Ferraço pede para conversar com ela a sós. Renato diz a Bárbara que não vai perdoar a mãe, se ela não se casar com o pai. Sílvia planeja se vingar de Ferraço, Maria Paula e Renato e pede ajuda a João Batista. Maria Paula exige que Ferraço se ajoelhe aos seus pés e diga que a ama. Ferraço se ajoelha e declara todo o seu amor. Maria Paula diz que acredita nele. O casamento se realiza. Ferraço se inclina para beijá-la e ela corresponde com um beijo em sua face. Juvenal estranha a secura de Maria Paula. Alzira reclama da luz de seu show. Juvenal trabalha na associação com Evilásio a seu lado. Gioconda reúne suas amigas na Portelinha, que fazem doações. Débora diz a Jojô que não vai contar agora a Antônio que ele é o pai do bebê. Gioconda convida Barreto para passar a noite na Portelinha. Carlão diz a Bernardinho que vai provar que é uma boa pessoa e arrumar o dinheiro para pagar as dívidas do restaurante. Aurora chama Rudolf de traidor. Maria Paula vai para o seu quarto e diz a Ferraço que a separação de corpos está valendo. Clarissa, Célia, Sílvia e João Batista aguardam o resultado do exame de DNA. Barreto vai para a Portelinha. O exame de DNA dá negativo. Branca comemora. Célia se irrita. Clarissa fala que está feliz e vai procurar Antônio. Sílvia diz à mãe que quer a presidência da universidade.

Próximos capítulos: 26/05/2008 a 31/05/2008

1. Segunda-feira, 26/05/2008 Sem noite de núpcias. Maria Paula não deixa Ferraço entrar em seu quarto. Ele garante que não vai desistir. Renato ouve o embate entre os dois. Branca bate na porta do quarto de Sílvia, querendo conversar. Sílvia avisa que não vai desistir de disputar a presidência do conselho. Macieira aconselha Branca a internar Sílvia. Clarissa conta a Antônio que é sua filha. Antônio diz que, no fundo, sempre soube disso e garante que vai cuidar do filho de Débora como se fosse seu também. Célia critica Antonio para Clarissa e afirma que Débora só quer o dinheiro dele. Clarissa diz que a mãe é rancorosa e amarga. Barreto implica porque Lenir insiste em dormir na Portelinha. Gislaine aceita se casar com Zidane. Condessa sugere a Apolo que se casem. Claudius pede Solange em casamento. Claudine aceita o pedido de Misael. Socorro e Feliz combinam casar na igreja. Priscila e Marcha Lenta fazem planos para a cerimônia. Vesga e Dagmar também. Júlia liga para Evilásio de Los Angeles e declara todo o seu amor. Carlão dá um golpe e consegue dólares. Juvenal se decepciona porque queria fazer uma grande festa, mas Solange e Claudius preferem uma cerimônia simples. Carlão surpreende Bernardinho, Dália e Heraldo com os dólares. Sílvia escala o muro e entra na casa de Ferraço. Maria Paula se surpreende ao ver Sílvia em seu quarto. Ferraço ouve atrás da porta. Sílvia ameaça Maria Paula.

2. Terça-feira, 27/05/2008 Ferraço é atingido. Carlão surpreende Bernardinho, Dália e Heraldo com os dólares. Sílvia escala o muro e entra na casa de Ferraço. Maria Paula se surpreende ao ver Sílvia em seu quarto. Sílvia manda Maria Paula implorar por sua vida, mas ela se recusa. Ferraço entra silenciosamente e tenta acalmar Sílvia. Renato também vai até o quarto. Sílvia dispara contra Maria Paula, mas Ferraço se coloca na frente e é atingido. Sílvia foge. Juvenal diz a Claudius que não tem certeza se Alzira vai estrear. Sílvia pede dinheiro à Branca para viajar para Paris. Macieira interfere quando ela ameaça a mãe. Branca e Macieira ouvem as sirenes da polícia. Sílvia faz a mala, mas Branca a tranca no quarto e a jovem quebra tudo num acesso de fúria. Mariozinho diz a Zé que ninguém agüenta mais ouvir as mesmas músicas em seu show. Risoleta reconhece Barreto e diz que trabalhou na casa de sua avó. Barreto é grosseiro e diz que não sabe quem ela é. Lenir pega a van com Risoleta e descobre a história da avó de Barreto. O médico tranqüiliza Maria Paula e Renato, mas avisa que Ferraço precisará ir para o hospital. A polícia entra no quarto destruído. Branca chora no ombro de Macieira ao ver o estado da filha. Sílvia é levada para uma clínica psiquiátrica.

3. Quarta-feira, 28/05/2008 Sílvia voa alto… Mariozinho diz que vai romper o contrato com Zé, se ele não compuser sambas novos. Zé chora nos braços de Amélia e diz que sua inspiração acabou. Juvenal prende Zé no pé da mesa e diz que ele só será solto depois de compor. João Batista é contratado para trabalhar de atendente no posto médico. Maria Paula acarinha os cabelos de Ferraço. Alzira se prepara para a estréia. Célia faz questão de se sentar na cadeira de presidente do conselho e diz a Branca que só sai quando os conselheiros assim o decidirem.Célia e Branca brigam. Os conselheiros entram e se chocam com a cena. Célia se demite e chora no pátio. Branca reassume a presidência do conselho. Célia desabafa em frente ao busto de João Pedro e diz que não tem ninguém. Clarissa abre os braços para acolhê-la. Amélia implora que Juvenal solte Zé, mas ele garante que seu método irá funcionar. Um enfermeiro observa Sílvia, impressionado com sua beleza. Sílvia retribui o olhar malicioso e pede para conversar com ele. Dália e Heraldo se preocupam porque Bernardinho coloca Carlão para lidar com os fornecedores. Carlão faz jogo duro com um fornecedor e consegue melhor preço. Gioconda reclama por Barreto ter escondido dela a história da avó. Barreto conta que foi uma vergonha muito grande. Gioconda aconselha que ele perdoe a sua avó e reconheça que ela foi uma mulher corajosa. Bernardo diz que Amora não vai substituir Amara na sua vida. Ezequiel comenta que Edivânia mudou e se oferece para acompanhá-la até sua casa. Juvenal vai à estréia de Alzira. O enfermeiro facilita a fuga de Sílvia. Ferraço jura que ama Maria Paula e a beija.

4. Quinta-feira, 29/05/2008 Maria Paula e Ferraço ficam juntos. Célia e Branca brigam. Os conselheiros entram e se chocam com a cena. Célia se demite e chora no pátio. Branca reassume a presidência do conselho. Célia desabafa em frente ao busto de João Pedro e diz que não tem ninguém. Clarissa abre os braços para acolhê-la. Dália e Heraldo se preocupam porque Bernardinho coloca Carlão para lidar com os fornecedores. Carlão faz jogo duro com um fornecedor e consegue melhor preço. Gioconda reclama por Barreto ter escondido dela a história da avó. Barreto conta que foi uma vergonha muito grande. Gioconda aconselha que ele perdoe a sua avó e reconheça que ela foi uma mulher corajosa. Bernardo diz que Amora não vai substituir Amara na sua vida. Ezequiel comenta que Edivânia mudou e se oferece para acompanhá-la até sua casa. Juvenal vai à estréia de Alzira. O enfermeiro facilita a fuga de Sílvia. Ferraço jura que ama Maria Paula e a beija.

5. Sexta-feira, 30/05/2008 Renato nas mãos da louca! Alzira recebe os fãs. O delegado se desculpa com Juvenal pelo plano não ter funcionado. Sílvia vai para a casa de JB na Portelinha. Débora revela que o bebê é de Antônio. Zé da Feira sonha que bebeu todas e acorda com vários sambas escritos. Juvenal pede para Alzira abandonar a carreira, mas ela se nega. Branca é aplaudida na universidade, inclusive por Rudolf. Ferraço tem alta do hospital. Sílvia obriga Branca a lhe dar dinheiro. Na delegacia, Ferraço confessa os crimes de falsificação de documentos e falsidade ideológica. Sílvia e João Batista seqüestram Renato.

6. Sábado, 31/05/2008 Juntos depois da vingança. Ao se ver encurralado, João Batista resolve abandonar Sílvia.Dançarinas flagram Jojô com Eunice. Ele assume que é casado. Renato acorda e enfrenta Sílvia. Um disparo quebra o vidro do carro. Polícia se aproxima e Sílvia escapa pela porta do carona.Sílvia é atropelada por um bonitão, dá em cima dele e desaparece. Célia Mara vai à universidade e briga feio com Branca. Elas percebem que estão sendo patéticas e resolvem fazer as pazes, derrubando o busto de João Pedro. Juiz autoriza que bebê de Dália seja registrada por Bernardinho e Dália. Júlia e Evilásio, Gislaine e Zidane, Solange e Claudius, Misael e Claudine, Vesga e Dagmar, Antônio e Débora, Clarissa e Duda, Feliz e Socorro, Marcha Lenta e Priscila, Benoliel e Fernanda, Apolo e condessa se casam. Célia Mara se interessa pelo doutor Marcelo. Eviásio é o vereador mais votado nas eleições. Ferraço se despede de Renato e Maria Paula e vai para a prisão. Chapa de Ramona vence as eleições da universidade. Bijouzinha vai se despedir de Petrus, que vai para um intercâmbio no exterior. Alzira diz a Juvenal que vai morar na Espanha e se despede com um beijo. Barretão recebe Barretinho, Sabrina e o neto no aeroporto. O bebê golfa no banco do taxista, que faz comentário racista. Barreto briga com o motorista. Sílvia manda carta para Branca, dizendo que está feliz em Paris. Com o novo namorado, Rodrigo, Sílvia continua tendo João Batista de motorista. Andréia Bijou ocupa o lugar de Mãe Bina. O Sufocador ataca Edivânia. Quando tira a máscara, sua identidade é revelada: Geraldo Peixeiro.Bernardinho e Carlão se casam. Ferraço sai da prisão e descobre que Maria Paula fugiu com todo o dinheiro. Ele chora na praia e recebe uma ligação dela, perguntando como ele se sente tendo perdido tudo. Depois, diz para ele pegar um avião e encontrá-la no Caribe. Os dois se encontram numa praia paradisíaca. Renato abraça o pai. Ferraço e Maria Paula se beijam, apaixonados.

Elenco / Personagens

JUVENALDO / ADALBERTO RANGEL / MARCONI FERRAÇO (André Luiz Frambach / Bernardo Mesquita / Dalton Vigh) Elegante e discreto, nasceu em Pernambuco e foi vendido ainda criança para Hermógenes (Tarcísio Meira), com quem aprendeu a trapacear. Já adulto, casa-se com Maria Paula (Marjorie Estiano) e rouba dela todos os bens da família. Após aplicar o seu maior golpe, passa por uma cirurgia plástica e muda de rosto, na tentativa de eliminar todos os vínculos com o passado e se transformar em um respeitável empresário da construção civil. Para tanto, assume a identidade de Marconi Ferraço, mas seu jeito esquivo ainda guarda um pouco de sua antiga personalidade.

HERMÓGENES (Tarcísio Meira) – Estelionatário há anos, exerce seu ofício criminoso com maestria por todo o Brasil. Em uma de suas viagens, conhece Adalberto (André Luiz Frambach) ainda menino e decide comprá-lo e transformá-lo em seu comparsa. Com o passar do tempo, é surpreendido ao ser roubado pelo ajudante. Participação na primeira fase da novela.

BÁRBARA CARREIRA (Carol Holanda / Betty Faria) – Apresentada a Adalberto (André Luiz Frambach / Bernardo Mesquita / Dalton Vigh) por Hermógenes (Tarcísio Meira) quando ainda é prostituta, envolve-se com o protagonista e se torna sua fiel confidente por toda a vida. Tanto assim que é a única a acompanhar a cirurgia plástica do rapaz. Aceita depois o convite para ser governanta da casa do empresário Marconi Ferraço. É também uma mãe conservadora para Heraldo (Alexandre Slavieiro) e Fernanda (Júlia Almeida).

HERALDO CARREIRA (Alexandre Slavieiro) – Filho mais velho de Bárbara (Betty Faria), avesso aos estudos e ao trabalho. Só resolve procurar um emprego quando a mãe ameaça expulsá-lo de casa. Começa a trabalhar como garçom no restaurante de Bernardinho (Thiago Mendonça), onde conhece Dália (Leona Cavalli), com quem se envolve.

FERNANDA CARREIRA (Júlia Almeida) Filha de Bárbara (Betty Faria). Ao contrário do irmão, Heraldo (Alexandre Slavieiro), trabalha desde os 15 anos e vive uma vida independente, mesmo morando com a mãe. Já foi noiva duas vezes, depois desistiu de achar o homem perfeito. Apesar de reservada, envolve-se com Benoliel (Armando Babaioff).

WATERLOO DE SOUSA (Jackyson Costa) Segurança de Marconi Ferraço (Dalton Vigh), fiel a seu patrão até a morte. Casado, não alardeia muito sobre seu estado civil, preferindo ficar livre para suas conquistas. Andréia Bijou (Débora Nascimento) é um de seus alvos.

DÉBORA VIEIRA (Juliana Knust) – Namorada de Marconi Ferraço (Dalton Vigh), tenta de todas as maneiras ter um filho dele e herdar seus bens. O que não sabe é que seu companheiro se submeteu a uma vasectomia. Após descobrir suas tentativas, ele a expulsa de sua vida.

Maria Paula FONSECA DO NASCIMENTO (Marjorie Estiano) – Filha única de Waldemar (Fúlvio Stefanini) e Gabriela (Bia Seidl), perde os pais aos 18 anos, quando ainda é uma menina ingênua. Abalada, deixa-se seduzir pelo forasteiro Adalberto Rangel (Dalton Vigh) e se casa com ele. É roubada pelo marido. Da história dos dois ficam apenas as lembranças de momentos felizes e o filho Renato (Gabriel Sequeira), já que o nome e os documentos de seu amado eram falsos. Depois de muito desespero, Maria Paula é obrigada a tomar as rédeas da própria vida e resolve tentar a sorte em São Paulo com suas grandes amigas Jandira (Totia Meireles) e Luciana (Vanessa Giácomo). Torna-se uma mulher forte e batalhadora. Tempos depois, vai morar no Rio de Janeiro, onde reencontra Adalberto, agora com o nome de Marconi Ferraço, e faz o que pode para desmascará-lo.

WALDEMAR FONSECA DO NASCIMENTO (Fúlvio Stefanini) – Pai de Maria Paula (Marjorie Estiano), marido de Gabriela (Bia Seidl). Morre em um acidente de carro com a mulher, quando os dois saem para uma viagem há muito planejada. Deixa uma grande fortuna para a filha única.

GABRIELA FONSECA DO NASCIMENTO (Bia Seidl) – Mãe de Maria Paula (Marjorie Estiano), mulher de Waldemar (Fúlvio Stefanini). Morre em um acidente de carro com o marido, quando os dois saem para uma viagem há muito planejada. Deixa uma grande fortuna para a filha única.

RENATO FONSECA DO NASCIMENTO (Gabriel Sequeira) – Tem dez anos e é filho de Maria Paula (Marjorie Estiano) e Adalberto Rangel (Dalton Vigh). Faz frequentes perguntas sobre o pai, mas sempre ouve de sua mãe apenas que ele foi embora.

CLAUDIUS (Caco Ciocler) Advogado da família Fonseca do Nascimento, bom e honesto, apaixonado por Maria Paula (Marjorie Estiano). Alerta a menina inúmeras vezes sobre as falsas intenções de Adalberto Rangel (Dalton Vigh). Fica decepcionado quando ela se entrega ao forasteiro e se casa, mas não deixa de ampará-la quando é roubada por ele. Tenta, em vão, convencê-la a ficar em Passaredo e se casar com ele, sofrendo ao vê-la partir para São Paulo. Mais tarde na trama, envolve-se com Solange (Sheron Menezes), filha de Juvenal Antena (Antonio Fagundes).

JANDIRA (Totia Meireles) – Mãe de Luciana (Vanessa Giácomo), amiga e governanta de muitos anos da família de Maria Paula (Marjorie Estiano). Acompanha as meninas na mudança para São Paulo, bancando a viagem com suas economias. Ajuda na criação de Renato (Gabriel Sequeira) e dos netos, Sofia (Ana Karolina Lannes) e Leone (Matheus Costa).

LUCIANA NEGROPONTE (Vanessa Giácomo) – Filha de Jandira (Totia Meireles), foi criada desde criança na casa de Maria Paula (Marjorie Estiano), e é sua melhor amiga. Depois do golpe de Adalberto Rangel (Dalton Vigh), decide se mudar para São Paulo com ela e a ajuda a reerguer sua vida. Casa-se com Ítalo Negroponte (Eriberto Leão), com quem tem dois filhos, Sofia (Ana Karolina Lannes) e Leone (Matheus Costa).

ÍTALO NEGROPONTE (Eriberto Leão) – Marido de Luciana (Vanessa Giácomo) e pai de Sofia (Ana Karolina Lannes) e Leone (Matheus Costa). Paulista da Mooca, tem sotaque italiano. Apesar de entender muito de informática, incomoda-se com a linguagem digital e se empenha para que seus filhos aprendam o português corretamente.

SOFIA NEGROPONTE (Ana Karolina Lannes) Tem oito anos, é filha de Luciana (Vanessa Giácomo) e Ítalo (Eriberto Leão) e irmã de Leone (Matheus Costa). Apelidada pelo pai de “minha italianinha”, é estudiosa e já decidiu que, quando crescer, quer se especializar no estudo do latim e de outras línguas mortas.

LEONE NEGROPONTE (Matheus Costa) – Filho de Luciana (Vanessa Giácomo) e Ítalo (Eriberto Leão), tem sete anos. É chamado pela mãe de “meu italianinho”, para contrabalancear o apelido dado pelo pai a sua irmã, Sofia (Ana Karolina Lannes). Agitado e bagunceiro, avesso aos estudos, aprende com rapidez a linguagem da rua. Para desespero de Sofia, tem o costume de se comunicar através de gírias.

NADIR (Viviane Victorette) Caixa de um supermercado em São Paulo, trabalha com Maria Paula (Marjorie Estiano), e é a primeira amiga que ela faz na cidade.

BRANCA MARIA BARRETO DE MORAES (Susana Vieira) – Mulher de requinte, casada com João Pedro (Herson Capri) e mãe de Sílvia (Alinne Moraes). No dia da morte do marido, descobre que ele tinha uma amante, Célia Mara (Renata Sorrah), por isso trata de se desvencilhar do título de viúva para tocar sua vida adiante. Assume a presidência do conselho da Universidade Pessoa de Moraes, da qual é dona, e a transforma em uma instituição de absoluta excelência. Em determinado momento, sente admiração pelo professor Fernando Macieira (José Wilker) e se incomoda com a aproximação entre ele e Célia Mara, que passa a estudar na sua universidade.

JOÃO PEDRO PESSOA DE MORAES (Herson Capri) Homem extremamente culto, marido de Branca (Susana Vieira) e pai de Sílvia (Alinne Moraes). Reitor da Universidade Pessoa de Moraes, vive uma segunda vida amorosa ao lado de Célia Mara (Renata Sorrah), com quem rompeu o noivado, anos atrás, para se casar com Branca e garantir seu projeto de abrir uma instituição de ensino. Durante uma visita a um circo, é atingido por uma bala perdida e morre ao lado da amante.

MARIA SÍLVIA PESSOA DE MORAES BARRETO (Alinne Moraes) – Filha de Branca (Susana Vieira) e João Pedro (Herson Capri), volta ao Brasil após sete anos de estudos na Suíça e sente-se atordoada com a violência em seu país. Vê em Marconi Ferraço (Dalton Vigh) uma proteção contra essas adversidades e, encantada, vira sua noiva. Não faz ideia de que o futuro marido esconde um passado revelador. Ao longo da trama, transforma-se na principal antagonista de Maria Paula (Marjorie Estiano).

PAULO DE QUEIROZ BARRETO (Stênio Garcia) – Advogado formado com muitos méritos, é uma verdadeira fera no Direito, porém corrupto. Possui um vasto patrimônio, e tem como um de seus clientes Marconi Ferraço (Dalton Vigh). É pai de Júlia (Débora Falabella) e Barretinho (Dudu Azevedo), marido de Gioconda (Marília Pêra) e irmão de Branca (Susana Vieira).

GIOCONDA DE QUEIROZ BARRETO (Marília Pêra) Mulher de Barreto (Stênio Garcia), é a última dama da sociedade carioca, considerada por todos uma boa pessoa. Só peca por ser dada à fofoca. Tem dois filhos, Júlia (Débora Falabella) e Barretinho (Dudu Azevedo), e sonha ter netos. No entanto, quando sua caçula dá à luz uma criança negra, não esconde a decepção.

PAULO DE QUEIROZ BARRETO FILHO, O BARRETINHO (Dudu Azevedo) Filho de Gioconda (Marília Pêra) e Barreto (Stênio Garcia), irmão de Júlia (Débora Falabella). Advogado, trabalha no escritório da família, mas não exerce a função com o mesmo afinco do pai. Gosta de se divertir sem maiores compromissos, até se apaixonar por Sabrina (Cris Vianna), empregada de sua casa.

JÚLIA DE QUEIROZ BARRETO (Débora Falabella) – Filha de Gioconda (Marília Pêra) e Barreto (Stênio Garcia), irmã de Barretinho (Dudu Azevedo). Inteligente e ativa, tem interesse em cinema e culinária. Conhece Evilásio Caó (Lázaro Ramos) durante a gravação de um documentário na favela da Portelinha, e apaixona-se por ele, enfrentando o preconceito da família por se envolver com um homem negro de uma classe social mais baixa. A situação se agrava quando engravida e tem uma criança afro-descendente.

LENIR (Guida Viana) Amiga um tanto aproveitadora de Gioconda (Marília Pêra), está sempre em sua casa, ainda que isto incomode profundamente Barretão (Stênio Garcia).

GABRIEL DUARTE (Oscar Magrini) Marido de Eva Duarte (Letícia Spiller), com quem tem dois filhos, Ramona (Marcela Barrozo) e Petrus (Sérgio Vieira). Engenheiro muito competente, alia-se a Marconi Ferraço (Dalton Vigh) na construção de condomínios de luxo na Barra da Tijuca. É uma pessoa saudável mas, a certa altura, descobre que tem uma doença cardíaca e que pode sofrer um infarto a qualquer momento.

MARIA EVA MONTEIRO DUARTE (Letícia Spiller) Mulher de Gabriel (Oscar Magrini), mãe de Ramona (Marcela Barrozo) e Petrus (Sérgio Vieira). Perua da Barra da Tijuca, tem mania de imitar Eva Perón e acha incrível a coincidência de seus nomes. Possui uma vida social intensa e está sempre preocupada em renovar seu guarda-roupa.

PETRUS DUARTE (Sérgio Vieira) Filho de Gabriel (Oscar Magrini) e Eva (Letícia Spiller), irmão de Ramona (Marcela Barrozo). Tem 16 anos e morre de vergonha da mania da mãe de se comparar a Eva Perón. É avesso aos esportes e alérgico à areia da praia. Apaixona-se por Andréia Bijou (Débora Nascimento) e logo descobre que o sentimento é recíproco.

RAMONA DUARTE (Marcela Barrozo) – Filha de Gabriel (Oscar Magrini) e Eva (Letícia Spiller), irmã de Petrus (Sérgio Vieira). Tem 15 anos e se dedica aos estudos muito mais do que seus colegas de classe. Prefere conviver com pessoas mais velhas por conta de seu vasto conhecimento em assuntos gerais, e é tida pelo pai como uma “gênia”, passando no vestibular antes mesmo de completar o segundo grau.

EDUARDO MONTEIRO / DUDA (Guilherme Gorski) – Rapaz de boa aparência, sobrinho de Eva Duarte (Letícia Spiller). Ex-modelo, dedica-se à carreira de cineasta e conta com a ajuda de Júlia (Débora Falabella) na produção de um documentário sobre Juvenal Antena (Antonio Fagundes) e a favela da Portelinha.

FERNANDO MACIEIRA (José Wilker) – Professor muito requisitado, tem preocupação excessiva com a aparência. Foi exilado do Brasil na época da ditadura e viveu na Europa por vários anos, onde se casou com uma sueca e depois ficou viúvo. Com ideias revolucionárias, volta ao país de origem após aceitar o convite de Branca Barreto (Susana Vieira) para fundar uma escola promissora para crianças carentes, braço da Universidade Pessoa de Moraes. Tenta disfarçar, mas é fascinado por Branca. Desperta também o interesse de Célia Mara (Renata Sorrah), e torna-se objeto de disputa entre as duas.

HERIBERTO GONÇALVES (Paulo Goulart) – Chefe do departamento de Física da Universidade Pessoa de Moraes, é conhecido pelo estranho cheiro de metal que seu corpo exala. Tem fama de desagregador, e vive tentando descobrir um jeito de derrubar Branca (Susana Vieira). Fernando Macieira (José Wilker) também vira seu desafeto, quando chega para pôr em prática suas ideias revolucionárias.

CÉLIA MARA DE ANDRADE COUTO MELGAÇO (Renata Sorrah) – Filha do português Manoel de Andrade (Sérgio Viotti), é mulher de Antônio (Otávio Augusto) e mãe de Clarissa (Bárbara Borges). Mantém um relacionamento extraconjugal com João Pedro (Herson Capri) há muitos anos, e está com ele no momento de sua morte, quando a relação às escondidas é descoberta por todos. Depois do escândalo, é expulsa de casa e torna-se rival de Branca (Susana Vieira).

ANTÔNIO JOSÉ MELGAÇO (Otávio Augusto) – Marido de Célia Mara (Renata Sorrah) e pai de Clarissa (Bárbara Borges). Tem uma loja de materiais elétricos e, por conta disso, vive cheirando a óleo. Formal, repudia qualquer tipo de comportamento mais ousado. É daqueles que se considera sempre dono da razão e não pensa duas vezes em expulsar a mulher de casa após descobrir que foi traído por 20 anos. No decorrer da trama, envolve-se com Débora (Juliana Knust).

CLARISSA DE ANDRADE COUTO MELGAÇO (Bárbara Borges) – Filha de Antônio (Otávio Augusto) e Célia Mara (Renata Sorrah), é muito estudiosa e sonha ser juíza desde criança. Sempre teve que se dedicar mais na escola por sofrer de dislexia e, quando vai prestar vestibular, conta com a ajuda da mãe para driblar esse problema. Acaba incentivando Célia Mara a ingressar na faculdade também, mas fica enciumada quando ela se transforma na queridinha da Universidade Pessoa de Moraes. Clarissa só encontra o equilíbrio quando conhece o promissor cineasta Duda Monteiro (Guilherme Gorski).

MANOEL DE ANDRADE COUTO (Sérgio Viotti) – Português de opiniões fortes, pai de Célia Mara (Renata Sorrah), sente um carinho especial pela neta Clarissa (Bárbara Borges). Sabe também que a filha tem um amante, mas não apoia essa relação. Viúvo, perdeu a mulher na casa onde mora e por isso se recusa a desocupá-la para a construção de uma estrada. Pressionado pela prefeitura para deixar o local, ele acaba se matando e, pouco depois, descobre-se que deixou uma fortuna enterrada no terreno.

ALZIRA CORREIA (Flávia Alessandra) – Prima de Célia Mara (Renata Sorrah) e mulher de Dorgival (Ângelo Antônio), com quem tem dois filhos, Dorginho (Lucas Barros) e Manoela (Luana Dandara). Sustenta a casa, já que o marido não pode trabalhar por conta de uma doença cardíaca. É enfermeira de um hospital público e, sem que o marido saiba, apresenta-se na casa noturna de Jojô (Wilson dos Santos), usando uma máscara para não ser reconhecida. Chamada de “A Outra”, executa pole dance, e é o grande sucesso da uisqueira. Objeto da paixão de Geraldo Peixeiro (Wolf Maya), passa a ser chantageada por ele, que descobre seu segredo. Ao longo da trama, vive um romance com Juvenal Antena (Antonio Fagundes), que se apaixona por ela.

DORGIVAL CORREIA (Ângelo Antônio) – Marido de Alzira (Flávia Alessandra), pai de Dorginho (Lucas Barros) e Manoela (Luana Dandara). Classificado por Juvenal (Antonio Fagundes) como inútil, não tem mesmo aptidão para o trabalho: já fez concursos públicos e tentou alguns biscates sem êxito. E ainda sofre de uma doença cardíaca que o invalida para o trabalho. Vive às custas da mulher, mas suas únicas despesas extras são com os pássaros. Nunca faz perguntas sobre a profissão de Alzira, mas tem razões para isso quando Geraldo Peixeiro (Wolf Maya) o procura para lhe contar a verdade.

DORGINHO CORREIA (Lucas Barros) – Tem 13 anos, é filho de Dorgival (Ângelo Antônio) e Alzira (Flávia Alessandra) e irmão de Manoela (Luana Dandara). Não gosta do hábito do pai de criar passarinhos, pois defende que bicho deve viver solto. Resolve abrir todas as gaiolas quando a verdadeira história de sua mãe se espalha e o escândalo se abate sobre sua família.

MANOELA CORREIA, A MANU DA PORTELINHA (Luana Dandara) – Filha de Dorgival (Ângelo Antônio) e Alzira (Flávia Alessandra), irmã de Dorginho (Lucas Barros). Sonha ser cantora de funk e se inspira em Tati Quebra-Barraco para atingir seu objetivo. Tenta frequentar os bailes funks que acontecem na quadra da escola de samba da Portelinha, mas é impedida por Juvenal (Antonio Fagundes) por ser menor de idade.

JUVENAL FERREIRA DOS SANTOS, O JUVENAL ANTENA (Antonio Fagundes) – Líder e fundador da favela da Portelinha, toma partido de tudo o que acontece na comunidade. Tem como grande rival Marconi Ferraço (Dalton Vigh), já que não aceita acordo algum para desocupar a área em torno do condomínio de luxo do empresário. Foi casado uma vez sem êxito e, após a morte da ex-mulher, descobre que tem uma filha de 20 anos, Solange (Sheron Menezes), e enfrenta situações difíceis para fazer com que ela aceite morar na favela. Em determinado momento, tem seu poder contestado por Evilásio Caó (Lázaro Ramos), filho do carpinteiro e seu grande amigo Misael (Ivan de Almeida).

SOLANGE COUTO FERREIRA (Sheron Menezes) – Filha de Juvenal Antena (Antonio Fagundes), só conhece o pai aos 20 anos. Depois da morte da mãe, vai morar na Portelinha, mas não aceita sua nova condição de vida, já que foi criada em São Paulo sem nunca entrar em uma favela. No Rio de Janeiro, apaixona-se por Evilásio (Lázaro Ramos) e, durante um tempo, disputa o rapaz com Júlia (Débora Falabella). No decorrer da trama, envolve-se com Claudius (Caco Ciocler).

EVILÁSIO CAÓ (Lázaro Ramos) – O verdadeiro herói da novela. Filho de Misael Caó (Ivan de Alemida), irmão de Gislaine (Juliana Alves), trabalha na associação de moradores da favela da Portelinha e é um dos empregados de confiança de Juvenal Antena (Antonio Fagundes). Com o tempo, passa a questionar o poder do patrão e torna-se um verdadeiro mentor para seu povo. Envolve-se com Júlia (Débora Falabella), uma menina branca e rica, e vê-se diante de situações de preconceito racial e social.

MISAEL CAÓ (Ivan de Almeida) – Pai de Evilásio (Lázaro Ramos) e Gislaine (Juliana Alves), irmão de Dona Setembrina (Chica Xavier). Morador da Portelinha desde a sua fundação, é amigo e conselheiro de Juvenal Antena (Antonio Fagundes), mas nem sempre é ouvido por conta da sua mania de falar a verdade, doa a quem doer. Carpinteiro, faz móveis com presteza e recebe com frequência encomendas de pessoas refinadas, ainda que sempre dê preferência aos moradores da comunidade.

DONA SETEMBRINA DOS SANTOS (Chica Xavier) – Zelosa guardiã da cultura afro-descendente, é mãe de santo de um terreiro na Portelinha e ama os filhos Zé da Feira (Eri Johnson) e Ezequiel (Flávio Bauraqui). Luta contra o alcoolismo do primeiro e sofre por ter sua religião renegada pelo segundo. Muito respeitada na comunidade, principalmente por Juvenal Antena (Antonio Fagundes), está sempre preocupada com a saúde espiritual de seu povo.

EZEQUIEL DOS SANTOS (Flávio Bauraqui) – Filho de Dona Setembrina (Chica Xavier) e motorista de Marconi Ferraço (Dalton Vigh), optou por se tornar pentecostal. Com o tempo, passa a ter visões em relação ao patrão que se mostram verdadeiras.

JOSÉ CARLOS DOS SANTOS, O ZÉ DA FEIRA (Eri Johnson) – Filho de Dona Setembrina (Chica Xavier), feirante e pagodeiro, apresenta um sério problema: a bebida. É casado com Amélia (Josie Antello), companheira fiel que cura todas as suas ressacas. Tem também um amigo inseparável, seu cão, que atende pelo nome de Cachorro. Em determinado momento, é descoberto por um produtor e se torna um cantor famoso.

AMÉLIA DOS SANTOS (Josie Antello) Mulher de Zé da Feira (Eri Johnson), por quem é apaixonada. É a típica Amélia da canção. Trata o marido com muito carinho, mas sabe chamar-lhe atenção quando preciso. Discreta e obstinada, faz tudo para vê-lo recuperado do alcoolismo.

Trilha Sonora Nacional e Internacional

Nacional

Tá Perdoado
Compositores: Arlindo Cruz/ Franco
Intérprete: Maria Rita

Trabalhador
Compositores: Seu Jorge
Intérprete: Seu Jorge

Delírio dos Mortais
Compositores: Djavan
Intérprete: Djavan

Oração ao Tempo
Compositores: Caetano Veloso
Intérprete: Caetano Veloso

E Vamos à Luta – Tema de abertura
Compositores: Gonzaguinha
Intérprete: Gonzaguinha

Canto de Oxum
Compositores: Toquinho/ Vinicius de Moraes
Intérprete: Maria Bethânia

Ela Une Todas as Coisas
Compositores: Jorge Vercillo/ Jota Maranhão
Intérprete: Jorge Vercillo

Geraldinos e Arquibaldos
Compositores: Gonzaguinha
Intérprete: Chicas

Negro Gato
Compositores: Roberto Carlos/ Erasmo Carlos
Intérprete: Mc Leozinho

Be Myself
Compositores: Chorão/ Thiago Castanho
Intérprete: Charlie Brown Jr.

Ternura (Somehow I Got To Be Tomorrow)
Compositores: E. Levitt/ K. Karen
Intérprete: Isabella Taviani

Toda Vez Que Eu Digo Adeus
Compositores: Cole Porter/ Carlos Renó
Intérprete: Cássia Eller

Você Não Entende Nada
Compositores: Caetano Veloso
Intérprete: Celso Fonseca

Folhetim
Compositores: Chico Buarque
Intérprete: Luiza Possi

Coisas que Eu Sei
Compositores: Dudu Falcão
Intérprete: Danni Carlos

Quem Toma Conta de Mim
Compositores: George Gershwin/ Ira Gershwin/ Carlos Rennó
Intérprete: Paula Toller

Recomeçar
Compositores: Aline Barros
Intérprete: Aline Barros

Call Me
Compositores
Intérprete: Victor Pozas

The Look of Love (from Casino Royale)
Compositores: Burt Bacharach/ Hal David
Intérprete: Victor Pozas

Internacional

No One
Compositores: Alicia Keys
Intérprete: Alicia Keys

Let me Out
Compositores
Intérprete: Ben’s Brother

Same Mistake
Compositores: James Blunt
Intérprete: James Blunt

Scared
Compositores: Tiago Lorc
Intérprete: Tiago Lorc

Lost Without U
Compositores: Robin Thicke
Intérprete: Robin Thicke

Kiss Kiss
Compositores: Chris Brown/ T-Pain
Intérprete: Chris Brown

So Much for You
Compositores: Adam Longlands/ Lauren Christy/ Scott Spock/ Graham Edwards
Intérprete: Ashley Tisdale

Gimme More
Compositores: N. Hills/ J. Washington/ K. Hilson/ M. Araica
Intérprete: Britney Spears

2 Hearts
Compositores: Kish Mauve
Intérprete: Kylie Minogue

How Deep Is Your Love
Compositores: Barry Gibb/ Maurice Gibb/ Robin Gibb
Intérprete: The Bird and The Bee

You Are So Beautiful
Compositores: William Preston/ Bruce Fisher
Intérprete: Ivo Pessoa

I’m All Right
Compositores: Klein/ Peyroux/ Becker
Intérprete: Madeleine Peyroux

The Look of Love
Compositores: Burt Bacharach/ Hal David
Intérprete: Diana Krall

Yesterday
Compositores: Paul McCartney
Intérprete: Liverpool Kids

All She Wants
Compositores: Zé Dantas/ Luiz Gonzaga/ Marina Elali/ Kathleen Furjanic Rey
Intérprete: Marina Elali

You My Love
Compositores: Fabianno/ Ian Duarte
Intérprete: Double You

0 Comentário para: “Duas Caras Resumo | Personagens | Trilha Sonora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *